ADOREI SER SEDUZIDO, FOI A MELHOR COISA DA MINHA VIDA.

Um conto erótico de PAULA
Categoria: Homossexual
Data: 13/04/2018 15:53:11
Nota 10.00

ADOREI SER SEDUZIDO, FOI A MELHOR COISA DA MINHA VIDA.

No conto anterior com o nome de Fui seduzido e virei sua mulher, contei o inicio de tudo para eu virar femea, vou tentar contar como foi daquela viagem à praia até hoje, foi mais ou menos assim, naquela noite ele fez curativos no meu cu com o aplicador das pomadas cicatrizantes, e ficamos os dois contentes, pois não tinha saído muito sangue, portanto não arrebentaram minhas pregas todas, brincando falou que delicia vou te comer novamente amanhã e no domingo antes de voltar para São Paulo, combinamos que durante estes dias eu seria sua mulher e me vestiria como ele mandar, ele amou minha decisão e pediu para em casa ficar apenas de lingerie, adorava ficar acariciando minhas tetas, e não hora do sexo, começava sempre chupando meus seios, já no dia seguinte a minha primeira vez já era sábado eu fui para a cozinha e arrumei o café da manhã para meu homem, que adorou minha dedicação, sempre beijava minha boca e chupava meus seios, assim que tomamos banho ele fez questão de ser chupado, para gozar em minha boca uma vez que o cu estava ainda dolorido e somente iria usar a noite, eu chupei aquele pau amado com bastante tesão, agora já sabia que não mais viveria ser aquele pau maravilhoso, quando ele foi gozar preparei-me e recebi golfadas de porra na garganta engoli tudo e deixei o pau limpinho com lambidas de amor. Quando fui caminhar no calçadão eu pedi amor posso ir de soutiens também coloco uma camiseta bem folgada por cima, ele falou sim Paula, vou amar andar a seu lado com vc de lingerie, foi muito bom à caminhada, respiramos nos beijávamos chamando atenção das pessoas, mas como eu tinha arrumado o cabelo com um penteado bem feminino as pessoas ficavam na duvida, mas acabavam achando que eu era mulher, pois corpo eu tenho muito feminino mesmo antes dos hormônios.

Estava amando ser femea para meu querido amante, ele estava feliz falou que a vida toda quis ter alguém como para se completar como macho, e que continuaria comendo sua mulher às vezes, mas que não era constante, pois ela não faz questão disso, eu também disse que continuaria com minha mulher, e sempre que necessário faria sexo com ela, sorrimos os dois falando que bom que agora temos um ao outro. Foram deliciosos aqueles dias na praia com o Cassio, naquela noite ele perguntou posso comer novamente sua cucetinha meu amor, eu disse pode e deve estou louca para sentir o cu preenchido com seu pau delicioso, ai ele começou chupando minhas tetas, e depois me virando beijava meu pescoço, depois foi abaixando e sempre lambendo meu corpo, até chegar a minha bunda onde se deliciou lambendo-a toda, ai enfiou a língua no buraco do meu cu, eu gemia de prazer e felicidades, depois ele ajoelhou atrás de mim e colocou a cabeça do pau e fodeu desde a entrada, tirando e pondo eu adorando ser fodida desta forma, até que chegando ao final do meu cu ele falou agora vou foder com bastante tesão, esta doendo linda? Disse esta um pouco ardida porem delicioso, por favor, goza no fundo do meu cu e o macho cumpriu as ordens e fodeu como nunca, enchendo-me de sua porra grossa quente e deliciosa.

Fodemos a noite toda, terminamos com ele gozando na minha boca em uma chupada deliciosa que dei nele, no outro dia teríamos de ir embora, e logo pela manhã comecei arrumar o apartamento, quando acordou servi o café da manhã e falei vou colocar minhas roupas em algumas sacolas e como vc vai ficar com elas no carro até levar para seu trabalho, ele falou ninguém olha meu carro, deixo no porta-malas e amanhã guardo no armário que servira sempre para vc usar querida Paula, antes de sair para São Paulo, ainda quis comer meu cu mais uma vez e eu dei com bastante amor, foi delicioso saber que estava sendo amado o tempo todo. Chegando a casa contei para minha esposa que tudo tinha sido bom, ela apenas quis saber por que não sujei as roupas que levará, eu disse que fiquei o tempo todo de bermuda e sem camisa, ela acreditou e me deu um beijo.

Era domingo pela manhã voltamos cedo para almoçar cada um com sua família, à tarde recebi um telefonema do Cassio, falou bem baixo estou com saudades meu amor, eu falei eu também, amanha falamos gostoso meu, no outro dia me ligou logo cedo e marcamos em um bar para conversar, perguntei comeu sua esposa ele falou que ela não procurou e ele preferiu ficar pensando na Paula, eu também disse não comi minha esposa, pensei nele o tempo todo, dormi com seu pau na minha mente, foi delicioso, ele me deu alguns comprimidos era de hormônios femininos, falou que era apenas para crescer minhas tetas e bunda e não nascer pelos no corpo, como era dosagem pequena ninguém iria notar, falou que foi seu amigo medico que receitou, eu agradeci e comecei a tomar naquele dia mesmo. Ele queria ir a um motel eu disse para deixar para o dia seguinte, e fui para casa normal, como sempre fazia antes de ter descoberto que sou femea, estou no paraíso com tudo o que esta me acontecendo.

Naquela noite minha esposa perguntou vc não iria mais ter tesão por ela, eu sorri e disse nada disso estou apenas cansado, mas amo vc querida, no outro dia Cassio disse que sua mulher o procurou e ele disse que estava esgotado com problemas no trabalho e não tinha feito sexo com ela, eu fiquei feliz sabia que estava se preservando para mim a sua Paula, ai falei meu amor vamos ter de comer nossas esposas para evitar dissabores, ele falou hoje preciso de vc amor, eu me falei também amor se der para vc não vou conseguir comer minha esposa e nem vc a sua como faremos, ele então falou tudo bem então vamos nos dedicar hoje para nossas esposas, amanha resolvemos nossos desejos deliciosos, e assim fizemos ao chegar a casa, levei minha mulher para o quarto e a beijando fui tirando suas roupas, deixando-a nua, ela então falou que fogo amor, eu disse é saudades querida, e chupei suas tetas, e depois quando ela estava louca de vontade eu coloquei meu pauzinho na sua buceta e fodi até sentir que ela estava gozando e tirei de dentro da sua buceta sem gozar, não deu tesão, pensei serão os hormônios? Dei uma chupada na buceta dela que gozou gostoso novamente na minha boca, ai dormi pensando no pau de meu macho.

Pela manhã Cassio me ligou com faz diariamente e disse que teve de comer sua esposa ela não chega nem aos meus pês que sou muito mais gostosa que ela, tentou a fazer chupar ele se lembrava de minha boca em seu pau e o pau quase amoleceu, mas que teríamos que continuar fingindo gozar com elas para não ter brigas entre os casais, assim fizemos e fazemos até hoje, naquela noite fomos a um motel e eu me produzi linda para ele, com roupas que me levou e eu tive o seu pau na minha boca novamente, estava com saudades, e depois ganhei o pau no cu, cada vez que o pau entra em meu cu parece melhor do que as anteriores acredito que seja amor verdadeiro. Cassio comprou um apto. No centro da cidade próxima a seu trabalho para ser nosso cantinho do amor como ele diz, e levamos para o apto todas as minhas roupas femininas, comprei maquiagem e procurei e encontrei próximo do apto. Uma trans que fazia depilação e maquiagem, e fiz uma depilação completa inclusive no cu, fiquei como sempre quis ser para meu homem, chegava mais cedo ao apto. E me produzia para meu macho, assim que chegava nos amávamos com muito tesão e prazer.

Assim temos levado a vida em família e sempre que possível eu era a mulher que ele ama e deseja, Cassio inventou uma viagem para ir juntamente comigo ao Rio de Janeiro, mas na verdade era para ficar comigo em nosso apartamento, ficamos a semana toda, eu de Paula e ele de marido, foi delicioso, saiamos eu produzida todas as noites, mas o melhor mesmo é que notei que meus seios mal cabiam no soutiens estavam crescendo e a bunda estava crescendo e as calças e shorts não estavam entrando ele ficou feliz e disse que agora eu era de verdade a sua Paula, fomos ao shopping comprar novas roupas e lingeries, eu estava no paraíso, ao chegar ao apartamento ele tirou meus soutiens e beijou seus bicos me deixando louca de vontade de ganhar seu pau no cu, ai ele me virou e disse sua bunda esta cada dia maior eu falei e seu pau enfia para eu medir, e ele foi enfiando a cada centímetro eu suspirava de tesão, eu gozei sem me tocar antes dele gozar dentro do meu cu, ele falou viu sua buceta esta gozando como mulher, e encheu meu cu de sua deliciosa porra, no dia seguinte fomos a um restaurante de luxo e quando estávamos eu vestida de Paula, agora com os seios maiores e bunda também, deixei o cabelo maior, estava uma perfeita mulher, neste momento entra no restaurante uma cunhada minha, eu não sabia como fazer e ela veio cumprimentar e falou Paulo vc esta uma perfeita mulher, minha irmã não me contou nada, eu falei ela não sabe pensa que estou no Rio de Janeiro, ela falou entendo, e vc vai assumir este seu lado? Cassio então falou não vamos assumir nada por enquanto, não falta nada as nossas esposas nem sexo falta, portanto gostaríamos de sigilo se for possível, ela falou vou pensar e mando a conta crianças e afastou-se da mesa.

Fiquei desesperada e saímos do restaurante, falei Cassio amanhã minha esposa estará sabendo que fomos vistos, ele falou o que vc acha melhor fazer Paula, eu falei sabe a verdade é o melhor sempre, amanhã logo cedo vou para casa, e falo com minha esposa, espero que ela compreenda. Cassio falou com certeza vai ligar para minha esposa acho melhor falar com ela também o que acha, eu disse melhor solução é a verdade Cassio. Dormi em seus braços, chorando a noite toda, pensei acho que se quiser ficar com minha esposa perco ele, se não falar também perco, ele então falou amor mesmo que elas se divorciem de nos continuaremos juntos, com ou sem elas, vamos ver ok. Pela manhã antes de sair pedi Cassio me deixa tomar lei de pau para me dar coragem amor e chupei aquele pau que tanto amo até ele me encher de porra, que delicia, agora sim vou poder enfrentar a vida.

Ao chegar a casa minha esposa veio falar comigo, eu pedi venha ao quarto preciso falar serio com vc amor, ela veio e beijou minha boca, neste momento eu falei tudo o que estava ocorrendo em minha vida desde o primeiro dia que conhecemos Cassio, do pau dele a mostra, das enconchadas que ele me dava, da viagem à praia em que me fez mulher, enfim contei toda a sedução que sofri, ela chorando falou sabe Paulo, eu já havia percebido algo entre vcs. Amizade de dois homens não existe com tanto fervor, vcs não conseguem ficar nunca sem saber um do outro, e perguntou-me vc vai fazer o que agora, eu disse vou esperar sua decisão o que vc quiser eu aceito, porém eu a amo, vc é minha esposa e mãe de nossos filhos, falou assim me deixar aqui por uns 30 minutos sozinha vou pensar e dou a resposta. Antes me diga e ele com sua esposa o que irá fazer, falei-o também esta tendo a mesma conversa com ela, ela falou ótimo ela não merece continuar sendo enganada como fomos até hoje.

Fiquei sentado na sala tentando ler algo, até que ela me chamou no quarto, disse assim Paulo, eu quero continuar sendo sua esposa e mulher, quero ser comida quase que diariamente, ou então acertamos dia para nos e dia para vcs dois se amarem, se a esposa dele concordar faça serem os mesmos dias, e não quero falar sobre a Paula com nenhum dos dois, será como se eu não soubesse, eu abracei e a beijei, ai ela falou tenho curiosidade de ver como vc fica vestida e maquiada de Paula, e sorriu para mim, ai não sei como faremos, pois quero ser durona, mas quero conhecer a Paula, falei se quiser trago uma troca de roupa da Paula, e me produzo para vc ver, ela feliz falou será que não posso ir visitar vc em seu apartamento, ai vejo tudo que a Paula tem e como ela faz com tudo, eu disse ótimo amor, vamos marcar um dia e te levo até o local, ela falou não vc me dá o endereço e marca a hora que irei sozinha, eu toda feliz amei a solução do problema.

Minha mulher saiu para compras no supermercado e Cassio me liga nervoso e conta como foi à conversa dele, foi mais ou menos assim: contou tudo para sua esposa que tinha me seduzido, ela disse ninguém é seduzido um homem daquela idade somente entra se quiser, e ele falou eu fui aos poucos e fui conseguindo, ai ela falou ainda bem que vc não é a femea não é Cassio, ele falou ela a Paula é simplesmente deliciosa, chupa um pau como ninguém, e a mulher perguntou eu não chupo igual é, ele falou sim vc é mulher de nascença e ele ainda é nova nesta função, fui conseguindo, então sua esposa falou e como ficamos em nossa vida familiar, ele falou eu te amo, mas também amo a Paula, e não tem jeito de eu ficar sem uma das duas, eu te dou tudo que vc precisa inclusive pau e sexo, mas também quero ter a Paula, então vc quer ter as duas, será que vai querer colocar ela aqui em minha casa, ele falou não amor temos nosso cantinho, apenas quero que vc saiba e que não se sinta enganada se um dia algo chegar a seus ouvidos. Somente não vou querer saber desta mulher vou esquecer-me daquela família Cassio entre beijos e com o poder de sedução que tem convenceu sua esposa que não tem nada haver a família do Paulo, da sua femea Paula, e ela falou, mas nunca fale dela comigo, e o dia que comer ela não venha para meu lado, ele falou podemos acertar os dias que sou seu e o dia que sou dela, sua esposa aceitou falou sabe quero ser durona, mas gostaria tanto de ver como a Paula fica quando produzida, trás ela aqui? Ele falou vou falar com ela ok.

Desta forma não mais corríamos perigo de ser vistos juntos Cassio e Paula, afinal as esposas estavam sabendo, quando a cunhada foi falar com minha esposa ela falou eu sei de tudo e estou adorando que seja assim, ela ficou toda sem graça e não falou mais nada. Uma tarde minha esposa quis vir ao apto. Eu avisei Cassio para não vir e ela chegou eu estava linda toda produzida com um vestido de voal todo florido bem curto, com decotes que apareciam meus seios, cabelos já mais compridos e tetas maiores, ela não tinha notado no Paulo, e quando me viu disse nossa Paula como vc é linda, eu falei obrigada, me abraçando com dois beijinhos colocou a mão dentro do soutiens e apalpou a teta dizendo não tinha notado com estão grandes e gostosos Paula, eu disse obrigada vc também esta linda querida. Ai ela me beijou a boca e acariciando minha bunda, levantou o vestido e virando-me de costas, ficou esfregando sua buceta na minha calcinha, senti quando abaixou sua calcinha levantando a saia e colocou a buceta molhada na minha bunda, ficou se esfregando e gemendo de prazer até gozar bem gostoso, falou nossa que tesão vc me deu Paula, que delicia vc é meu amor. Eu para completar abaixei e chupei sua buceta ela gozou novamente varias vezes na minha boca, dizendo-te amo Paula, meu marido nunca me deu tanto tesão como fiquei por vc Paula. Obrigada. Depois conversando ela falou vou querer vir mais vezes possuir vc Paula, será que vou poder, eu disse vc pode tudo meu amor, basta avisar, ficou vendo minhas roupas e me aconselhando como fazer e foi embora feliz. Naquela noite Cassio teve de me comer duas vezes fiquei louca de tesão e não via a hora de sentir o pau entrando no meu cu, depois já toda ardida fui embora e ele também, prometendo que no dia seguinte sua esposa iria conhecer a Paula, eu falei tudo bem querido, vou saber recebe-la.

Em casa minha esposa não falou nada sobre a nossa tarde, tratou-me normal. No outro dia logo cedo meu macho falou amor minha esposa vai te visitar as 16 hs cuidado ok, eu disse fica calmo querido, e fui me arrumar para receber minha rival, coloquei um short branco apertado e curto, e uma camiseta de alcinhas branca com tecido bem fino, por baixo um conjunto de lingerie preto, que aparecia através da roupa leve, ai fiz um maquiagem bem leve e ajeitei meu cabelo, estava pronta para matar, ou enfrentar minha rival, quando chegou abri a porta e ela entrou olhando tudo, fixou o olhar em mim e falou vc esta linda Paula, não pensei que fosse assim tão gostosa, por isso seduziu meu marido, eu disse ele me seduziu, ela sorriu e falou sabe ele diz que vc chupa o pau dele como ninguém é verdade, eu disse parece que ele adora, ela falou posso chegar perto de vc amor, eu disse sim, quando chegou bem perto me deu um abraço e beijou minha boca enfiando sua língua, eu sem saber o que fazer correspondi e chupei sua língua deliciosa, ela gemia de prazer, ai ela levantou minha camiseta e tirando meu seio para fora beijou os bicos do seio e chupou me deixando louca de tesão. Ela falou vc me tirou do serio Paula, estou louca para possuir vc, que delicia de mulher vc é, e veio se esfregando em meu corpo, foi tirando o short, a camiseta, os soutiens meus seios ficaram falançando e ela chupava os bicos e depois abaixou minha calcinha me deixando nua, virou-me de costas para ela falando vamos a cama amor, eu fui com ela atrás me lambendo, ao deitar ela deitou-se sobre mim e esfregando sua buceta em mim, gozou varias vezes, minha bunda ficou ensopada de sumo dela, ai ela falou venha me chupa sua puta, eu obedeci e chupei aquela femea com prazer, até ela gozar na minha boca varias vezes, ai ficamos nos olhando e ela falou o que aconteceu Paula, não vim aqui para isso mas fiquei louca quando te vi, eu falei vc gozou pelo menos querida, ela falou gozei como a tempos não gozava, que delicia de foda, obrigada meu amor. Vc não quer vir morar em minha casa com o Cassio amor, eu disse não querida quero ficar aqui no meu cantinho e com minha esposa, ela perguntou e eu se precisar novamente de gozar com vc o que faço? Eu disse basta vir aqui gostosa, mas tem de pedir para o Cassio afinal eu sou dele e vc também é, ele é quem manda em nos duas amor.

Quando contei a Cassio ele ficou feliz e falei eu sabia que faltava algo para ela, como vai ser amor, minha esposa, sua esposa e eu queremos vc será que vc vai aguentar todos nos três linda, eu disse um de cada vez porque não. Logo no outro dia cedo minha esposa me telefona e diz ter recebido um convite para jantar na casa de Cassio nos quatro, fiquei intrigado mas vamos ter de ir não é amor, ao chegar a casa de Cassio, o casal nos recebeu na porta todo feliz, sem demonstrar diferença alguma, jantamos, conversamos muito, nossa amizade parecia ter aumentado, até que a esposa de Cassio disse a minha, vamos sair daqui para deixar os pombinhos a vontade, ambas saíram e ele chegou até mim preocupado dizendo o que será que estão aprontando, e beijou minha boca com sofreguidão, eu correspondi afinal não sou de ferro e amo aquele macho, neste momento entra as duas esposas somente de lingerie, dizendo queremos participar podemos, os dois sorrimos e dissemos porque não tem lugar para todos. A esposa de Cassio me abraçou e beijou minha boca, quando percebi a minha esposa beijava a boca de Cassio, e ficamos muito tempo neste saboroso beijo, minha mulher pegou no pau de Cassio e tirou para fora, eu vi a expressão dela maravilhada por aquele pau delicioso que eu tanto amo, e caiu de boca, mas a cabeça mal passava pela sua boquinha pequena, mas ele deu um jeito e tomou o leite do meu macho, com aquela expressão de felicidades ai a mulher dele tirou meu pau para fora embora pequeno estava duro e chupou até eu gozar na boca dela, é pequeno, porém sai uma quantidade enorme de porra e ela bebeu tudo, lambendo os lábios. Neste momento ela deitou-se no tapete e falou venha fode minha buceta Paulo, eu fui e fodi com prazer gozando dentro dela, deixando a satisfeita. Quando acabamos vimos a minha esposa com as pernas abertas em cima do pau do Cassio agasalhando o pau dele com a buceta, ela chorava de dor pelo tamanho do pau, mas fudeu até ele gozar dentro dela, ai ficamos quietinhos nos beijando sem dono, sem preocupar quem é o dono, quem é de quem, e ainda gozamos varias vezes, mas o cume do prazer foi quando pediram para Cassio enfiar o pau no meu cu e ficaram bem perto vendo a penetração, elas gozaram de prazer vendo a curra, e eu gozei com o cu preenchido, ele encheu meu cu de porra docinha e deliciosa.

Já faz alguns anos que vivemos assim, somente sexo entre os quatro, uma vez recebo a mulher do Cassio e ela me fode, outra vez minha mulher vem e me fode, o meu dono o Cassio vive feliz e realizado, dizendo que tem três mulheres a sua disposição eu digo tenho duas mulheres e um macho e assim vamos vivendo felizes.

Por favor, vote no conto para meu incentivo, este conto é real embora com algumas fantasias.

Paula

Camipaula1@hotmail.com

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
29/04/2018 02:00:26
meu email hedi.26@hotmail.com
29/04/2018 01:59:32
Querida Paula maravilhoso conto cheio de tesão li várias vezes e nuazinha....
20/04/2018 07:38:14
Você é perfeita, Cami. Continua assim.
16/04/2018 02:14:39
Uaaaaau!!! Maravilhoso!
14/04/2018 07:30:50
Amei o conto de vocês e quero ler todos outros. Adoro filmar e fotografar esses melhores momentos.Caso interessar é só retornar. fotografoliberal@yahoo.com.br
13/04/2018 16:17:39
quem sou eu, vc leu o primeiro conto quem sou eu vc leu o primeiro Fui seduzido e virei sua mulher
13/04/2018 16:13:47
ÓTIMO CONTO, QUASE GOZEI AO LER