Casa dos Contos Eróticos

Comi a amiguinha da minha sobrinha

Autor: Anonimus
Categoria: Heterossexual
Data: 24/05/2015 20:35:17
Nota 9.75
Ler comentários (3) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Olá pessoal, eu sou Eduardo e tenho 27 anos de idade e sou negro e tenho olhos escuros e hoje vou-lhes contar uma experiência que aconteceu comigo a poucos meses atrás.

Espero que leiam até o final

Vamos lá?...

Eu era um tio solteiro, e eu morava com minha irmã e minha sobrinha de 19 e meus sobrinhos pequeninhos. Lara era o nome da minha sobrinha. Eu era meio tímido, quieto e sério eu não gostava muito de papo. Certo dia quando eu estava de folga do trabalho minha sobrinha chega da escola e fala assim:

Lara: Tio Duh, você tem 27 anos e tá solteiro, você precisa de companhia.

E eu disse:

Eu: Sei não Lara, eu prefiro viver livre, não quero me preoucupar com nada, nem mulher, nem criança e nada, nada

Lara: Tá tio, e ficar tem como?

Eu: Ai ficar é outra história... rsrs

Lara: Ahn, tio amanhã eu e minha amiga vamos fazer trabalho de Ciências aqui em casa. Tá? Já que amanhã a mamãe vai viajar para o Rio de Janeiro, ela falou que você vai tomar conta da casa e ela disse que qualquer coisa que eu fazer tenho que pedir permissão a você.

Eu: Tabem, Lara

Lara: Valeu tio Duh, Te amo

Eu: Eu sei que sim, Lara. Boa noite

Lara: Boa noite, tio

Chegando no dia seguinte eu chego em casa do trabalho era mais ou menos 16:00 e vejo uma convidada especial da minha sobrinha as duas estavam no tapete da sala estudando e fazendo trabalho de ciências como Lara havia dito

E logo Lara disse:

Lara: Boa tarde tio, essa é minha amiga Isabela, Isabela esse é meu tio Eduardo

Ambos: Prazer

Isabela era uma menina meio tímida também, ela tinha 18 anos e ela era negra de cabelos negros e até o ombro e meio sorridente. Passado algumas horas depois Lara falou que ia na padaria comprar algo para o lanche da tarde, e ela disse para Isabela esperar ela um pouco que ia lá rapidinho comprar e não tinha problema de ficar ali comigo, assim ela (Lara) saiu

Depois...

Eu: Quer sentar menina, não fica no chão não, senta ai no sofá

Falei eu sentado no sofá e vendo tv.

Isabela: Claro, obrigada

Eu: De nada, fica avontade

Isabela: Iiii, será que a Lara vai demorar, porque eu não posso demorar muito. E temos que finalizar esse trabalho ainda hoje.

Eu: Qui, ela deve já estar chegando

Isabela: Tomara

Isabela olhou para o lado e viu a foto da minha familía que estava pendurada na parede e disse:

Isabela: Você é casado e tem filhos?

Eu: Não sou casado não, sou solteiro e não tenho filhos. E você?

Isabela: Eu sou solteira também, e não tenhos filhos

Eu: Ok

Logo depois Lara chega com o lanche e vê nós conversando e diz:

Lara: Huuummm, tio Duh e Isabela... é impressão minha ou tá rolando um mega...

Eu: Iiii... Lara que isso, não tá rolando nada aqui não

Isabela: Lara, para

Lara: Óh vocês dois são solteiros porque vocês não ficam aproveita seus tolos

Depois de muita conversação e inrolação eu e Isabela decidimos ficar. Nós combinamos a hora e tudo e na noite seguinte ela chega no lugar combinado que era na minha casa. Lara tinha saído, então eu e Isabela estávamos sozinhos ela estava de blusa sem tomara que cai e uma saia bem safadinha

e logo convido ela para entrar

Eu: Pode entrar

Isabela: Valeu, tem ninguém ai não?

Eu: Não,não

Isabela: Tabom

Eu: Ai desculpa perguntar mais vai rolar sexo?

Era umas 19:30 e eu comecei a agarrando a cintura dela e fiquei beijando na boca dela e movi ela até a cozinha e coloquei ela em cima da mesa e deitei ela sobre a mesa e ela disse que era virgem. Nossa meu pau já estava latejando de tanto tesão, doido para comer uma buceta gostosa e molhadinha

Eu: Nossa!!! Delicia, você 18 anos e virgem?

Isabela: Sim

Eu: Vou adorar te comer, delicia

Isabela: Mais vai doer

Eu: Vai não linda, fica com medo não, fica foguenta

Eu fiquei toda hora beijando ela, mas senti que ela estava nervosa, e então eu resolvi chupar a buceta dela, e puxei a calcinha dela pro lado e logo cai de boca naquela buceta linda e virgem, e só ouço gemidos dela e fui lambendo sem parar, depois eu tiro a minha blusa e minha calça e fico só com a minha cueca box preta e depois e abaixo minha cueca e falei:

Eu: Vem cá, ajuelha ai e chupa meu pau

Isabela: Com prazer

Ai ela começou a chupar meu pau, lentamente depois começou a chupar mais rápido, meu pau só endurecia dentro da boca daquela bela ninfeta. Fui segurando o cabelo dela fazendo com que ela chupasse mais rápido e eu falava:

Eu: Isso, gostosa vai chupa, tá gostoso né.

E ela só balançava a cabeça afirmando que sim com a cara de safada.

Eu: Safada você gosta né? Mais vai gostar mais ainda quanto eu fuder sua xereca né, chupa mais safada, engole o pau do seu macho.

Ai depois eu seguro a cabeça dela e dou um beijo de língua carinhoso nela e disse:

Eu: E ai pronta pra virar mulher safada?

Isabela: Sim

Ai eu coloco ela sentada na mesa virada pra mim e logo eu tirei a blusa dela e abocanhei aqueles peitos deliciosos e ela ficou rossando a buceta no meu pau que já tava muito duro e enorme. Ai eu disse:

Eu: Vem,delícia

E deitei ela novamente na mesa contra mim e arrastei ela um pouco pra frente fazendo com que meu pau se encaxasse mais nela e dei um beijo nela e um tapinha no rosto e abri bem as pernas dela. E comecei a penetrar minha rola profundamente nela e ela começou a gritar...

Isabela: AAAIIIII, TÁ DOENDO

Eu: Calma delícia, já vai passar a dor, calma safada

Isabela: Aiii

Fiquei penetrando até o fim, até que finalmente entrou tudo, e fiquei metendo nela loucamente, depois eu disse a ela

Eu: Tá doendo?

Isabela: Tá mais não, tá gostoso

Eu: Tá sentindo o que em gostosa?

Isabela: Tesão e fogo na buceta

Eu: Ah é...é? Então toma, toma, toma

Isabela: Uhuuuummmm, Aiii Delícia, CARALHO, mete em mim, mete

Eu:Safada, Uhuummm

Isabela: Aiii como é gostoso

Eu: Você ainda não viu nada, delícia

Fui metendo mais forte ainda e beijava ela muito e chupava os seios dela

Eu: Uhuuumm, vou gozar

Isabela: Goza seu piranho

E logo um jato de porra inunda a buceta dela,gozei dentro dela, não aguentei, ela era muito gostosa e safada meu pau ficou engatado na buceta dela e eu disse

Eu: Deixa eu comer o cuzinho agora safada?

Isabela: Come safado

Peguei ela no colo e levei ela para meu quarto e eu coloquei ela de quatro em cima da cama, e logo apontei minha pica para cú dela e meti tudo e ela

Isabela: Aiii...

Eu: Você vai gostar Isabela... Uhuumm que cú guloso, Meu Deus, delícia.

Puxei o cabelo dela para tráz e fui metendo nela e eu lambia a orelha e o rosto dela e dava tapas na bunda dela, meu pau escapou do cú dela e foi pra buceta dela e não me importei porque naquela hora eu tava comendo ela mesmo.

Isabela: Isso mete, gostoso em mim,

Eu: Vai sua puta se mexe

Isabela: Aiii

Aquela sensação de enfiar e mete nos dois buracos era tão bom e gostoso e eu fiquei beijando ela.

Ela era tão safada que gozou melzinho meladinho no meu pau ai que eu fiquei mais tarado ainda eu comi, comi, comi aquela ninfeta maravilhosa depois eu coloquei no cú dela depois de tanto meter. Até que eu gozei no cú dela

E dei um beijo longo nela e eu disse:

Eu: Iai, gostou Isabela?

Isabela: Sim, foi muito gostoso, Duh, vou me vestir tá

Eu: Você é uma garota safadinha e gostosa

Isabela: Rsrsrsrsr. Sei nem o que dizer, foi muito bom, mas vou ter que ir embora

Eu: Bom, eu vou dormir sozinho hoje, se você quiser dormir comigo, e é claro se você puder né

Isabela: Adoraria

Naquela noite eu e Isabela dormimos juntos, bom foi a noite mais perfeita da minha, eu sempre falava que não queria namorar mais depois daquela noite eu mudei de ideia...

Bom mas isso já é outra história

Espero que vocês gostaram da minha experiência

Valeu pessoal, beijos

Comentários

25/05/2015 22:36:21
Delicia
25/05/2015 18:54:59
Muito bom! Leia meus contos.
24/05/2015 22:00:19
Parabéns pela história. Curti

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.