Eu minha esposa e nossa filha

Um conto erótico de joao
Categoria: Heterossexual
Data: 13/10/2018 00:30:35
Nota 10.00

Meu nome é Joao, tenho 38, sou empresário, casado com a Beatriz, 37, corretora de imóveis. Temos uma única filha, a Júlia. Vou direto ao ponto, eu e a Beatriz nos casamos muito jovens, assim que ela ficou grávida da Júlia. Apesar dos perrengues conseguimos nos estabelecer e temos hoje uma vida confortável e uma linda filha que acabou de completar 19 anos. Deixa eu descrever a Júlia, nossa amada filhinha. Ela é morena, pele cor de jambo, é magrinha, mas tem umas belas coxas e um bumbum empinado que ela puxou da mãe. Os seios dela são pequenos, mas posso dizer que há muito tempo reparo em como nossa filha chama atenção por onde passa. Ela gosta de usar shortinhos jeans, blusinhas curtas e bem apertadas. Em geral, ela e a mãe são parecidas... Mesma altura, mesma cor de pele... Os seios de Beatriz são maiores, talvez a única diferença.

De uns tempos para cá, ela começou a usar uns biquinis mais provocantes quando a gente ia para a praia e eu, no começo, ficava puto com os homens secando minha filha... No começo...

Há muito tempo eu lia contos e via filmes pornô com a temática de incesto. Como eu achava que minha esposa acharia estranho esse tipo de conteúdo, eu nunca falei nada pra ela... A gente até via filmes pornô juntos para fantasiar ou nos excitar, mas nada nessa temática... Um dia, estava sozinho entediado e resolvi procurar uns filmes de incesto da Panteras... Fiquei algum tempo vendo um que o pai comia a filha, mas nisso minha esposa chegou em casa. Apenas fechei o notebook e fui falar com ela.

Algumas horas depois, eu estava dormindo e quando acordei a Beatriz não estava na cama. Me levantei e fui até a salinha de casa onde uso meu notebook. A Beatriz estava olhando o notebook e assim que apareci já foi logo falando... "Anda vendo filminhos adultos sem mim né safado"... Eu ri, meio nervoso porque tinha deixado aberto justamente no filme de incesto que eu vi mais cedo.

Então Beatriz continuou "Olha, esse filme é de um pai que come a própria filha... Não sabia que você gostava de filmes assim... Eu sempre curti ler uns contos de incesto mas sempre Tive vergonha"... Ela falou isso tudo rindo e eu fiquei muito aliviado com a reação dela... Então expliquei que também gostava de contos e filmes assim... Nós levamos o notebook pro quarto e assistimos juntos ao filme. Fiquei por trás dela, acariciado-a e masturbando ela, enquanto víamos aquelas cenas de incesto... Aí começou uma das melhores transas que nós tivemos em muito tempo... Ela gemia alto e me chamava de papai enquanto eu meia nela meio de lado... Nós aproveitamos que a Júlia tinha ido passar o fim de semana com os avós e fizemos bastante barulho aquela noite.

Depois de fuder, ficamos ali ainda conversando um pouco sobre nossas taras e fantasias. A gente, sem saber, tinha um gosto parecido até pra contos eróticos... Rimos muito dessa situação e tudo tava bem até a Beatriz soltar "Mas você não vê esses filmes pensando na nossa filha não, ne?"

Gaguejei e respondi meio nervoso que não... Então Beatriz continuou... "Não, porque todo mundo vê que a Júlia já tá muito gostosa... o jeito que ela gosta de sair, aquelas pernas e aquele bumbum dela deixam qualquer um doido... Não me surpreenderia se até você não reparasse em algum momento"...

Naquela hora, eu não sabia o que dizer... Então respirei fundo e mandei "Olha, claro que percebo que nossa filha é uma mulher atraente e reparo também que ela chama atenção.. mas nunca faria nada com ela". Beatriz então falou "Calma, João, eu sei disso... Vamos dormir"...

No outro dia ao chegar do trabalho, Júlia já tinha voltado para casa e comia pizza com a mãe na cozinha. Me juntei a ela e percebi que Beatriz estava quase que fiscalizando se eu tava olhando para a Júlia com alguma malícia... Bem a Julia, havia chegado há pouco tempo, mas já usava uma blusinha meio gasta, sem sutiã e um shortinho branco.

Beatriz então mandou a Julia pegar alguma coisa que estava num armário alto. No que a Júlia deu as costas, Beatriz apontou para a nossa filha só com o olhar... como se mandasse eu dar uma olhada nela... Eu olhei e quando fiz isso Beatriz pegou no meu pau que já estava duro só pelo jeito malicioso que ela estava agindo...

Então ela disse "Eu sabia"... Júlia se virou e perguntou o que era. Eu estava paralisado. Beatriz apensas disse "nada não, filha"...

Mais tarde quando fomos deitar, Beatriz não fez cerimônia e foi logo dizendo. "Quer dizer que acha nossa filha gostosa né"... Eu já estava impaciente e disse "Olha, acho sim, mas isso não quer dizer nada"... Fomos dormir.

No outro dia, logo cedo Julia foi para a faculdade e estágio. Ela só voltaria a noite. Estávamos só eu e Beatriz em casa. Nós não tínhamos compromissos naquela manhã... Estava na sala vendo TV e de repente escuto um grito da Beatriz...

Subi rapidamente para o nosso quarto. Beatriz não estava lá... Então escuto outro grito vindo do quarto da Júlia. Fui lá imediatamente e não acreditei no que vi. Beatriz estava na cama da nossa filha, usando roupas da Júlia, as mesmas que ela usara na noite passada. Então ela disse "Pai, acho que vi uma barata aqui no quarto"...

Por uns instantes eu não sabia o que dizer, mas resolvi entrar no jogo. Me aproximei e perguntei onde, então Beatriz saiu da cama e se abaixou apontando para algum canto do quarto. Ela encostou a bunda no meu pau que já estava muito duro a essa altura e ficou esfregando e dizendo "Ai pai, acho que está ali". Ela insistia em me chamar de pai, então comecei a acariciar suas costas bem de leve e disse "Nossa Júlia, como sua pele é lisinha"...

Não me contive com a encenação, joguei a Beatriz na cama de nossa filha. Tirei seu shortinho e descobri que a Beatriz usava até uma calcinha da Júlia. Fastei a calcinha e comecei a chupar aquela boceta de minha esposa com muito gosto. Ela gemia e dizia "Nossa, pai... que delícia... continua... não para, PAAAI"...

levantei sua blusa e mamei nos peitos da Beatriz... Eu disse "Júlia, desculpa, mas o pai não aguenta ver você assim"...

Beatriz disse "Pai, deixa eu chupar seu pau, deixa vai..."... Botei meu pau pra fora e mais uma vez Betriz me chamou de pai. Aquilo estava deliciosamente fora do controle... Nunca pensei que eu e minha esposa faríamos uma loucura daquelas... para finalizar ainda meti na Beatriz de ladinho, chamando ela de filhinha... "Toma filhinha... Tá gostando" e ela "AI pai, continua... Sim"...

Gozamos como nunca... na cama de nossa única filha... Arrumamos nossa bagunça e, mais tarde, Julia chegou exausta do seu estágio... Deitou e dormiu como uma pedra sem nem imaginar o que eu e sua mãe tínhamos feito ali algumas horas antes...

Continua?

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
11/03/2019 23:45:03
Demais o incesto consentido é uma delicia...
28/12/2018 10:32:42
Olha a continuação da história www.casadoscontos.com.br/texto/
23/12/2018 08:15:06
Relendo para meu imenso prazer, e pergunto, terá continuação ? Aguardo ansioso.
15/12/2018 21:23:37
Claro que deve continuar... Também curto o tema...
11/12/2018 08:38:13
Um dos melhores relatos que vi neste site. Claro que continua. Nota maxina com louvor e adicionado aos meus favoritos. (fantasiasocial@bol.com.br)
29/11/2018 09:34:48
Muito bom! Não vejo a hora de ler a continuação.
11/11/2018 22:02:14
Show! Mt gostoso de ler. Vitoriapineda@outlook.com
07/11/2018 20:28:28
espero que sim
06/11/2018 01:03:55
Por favor
29/10/2018 01:01:31
Continua
27/10/2018 01:38:37
Continua
19/10/2018 08:18:51
continuação
16/10/2018 14:44:40
...
14/10/2018 14:19:27
Delicioso
14/10/2018 01:46:30
Estou com a continuação a caminho ...
14/10/2018 01:38:09
Maravilhoso!!! Continue!!!
13/10/2018 21:46:38
Nossa! Demais! Já que sua filha já tem mais de 18 anos, mete a Rola logo nela. Com certeza, tarada e puta como sua esposa está se mostrando, sua filha também já deve estar trepando muito por ai!!!
13/10/2018 19:17:25
Adorei o conto, doido pra ver a continuação deste conto, quero ver a maravilha de asa esposa e filha. Manda fotos dessas li da mulheres. wellsoares06@gmail.com
13/10/2018 10:38:54
muito bom continue por favor e leia meus contos vai gostar, adorei imaginar sua filha muito gostosa
13/10/2018 09:02:08
Continue, com certeza.