Quero Somente Você 29

Um conto erótico de miih *-*
Categoria: Homossexual
Data: 09/05/2018 00:56:17
Nota 10.00

******** miih on *****

ficamos o voo todinho juntas, curtindo uma a outra, não estamos falando nada só abraçada e se beijando, não sabia o que falar só quero por essa menina nos meus braços e protege-la para sempre, estamos chegando ao Brasil quando a duda começa a puxa assunto

Duh_ por que tu está voltando para o Brasil? - ela ainda estava abraçada a mim

Eu_ micaelly me ligou falando que minha mãe está no hospital muito mal - sentou e ficou me olhando

Duh_ nossa, o que ela tem? - voltou a se abraçar a mim

Eu_ não sei ainda, ela só falou que minha mão não está bem e que era pra mim ir direto para o hospital

Duh_ nossa... assim que a gente sair do avião tu liga pra sua irmã - ela sentou novamente e começou a mexer no celular e eu fiquei a olhando até chegamos no Rio de Janeiro, ela saiu mexendo no celular com uma mão e segurando a minha mão com a outra mãos saímos do aeroporto e meu irmão estava na porta me esperando, achei estranho porque tinha marcado de encontrar com ele no Espirito Santo

Lorran_ oi maninha - veio me abraçando forte, estava com saudades dele

Eu_ o que tu tá fazendo aqui?

Lorran_ vir busca vocês duas - olhou para duda - olá ruiva, como você está?

Duh_ oi Lorran, estou bem e você ?

Lorran_ estou bem, vamos? - falou abrindo a porta do carro

Eu_ o voo só sai daqui duas horas, pra onde vamos?

Lorran_ vamos de carro

Eu_ tá doido, mamãe precisa dá gente cara, o mais rapido posivel

Lorran_ entra logo antes de te mato - ele colocou a mão em algo que estava em sua cintura, parecia uma arma, a duda também olhou e apertou mais ainda a minha mão

Eu_ pode mata, sei que não tem coragem - falei olhando em seus olhos

Duh_ tá doida Michele

Lorran_ tu não cai mais nessa né?

Eu_ claro que não, seu idiota kkkkkk - nos dois caimos na risada e a duda ficou sem entender

Duh_ o que tá acontecendo

Eu_ é uma arma de brinquedo, ele sempre faz isso comigo e no final dispara a água toda da arma em mim quando entro no carro de boa

Duh_ vocês dois são idiotas em affs - entrou no carro bolada

Lorran_ vishe!! se fudeu - falou rindo e me ajudou a colocar as malas no no porta-mala - senta atrás com ela se não ela mata nós dois - fiz isso, o caminho todinho ela ficou calada e eu sempre perguntando o porque de ele vir me pegar, perguntei o que tinha acontecido com minha mãe e outras perguntas que ele só respondia '' te conto mais tarde '' ... desistir de perguntar e mandei ir pra casa do caralho, teve certo momento que encostei minha cabeça na duda e dormi um pouco, tipo um pouco não, dormi muito mesmo quando acordei estava no meu quarto na casa da minha mãe levantei no susto e desci procurando alguém, não tinha ninguém peguei o celular e tentei ligar pra alguém mas todos os celulares estavam desligados, subi pra tomar um banho e desci novamente pra pega qualquer carro e ir para o hospital, não tinha nenhum carro na garagem

Eu_ Que porra é essa que está acontecendo ?!? - falei comigo mesma, liguei para um uber e fiquei esperando um pouco, Zeus chegou até a mim com um papel na boca peguei o papel li enquanto brincava com ele " CHEGA AQUI NA SALA DE FILMES.. TU NÃO VAI SE ARREPENDER " fui até lá,a duda estava no sofá de frente pra televisão parece está vendo algum filme, eu fiquei a olhando quando ela percebeu me olhou e deu o sorriso mais lindo que eu tinha visto hoje.. ela estava toda moleca, cabelos em um coque mal feito mas que a deixava mais linda com aqueles fios solto, sentada no sofá com as pernas dobradas tipo borboletas, blusinha regata branca bem coladinha ao corpo percebi que está sem sutiã e uma box feminina também branca, ela levantou bem devagar parecia que vinha em câmera-lenta até a mim, pegou em minha mão me levanto até o sofá ( quando ela virou de costa para mim ooh vontade de dá um tapão em sua bunda ) ela sentou no sofá e eu na mesinha de frente a ela, as duas não tinha o que falar só estava olhando uma a outra, coloquei minha mão atrás da nuca dela e a puxei para mais perto, dei um beijo em sua bochecha esquerda e outro na direita, aproximei minha testa da dela e fiquei passando meu nariz no dela, ela ficou rindo e eu sorri por ver ela rindo de uma coisa bem boba.

Dudah_ eu te amo tanto - falou sem se afastar

Eu_ eu tamb.. - colocou seu dedo indicador em meus lábios

Dudah_ não quero que me fale nada, só quero que ouve, não dá pra mim te falar o quanto te amo, não dá pra mim demonstrar o quanto mas eu sinto miih, esses anos todos não tinha um só dia que eu não pensava em ti, não tinha um só dia que eu não lembrava o quanto eu te amo, todos esses dias eu só queria está assim com você, desse jeito bem juntinha, sei que tu não é de melação mas eu estou amando está assim contigo, ver teu sorriso novamente, eu te amo tanto miih, queria que tu soubesse como eu te amo, mas não dá pra te mostrar, não dá pra tu saber o quanto mas tá aqui ooh - ela colocou a mão no peito em cima do coração - chega até doe mas é uma dor boa.. quero dizer para todo mundo que eu te amo - ela colocou de cada lado do meu rosto uma de suas mãos - porra Michele eu te amo cacete - Ela me puxou para um beijo, senti sua língua em minha boca, sua mão atrás da minha nuca passando as unhas me fazendo arrepiar, fui deitando ela no sofá e eu por cima sem para de beija-la, sua mão foi passando por todo o meu corpo até minha bunda e ela apertou, fui parando de beija-la devagar e com varios selinhos

Eu_ sabe duh - falei só levantando um pouco do corpo e a olhando nos olhos - se tu abri o coração vai saber que não tem nada lá, é só um pedaço de carne dentro do seu corpo - Ela me deu um tapão na bunda

Duh_ para de estraga o clima miih - falou rindo

Eu_ eu te amo ruiva - voltei a beija-la, ela foi tirando minha blusa, a puxei pra sentar no meu colo no sofá, ficamos se beijando mais um tempo até ela se levantar e ir ao celular (o vontade de bater nela) mexeu um pouco e depois foi a tv e conectou o celular colocando uma musica pra tocar (skin-Rihanna) ela veio andando em minha direção devagar, chegou na minha frente virou de costa para mim e começou a dançar lentamente.. mds <3 coração foi a mil, ela sentou no meu colo de costa para mim , colocou suas pernas no sofá e suas mãos nos meus joelhos, rebolava no ritmo da musica.. passei a mão em sua bunda mas ela parou de rebola

Duh_ se toca de novo quebro tua mão - nossa ela é super carinhosa.. ela começou tudo de novo, só que agora levantou o corpo e sem para de rebola tirou a blusa, virou de frente pra mim sentada no meu colo e me beijou, colocou a mão na minha nuca e puxou meus cabelos levemente para trás, desceu beijando meu pescoço e foi subindo beijando e mordendo, mordeu de leve minha orelha esquerda - Prefiro você sem roupa - falou desabotoando meu short saiu do meu colo e o tirou, me puxou pra ficar em pé, ela me deixa doida com o seu beijo, sem para de me beijar ela foi tirando meu sutiã e eu a sua blusa e a box, ela voltou a me beijar e depois foi descendo.. passou a língua no pico do meu seio esquerdo.. começou com beijos, lambidas e chupões com vontade, respirava fundo as vezes gemia baixinho elas descia beijando minha barriga subiu novamente -De quatro no sofá agora - obedeci rapidamente.. ela puxou os meus cabelos e deu um tapa na minha bunda, respirei fundo e gemi de dor, mas foi uma dor gostosa, ela começou a me chupar, e eu rebolava cada vez mais, estava doida para gozar, ela enviou dois dedos de uma só vez me fazendo gemer alto, fazia movimentos rápidos com os dedos

Duh_ geme pra mim meu amor - disse no meu ouvido e foi aumentando o ritmo, estava quase gozando quando ela parou tirou os dedos de minha ppk e me virou rapidamente para ficar sentada no sofá ( não sei da onde ela tirou tanta força ) me puxou para beija-la quando fiquei mais relaxada ela colocou três dedo de uma única vez e foi logo aumentando a velocidade me fazendo gemer o mais alto, ela brincava com meu clitóris me beijava, ela foi descendo os beijos e mamou em meus seios, isso me levou ao céus, gozei como nunca tinha gozado antes, meu corpo relaxou de uma forma que parecia que eu tinha trabalhado anos é esse foi o dia de descanso..

Duh_ ei meu amor, te machuquei ?

Eu_ só no início, mas depois me acostumei - dei um beijo em sua testa e ficamos abraçadas, aí eu lembrei da minha mãe - duh eu preciso ver minha mãe, quero saber o que ela tem

Duh_ vai lá tomar um banho que eu vou arrumar aqui tá - só afirmei com a cabeça e dei um beijo nela e subi, quase caindo mas cheguei lá.. tomei banho e coloquei só um vestido azul que vai até o meio da coxa e um chinelos havaianas, desci pra me encontra com ela, mas chegando na cozinha tinha um monte de pétalas de rosas azuis 😍 segui o caminho que elas formavam, levavam até ao jardim, chegando lá todos da minha família estavam lá, até minha mãe.. continuei seguindo as pétalas que me levaram até a Duda, ela estava com um vestido também azul só que longo com a abertura lateral, mostrando aquelas coxas maravilhosas, ela estava bem no centro do jardim e logo que me viu começou a falar no microfone

Duh_ bom meu amor, você deve está confusa - só afirmei com a cabeça e meus olhos já se encheram de água - vou te contar do começo, a mais ou menos dois menos eu entrei contato com sua família e eles me apoiaram a fazer isso tudo pra ti, sem tu sabe, não era pra mim ter te encontrado no aeroporto, mas a minha linda cunhada fez o favor de confundir as datas e te contou uma mentirinha antes da hora, tive que fazer a correria toda pra tentar te enrolar ao máximo possível pra fazer isso, mas agora que deu tudo certo eu estou aqui pra te disse o quanto te amo, o quando te quero para o resto da minha vida, sem você Michele, eu fico sem rumo, você é tudo que tenho de mais precioso, dou a minha vida por ti, você me faz bem, sempre fez, a nossa história não aconteceu só de quatro anos pra cá mas sim desde pequenas, nosso amor é tão grande que mesmo depois de anos nós duas estamos aqui juntas de novo - ela falou e foi chegando mais perto, nem sei se eu tinha coração mais, já nem estava mais sentindo ele bater - eu sei que posso te fazer feliz e estou aqui pra isso, na frente de todos que estão aqui, Michele Nascimento você aceita se casar comigo ? - meu coração parou, tenho certeza, eu tô sonhando? Alguém me acorde por favor?? Que brincadeira é esse??!? Apoio meu core Será que é alguma pegadinhas, passava milhares de perguntas na minha cabeça e eu não sabia responder nem uma até que ela me chama a atenção de novo - meu amor !? Está tudo bem - o sorriso sumiu do seu rosto

Eu _ sim eu aceito 😍😱 - seu lindo sorriso apareceu novamente, ela veio e me beijou colocou o anel de noivado em meu dedo e logo minha família e amigos nos deram parabéns

***** Continua *****

Voltei, desculpa a demora, aconteceu várias coisas aqui mas agora estou de volta.. pretendo posta pelo menos uma vez na semana.. bjs meninas, estava com saudades de vocês

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
20/11/2018 22:43:19
Nossa volta a posta logo eu amo a sua história
23/08/2018 08:44:17
Muito bom, o ruim é só a demora kkkkk continua
09/06/2018 01:23:29
Uuoouu continuar logo Cara vc mora no mesmo estado que eu Amei seu conto. Continua logo bom vou te dá 10. Mais vc merece muito mais tá d parabéns