Um boquete da mãe...

Um conto erótico de Lúcia e Cláudio
Categoria: Heterossexual
Contém 942 palavras
Data: 10/10/2023 02:51:46

Minha mãe é uma negra de 1,70 de altura, eu tenho uns 10cm a mais que ela. Ela tem peitos grandes e uma bunda média, ela gosta de usar roupas curtas e apertadas pra mostrar bem seu corpo...

Ela tinha se separado do meu pai fazia uns 5 anos... na época do acontecido, ela tinha 40 e eudia estava saindo do banho, estava com muito tesão nesse dia, já que fazia tempo que não comia ninguém... eu estava me enxugando quando do nada a porta se abre... eu tento me tapar com a toalha, mas meu pau fica fazendo um belo volume...

- Porra, filho... achei que tu já tinha saido...

- Pelo visto não, mãe...

- Credo... esse volume todo é teu, filhão?

Ela disse com um sorriso safado naquela boca larga, ela usa sempre um gloss que destaca ainda mais sua boca gostosa...

- Tudo meu, agora posso me arrumar?

- Hahahah claro, filhão... mas cuidado pra não furar a cueca...

Ela fechou a porta e saiu... naquela noite nós estavamos assistindo um filme no quarto dela...

Nessa noite ela estava de regatinha e sainha...

- Foi mal, mãe...

- Mal? Por que?

- Por hoje no banheiro...

- Nada, filho... foi eu que abri a porta sem bater.

- Éh, tem isso...

- Na próxima eu dou sorte...

- Como assim?

- Eu vejo o grandão sem toalha hahahah.

- Acho que tu ta a muito tempo sem sexo, mãe...

- Ah eu to... fazem meses já...

- Sério, mãe? Mas tu consegue fácil achar alguém pra isso...

- Tu acha?

- Claro... tu é bem gostosa...

- Que isso, filho?

- Ué... é a verdade...

- É? Bom, eu falei do teu pau então vou deixar passar essa hahahah

- Hahahah tu viu meu volume uma vez só, mas eu tenho que conviver com esses volumes aí...

Falei apontando pros peitos dela... ela olhou pra baixo...

- Ah, tu gosta disso?

- São lindos, mãe...

- Tudo bem... eu também gostei do teu volume hahahah

- Hahahah tu ta com muito tesão acumulado, tem soltar isso...

- Pois é, filhão... mas com quem?

- Talvez pro último que tu pegou...

- Ah não... ele era muito frouxo...

- Tu gosta de que tipo de homem, mais velhos ou mais novos?

- Ah, filho... mais novos... teu pai foi embora, agora eu quero novinho hahahah...

- A senhora é uma maria mucilon? Não esperava isso...

- Não... tão jovem também não...

- Ah... bom... não sendo meu amigo, fica a vontade hahahah

- Não... talvez o Miguel... ele parece tão quietinho...

- Que isso, mãe, deixa meus amigos...

- Hahahah to brincando...

Quando o filme acabou, ela me convidou pra dormir na cama dela, então eu aceitei... enquanto eu tentava dormir veio alguns pensamentos como os do banheiro... me deu um tesão as falas da mãe sobre meu pau... meu pau já estava duro de novo...

Mas com o tempo fui pegando no sono e adormeci...

No outro dia acordei e vi ela com a bunda pra cima, a sainha tinha ido pra cima, a bunda dela estava pra fora, só de calcinha bem enterradinha, nunca tinha visto daquele jeito... a bunda dela era um tesão de perto...

- Ta olhando pra minha rabah, tarado...

- Não...

- Não? Então por que esses olhos focados aí?

- Nada, mãe... eu...

- Tudo bem, filho... para de ser quadrado...

- Eu não sou quadrado...

- Claro que não, comendo meu rabinho com os olhos...

- Teu rabinho é muito lindo, mãe...

- Hahahah viu... eu sabia...

- Foi mal, é que tava destapada... eu só olhei...

- Tudo bem, filho...

Ela levantou e tirou a sainha com a bunda virada pra mim...

- Minha bunda é linda, né? Hahaha

Ela deu um sorriso safado e me olhou por cima do ombro...

- É sim, mãe...

Ela se sentou do meu lado na cama...

- Posso pedir uma coisa, filho?

- Claro...

- Me mostra teu pau?

- Mostrar? Mas pra que?

- Aí, filho... eu fiquei imaginando se era grande mesmo ou era só o volume hahahah

- Eu não sei se é uma boa ideia?

- Por que?

- Porra, mãe...

- Mostra... da nada isso...

Eu me levantei da cama na frente dela...

- Deixa a mãe ajudar...

Ela puxou minha bermuda pra baixo e meu pau pulou pra fora...

- Caralho, filho...

- É grande, mãe?

- Hahah é sim... tu já mediu?

- Não...

- Espera...

Ela abriu uma gaveta e tirou uma régua...

- Vamos medir então hahahah

Eu fui pegar a régua...

- Não... deixa que eu meço...

Ela pegou meu pau e colocou a régua em cima...

- Nossa, filho... tu tem 18cm...

- E isso é muito?

- É... meu brinquedo maior tem 15cm hahahah

- É, eu sou grandão hahahah

Tentei puxar minha bermuda...

- Não... espera...

- O que?

- Como tu ganhou dos meus brinquedos... tem direito a um prêmio hahahah...

- Como assim?

- Senta na cama...

Eu sentei e ela se ajoelhou na minha frente...

- Isso é muito errado...

- Xiiii... é só uma punheta...

Ela começou a bater uma pra mim bem devagar...

- Tá gostando?

- Tá incrível...

- Hahahah safado...

Ela aumentava de pouco em pouco a velocidade do movimento...

- Vai gozar pra mãe, vai?

- Aaaah eu vou... mas não agora...

Saiu uma gotinha na ponta da cabeça...

- Olha... ta vindo, filho...

Ela inclinou a cabeça e pois meu pau na boca...

- Porra, mãe... o que ta fazendo...

Ela faz uma garganta profunda...

- Aahhhhh caralho... que rola gostosa, filho...

- Que boca, mãe... mas acho que isso é errado...

- É uma delícia... e é só um boquete...

Ela coloca de novo na boca e chupa por mais um tempo...

- Goza... goza pra mamãe... da na minha boquinha...

Ela mama e eu gozei na boca dela... gozei muito naquela boca...

Ela engoliu tudo e chupou o resto do meu pau...

- Nossa... tu é gostoso, filho...

- A senhora manda muito bem no boquete, porraaah

- Hahahah tu gozou um monte na minha boca hahahah

Siga a Casa dos Contos no Instagram!

Este conto recebeu 61 estrelas.
Incentive AninhaBoobies a escrever mais dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.
Foto de perfil de AninhaBoobiesAninhaBoobiesContos: 19Seguidores: 112Seguindo: 0Mensagem Publico alguns contos de incesto que recebo por e-mail. Não sei se são verdadeiros, alguns parecem e tem fotos. Nenhum é com menor de idade ou bizarrices, todas as pessoas desejam o mesmo, sexo.

Comentários

Foto de perfil genérica

Adorei o seu conto e minha namorada uma coroa de 57 anos é bem puta e adora uma putaria, me conte o filho depois disto te comeu gostoso, vamos conversar: euamoavida2020@gmail.com

0 0

Listas em que este conto está presente

Incesto/madrasta
mãe, filho, tia, avó, madrasta, sobrinha.