ORA, BOLAS! CLARO QUE SÃO “KARAM,BOLAS”- 4.3 / 3

Dessa forma, em pouco tempo Pacheco já estava diante de Vera, que ansiosa e sem noção como era, começou o interrogatório, antes mesmo de dar-lhe Bom Dia !!!

_ Pacheco, homem de Deus!!! Quer me matar de curiosidade? Como ficou a compra de meu .... , digo, de nosso tríplex no estrangeiro?

Pacheco supitava antipatia e disfarçava. Precisava lidar bem com aquela bruxa, a fim de não jogar pelo ralo, o plano de seu marido.

- Bom dia!!! Minha amada e sofisticada donzela!!! Como passou a noite??? Dormiste bem ????

_ olha aqui, Pacheco, Depois que nos casarmos, não precisaremos destas frescuras todas não né? Estou ótima, como sempre, meu filho. A única coisa que está me aperreando é a resolução de meu presente. Não vá me dizer, que só estava mangando com minha cara. Sou uma pobre e indefesa dona de casa, que acredita nas boas intenções de todos, viu, meu churros de chocolate.

- Como ousa pensar assim de minha pessoa, que só tem olhos e pensamentos voltados para você. Não tenho dúvidas que és a mulher de minha vida, Verinha!!!! Ao contrário do que pensa, tenho uma excelente notícia para lhe dar, minha rara petúnia, cor de rosa. Embarcará hoje ainda, num jatinho fretado especialmente para leva-la à Paris. O que acha, princesa?

- Acho, muito é bom. Pois sou pra lá de fina e “requentada”.

- Fechado, então. Só esperaremos, seu marido e filho retornarem para que você possa se despedir. Em seguida gostaria muito que embarcasse, pois preciso muito de uma pessoa de confiança, não apenas para finalizar a compra do tríplex, mas também para fechar a compra de sua segunda lembrancinha. Uma bela mansão num dos endereços mais nobres de Paris, Avenue Champs Elysées, avaliado em alguns milhares de euros. Está vendo como está sendo ingrata com seu escondidinho de mandioca? E isso é só o começo. Não faz nem ideia, de seu presente de casamento. Nem se compara a essas singelas lembranças que estou lhe dando. Mas precisa se apressar, pois meu piloto pretende decolar, logo após o almoço, ok? Quer ajuda com as malas?

_ Tem razão, minha broinha de fubá de canjica! Mesmo sendo uma mulher super centrada e sensata, as vezes me confundo toda, sabia? E com relação a despedir-me de Jaime e Max, acho até melhor sair escondida, pois não suporto chororô, Daqui a alguns dias mando-lhes uns cartões postais e fica tudo em paz. Pode acreditar. Aqueles lá, são dois derrotados da vida, diferente da gente né, meu fígado acebolado!!! Assim que nós acabarmos de arrumar minha mala, gostaria de sumir daqui. Existe algum lugar, onde você possa me esconder até a hora da viagem?

- Claro minha “Alteza Real”, é só o tempo de dar uns dois ou três telefonemas, que tudo se resolverá. Me aguarde só um instantinho, ok?

Assim que saiu, o advogado, ligou para seu contato nos cafundós do Judas e certificou-se que tudo estava correndo perfeitamente bem e de acordo como os planos de Karam.

O mau-caráter e porco sujeito que num futuro muito próximo se tornaria o novo “companheiro” de Dona Vera, já era uma realidade. Seu nome era Zach, tinha doze filhos espalhados pelo mundo, era polígamo, ex – presidiário, covarde (adorava bater em mulheres) e péssimo pagador .

O horroroso homem, recentemente contratado, com o bolso cheio, aguardava a novata, com um presente de boas vindas, pra lá de especial. A limpeza de sua imunda casa e de seu amplo chiqueiro, que também seria o dormitório da megera, caso não o obedecesse, ou reclamasse de sua nova vida.

Assim que desligou resolveu voltar, pois deixar a maléfica sozinha e pensando, não era bom negócio. Rapidamente já estava novamente com a megera, que pronta para a viagem, desfilava uma horrenda botina de couto cru, decorada com inúmeras franjas, um lenço azul royal de seda javanesa, que não só cobria seus cabelos como também se acomodava, embaixo de um chapéu todo sintético na cor vinho e para fechar seu visual, com chave de ouro, a obesa senhora, vestia uma larga blusa toda amarrotada, de mangas bufantes e de cetim amarelo, enfiada pra dentro de lamê rodada e curta saia de lamê vermelho, que ainda exibia todo seu barrado, um terrível bordado carregado de lantejoulas e miçangas multicoloridas.

Sentindo-se a própria Donatella Versace, a cafona senhora, virou-se para Pacheco e disse:

_ Gostou, bem??? Aposto que meu ovinho colorido de vitrine, achou que eu o envergonharia, diante de suas amigos “Pariseiros”. Mas como vê, meu bem... SOU CHIQUE NO ÚLTIMO. Acho até que depois de nosso casório, vou fazer um cursinho de costura e começar a fazer uns desfiles, não só em Paris, mas por toda a “Ásia”. O que acha, meu olhinho se sogra? Penso que de início vou apenas, dar umas dicas de moda e beleza, para as “pariseiras”, que rapidamente, se chocarão com meu visual. E não duvido nada se em pouquíssimo tempo, meu bom gosto brilhoso e meu “requentamento sosfitiscadissimo”, não mudarem a moda mundial. Me aguarde, meu quitute de carne moída amassada, pois com dinheiro, todos os dias, lhe presentearei com um grandioso espetáculo. Brilho, plumas, penas , “chapeis”, adornos e muita pintura na cara, me farão ainda mais bela do que já sou.

_Pacheco atônito, assustado com tanta ignorância, orgulho e quase cego, diante de tanto brilho, que o escaldante sol insistia em refletir, segurou seu queixo, cerrou sua boca e respondeu:

- Realmente Vera! Gosto como o seu, inexiste, em todo o planeta, minha florzinha de alcachofra apodrecid...., digo ...., minha ... minha .... MINHA .... ordinárbarang .... escrot... . Digo, minha original, bacana e especialíssima estilista!!!

_ Agora mais que nunca, estou curiosíssimo, para saber como será recebida pelo porco, sujo e maléfico, trogloditDigo pelos três perfeitos, sinceros e magníficos corretores que a aguardam em Paris, pra finalizar nossos negócios e redigir o documento que além de não deixar dúvidas sobre a proprietária, que no caso é você, deixará milionária, despertando ainda mais inveja em todos, que pelo que pude constatar hoje, lhe apedrejara...... Digo se ajoelharão aos seus pés

Repleta de ganância, louca para se casar, apoderar-se de todos os bens (imaginários) de Pacheco e em seguida livrar-se dele, a tóxica e enganada mulher, apressou sua partida:

- Que tal, viajarmos mais cedo, meu pãozinho sovado com sardinha? Estou ansiosa para tornar-me ric..., quero dizer para tomar refresco e “chom pane”, enquanto planejo meu futuro. Ande Pacheco. Que moleza, essa sua, cabra. Ande rápido. Cadê o aviãozinho: Dá próxima vez alugue um aviãozão bem grande, pra caber meus embrulhos, pois quero esfregar, um caminhão de compras na cara desses roceiros. Vou acabar com todos só na inveja, há, há, há. Há. Há.

- Embarque por favor e preste bem atenção no que vou lhe dizer:

Não deve se preocupar com nada, nada. Os garçons já foram muito bem orientados e não deixarão suas taças vazias nem por um estante sequer. Da mesma forma, já orientei o piloto a não perturbar, minha talentosa estilista, que conselho a dormir e a descansar essa pérola de pele. Ele sabe exatamente deve e precisa deixa-la. O endereço de sua nova residência também encontra-se em seu bolso, que só lhe será entregue no desembarque. Não deve se preocupar com absolutamente, nada, pois não quero ver nascer no aveludado rosto de minha encantadora Afrodite, nem uma mísera ruguinha, ok? Uma boa viagem para o raio que a part...., digo uma ótima viagem .. para o quinto dos infern.... Para... digo em direção a cidade luz. Satan..., digo Paris a espera !!!!Minha sebos... . Digo futura rainha das profundez.... Digo futura rainha da França !!!!!

Assim que despediu-se da venenosa serpente, dissolveu uma boa quantidade de tranquilizante numa taça de espumante que em seguida lhe foi servida pelo garçom, que quanto percebeu, que o calmante já estava fazendo efeito, solicitou a presença de três cavalheiros que muito ansiosos, aguardavam recolhidos o momento certo de aparecer e também se despedirem.

_ Mamãe??? Não está me reconh....

CONTINUA ...

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
14/04/2018 17:04:54
Eventos para Casais Liberais Cantinho da Mieko/sorocaba São encontros exclusivos dentro do conceito “apenas adultos”, para casais que buscam momentos descontracão, emoções arrebatadoras e momentos inesquecíveis, tudo isso com muito charme e discrição. Entre vocês também neste mundo de alegria e descontração. Swing, troca de casais ou casais liberais, afinal qual é a diferença? Nenhuma, o swing, a troca de casais ou o universo dos casais liberais como alguns preferem ser chamados, representam formas diferentes de se denominar aqueles casais que estão seguros em seu relacionamento, assumem suas fantasias eróticas com seu parceiro e principalmente não querem ver seu relacionamento esfriar pela rotina diária. Quero ingressar no swing, como faço? Este assunto desperta um grande interesse e ao mesmo tempo muito receio na maioria dos casais com relacionamentos estáveis, principalmente na forma de ingressar. É um importante passo pois abrirá novos horizontes ao casal, imagine depois de tantos anos de união, voltar a sentir a paixão e a atração física entre o casal, como era no início do namoro… Por mais incrível que pareça isso aqui é possível. Encontros românticos, encontros liberais ou encontros swingers, quais as diferenças? Encontros de fds puramente românticas, são aqueles roteiros que envolvem exclusivamente casais, locais charmosos e com muito conforto para o casal.N o continho da Mieko buscamos mais que isso, por isso gostamos de chamar nossos recanto, pq é simples, humilde e aconchegante, românticos liberais ou swingers, pois nosso objetivo é além de proporcionar ao casal a oportunidade de vivenciar experiência eróticas inesquecíveis, buscamos também que os casais criem um seleto e confiável grupo de amigos sem preconceitos ou limitações, quase uma confraria do prazer, onde possam se divertir muito e dividir estas experiências que seriam inconfessáveis até aos amigos mais chegados, tudo isso com muito tesão, liberdade e charme. O que é permitido em uma estadia liberal ou swinger? Imagine um lugar em que não houvessem preconceitos, regras moralistas de comportamento social e que todos que buscassem apenas se divertir, tudo isso com uma grande dose de erotismo e sensualidade, assim é o cantinho da mieko. Um território livre para que todos coloquem suas fantasias em prática com total tranquilidade, algumas regras são necessárias: Bom senso, educação e os limites que cada casal liberal tem em seu relacionamento são barreiras intransponíveis e exigidas pela organização dos eventos, tudo isso é conseguido com alguns poucos conceitos: – Tudo é permitido, mas nada é obrigatório… – Tudo pode acontecer, até o momento que alguém diz a palavra mágica “NÃO”, o que não for mutuamente consentido e desejado, não faz parte deste mundo e é totalmente proibido. – Temos ainda alguns procedimentos da organização do evento, que é a proibição completa de vídeos e fotos nos eventos, isolamento do local do evento em relação a pessoas que não façam parte do evento e o total anonimato dos casais liberais, que podem inclusive utilizar codinomes, caso prefiram. Com estas pequenas regras, conseguimos criar eventos em total harmonia sem deixar de lado a liberdade e a sensualidade que todos pretendem encontrar em um espaço liberal. Temos a certeza que se criarão inúmeras, sólidas e duradouras amizades, além de incontáveis momentos de prazer para nossos amigos, esse é nosso objetivo, nossa marca e principalmente nossa maior satisfação. Se você ama seu parceiro e quer incendiar seu relacionamento com certeza está no lugar certo, entre em nosso site escolha um destino e boa viagem, cuidaremos de tudo para você. Cantinho da Mieko – Lugar para Casais muito Especiais EM SOROCABA E EM SAO PAULO.
14/04/2018 16:39:03
INTERESSANTE. SE TODOS OS MAU CARÁTERS TIVESSEM O FIM DE VERA SERIA ÓTIMO.
14/04/2018 14:14:57
Esse conto teu é incrivelmente viciante