Meu Primo Tarado e Tesudo

Um conto erótico de Docecomomel(Ihgata)
Categoria: Heterossexual
Data: 03/04/2018 14:39:14
Nota 10.00

Meu Primo Tarado e Tesudo

Meu primo sempre foi um rapaz que tinha muitos amigos, eu sempre participava de reuniões entre seus amigos e sua noiva jamais pensei que poderia ocorrer algo tão marcante e gostoso entre nós.

Meu primo morava próximo a nossa casa eu como uma jovem estudante sempre precisava realizar algum trabalho e a internet de nossa casa era muito lenta então meu primo que é uma pessoa muito legal falou que eu poderia usar a internet da casa dele.

Meu primo se chama Lucas tem 30 anos é noivo é forte pois trabalha com pesado e além disso malha muito eu admiro muito ele, sinto tesão por ele quando o vejo sem camisa fico imaginando como ele deve ser gostoso na cama, mas como eu sou prima fico apenas na imaginação quem deve passar bem é a noiva dele que sempre vem dormi na casa dele em finais de semana e feriados .

Então eu ficava só imaginando e sempre na solidão do meu quarto batia siririca chamando pelo nome do meu primo o meu adorado e desejado Lucas.

Então Lucas me deu a chave de sua casa , mas falou que eu poderia ir só quando ele não estivesse em casa afinal como homem solteiro e morando sozinho poderia ter fofocas pela vizinhança.

Assim eu concordei e quando precisava eu ia até a casa dele.

Assim naquela tarde de sexta-feira eu fui até a casa do meu primo fazer uma pesquisa pois teria que elaborar um trabalho e imprimir para entregar na segunda feira na primeira aula.

E assim eu fiz deitei em sua cama macia pequei meu notebook conectei e fiquei deitada navegando pela web, o tempo passou escureceu meu primo chegou do trabalho e eu nem percebi.

Quando ele entrou falou opa ainda por aqui Mariana?

-Oi primo estava aqui navegando que nem percebi como o tempo passou e já está escuro!

-Pois eu vou tomar um banho rápido que já estou de saída. Oh primo você nem bem chegou já vai sair?

-Pois é Mariana vou sair com minha noiva hoje é dia de se divertir.

-Ah sei eu disse sem graça.

-Foi ai que ele me perguntou e você prima não vai sair com seu namorado?

-Hoje é dia de namorar gostoso e fazer sexo...Muito sexo!

-Oh primo para de me zoar sabe que não tenho namorado apesar da idade que tenho!

-Verdade prima e porque não arranja um namorado?

-E porque eu gosto de um alguém e ele não gosta de mim.

-Oh prima investe você é uma moça muito bonita apesar de ainda ser um pouco criança.

-Não sou criança assim primo você também está exagerando, digo uma coisa eu sei muito bem tudo sobre a vida e sexo.

-Ah é sabichona sabe o que? Sabe que posso transar com você mesmo sendo minha prima?

-Sei sim...mas não sei se isto vai acontecer.

Foi aí que meu primo saiu e foi tomar seu banho quando ele voltou do banho eu estava desligando meu notebook e arrumando as coisas numa bolsa quando me virei ele estava parado na porta do quarto enrolado apenas numa toalha.

Olhei para ele sem graça pois percebi como ele estava excitado.

Quando eu terminei de arrumar minhas coisas ele veio para perto de mim e me deu um beijo no canto da minha boca eu fiquei surpresa, mas nada disse. Eu ia saindo quando ele segurou pelo meu braço e falou espera vai embora agora não , ficou com medo de mim?

-Não tenho medo de você não!

-Ele perguntou se eu aceitava um copo de bebida?

-Não tenho habito de beber primo ,mas vou aceitar afinal já estou indo para casa, hoje minha mãe está de plantão.

-Ah quer dizer que hoje você está só em casa?

-Só até painho chegar da fábrica meia noite.

-Ele olhou no relógio e resmungou algo assim falta tempo demais, foi ai que meu primo se afastou ficou na minha frente tirou a toalha ficando só de cuecas, vi que seu pau estava todo teso de duro, tentei não olhar mas era algo impossível de desviar meu olhar daquela visão maravilhosa.

Senti minha pepeca latejar afinal eu sou normal como toda jovem.

Foi ai que ele veio segurou em minha mão e puxou-me para sentar a seu lado na cama e começou a me fazer carinhos.

Logo suas mãos foram descendo para o braço, depois ele me abraçou e ficou apertando-me entre seus braços ficamos um tempão assim parados apenas percebendo as sensações de nossos corpos..

De repente recebo um beijo na boca fiquei toda arrepiada. Daí ele começou a me beijar com mais vontade ai veio passar a mão nos meus seios foi ai que eu empurrei ele.

Ele não parava e veio com uma das mãos enfiar dentro do meu short eu pedi para ele parar mais ele veio com muito carinho e me disse no ouvido com a voz bem baixa que eu era muito gotosa que queria apenas mais um beijo.

Pois já estava louco de tesão!

Eu dei o beijo e ele foi me envolvendo em um abraço suas mãos deslizavam pelo meu corpo eu não tinha força e não queria resistir a seus carinho eu sempre pensei nele como homem, eu sentia desejos por ele foi ai que eu me deixei levar e quando percebi ele estava com a mão enfiada no meu short alisando minha xoxota que já estava bem meladinha.

Eu estava toda molhadinha, uma sensação ótima...eu me sentia viva meu corpo estremecia com espasmos de puro tesão.

Foi ai que ele me deitou tirou minhas roupas eu toda nua em sua cama sem esboçar nenhuma reação a não ser tesão, foi quando ele veio por cima abriu minha blusa, me chupou gostoso, passava a língua nos meus seios e me fazia delirar, tirou meu short junto com minha calcinha.

Eu estava pelada na frente dele. Ele veio com a boca descendo pelo meu corpo inteiro e me chupou deliciosamente minha xoxotinha, meu cuzinho piscava, cada passada de língua eu soltava um grito abafado, que parecia mais um urro de algum animal ferido.

Gozei como nunca em sua boca, meu primo me chupava e lambia-me toda eu sentia sua língua gulosa me fazer estremecer. Foi assim que ele saiu de cima de mim tirou sua cueca e foi ai que vi como seu pau era grosso ele veio ficou em pé de junto da cama e me ofereceu seu pau para eu poder chupa-lo.

Eu não hesitei e segurei seu pau que quase não cabia nas minhas mãos e levei até a boca era o meu primeiro boquete com ele, ainda meio sem jeito eu o chupei enquanto ele pedia para não parar, foi gostoso mas tinha dificuldade pois seu pau era grosso cheio de veias. Mas eu soube deixa-lo bem aceso com muito tesão foi ai que ele disse que já que estava louco por esta fazendo sexo comigo que a loucura tinha que ser completa então ele me deitou novamente e veio por cima e ficamos fazendo um 69 bem gostoso.

Ela já doido para gozar parou de me chupar e veio por cima na posição papai e mamãe e foi metendo seu cacete enorme na minha bucetinha... primeiro devagar até está todo enfiado depois veio com força...

Eu gritava de dor e prazer...Ele metia com força ai tirava deixando só cabeça do pau e depois metia com força era delicioso e foi assim que eu gozei muito...

Foi a primeira vez que eu goze de ficar tremula na cama, parecia que estava flutuando nas nuvens com a respiração arfando.

Meu primo não parava de socar e ficava falando que sabia que eu era uma cabrita fogosa.

Ai demorou alguns minutos socando depois ele disse que queria que eu ficasse de quatro (4) foi ai que eu me virei e fiquei no meio da cama ele subiu na cama e mandou ver cacete de novo. Socava gostoso.

Parecia um garanhão metendo gostoso o som de nossos corpos ecoavam pelo quarto...Começou a me dá tapas na bunda foi ai que meu tesão aumentou ouvi ele me chamando de safada, de puta gostosa e meter com vontade meu tesão ia a mil eu ali toda arreganhada sentindo meu primo ali socando seu pau teso inteiro dentro de mim.

Uma delícia sinto tesão só em relatar.

Eu gemia gritava pedindo para ele meter mais, me sentia uma vadia loucamente desesperada esperando seu macho explodir em gozo, eu rebolava com o cacete dele atochado.

Foi ai que ele começou a falar que queria comer meu reboque agora eu era a putinha dele e com um movimento de corpo virou-se deitando na cama me arrastando pra cima dele eu como louca galopava em cima dele com o cacete todo atochado e foi assim que recebi jatos de leite dentro da minha xoxota.

Depois de alguns segundo meu primo saiu de dentro de mim me pediu para limpar seu pau com a boca e assim eu fiz de quatro no meio da cama fiquei mamando ele que nem sequer o pau amoleceu.

Quando ele viu que o pau estava limpo veio por trás de mim deu uma lambida em meu anel, ficou metendo a língua para deixar bem meladinho e aos poucos veio se encaixando quando me dei conta já estava com mais da metade do pau enfiado no meu rabo.

Muito doloroso e gostoso sentir seu pau dilatando minhas pregas, mas o fdp do meu primo era tão carinhoso que o prazer era maior que dor e foi assim que recebi minha primeira leitada no rabo e achei delicioso.

Pense ai você com tesão ele mais ainda só fodendo gostoso é ou não é para virar putinha dele?

E foi assim que ele metia com força e me chamava de priminha puta, dizia que ia me comer direto agora, que ele sempre quis me comer, que eu só não podia dá bandeira para noiva dele não descobri.

E depois desse dia em diante eu sempre escapava durante a noite pulando a janela do meu quarto e ia para casa do meu primo e transava a noite toda e adorava nossas foda pois sempre gozávamos juntos...

E depois eu ficava recebendo SMS dele falando que depois de nossa primeira vez ele não sabia

Mais o que era sentir tesão com a noiva pois só pensava em mim.

E era muito gostoso depois de nossas transas ficar ali na cama com ele deitado do meu lado, nada conversando e logo depois recomeçar novos folguedos de amor e sexo.

Lucas mesmo falava que quando estava comigo sentia muito tesão que não queria mais parar

de foder.

Então ele e eu acertamos de ficarmos juntos em segredo até ele terminar com a noiva, eu acreditei mas fui pega de surpresa com o anuncio de seu casamento pois a noiva estava gravida.

Chorei esperneei mas ele foi taxativo

E me fez jurar que eu iria continuar sendo a putinha dele quando ele quisesse.

Eu gosto tanto dele que continuo esperando pelo seus chamado mesmo agora depois de casado sempre vamos a algum motel e nossas transas são maravilhosas.

-Aí já sabe como eu gosto de sexo e de meu primo uma coisa vem com a outra.

Desde da primeira vez eu e meu primo já fizemos coisas que até Deus duvida, eu já fui para casa dele já paguei boquete enquanto sua esposa estava no banho.

Quando ouvimos o barulho do chuveiro parar ele gozou na minha boca e me fez engoli. Adrenalina de saber que sua esposa poderia nos pegar dava um tesão maravilhoso.

Depois eu conto muitas das aventuras que tivemos.

Agora ele pretende se mudar de cidade pois sua esposa passou em um concurso e já me chamou para ir tomar conta do filhinho deles estou pensando seriamente nisto, mas eu não se se iremos continuar com esta loucura.

Sinceramente eu não sei.

O que você fariam no meu lugar iria para ficar ao lado dele ou se afastava para sempre afinal ainda sou jovem posso encontrar alguém se estiver sozinha, porque ficar ao lado dele o vendo ser feliz com a esposa esperando apenas momentos de sexo não faz bem a ninguém. Concordam???

Docecomomel

Instagram: docecomomelcontos

Feira de Santana, 03 de abril de 2018

Bahia :Brasil

Visitem meus Blogs

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
09/04/2018 10:29:11
BOM PRA DEDÉU ESTE CONTO, MY LOVE. ACHO QUE VC DEVE SE AFASTAR, ESQUECER ESSE PRIMO E PROCURAR UM OUTRO, QUE TE FAÇA ¨URRAR COMO ANIMAL FERIDO¨, TE DANDO LINGUADAS. QUE TAL EU? RS. NOTA MIL! SE VC NÃO TIVER PRECONCEITO COM CONTOS INCESTUOSOS, DÁ UMA OLHADA NOS MEUS. BJS.