O Ruivo (PH), Fode o tio de seu amigo!

Um conto erótico de Apolo98
Categoria: Gay
Contém 1171 palavras
Data: 01/04/2024 20:40:05

O Ruivo (PH), Fode o tio de seu amigo!

Olá galera, me chamo Paulo Henrique! (PH) 23anos, 1.62mt, 55kg, ruivo, malhadinho, Hehehe, estudante de direito, moro em SP, Capital! O que vou relatar aconteceu há cinco anos.

Brigas sempre nos deixa injuriado, minha namorada teve de fazer uma viagem, não queria que ela fosse, mas também não poderia impedir, pois viagens em família é sempre um evento bom, sei disso pois curto viajar com meus pais, e nessas viagens somos sempre nós três, pra curtirmos uns aos outros.

De qualquer forma, discutimos, e terminamos brigando um pouco, mas antes da viagem, fizemos as pazes e tivemos uma bela tarde de amor, com direto a muita foda.

Tenho um amigo que se chama Manoel, ele me ligou e disse que iria pra o sitio de seus avós, me convidou e eu aceitei na hora, pois já conheço seus avós, aliás conheço sua família inteira.

Chegamos no sitio por volta das 16:00 horas da sexta feira, seus primos estavam todos lá, nem desfazemos as malas e saímos pra jogar futebol, coisa de moleques, depois tomamos banho de cachoeira e voltamos pra casa, meu amigo ficou no quarto com mais 3 primos, queríamos ficar todos juntos, mais não cabia! Foi quando seu tio disse: um de vocês pode fica no meu quarto, como todos já haviam se acomodado, fui eu o sorteado! Como já o conhecia não vi nenhum problema, mesmo porque iriamos fazer bagunça a noite toda e so de madrugada iriamos dormir.

Bom, o Tio do Manoel se chama, Bernardo e tinha 28 anos, mas pra nós que ainda não éramos de maior, ele era um coroa, era magro, moreno bem escuro, aproximadamente 1,85mt, uns 75kg, e cabelos cacheados e olhos verdes, um cara bonitão. Fiquei com a galera até de madrugada, rindo e trocando ideias, quase amanhecendo o dia resolvemos dormir, entrei no quarto bem devagar para não fazer barulho! Tropecei em um chinelo e caí em cima de uma cadeira que fez um barulhão. O Bernardo acendeu a luz, já fui logo dizendo: desculpa tio em ter te acordado! Relaxa Guri, não estava dormindo não! Deveria ter ascendido a luz, se machucou? Não, apenas bati o joelho na cadeira.

Pqp moleque, tu ta sangrando, levantou-se, mandou eu sentar, pegou gases e soro e foi limpar!

Caralho tio, ta ardendo! Fica calmo sou veterinário, estou acostumado a cuidar de ferimentos! Pensei; esse filho da puta ta me chamando de animal! Depois que limpou e aplicou medicamentos, mobilizou meu joelho, me ajudou a deitar e sentou na beira da cama e ficamos trocando ideias, me disse que era noivo, e que a noiva era conservadora e muito católica e que so iriam tranar após o casamento!

Eu: Desculpa tio, mas como tu faz para se aliviar?

Bernardo: Agente apronta algumas por aí, mas na maioria das vezes eu como umas putas mesmo!

Bernardo: E tu guri?

Eu: Eu namoro, e agente transa de boa!

Bernardo: PQP, o guri que é 11 anos mais novo que eu, namora e transa e eu pra me aliviar tenho que pegar umas putas, e começou a rir.

Eu: Fazer o que se sou gostoso né? (rsrsrs) Me ajuda a ir no banheiro! ele me ajudou a levantar, fui no banheiro e quando voltei, ele diz: boa noite! Ou melhor, bom dia e durma bem.

Deitei e comecei me virar na cama, o papo de mulheres e fodas me atiçou o fogo e comecei a bater uma, bem de leve, achei que o Bernardo estava dormindo. De repente sinto uma mão alisando minhas pernas, me assustei e pedi desculpas! Fica calmo guri, vou te dar uma mãozinha! Se liga tio, sou macho, tu es veado é? Não guri, também sou macho e quero que sintas a pegada de outro macho.

Tirou minha cueca e massageava minha pica com maestria, eu me contorcia por inteiro, o toque de suas mãos em meu caralho e massageando minha bolas, era bom demais, e quando eu achei que ele iria me fazer gozar na punheta, ele começa a lamber meu mamilos, descendo a língua pelo caminho da felicidade, chegou até meu umbigo, beijava e começou a puxar meus pentelhos com os dentes, beijava a cabeça de minha pica que nessa hora estava igual uma pedra, colocou a cabeça na boca e engoliu até a base, eu gemia e me contorcia todo, foi quando ele largou minha rola, e começou a lamber minhas bolas, abriu minhas pernas e começou a foder meu cu com a língua.

Levantei, o empurrei na cama, dei-lhe um tapa na cara, ele gostou começou a rir e disse: vai me dominar é guri? Arranquei sua roupa e comecei a chupar seus mamilos com tanta força, ele se tremia, e tinha uns pequenos espasmos, lambi seus sovacos, mordi suas orelhas e falava em seu ouvido, hoje tu vais ser meu putinho tio! Virei ele de costa e fui fodendo seu reguinho com a língua, repentinamente ele se vira e me assustei com o tamanho de seu mastro, o trabuco deveria ter uns 23cm, grosso e cabeçudo, abri suas pernas e as coloquei pra o alto em meu ombro, e fui direto a gruta de seu cuzinho, meti a língua, que delicia de cu, lambia entre seu saco e cuzinho, ele se tremia por inteiro, mesmo tendo aquela pica enorme, tinha o saco pequeno, resolvi dar esse premio a ele, e comecei a lamber seu saco, minha pica estava toda babada de pré gozo, comecei a esfregar a cabeça da pica em sua entradinha, ele mexia os quadris pra agasalhar minha pica, comecei a forçar a entrada, parava e depois continuava, até que ele se aproximou e disse: (PH) mete com tudo, e se eu pedir pra parar não obedeça, meta com tudo! Empurrei, ele gritou, parei, deixei ele se acostumar e comecei a bombar, em um vai e vem frenético, depois de fode-lo por uns 20 minutos nessa posição, o coloquei de ladinho e fui deslizando a tora pra dentro, depois de mais 10 minutos, enchi seu cuzinho de porra, meu pau continuou durão e voltei na posição de frango assado, meti novamente olhando em seus olhos, ele começou a tremer, chorar e dizendo que iria gozar, tirou meu pau de dentro, me jogou na cama e gozou um litro de porra na minha barriga, e depois me punhetou até eu esporrar em minha própria barriga e minha porra se misturar a sua. Ele lambeu tudo.

PH, posso de beijar? E antes de responder me deu um Celinho.

Me levou ao banheiro, me ensaboou por inteiro, depois me mamou e dei leite em sua boquinha, e o fodi em baixo do chuveiro, dormi até as 15:00 horas, quando acordei e fui pra sala, ele do nada fala, o garotão dormia igual um anjo e resolvi deixar ele dormir até se cansar, ficamos o resto do sábado e o domingo, ele me soltava indiretas, mas fingi não entender.

Se gostarem, curtam e deixem seus comentários!

Siga a Casa dos Contos no Instagram!

Este conto recebeu 12 estrelas.
Incentive Apolo98 a escrever mais dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.
Foto de perfil genéricaApolo98Contos: 28Seguidores: 23Seguindo: 5Mensagem Ruivo, 1.62mt, 55kg

Comentários

Foto de perfil de Jota_

Esse ruivinho que mexe com a cabeça dos caras!! Queria eu estar numa viagem com o ruivo pra sentir essa pegada toda.

Adoro seu estilo de escrita Apolo!! Já te falei isso né? Hehehe

1 0
Foto de perfil genérica

Jota, tu es incrível!

Reza a lenda japonesa que ruivos são perigosos e fodedores! Hehehehe

0 0
Foto de perfil de Jota_

Quero testar pra ver se essa lenda é real 😈

0 0