-Pra fazer putinha gozar-

Um conto erótico de Ativo dotado dominador
Categoria: Gay
Contém 591 palavras
Data: 13/11/2023 08:04:57

Olá, já é meu segundo conto, irei me chamar aqui de R.

Tenho 30 anos, sou moreno, 1m75cm 63.kg, peludinho uso baba rala e um bigode que todos dizem que me deixa com uma cara de safado, tenho um dote de 22cm, grosso que leita muito e demoro gozar, e geralmente depois de gozar continuo duro.

Vou te pegando de jeito, e a primeira coisa que faço e te puxar pra perto do meu corpo com força, lascar um beijo quente, molhado e descer minha mão até a tua bunda, segurar com vontade e dar uma boa apertada, forte, pra te fazer sentir quem é que manda, pra mostrar que vou ser o dono deste rabo e você vai me servir, vou apertando enquanto te beijo e brinco com a minha língua na sua boca, até ouvir seus gemidinhos.

Depois, dos primeiros gemidos, já sei que minha putinha está relaxada, e pronta pra me servir, então, desço minha língua até o pescoço e vou beijando devagar no início, dou mais uma apertada gostosa na bunda, e sigo passando minha barba no pescoço para dar uns arrepios e em seguida vou dando beijos, mordinhas e chupadas, vou até às orelhas, dou uma boa linguado, e com minha voz de macho sussurro no seu ouvido: "-você é minha putinha!".

Sinto vc se arrepiar inteiro, mas não dou nem tempo de vc entender o que está sentindo e deslizo minha língua pelo teu corpo, da orelha até os peitos. Vou passando a língua a princípio, com movimento circulares nos mamilos, passando a barba e logo começo a chupar, pra te encher de tesão, enquanto isso, minha mão acaricia teu rabo e aperta o que logo logo, vai ser devorado.

Chupo cada vez mais forte, vou sugando o peitoral todo, principalmente nos mamilos, pra te fazer delirar de tesão, relaxar pra se entregar completamente.

E aí que eu coloco meu dedo na sua boca e falo: "-chupa vagabunda". E é claro que prontamente vc obedece, enquanto termino de chupar teu peito, tiro o dedo lubrificado pela tua baba e vou dedilhando seu anel, pra mostrar que esse cuzinho tem dono e brincar de te provocar. Vou passando o dedo por toda volta sem enfiar, até você relaxar e começar a involuntariamente piscar o anelzinho, até que eu coloco o dedo e vou invadindo seu cuzinho, porém só o começo, pois o que vai entrar logo logo vai te explodir de prazer.

Logo te puxo, dou um beijo demorado e com um tapinha rápido na sua cara, só te mostro que é a tua vez.

Você começa a lamber todo meu corpo, meu peitoral peludinho, minha barriga saradinha e pegando na minha rola enorme e grossa por cima da cueca, quando tenta tirar eu não deixo, faço você beijar e lamber por cima do tecido da cueca e te vejo delirar de prazer, louco pra abocanhar minha rola suculenta e gostosa... Você cheira, sente o suor do teu macho e mordisca a rola por cima da cueca com meus pentelhos pra fora, enquanto é xingada de putinha, e leva uns tapinhas no rosto. Te faço lamber minhas coxas peludas e idolatrar meus pés. Minha putinha tem que estar submissa aos meus pés, entregue.

Quando você se acaba de lamber e cheirar meus pés tamanho 42, lamber cada pedacinho deles eu dou a tão esperada ordem que você aguarda:

-"Mama putinha!!!"

.

.

.

Continua.

Se você gostou, vota, deixa um comentário.

E se você é submissa, sabe servir um macho, conhece seu lugar, me escreva.

rlcontatos@hotmail.com

Siga a Casa dos Contos no Instagram!

Este conto recebeu 24 estrelas.
Incentive Atvdotdom a escrever mais dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.

Comentários

Foto de perfil de Passivo 10

Affff...minha namorada já me deu a ordem..

Estou totalmente entregue. Um feriado assim..delícia!

0 0
Este comentário não está disponível
Foto de perfil genérica

Caralho, arrepiei aqui!! Muito excitante e envolvente, tesão demais!!

0 0