Casa dos Contos Eróticos

Isabella – A policial mais gata e gostosa =D - Capítulo 43

Um conto erótico de Pekenina
Categoria: Homossexual
Data: 10/10/2018 18:56:42
Nota 10.00

Olá galerinha! Manu aqui =D

Desculpa pelo sumiço, tivemos as eleições ai nesse fds que passou e eu trabalhei nas eleições e depois Isabella ficou doente, então fiquei cuidando da minha mulher nesses dias, por isso andei sumida.

Mas agora voltei. Vamos lá!

Acordei no dia seguinte 06h, minha morena estava dormindo toda linda, fui tomar banho afinal tinha que trabalhar. Tomei meu banho, voltei para o quarto bem devagar para não acordar meu bb.

Quando cheguei no quarto minha morena estava acordada, com aqueles olhos azuis enormes me olhando.

Eu: Oh minha morena, já acordada. É cedo minha morena, vai mimi, está friozinho daqui a pouco sua mãe está por aqui para ficar com você enquanto eu trabalho.

Isa: Ah Mô não consigo dormir sem você. Preta você tem que trabalhar mesmo? – Perguntou ela com uma vozinha de manha.

Eu: Oh meu denguinho, mas você precisa descansar. Preciso minha morena, eu fiquei afastada o tempo que sofri o acidente.

Isa: Poxa queria ficar agarradinha em você. – Disse ela fazendo biquinho

Como não galerinha minha morena. Toca a campanhia vou atender era minha sogra.

Eu: Bom dia sogra! Tudo bem? – Falei cumprimentando ela.

Sogra: Oi Manu! Tudo e você como está?

Eu: Que bom. Estou com um pouco de sono, não consegui dormir direito preocupada com Isabella bater a costela em mim.

Sogra: Oh minha linda. Agora vai trabalhar com sono né. Você é um anjinho que entrou na vida da minha filha, o que você fez e faz por ela não tem preço. Sou muito agradecida por Deus ter colocado você na vida da minha filha.

Eu: Eu vou sim sogra, mas é por uma boa causa. Obrigada sogra, fico muito feliz por você me aceitar com sua nora. Que isso faço tudo isso por sua filha porque eu amo ela de verdade, com ela minha vida ficou muito mais feliz. Também sou muito agradecida por sua filha ter entrado na minha vida.

Sogra: Você é muito boa Manoella, minha filha está muito mais feliz e alegre com você. Você faz ela se sentir bem amada e isso que me importa.

Eu: Faço o que posso para fazer sua feliz. Agora preciso ir sogra se não vou chegar atrasada. Os remédios da Isabella está todos na cabeceira da cama e cada um com o seu horário, qualquer coisa que você precisar pode me ligar não precisa ficar com medo não minha chefe já está sabendo do acontecido.

Sogra: Pode deixar Manu. Vai trabalhar sossegada que Isabella conheço muito bem é manhosa desde pequena, mas eu sei lidar com ela.

Voltei no quarto para me despedir da minha morena e pegar minhas coisas e partir rumo ao trabalho, mas com a cabeça na minha princesa. Cheguei no trabalho e encontrei com a Dani.

Dani: Oi minha pretinha! Como você está? – Perguntou ela me dando um abraço.

Eu: Estou bem miga, só com pouco de sono não conseguir dormir direito a noite.

Dani: Porque minha pretinha? Esta tudo bem com a Isa? – Perguntou ela toda preocupada.

Eu: Graças a Deus ela está bem. É que não dormi direito com medo dela bater a costela em mim e machucar mais.

Dani: Oh meu Deus como essa minha miga é cuidadosa demais com minha cunhada. – Disse ela me agarrando.

Eu: Ah loira tem que ser né, afinal é a saúde da mulher da minha vida. – Falei com uma carinha de boba.

Dani: Ai minha pretinha está realmente amando. – Disse ele me cutucando.

Eu: Sim miga, sua cunhada me fisgou literalmente e depois do acidente dela só tive mais certeza que é com ela que quero passar o resto da minha vida.

Dani: Ai que lindo amiga. – Disse ele apertando minhas bochechas.

Eu: Ai que vergonha miga. Loira o que vai fazer depois do trabalho?

Dani: Eu vou encontrar o Arthur vamos ao cinema, por quê?

Eu: Ah, não é como toda essa correria não tive tempo de te contar uma novidade, ia te chamar pra gente almoçar para eu te contar.

Dani: Claro que vamos meu amor, ligo para o Arthur e marcamos pra mais tarde.

Eu: Tem certeza loira? Não quero atrapalhar vocês.

Dani: Sim pretinha, porque vou ter que esperar ele chegar do trabalho de qualquer jeito.

Eu: Está bem loira.

Terminamos de nos trocar e começamos nosso plantão de segunda-feira, mas uma semana se iniciava. Foi uma segunda bem movimentada, vários exames para processar, quase que não paramos. Terminamos nosso plantão, fomos no vestiário nos trocarmos e fomos almoçar no restaurante ali perto mesmo no caminho liguei para minha sogra para avisar que iria almoçar com a Dani, mas que não ia demorar.

Chegamos no restaurante escolhemos uma mesa mais de canto, eu e Dani sempre gostamos de sentar bem sossegada um lugar onde não fica passando um monte de gente. Fizemos nossos pedidos e ficamos aguardando conversando.

Dani: Diz ai minha pretinha qual a novidade. – Disse ela curiosa

Eu: Então loira você mais que ninguém que faz 2 anos que eu e a Isa estamos namorando, ela mais fica em casa que no apartamento dela, então chamei ela para morar comigo. – Falei com uma carinha de boba.

Dani: Serio miga? Não acredito que minha pretinha vai morar junto a mulher da vida dela. – Disse ela toda contente.

Eu: É seríssimo loira. Eu fiz o convite para ela no dia que aconteceu todo aqui com ela, antes da irmos para boate.

Dani: E ai o que ela disse? – Perguntou Dani curiosa.

Eu: Ela disse que sim, mas perguntou se eu não estava brincando com a cara dela.

Dani: Isa toda receosa né.

Eu: Sim, eu disse que não era brincadeira e era o que eu mais quero neste momento é morar com ela.

Dani: Ai miga estou muito feliz por vocês sabia. Vocês formam um casal muito lindo.

Eu: Obrigada pela força loira, você sempre me ajudando. Também fico muito feliz por você e meu cunhado estarem se dando muito bem.

Dani: Que isso sabe que pode contar comigo sempre minha pretinha. Ai Manu ele tudo de bom super fofo, carinhoso, atencioso, respeitador. Estou nas nuvens com ele, acho que é de família.

Eu: Tenho outra coisa par te contar loira. Acho que você vai brigar comigo, mas já foi.

Dani: O que você aprontou Manoella? – Perguntou ela já com a cara séria.

Eu: Não sei se você ficou sabendo que a Laura deu entrada no hospital essa noite?

Dani: Fiquei sabendo sim, não vai me dizer que você tem haver com isso? – Perguntou ela com a cara fechada.

Eu: Sim tenho loira, fui eu que dei uma surra nela. Estava com muita raiva pelo o que ela fez com Isabella.

Dani: Sei que não é certo miga, mas ela mereceu e se eu estivesse junto bateria nela também. Mas tenho medo de você ser pega miga.

Eu: Não loira, relaxa fiz tudo calculado.

Dani: Espero que sim senhorita Manoella.

Nossos pedidos chegaram, comemos e na hora que estávamos saindo meu cunhado me ligou para avisar que a policia pegaram as câmeras do lado de fora da boate e viram que foram Laura que agrediu a Isabella e que uma intimação deve estar chegar na casa da Laura para comparecer na policia.

Continuaa...

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
16/10/2018 20:47:21
Obrigada Bee20 =D Claro que não fiquei, você está me dando um toque para melhor o conto, relaxa. Toda opinião é muito bem vinda.
14/10/2018 01:01:50
Amo sua historia, posso te dar um toque?! Evita repetir muito as palavras em uma frase.. O texto ficaria muuuito melhor n se tornaria cansativo e repetitivo de lê, não sou prof de português e nem nada.. Espero que nn se chateie .. Um beijoooo 😙❤❤❤
12/10/2018 22:58:11
Obrigada claudia 31 =D
11/10/2018 18:17:11
Maravilhoso como sempre