Ganhei um boquete da colega e virei refém 1

Um conto erótico de Kurioso
Categoria: Heterossexual
Data: 01/04/2018 01:22:50
Nota 10.00

Oi pessoal esse é meu primeiro conto, então vou me apresentar. Sou um cara baixo 1.70 moreno claro, corpo em dia e sempre fiz certo sucesso com a mulherada. Sou casado, tenho 35 anoas, filhos e uma mulher bonita e muito fogosa. Sempre gostei de ser dominado e minha esposa adora isso. Vamos ao caso. Tenho uma colega que é minha assistente. Ana é seu nome. Não menosprezando mas ela não tem um tipo físico atraente. Grande com 1.85m e pesando acredito uns 120kg nada me atrai e ainda sendo muito maior que eu sempre tivemos a liberdade de falarmos de nossas intimidades e de nossas preferências. Ela sempre me disse que não curtia homens pequenos pois também gostava de ser dominada. Por termos liberdade sempre brincávamos falando algumas sacanagens um para o outro. Certo dia eu estava saindo do trabalho e ela estava atrasada para a aula e eu gentilmente ofereci uma carona e ela aceitou. Disse ter uma prova importante e eu era a salvação dela. Como de praxe não perdi a oportunidade da brincadeira e disse a ela na despedida que ela tivesse sorte e que estava me devendo um boquete. Ela riu mas para minha surpresa ela agarrou meu pau e começou a sovar por cima da roupa, encostou os labios na minha orelha e disse:se eu for bem na prova engulo até tuas bolas.

Me arrepiou aquilo. Ela lambeu minha orelha, deslizou a lingua pelo meu rosto, chegando nos lábios e lambeu eles de cima a baixo. Fiquei imóvel. Não tava acreditando. Quando fui reagir ela apertou mais meu pau e me disse: me beija porra. Eu simplesmente obedeci. Que beijo foi aquele. Fui pea casa explodindo de tesão e sem enentende como aquilo estava acontecendo. No dia seguinte ela me tratou normalmente como se nada houvesse acontecido e assim pelos próximos dias. Certo dia entrei na sala durante o almoço e ela estava sozinha me olhou e disse: tenho uma noticia pra te dar, fui muito bem naquela prova. Gelei na hora. Mas na boa uma chupada não da pra recusar jamais. Ela pediu pra me sentar e montou em cima de mim, eu realmente fiquei preso devido ao tamanho e peso dela. Me olhou e disse:

- vou cumprir o prometido.

Começou a me beijar e eu so pude corresponder, pois so pensava naquele boquete. Ela arriou minhas calças ficou frente a frente com meu pau e disse:

- esperava algo maior, mas como prometi.

E engoLiu meu pau numa bocada só com as bolas juntos. Me senti humilhado por ela ter menosprezado meu membro. Não é grande mesmo, mas eu não sou um cara grande. Só que o prazer que eu estava sentindo me fez engolir o orgulho e somente sentir aquele prazer. Ela realmente sabia o que estava fazendo. Mamava com maestria. Sugava a cabeça, subia e descia enquanto enquanto lambia. Ao mesmo tempo massageava minhas bolas. Pelo medo de.algum colega entrar o tesão aumentou e eu já estava quase gozando em.menos de dez minutos. Avisei que ia gozar e ela começou a sugar com mais vontade. Gozei muito. Ela continuou sugando mesmo eu pedindo pra parar. Chupou até meu pau amolecer. Eu não tinha mais força de tanto prazer. Ela montou sobre mim me agarrou a cabeça e mandou eu abrir a boca, estava tão extasiado que abri e ela encheu minha boca de saliva com minha própria porra me beijando. Quando me dei conta tentei relutar mas estava sem forças e ela era muito grande em cima de mim. Pensei em cuspir na cara dela ou para o lado mas antes mesmo de eu fazer isso ela me agarrou o pescoço com uma mao e com a outra apertou minhas bolas. E balançou a cabeça dizendo para engolir. Aquela altura já não tinha mais como fazer nada só obedeci. Como um bom servo fiz o que gostava que era ser lacaio de uma dominadora. Ela saiu de cima de.mim e me.mandou sair. Me vesti e fui embora. Mais tarde ela me liga no meu ramal e me diz:

- oi, gostou? Quer mais?

- oi, eu eu... -Fiquei sem resposta.

- amanhã na minha sala no mesmo horário.

- ta bom.

- mas desta vez tu também tem que fazer algo por mim.

Desligou antes de eu dizer qualquer coisa. No proximo conto continuo como fui me meter na pior enrascada.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
04/04/2018 00:28:20
Uaaaaau!!!! Começou interessante!!! Continue!!
01/04/2018 20:57:16
Maravilhoso gatas vamos tc chama no whats....ONZE.NOVE, SEIS, NOVE, NOVE, SETE, TRÊS, SEIS, NOVE,NOVE MARCOS BJS NAS PEPECAS..
01/04/2018 16:02:54
Amei Vitoriapineda@outlook.com
01/04/2018 07:41:55
Conte logo.
01/04/2018 02:19:41
Excelente conto
01/04/2018 02:17:18
Gostei, parece que essa historia ainda vai longe :) Vou te dar uma nota 10 para você já começar bem :) Quando tiver um tempinho de uma lida nos meus contos também e não esqueça de deixar um comentário dizendo oque achou :D https://www.casadoscontos.com.br/perfil/170854