Aprendendo A Ser A Putinha Do Tio

Um conto erótico de Tito JC
Categoria: Gay
Contém 1370 palavras
Data: 20/10/2023 04:38:01
Última revisão: 01/11/2023 16:24:57

Depois de chupar meu tio até ele gozar gostoso em minha boca (Conto: Tio Juca Voltou...) nós nos deitamos, cada um em sua cama e logo percebi que ele havia caído no sono. Eu, ao contrário, estava com muito tesão por ter satisfeito aquele macho gostoso e, mesmo sem ter gozado, me sentia ansioso e curioso, imaginando o que ele iria me ensinar nos próximos dias. Embora tivesse tido pouquíssimas experiências sexuais, eu tinha uma curiosidade e uma disposição imensa para aprender como satisfazer um macho na cama.

Mesmo muito ansioso consegui dormir e, muito cedo, acordei para tomar banho e ir para o cursinho pré-vestibular. Meus pais já estavam quase saindo de casa e meu tio dormia largadão, com as pernas abertas e o pauzão bem à mostra, com aquela ereção matinal que me deixou excitado.

Fui ao banheiro tomar banho, enquanto meus pais saíam e me recomendavam para não acordar meu tio, pois ele deveria estar cansado da viagem.

Entrei no quarto, enrolado na toalha para pegar meu uniforme do colégio e me trocar na sala. Não fazia barulho, mas a imagem daquele pau duro na cueca dele me tiravam a atenção. Não resisti e passei a mão de leve naquela rola, sentindo a textura daquele musculo duro.

Ele abriu os olhos, me olhou sorrindo e olhou minha mão apalpando seu cacetão.

- Desculpa tio eu não queria te acordar, mas não resisti em ver teu pau assim logo pela manhã.

-Relaxa moleque. Eu tenho que acordar mesmo pra resolver umas coisas no cartório e voltar cedo pra casa. Você não está atrasado pra escola? Cadê seus pais?

- Eles já foram trabalhar tio, e eu estou no horário. – Então apertei seu pau com minha mão, com esse movimento a toalha caiu e eu fiquei pelado na frente dele.

- Impressionante como você é gostoso moleque. Tão novinho e tão taludo. Uma bunda gostosa, carnuda, e um pau de bom tamanho também. Vira um pouco pro tio ver essa bundinha. – Me virei e senti ele apalpar minha bunda, abrir as bandas passando o dedo no meu buraquinho, me fazendo gemer gostoso. Então ele me curvou em cima de minha cama e meteu a língua no meu cuzinho, chupando forte. Quase gritei de prazer, nunca tinha sentido isso.

Fiquei de quatro e senti a sua língua quente quase que entrando no meu cuzinho. Então ele começou a esfregar o pauzão entre minhas nádegas, pincelando em meu buraquinho. Eu gemia forte, querendo ser fodido.

- Mete no meu cu tio! Me fode gostoso! Tô morrendo de tesão.

- Você vai se atrasar moleque. Eu quero fazer isso com calma e na hora certa. Se arruma e vai pra escola.

Nem preciso dizer que o tesão foi tanto que minhas bolinhas ficaram doloridas por não ter gozado. Não conseguia prestar atenção na aula, só pensando em voltar pra casa e encontrar meu tio novamente.

Cheguei em casa por volta das 14:00h e ele estava no banheiro escovando os dentes. Me disse que já tinha chegado havia mais ou menos uma hora e já tinha almoçado. Me perguntou se eu queria comer, mas eu disse que tinha feito um lanche na escola e estava sem fome.

Entrei no quarto, tirei o uniforme e coloquei um short de malha e fui à cozinha pegar um suco. Ele estava em pé na pia lavando o prato, quando eu me abaixei pra pegar o suco na geladeira eu fiquei de costas pra ele, com a bunda empinada. Ele veio em minha direção, me pegou pela cintura e começou a esfregar o pau em minha bunda. Aquela rola estava dura feito uma estaca e ele esperou eu dar um gole no suco, arrancou o copo de minha mão e disse:

- Deixa eu sentir o gosto desse suco. – Então ele me deu um beijo profundo e molhado, socando a língua na minha boca, me tirando o fôlego. Foi a primeira vez que eu fui beijado daquela forma por um homem. Meu tio, meu primeiro macho.

Ele desceu a língua pelo meu pescoço e beijou meus peitinhos, lambendo ao redor dos mamilos, me fazendo gemer muito.

Me virou de costas e me empurrou na mesa da cozinha. Eu gemia, enquanto sentia ele puxar meu short bruscamente até os pés, arrancando-o fora, me deixando pelado. Ele socou a língua em meu cu e me babou inteiro, sentia meu rabinho bem molhado e quente e sua língua forçando entrada.

Ele se levantou e começou a esfregar a cabeça do pau no meu reguinho. Eu empinei a bundinha e ouvi ele sussurrar em meu ouvido:

- Hora de aprender a levar rola de um macho moleque. Um homem sóbrio, não bêbado como da última vez. – Então ele foi empurrando o pau em meu cu e, com um gritinho de dor, eu senti aquela cabeçona passar pela minha portinha, meu cuzinho começar a se alargar.

- Relaxa moleque! O tio vai arrombar esse teu cuzinho. Você vai aprender a dar e ter prazer com um homem ou com vários. Empina o cu moleque! – Obediente eu empinei a bundinha e ele socou todo o pau até o talo. Me sentia todo aberto, sendo arrombado, mas não sentia uma dor horrível. Apenas uma dor prazerosa.

Ele segurou minha cintura e deu uma estocada funda, enterrando o pauzão em meu cu. Aguentei firme e me abri mais pra levar rola de meu macho. Ele começou um entra e sai maravilhoso, me abrindo ao meio.

- Mete tio! Come meu cuzinho! Arrebenta seu moleque.

- Você vai foder muito na vida moleque. Com esse rabão e esse pau gostoso você vai foder com muita gente. Toma meu putinho, sente o pau do tio no cu! – Ele dizia isso e me estocava com força, então, sem tirar o pau de dentro, me levou até o sofá, me fez sentar em seu caralhão e quicar gostoso como uma putinha. Eu subia e descia naquele caralhão e foi assim que aprendi a cavalgar num cacete de macho.

- Isso putinho gostoso do tio. Cavalga no pau do macho. Deixa o cacete te foder bem no fundo, sente o pau te abrindo. – Eu sentia a cabeça daquele caralho bater fundo em meu cuzinho e me arrepiava inteiro. Sentava e rebolava no caralho daquele macho, subindo e descendo naquela vara de nervos. Então ele me jogou no tapete, me pôs de frango assado e enterrou a rola em meu cu. Me sentia aberto e invadido, enquanto olhava aquele macho nos olhos. O barulho dos nossos corpos se chocando me deixava inebriado, cheio de tesão, ele socava forte e sem parar. Seu corpo suava e pingava umas gotas em meu corpo. Seus olhos faiscavam e eu podia sentir o tesão que aquele macho estava sentindo, enquanto socava em meu cuzinho.

- Goza meu gatinho! Goza com o pau do tio no cuzinho.

- Quero ver você gozar primeiro tio. Enche meu cuzinho de leite, depois eu gozo.

- Faz o que eu estou mandando moleque! Goza no pau de seu macho! – Ele disse isso tão energicamente que fiquei excitado com a ordem e, ao sentir uma estocada funda, eu gozei gostoso e jorrei tanta porra que espirrou no meu rosto. Então ele arrancou o pau do meu cuzinho e, urrando forte, me deu um banho de leite quente e grosso. Foi uma gozada intensa.

Entramos no banheiro para tomar um banho, lá eu engoli o cacetão dele e fiz ele gozar mais uma vez no fundo de minha garganta.

Depois de um tempo na sala ele me abraçou, me beijou docemente e falou:

- O sexo tem de dar prazer a ambos os parceiros. Nunca abra mão de seu prazer. Você aprendeu hoje a levar rola de macho e foi um ótimo aluno. Na próxima lição você aprenderá uma coisa que com certeza vai fazer você se preparar para algumas surpresas na vida.

- O que Tio?

- Segredo! Você vai ver e tenho certeza que vai gostar muito.

SE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI É PORQUE O CONTO TE AGRADOU. NÃO DEIXE DE VOTAR E COMENTAR PARA EU SABER SE DEVO CONTINUAR.

ABRAÇOS A TODOS E MUITO OBRIGADO!!!!

Conto Inscrito no Escritório de Artes e Proteção Aos Direitos Autorais, de acordo com a Lei 9.610 de 1998. Proibida a reprodução ou divulgação sem autorização do autor.

Siga a Casa dos Contos no Instagram!

Este conto recebeu 83 estrelas.
Incentive Tito JC a escrever mais dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.
Foto de perfil de Tito JCTito JCContos: 103Seguidores: 370Seguindo: 34Mensagem Um homem maduro que gosta de ler, escrever, cerveja gelada e gente do bem. Chega aí!!! Vamos curtir as coisas boas da vida. Gosto escrever histórias curtas e envolventes, nem sempre consigo. Dificilmente escrevo contos em vários capítulos, gosto de dar a conclusão logo para o leitor. Adoro receber comentários e votos dos leitores. Na minha modesta opinião não existe escritor sem leitores. A gente quer ser ouvido, falar para pessoas, não importa a quantidade, mas o prazer é ser lido, passar nossas ideias, sentimentos e desejos para quem nos acompanha. Tenho muito respeito por quem tira um tempinho para ler os meus textos. Tento sempre fazer o melhor que posso... NINGUÉM É OBRIGADO A GOSTAR DE UM TEXTO MEU, NÃO É OBRIGADO A COMENTAR NEM VOTAR. MAS SE ELOGIOU, SEJA COERENTE E VOTE... SOU SUPER ABERTO A UMA CRÍTICA CONSTRUTIVA. MAS ELOGIO SEM VOTO PRA MIM É FALSIDADE!!!

Comentários

Foto de perfil genérica

Quero um tio desse

0 0
Foto de perfil de Tito JC

Verdade Enrique? Olha que um tio assim pode aparecer e você vai ter que dar conta hein!...rsrsrs... Obrigado queridão! Boa semana!

0 0
Foto de perfil genérica

Que delícia de conto! A CDC deveria deixar a gente dar mais estrelas!

0 0
Foto de perfil de Tito JC

Obrigado Queridão! Sempre muito bom contar com seu apoio... Tamo Junto!...rsrsrs Abraços!

0 0
Foto de perfil genérica

Bom demais!!

0 0
Foto de perfil de Tito JC

Obrigado meninão! Muito bom ter você por aqui... Abraços!

0 0
Foto de perfil de Leo_2023

Uma excelente iniciação, com um conceito excelente, que serve também aos casais héteros: o prazer tem de ser bilateral. Parabéns mais uma vez, Tito! Um abraço.

0 0
Foto de perfil de Tito JC

Obrigado Leo pelo apoio! Pois é, eu sempre tenho isso comigo, se o prazer não for bilateral a coisa não foi completamente boa...rsrs... Abraços queridão! Bom final de Semana!

0 0
Foto de perfil genérica

Muito bom, curioso pelo próximo ensinamento.

0 0
Foto de perfil de Tito JC

Obrigado Roberto! Fique de olho, logo logo eu vou liberar a próxima parte e vai ser bem excitante. Abraços queridão!

1 0
Foto de perfil de Jota_

Que tio sortudo, dar aula assim para esse sobrinho heheeh

0 0
Foto de perfil de Tito JC

Põe sorte nisso Jota! Ainda mais com um aluno tão dedicado assim... Abraços e bom final de semana!

0 0
Foto de perfil genérica

Bom conto. Boa foto também. Você é um escritor muito produtivo, e excitante, que eu ainda não conhecia. Vou manatorar um pouco, depois divido com vc minhas impressões. Abraços!

0 0
Foto de perfil de Tito JC

Obrigado Cortez! Muito bom ter você por aqui! Abraços e bom final de Semana!

0 0
Foto de perfil de Veronica keylane

Muito excitante… se hj levou rola de macho na próxima ou vai ser ativo com macho ou vai experimentar uma buceta

0 0
Foto de perfil de Tito JC

Veronica senti sua falta, bom ter você por aqui e ler seu comentário! Tem muitas coisas que um bom putinho em início de atividades tem que aprender, fique de olho, vai ser uma delícia! Abraços e bom Final de Semana!

1 0
Foto de perfil de Veronica keylane

Onwt querido! Obrigada pela lembrança e pela saudade! Hmmmm simmmm realmenteeee! Pode deixar ficarei de olho sim!

Obrigada bom final de semana para você também! Abraços

0 0
Foto de perfil de Amandha CD Putinha Sul de Minas

Que tesão... delííííciaaaaa... não vejo a hora de ver a surpresa do tio Juca...

0 0
Foto de perfil de Tito JC

Obrigado Amandha!! Muito bom ter você por aqui. A próxima lição com certeza vai deixar feliz, quem gosta de uma boa putaria... Fique de olho! Abraços!

0 0

Listas em que este conto está presente