MINHA LOIRINHA, MINHA BRANQUINHA, MINHA IRMÃ

Um conto erótico de Oiapoque.AP
Categoria: Heterossexual
Contém 1736 palavras
Data: 16/07/2023 04:22:10
Última revisão: 04/04/2024 09:01:16

Uma menina doce, uma menina alegre, uma menina linda gostosa safadinha des de pequena e sempre foi assanhada pro meu lado quando estavamos sozinho, andava sempre só de calcinha e sem sutiã mesmo com os seios ja grandes, e as vezes até nua andava só pra mim olhar pra ela, linda hoje com 18 aninhos e com seios medios durinhos com bicos grande e rosados, assim é rasados também seu cuzinho e buceta, uma bunda grande bem redonda e empinado ou arrebitada com preferir, uma bucetinha pequena porém gordinha apesar dela ser magra e com 1;57 de altura e com 57 kg um loirinha deliciosa.

Eu já tinha avisado ela que qualquer hora dessa eu ia levá-la para o quarto e iria fazer ela me chupar e depois eu iria chupa-la toda sem exceção e depois iria comer a bucetinha e o cuzinho dela, muitas das vezes ela respondia que eu não teria coragem, e não tinha mesmo até agora até hoje, quando cheguei do trabalho, só estava minha irmã na minha cama no meu quarto deitada só de calcinha fio dental sem sutiã assistindo pornor e percebi que se tratava de um filme incestuosa, dei bom dia peguei minha toalha e fui para o banheiro tomar banho, lá no banheiro decidir que ela ia ser minha putinha e ia ser nesse momento, terminei meu banho sai enrolado na toalha fui até a sala tranquei a porta e já tirei a toalha e com o pau já duro, ao entrar no quarto joguei a toalha na cadeira ao lado da cama e falei;

EU ...é hoje minha irmã, hoje FERNANDA você vai ser minha putinha, hoje eu quero sua buceta seu cuzinho seu corpo inteiro para mim.

A FERNANDA olhou para mim sorrindo e disse:

FERNANDA ... eu também quero ser sua me faz mulher e me come igual você come sua namorada.

Aaa nisso lembrei que semana passada eu estava fazendo sexo com minha namorada e por motivo de muito tesão e um pouco de álcool deixamos a porta entreaberta e lembro da minha namorada dizer que achava ter visto alguém nos observando, mas na hora não liguei e continuei a meter na minha putinha e depois também ela nem voltou a tocar no assunto, mas isso fica pra outro relato.

EU ... então você gosta de ver o maninho fudendo a namorada né sua putinha vem cá.

Nisso puxei ela para beira da cama tirei sua calcinha percebi sua bucetinha completamente molhada e cai de boca, cheiro gostoso de bucetinha novinha, cheiro maravilhoso de sexo, eu chupava com vontade e beija os lábios vaginais e chupava seu clitóris também descia até seu cuzinho e eu abria suas pernas o máximo deixando bem aberta sua linda e lisa buceta e cu e viajava minha língua por toda parte da quele corpo, foi maravilhoso, foi lindo e prazeroso fazer minha irmã gozar mas de três vezes só chupando sua buceta e cu.

EU ... quer ser minha putinha?

Vem chupar o pau do teu irmão vem vadiazinha.

Ja à pequei pelos seus cabelos trouxe ela até meu pau, a safada com cara de putinha mesmo e feliz por eu ta fazendo isso com ela.

EU ... abre a boca e chupa, faz igual o homem do vídeo que você ta assistindo.

Ela não questionou e com muito gosto começou chupar meu pau, ali já não era minha irmã, ali era minha puta, minha cachorra, minha mulher, apartir dali ela ia aprender a satisfazer o macho dela.

EU ... isso FERNANDA, chupa seu homem.

O tesão foi aumentando e fui ficando em fúria, mas em furia de prazer, comecei a fuder sua boca como se fosse uma buceta ou um cu, ela se engasgando mas eu não parava de fuder aquela boca foi assim por uns 10 minutos, depois mandei ela se deitar de costas para mim com o corpo na beira e em cima da cama e os pés no chão, fui na minha gaveta e pequei um gel maravilhoso próprio para comer cu votei para trás dela abri sua bunda com as mãos o máximo que pude e cai de boca e metia a ponta da língua dentro do seu cuzinho além de dar tapas em sua bunda chamando ela de vadiazinha, de putinha, derramei um pouco de gel em seu cuzinho e fui enfiando um dedos, depois de um tempinho dois dedos ela gemia dizendo:

FERNANDA ... ta doendo um pouquinho maninho, você vai comer meu cu maninho? Vai doer!

EU ... cala a boca sua puta, agora eu sou seu dono, e você é minha mulherzinha, minha puta, minha vagabunda, você não quer que eu te como igual eu como minha namorada? então da prazer pro seu macho ou você vai querer perder para a vitória?

FERNANDA ... não vou perder pra ela, me come faz o que você quiser, quero ser sua também igual ela.

EU ... assim que eu gosto obediente e safada.

Tirei os dedos do cu de minha maninha pequei um vibrador que comprei no sexy shopping para usar em minha namorada, é um miniminivibrador pois bem pequenininho o suficiente para caber em uma buceta virgem, passei gel na bucetinha e lambuzei também com o gel o vibradorzinho sem fio e com controle e fui penetrando em sua bucetinha até ficar todo dentro para fazer ela ter prazer enquanto enquanto eu como seu cuzinho.

E novamente Mando ela virar de costas pra cima na beira da cama com os pés no chão e ficar com as pernas bem abertas, coloquei gel novamente e seu cuzinho e entroduzi os dois dedos de novo por alguns minutos ja usando o vibrador em sua buceta na velocidade 1, uma loucura gostosa era ver ela gemendo com vos de menina e falando que a sensação era muito boa.

Tirei os dedos passei gel no meu pau e mais ainda no cu da Fernanda, mandei ela abrir mais as pernas, posicionei a cabeça do pau na entrada de seu cuzinho e comecei a empurrar bem de vagarinho, senti quando a cabeça entrou ela gemei e gritou:

Fernanda ... aaaiii tá doendo,aiiiii maninho.

EU ... maninhoooo, agora sou seu dono, dono do seu corpo e dis seus beijos, você agora é inteiramente minha.

liguei o vibrador um uma velocidade 2 mais rápida logo ela começou gemer e eu empurrei mais uma pouco, assim metade do pau já estava dentro daquele cuzinho virgem ou melhor ex-virgem, porém gostoso, aumentei para velocidade 3 no vibrador ela gemia chorava;

FERNANDA ... aiiii, aiiiii maninho , meu cu ta doendo, aaaiiii meu donoooooo

EU ... vou tirar, você quer que eu tire?

FERNANDA ... não, me faz sua mulher sua puta, me trata e me come igual como você faz com a VITÓRIA. Não liga para meu choro ou dor, sou sua, toda sua aaaaaiiiiii.

EU ... isso sua cachorra ta aprendendo rápido, seja obediente com seu macho, vou aumentar a velocidade do vibrador, você vai gozar dando o cu pra mim.

Coloquei o vibrador na velocidade 4 e de uma vez empurrei o restante que faltava entrar nisso ela deu um grito e meio ao prazer em sua buceta ela teve seu primeiro orgasmo com o pau dentro do cu.

EU ... nossa minha cadelinha deu uma gozada ou melhor teve um orgasmo fenomenal, agora o maninho vai encher seu cuzinho de porra tá.

Comecei a fazer o vai e vem e sem da tempo a ela já liguei o vibrador na velocidade 5, fui também aumentando o vai e vem no cu da minha FERNANDA, já louco para gozar subir para cima da minha pequena maninha e comecei a fuder com força seu cuzinho e o vibrador vibrando na velocidade 5, ela gemia sem para,

Aaaaiiiii aaaaaaaiiii meu cuuuuu, meu cuuuu aiii caralho, aaaiiiii aiiiii maninho.

Aproximei a boca em seu ouvido e disse:

EU ... agora você é minha puta, e quando a vitória não puder vir dormir aqui você vai ser minha mulher e vai dormir no meu quarto, vai me da essa buceta esse cu e vai me chupar do jeito que eu quiser.

FERNANDA...aaaiii tá meu donoooo, aaaaiii amoorrrr aaaiiii tá gostosa, tá muito bom. Não estou sentindo muita dor, ta ficando gostoso seu pau no meu cu maninho

Foram mais ou menos 15 minutos fudendo esse cuzinho gostoso e quando gozei muita porra no rabo da minha menina da minha irmãzinha foi ótimo uma delicia e prazer principalmente dela ter gozado junto comigo e o orgasmo dela molhou muito sua cama, praticamente um tripo orgasmo, exausto desliguei o vibrador e, fiquei deitado em cima dela beijando seu pescoço, mordendo sua orelha e com o pau enterrado em sua bunda, até começar ser expulso pelo seu cu,

EU ... vamos tomar banho meu amor, vou cuidar de você, a noite é a vez dessa bucetinha, hoje é pra você dormir aqui comigo, depois que mãe ir se deitar tranca a porta do seu quarto e vem dormir aqui quero amar você hoje, quero encher essa boca e essa buceta de porra. Vou comprar o remédio para evitar você de engravidar.

FERNANDA ... eu te amo maninho, meu cu ta doendo um pouquinho mas eu gostei de dar a bunda pra você. A vitória da cu também?

EU ... sim dá meu amor, ainda vou comer o cu dela na sua frente e vou comer o seu na frente dela, vou ter duas putinhas pra me servir e dormir comigo aqui as duas peladinhas do meu lado.

FERNANDA ... será que ela vai aceitar?

EU ... sim, eu mando ela obedece mas ela tem prazer e fazer o que eu mando não se preocupe ela bem safadinha e gostosa igual você, vou ensinar vocês duas a fazer tudo comigo nós três dormir juntos e fazer sexo sem limites e, vou ensinar você chupar a buceta dela e ela chupar a sua bucetinha.

FERNANDA ... nossa você quer isso mesmo? Eu faço o que você mandar qualquer coisa maninho. Só não para de me amar, agora que comecei não quero ficar sem seu pau, meu gostoso.

EU ...seja sempre assim minha putinha safada, vem banhar comigo e da uma chupada no pau do maninho, quero gozar a sua boca minha vadiazinha.

FERNANDA ... ta vamos meu amorQuem gosta e pratica incesto, me diz com no email com quantos anos você perdeu sua virgindade, e com qual parente, e com quem da família vc fica ainda até hoje, vou gostar de saber

impurototal@gmail.com

INST: safadao036

Siga a Casa dos Contos no Instagram!

Este conto recebeu 49 estrelas.
Incentive Oiapoque.AP a escrever mais dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.
Foto de perfil de Oiapoque.APOiapoque.APContos: 9Seguidores: 20Seguindo: 53Mensagem Adoro uma bunda, gosto de comer cu, Inst(Nem_gds34)(@dominadorddm)

Comentários

Foto de perfil de viuvinha

Delicia de conto, querido. Em familia tem esses desejos e momentos oportunos. Narrastes bem essa tua primeira vez com a irmã. Eu sou amante dos meus dois filhos e vivo bem com isso. Espero que tua leias as narrativas de como foi. Beijocas.

0 0
Este comentário não está disponível
Foto de perfil de Lady Diva

Show de conto nessa transa com a irmã. Bem narrado e muito excitante. Especialmente no anal. Eu também tenho um primo com que brinquei quando menina. Ele era obcecado pelo meu cuzinho. E só muito anos depois, quando nós ambos já estávamos casados, ele conseguiu me sodomizar. Bjs, Val.

0 0
Foto de perfil de Loirinha gostosa

Mais um conto superexcitante! Vc é mesmo bem taradinho. Não perdoa nem o cuzinho da irmã. Rs. Fiquei feliz com teu comentário no meu. Bjus.

1 0
Foto de perfil de Professora Ivana

Meu lindo, seu conto é uma preciosidade que ocorre em vários lares da cidade. Irmão e irmã com a libido à toda. Bem narrado com riqueza de detalhes. Parabéns! Publiquei um conto recente com alunos. Espero que vc goste. Beijocas em ti...

1 0
Foto de perfil genérica

Meo!... Você é phoda com ¨ph¨. Não perdoa nem a irmazinha safada. Precisa então experimentar a Ci aqui. Rsrs. Fiquei contente com teu comentário no meu conto. Venha ler os outros também. Beijaaauuummm.

0 0
Foto de perfil de Leila fiel

Bem excitante este conto. Ameaçou e cumpriu pegando a irmã de jeito. 3 estrelas merecidas. Agradecida pela leitura e comentário no meu. Bjs babados.

1 0
Foto de perfil de Oiapoque.AP

Sempre estarei visitando a história de todas vcs obrigado

0 0
Foto de perfil de Marcela-Ba.

Olá, muito obrigada por tua presença na minha escrivaninha. Adorei o conto, bem contado e excitante. Já fiz igual a Fernanda e deixei o meu irmão me comer. Só não fiz anal ainda, mas, vai acontecer. Bezitos.

0 0