Entrei na casa da vizinha

Um conto erótico de Ksallsapek
Categoria: Heterossexual
Data: 27/04/2018 14:58:34
Nota 7.67

confesso que ja entrei na casa da minha vizinha para cheirar as calcinhas dela e gozar também.

Meu nome é Alex, tenho 26 anos e sou casado .

Tenho uma tara por calcinhas, sempre que tive oportunidade, cheirei.

Acontece que na casa que eu morava, era uma vila. Quem alugava era uma idosa, Morava duas vizinhas ao lado, uma solteira e uma casada. Eu sempre olhava as calcinhas delas no varal e quando eu estava em casa de folga sozinho e como as vizinhas trabalhavam eu gozava olhando para elas. Até que elas se mudaram e por intuição sabia que iria aparecer outras bem gostoso com suas calcinhas que dariam tesão em goza pra elas.

Ate que veio morar um casal, uma coroa muito gostosa, o marido saia para trabalhar de manhã cedo e ela também. E iriam entregar algumas coisas lá na casa e eles me pediram para fica com a chave e receber, bem no dia que minha esposa iria na casa da minha Sogra, não aguentei e fui e entrei na casa para procurar calcinhas sujas com o cheirinho da buceta dela. Achei várias dentro do cesto, mas tinha uma enroladinha quando eu abrir ela estava ainda úmida e com um cheiro de gozo de buceta ela tinha ficado muito molhada com aquele calcinha sem dúvida ela tinha usado ela ontem a noite foi um tesao, cherei e gozai bastante, eu gozei e não limpei nas calcinhas, deixei elas cheias de porra. Depois de uns 30 minutos chegaram as coisas que iriam se entregue na casa eram uns moveis. Depois os vizinhos me agradeceram por fica e receber falei que isso pode contar com migo a hora que quiser se eu estive de folga vai ser um PRAZER ajuda vcs. No outro dia notei que a coroa gostosa me olhava diferente e ficou mais falante com migo puxava mas papo principalmente quando eu e ela estávamos só quando o seu marido estava fora e minha espoasa. E comecei a notar que ela começou a deixa o cesto de roupas sujas do lado de fora quando ela estava em casa. Fiquei curioso em saber se teria uma calcinha usada como aquela que eu tinha achado como aquela molhadinha.

Então no dia que achei que ela não estava em casa pq tinha ouvido o portão batendo e corri pra o cesto quando comecei a mexer no cesto ela tinha deixado uma toda enroladinha bem no cantinho era bem pequena vermelha e estava bem molhada e com um cheiro forte de gozo de mulher parecia que ela tinha colocado ela hoje ali ainda dava pra sentir o cheiro fresco.

De repente quando vou saindo com a calcinha no bolso ela abre a porta da casa dela e fala Olá vizinho espero que traga ela do mesmo jeito que deixou as outras mas quero essa fresquinho do mesmo jeito que deixei pra vc.

Nossa na hora fiquei em choque e de pau duro de tesão em saber que ela gostava da sacanagem e ficamos nessa por um bom tempo ela não queria trai o seu Marido só queria uma sacanagem que não colocasse ela e nem ninguém um perigo. Sempre entregava as calcinha dela recheada de gozo com muita vontade e deixa ela no mesmo lugar e fazia um sinal pra ela saber que tinha deixado o leitinho que ela queria o quando eu entrava logo em seguida ela saia e ia até o cesto e levar o cesto de volta pra dentro.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
01/05/2018 23:23:57
Muito bom!
28/04/2018 20:29:11
Hehe já bati muita pueta com calcinha em volta do meu cacete. Mas nós moleque já acha é forma de bater uma pueta diferente e gostosa. Pensei q vc ia comer a vizinha, vc deu mole cara, eu tinha deixado ela o bagaço.
28/04/2018 06:05:05
Delucia
28/04/2018 02:26:12
Muito bom