Mãe, que bela bunda.

Um conto erótico de Nathan e Gabriela
Categoria: Heterossexual
Contém 740 palavras
Data: 28/09/2023 00:47:08

Minha mãe é branca, cabelo castanho, olho verde, 1,67 de altura e uma bunda grande, redonda e gostosa.

Eu sou branco, cabelo castanho, 1,75 de altura, um pau de 17cm...

Tudo começou na manhã de um domingo, quando eu cheguei na cozinha e a mãe de biquíni, ela estava arrumando algumas coisas e as vezes se agachava pra pegar algumas coisas no armário, então ela levantava mais a bunda... ela abria, era uma visão maravilhosa.

-Bom dia, mãe.

-Bom dia, filho.

-A senhora vai pra piscina hoje?

-Pois é, hoje eu vou tirar o dia pra mim.

-Legal, talvez eu vá pra piscina também

-Eu vou pela tarde, vai ser bom se você for comigo... pra mim não ficar no tédio...

-Então está certo, eu vou com a senhora.

Chegando a tarde, por umas 15:00 horas, nós estávamos na piscina, então a mãe fala...

-Vamos tomar uma cerveja?

-Vamos, deixa que eu busco...

-Tá.

Eu busquei a cerveja. Então tomamos e depois ela foi buscar outra...

- Acabou... deixa, filho... agora eu vou buscar uma...

Então ela saiu da piscina... que visão maravilhosa... aquela bunda escorrendo água...

Ela voltou, dava pra ver o biquíni entrando na xaninha dela...

- Que capo é esse, mãe?

- Hahah eu nem percebi... mas é um belo capo, né, filho?

- É, sim... por mim não precisa nem arrumar... pena que vai entrar aqui de novo e eu não vou ver mais...

Ela parou na beira da piscina...

- Olha...

Ela deu uma volta...

- Gostou? O que é melhor? O capo ou a minha bunda?

- Ah mãe, difícil saber...

- É?

Ela entrou na piscina...

- Quer pegar na minha bunda pra ver se você gosta mais?

Eu sem nem pensar levei a mão e peguei... apertei aquela bunda tão gostoso... foi um tesão... meu pau ficou duro na hora...

- Aih, filho... nem pensou duas vezes?

- É uma chance única, mãe...

- E aí, gosta mais do que?

- Ainda não sei mãe... não apalpei a frente...

- Aah safado... eu sou tua mãe, você não pode fazer isso...

- É que só assim pra eu saber, né?

- Tu ta gostando da ideia, né? Quer meter a mão na minha ppk?

- Só um pouco, pra eu decidir...

- Olha... ninguém pode saber.

Logo que ela findou de falar, eu meti minha mãe por dentro do biquíni...

- Aaahh, filhuuuh...

Ela largou um gemidinho pegando no meu ombro pra se equilibrar...

- Ta gostoso, mãe?

- Ta sim... aaah... uma delícia...

Então eu fui descendo mais minha mão, até chegar no buraquinho... eu já tava com um puta tesão... então meti o comecinho do meu dedo...

- Aih, filho... hhmm tu não pode fazer isso...

- Por que não? Ninguém vai saber mesmo.

Falei no ouvido dela, enquanto ela se apoiava em mim, gemendo e mordendo os lábios...

Então eu senti a mão dela pegando no meu pau por fora da bermuda...

- Tu ta de pau duro pra mamãe, é?

- A senhora é uma puta duma gostosa... não tem como resistir...

- Hahahah ta certo filho... uma puta... mas não na bucetinha... mete só no cuzinho, tá?

- Ta bom, vira e deixa eu arrobar teu cuzinho bem gostoso...

Ela se apoiou na beira da piscina, abrindo as pernas, olhando por cima do ombro com uma cara de safada...

Eu cheguei por trás dela e baixei um pouquinho o biquíni...

- Não acredito que sou tão puta assim... meu filho vai fuder meu cuzinho...

- Vai ser gostoso, mãe.

Abri a bunda dela com uma mão e meti o pau com a outra...

Ela fez uma careta...

- Aiiiii... cuida do meu cuzinho...

Eu meti o resto e continuei bem devagar...

- Aí... filhooo... vaiiii... be-m devagar...

Eu fiquei um tempo metendo devagar... até que ela pediu mais rápido...

- Pode meter mais rápido.. aaahhhh

Nessa hora eu comecei a me soltar mais e meter mais forte e rápido... a putinha não se aguentava... as pernas tremiam...

- Hmmn soca... so-caaa... aaah

Um tempo depois e eu não aguentava mais... agarrando o peito dela pra chegar mais perto do ouvido...

- Onde eu gozo, mãe?

- Goza dentro... enche meu cuzinho...

Noss... quando ela falou isso eu já não me aguentei... explodi dentro dela...

A gente saiu da piscina, ela ligou o motor pra limprar a água...

- E aí, filho? O que é melhor? Heheheh

- Ah, mãe, agora eu preciso comer a bucetinha pra saber...

- Mas é um safado mesmo...

- Quem sabe algum dia...

- Na bucetinha eu não sei... mas o cuzinho agora é só teu.

Mais em breve...

Siga a Casa dos Contos no Instagram!

Este conto recebeu 85 estrelas.
Incentive AninhaBoobies a escrever mais dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.
Foto de perfil de AninhaBoobiesAninhaBoobiesContos: 19Seguidores: 112Seguindo: 0Mensagem Publico alguns contos de incesto que recebo por e-mail. Não sei se são verdadeiros, alguns parecem e tem fotos. Nenhum é com menor de idade ou bizarrices, todas as pessoas desejam o mesmo, sexo.

Comentários

Foto de perfil de kzdopas48ES

Matt Stone, anal é uma "sobremesa no sexo".......sobre isso, leia meu texto sobre "SEXO ANAL SÓ É PRAZEROSO SE FOR BEM FEITO"

A

D

O

R

E

I

Votado!!!

Tenho fetiche por caminhoneiro. Dar meu cuzinho, na boleia, num posto de gasolina, às margens da BR...

Amo inversão.

Amo sexo anal [amo dar o cuzinho].

Caso você que lê meu comentário

e venha aqui no ES, e curte um amigo no sigilo, ou tenha algum amigo com "desejos" de "comer um cuzinho amigo", coloco-me à disposição.

Sigilo absoluto.

Me apresento:

Sou casado, esposa não sabe de meus devaneios, branco, liso, 55ª X 182 X 80 kg, grisalho, bi-passivo.

Moro em Guarapari-ES (dias úteis trabalho em Vitória).

Contato : Betto_vix48@hotmail.com

Repito: SIGILO ABSOLUTO!

0 0
Este comentário não está disponível
Foto de perfil genérica

Amei o seuconto, mande ma foto desta bunda que vou dar uma gozada bem gostosa para ela: euamoavida2020@gmail.com

1 0

Listas em que este conto está presente

Incesto
Contos de incesto