A Gostosa Tia da Van - Na banheira

Um conto erótico de Abandonado
Categoria: Heterossexual
Contém 985 palavras
Data: 02/04/2024 21:00:28

Boa noite

Leiam as outras histórias, comentem deixem sua avaliação.

Se estiverem gostando eu continuo a escrever.

Hoje vou contar o que aconteceu depois do carnaval.

Durante a semana sempre foi aquela pegação de sempre, eu chegava mais cedo, nós começávamos a nos pegar.

As vezes ficávamos um chupando o outro, mas o que ela mais gostava era de ficar escorrida com porra pelas penas até eu voltar.

Durante a semana enquanto eu fazia minha jornada do meu outro emprego durante o dia.

Passei em uma galeria que tinha algumas lojas, passei por uma que vendia lingerie e bem embaixo uma placa com a informação, Temos Sex Shop.

Eu entrei, com um pouco de curiosidade e nervosismo.

Logo veio uma menina bem tranquila me atender, falei que queria ver os acessórios.

Ela me levou para uma sala atrás da loja.

Lá tinha de tudo,ela me perguntou o que eu queria em específico.

Falei que um plug anal.

Ela me mostrou vários, tinha de vários modelos e tamanhos.

Escolhi um paguei, fui continuar minha rotina e passei em casa tomei banho e me fui pra casa da minha Gostosa.

Cheguei lá encontrei ela linda e maravilhosa como sempre, com um daqueles vestidos super curtos e decotado.

Nós beijamos e falei que tinha um presente pra ela.

Ela me olhou e falou.

Onde está que não vi nada em sua mão.

Eu falei.

Relaxa você vai gostar, está no meu bolso.

Ela fez uma cara de espanto.

Tirei aquele pacote pequeno do bolso.

Ela apalpou e não sabia o que era.

Quando abriu, ficou surpresa, pulou no meu pescoço e me encheu de beijos.

Ela já queria usar.

Eu falei para ela que na volta, teríamos todo o tempo nescessário.

Fui fiz a rota, com a maior pressa possível e voltei para a casa dela ligeiro.

Quando estacionei a van, recebo uma mensagem no celular.

" Sobe até o quarto"

Cheguei no quarto encontrei ela de quatro na beira da cama.

Com aquela bunda linda virada para a porta, com o plug no CU.

Ela me olha por cima do ombro e fala.

"Gostou meu macho?"

Eu já caí de boca naquela buceta que já estava toda melada.

Ela gemia e rebolava feito louca.

E eu chupava o grelo e mexia no plug, parecia que ela ficava mais louca ainda.

Eu já estava louco e queria socar o pau naquela buceta suculenta.

Ela falou.

"Ainda não".

Ela levantou da cama saiu rebolando e falou para eu a seguir.

Ela passou pelo closet e entramos no banheiro.

A banheira já estava cheia com a hidromassagem ligada.

Ela pediu para eu entrar e me sentar.

Logo ela veio começou a dar umas reboladas para me mostrar que estava gostando do plug.

Ela começou a se ajoelhar passar a mão no meu corpo e logo já caiu de boca no meu pau.

Mesmo eu estando sentado ficava com um pouco do pau embaixo da água, mas ela chupava e fazia aquela garganta profunda maravilhosa.

Logo ela veio e sentou com aquela buceta maravilhosa e suculenta no pau e começou a rebolar.

Ela gemia e gritava que estava adorando aquela sensação do pau na bucetinha e o plug no CU.

Ela gozou e eu me deliciava com aqueles seios na minha boca.

Coloquei ela de quatro na beira da banheira, olhei para aquele cuzinho e aquela jóia azul chegava a ficar destacada no CUzinho dela.

Soquei o pau na buceta e socava o dedo no plug.

Ela gemia e gozava cada vez mais.

Logo eu tirei o plug e aquele cuzinho ficou ali arrombado.

Passei a cabeça do pau, ela já começou a rebolar e pedir pau.

Fui socando bem devagarinho.

Mal soquei e ela já gemeu.

Comecei a socar fundo e ela se contorcia gemia, gritava, gozava.

Começou a gritar e dizer que agora ela era minha puta para sempre.

Soquei até gozar e encher aquele CU de porra.

Ela caiu pro lado e ficou ali com uma cara de satisfeita.

Comecei a dar banho nela e passar a mão em todo o seu corpo.

Logo ela começou a se recompor e começou a me dar banho também.

Passou por todo o meu corpo chegou no meu pau e no saco e começou a massagear.

Eu comecei a chupar aqueles seios maravilhosos e meu pau começou a ficar duro de novo.

Ela começou a se mexer e estou de novo no meu pau, ela sentou e se virou com o pau atolado na buceta, ficando de costas pra mim.

E lá ficou ela socando e gemendo.

Eu achei o plug dentro da banheira peguei e fui colocando no CU dela.

Nossa aquilo parece que liguei o Turbo da puta.

Ela começou a gemer mais e mais, gritava que queria porra na buceta, que queria fica com a buceta escorrida de porra.

Eu falei que iria gozar.

E ela gritava

"Goza meu macho, goza na buceta da tua PUTA."

Enchi aquela buceta gulosa de porra, ela gozou e caiu pro lado.

Fez aquela carinha de satisfeita, saiu da banheira se secou, foi até a cama deitou com aquela bunda maravilhosa empinada para o meu lado, para me mostrar que estava com o plug.

Assim dormimos, de conchinha.

Pela manhã acordei antes dela.

Comecei a tocar uma sirica nela e brincar com o plug.

Fiz ela gozar dando aquele squirt maravilhoso de deixar a cama lavada.

Dei o pau pra ela chupar e falei que era pra ela chupar bem gostoso já que era a "minha puta".

Que iria dar o café da manhã, nossa aquilo foi maravilhoso, ela ficou de quatro na cama e começou a chupar feito louca.

Logo falei que iria gozar e ela encheu a boca de porra, abriu a boca para me mostrar e engoliu bem devagarinho.

Aquilo me deixou louco.

E assim foi mais uma das nossas aventuras.

Espero que tenham gostado.

Beijos para as gostosas.

Siga a Casa dos Contos no Instagram!

Este conto recebeu 6 estrelas.
Incentive por ai a escrever mais dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.

Comentários