Familia de putas e putos 31

Um conto erótico de gost46
Categoria: Homossexual
Data: 06/04/2018 09:42:22
Nota -

Minha vida com Neuma estava estável e nós sempre que podíamos, saiamos e fazíamos sexo o tempo todo. Ate que teve um dia que ela sugeriu, irmos a um encontro de swing num sitio e que convidaria o Marcelo e a irmã para ir junto, no que concordei,

DANDO CONTINUIDADE:

No dia do encontro de casais, estava marcado para 14 horas e nós chegamos por volta das 15 horas. Fomos recebidos pelo casal organizador do encontro e depois das orientações de praxe, passamos num dos quartos reservados para vestuário, onde trocamos de roupa e ficamos em trajes de banho, pois íamos todos para a área da piscina.

Neuma vestiu um biquíni tão pequeno, que na parte da frente os lábios bucetal, ficaram a mostra e a trás, um fio dental e ainda por cima, branco. Sandra também botou foi quente, com um biquíni no mesmo estilo da mulher, minúsculo, só que vermelho. Eu vesti minha sunguinha branca sem forro, minúscula entrando no rego da bunda e Marcelo com uma sunga mais comportado, mas também bem provocante.

Fomos para a área da piscina e estavam já nas brincadeiras de carimba, com bola e tinha que acertar na pessoa que tinha que fazer um desejo de quem acertou, No meio desse pessoal todo, em torno de 30 pessoas, já que tinha uns doze casais e dois homens da casa que animam nas brincadeiras, o casal anfitrião e duas mulheres desacompanhadas. Tinha um casal que eu conhecia, na verdade, eu o conhecia, Mauricio, que constantemente estava na sauna e ate já ficamos fudendo numa cabine.

Cumprimentamos-nos e apresentamos nossas esposas e fomos para a brincadeira.

A cada bolada, saiam os pedidos de tirar a parte de cima do biquíni, quem estava de maiô, tirava logo tudo e nos homens, já ficavam nus.

Depois de um tempo de bebidas e animação, já estávamos nos pedidos, dar uma chupada na buceta, chupada na rola e assim foi ate que saímos para uma sala bem grande, já todos nus e com musica alta, ficamos sentados em almofadas grandes em um grande circulo e no meio, foi colocado uma roleta em que fomos indicados por números e a medida que a roleta parava no numero correspondente ao casal, esse casal tinha que dizer o que mais gostava no parceiro e mostrar para todos. Ai era casal falando que gostavam de 69 e faziam como eles gostavam, outro com ela de quatro e mostravam, ate que caiu em mim. Neuma falou que gostava de sentar na rola, no que me posicionei e ela sentou e ficou requebrando em cima. Na vez de Sandra, ela também revelou que gostava de sentar e fizeram o mesmo.

Já estávamos todos descontraídos e eu mais Marcelo, fomos ate onde estava Mauricio e mais dois homens conversando e apresentei o Marcelo, no que nos afastamos e já dei a ficha para Mauricio, que ele também gostava de brincar.

Fomos para piscina e lá ficamos conversando e nos pegando, ate que os deixei se alisando e conversando e fui atrás das safadas.

Na primeira sala, já tinha casais trocados fudendo, mas não as vi, fui entrando na casa e fui vendo que em alguns quartos, já tinha casais fudendo e outros só olhando e etc.

Ate que ao chegar num dos quartos, vi Neuma de quatro sendo fudida por um macho atrás dela, socando sua rola com tudo e na sua frente, a esposa dele de pernas abertas, sendo chupada pela minha mulher. Uma cena linda que me excitou na hora. Fiquei alguns minutos olhando e lembrei-me de ir procurar a safada da Sandra.

No quarto seguinte, encontrei a puta safada, numa DP com mais outros casais e as mulheres deles olhando e se pegando. Uma cena também lidíssima no que deu também pra ver, a mulher de Mauricio de quatro, sendo fudida por um dos serviçais da casa.

Fiquei um pouco e fui ate a piscina, onde encontrei os dois ainda na água, só que Mauricio estava atrás do Marcelo, com sua rola atolada no seu cu.

Eu - hei meninos, nossas mulheres estão dando tudo lá dentro...rsrs e a Sandra, está numa DP...srsrs

Marcelo – aquela puta adora fuder os buracos, que ela se fôda...estou ocupado também...rsrsrs

Mauricio – minha mulher, aquela putona, adora fuder com todo mundo e tem ate um amante...srsrsr... o melhor é que eu também gosto dele e bebo a porra dele na buceta dela...rsrsrs

Marcelo – e Neuma?

Eu – o que você acha? Tá lá com um cara metendo nela de quatro e ela chupando a mulher dele...rsrsrs

Eu – já que vocês estão na brincadeira, vou ver se como uma lá dentro.

Entrei e no caminho, encontrei-me com a esposa do Mauricio que já ia ao seu encontro, no que informei que estava na piscina brincando e a convidei, para irmos assistir minha esposa fudendo. Ela deu um belo sorriso e fomos ate o quarto. Ao chegarmos o mesmo estava quase lotado, com vários casais olhando minha mulher e mais três casais fudendo e deu pra ver, que Neuma estava sentada na rola de um deles e olhando outro casal fudendo ao seu lado.

Sentamos numas almofadas e ficamos olhando. Depois de um tempinho, Marta, nome da mulher de Mauricio, iniciou uma bela chupada na minha rola, no que fomos acomodando num 69 delicioso. Depois de um tempo, ela veio por cima e sentou na minha rola, deitando por cima de mim e ficamos fudendo por um bom tempo. Eu já estava com ela no papai-mamãe, quando vejo Mauricio e Marcelo, olhando nossa performance. Covenhamos, a mulher dele não tem o corpo bonito como de Neuma e Sandra, mas alem de bonita, tem uma buceta musculosa que aperta bem a rola, principalmente, quando esta gozando. Ela é adepta do pompoar.

Mauricio veio ate nós e ao lado dela, ficou alisando seu corpo e ela pegando na sua rola, enquanto eu mandava ver na sua buceta.

Ela deu mais uma gozada forte, sai de dentro com ela ainda ofegante e tremendo, no que imediatamente, Mauricio tomou meu lugar e foi terminar o serviço.

Sai para tomar uma bebidinha e passei no quarto onde estava Sandra e vi que ela ainda estava fudendo, só que agora, estava fazendo um 69 com uma mulher e um cara enterrando a rola na sua buceta. Tinha vários casais se masturbando e outros fudendo.

Fui ate o bar e à medida que caminhava pela casa ate o deck, vários casais e mulheres juntas, faziam sexo em toda parte.

Veio uma mulher linda, alta e bem torneada ate o bar, pegar uma bebida pra ela e o marido, que tinha ficado olhando outros casais, e iniciamos uma conversa. Ela sentou ao meu lado e deu pra ver que ela tinha uma buceta completamente depilada, parecia de bebê, de tão lisinha. Depois de um tempo, fomos para um canto do Deck e ela iniciou um boquete, no que depois a retribui numa bela e deliciosíssima, chupada na sua buceta.

Depois eu sentei numa poltrona e ela veio sentar na minha rola, no que entrou bem lentamente, e notei que era bem apertadinha, e me confessou que eles faziam pouco sexo, pois ele é medico e fica ausente muito tempo e mesmo assim, ele chega esgotado.

Amigos...dei uma surra de rola nessa mulher, por mais de meia hora sem parar. Já estava com minha rola ardida e ela já tinha gozado umas três vezes, quando ela deu sua ultima gozada, um verdadeiro escândalo. Parecia gata trepando no telhado. Acho que a casa toda ouviu. Não deu para segurar e enchi a camisinha de porra. Ela (Sofia) descansou um pouco e vimos que tínhamos uma boa plateia, incluindo seu marido, Marcelo e Sandra.

Beijamos-nos e fui me juntar ao Marcelo e Sandra. Ficamos no bar e já era tarde, quando a Sofia, já vestida, veio ate a mim e me entregou seu telefone, no que fui ate o vestuário e guardei.

Quando voltei, Sandra estava chegando também, pois tinha ido ver se Neuma já estava vindo, mas já com cara de safada, falou:

Sandra – meu cunhado, você vai pegar só o resto da mulher...rsrsrs, vai ficar com a xoxota assada e o cuzinho também, pois vi ela com uns três casais na maior putaria. Rsrsrsrs

Eu – ainda estava trepando essa puta?

Sandra – lógico! Ela estava com um cara fudendo ela com tudo... e acho que vai demorar...e eu quero ir embora, pra mim já chega.

Marcelo – e vamos deixar o Fabio aqui esperando sozinho?

Eu – não por mim, amigo. Estou aqui numa boa e se me der vontade, ainda tem quem comer por aqui e ainda chegou mais gente. Não se preocupe, pode ir. Amanha é sábado, nos encontramos la em casa, e almoçamos juntos.

Sandra e Marcelo saíram e eu fiquei no bar, tomando umas. Depois de mais de meia hora, fui ver onde estava Neuma e como ela estava. Os quartos ainda estavam bem frequentados, apesar de ser mais de 21 horas.

O cheiro de sexo dominava o ambiente e também o barulho de gemidos, misturado a conversas. Ao chegar num dos quartos, vi Neuma num 69 com outra mulher e um cara acoplado no seu rabo, metendo. Neuma trepava a mais de 5 horas e com toda certeza, Sandra tinha razão, pois eu ia ter de volta uma mulher com a buceta e cu, completamente esfolados por tantas chupadas e roladas.

Depois de um tempo, na piscina e de ser chupado por um casal, retornei a sala onde estava minha mulher e tive uma bela surpresa. Ela estava montada num cara e outro no seu rabo numa DP, e chupando outro a sua frente. Os casais e as esposas dos caras, falavam putaria e incentivos aos seus maridos: “vai seu puto...rasga essa vagabunda!” outra falava - “ puta que pariu, que vaca fudelona!” - outra elogiava - “ que gostosa essa puta...eu não aguentaria nem a metade do que ela já fudeu...égua!” e assim foram tantos, que me deu orgulho e tesão.

Esperei ela e os machos terminarem e saímos para um banho e depois saímos pra casa, sendo que ate sairmos, ouvimos muitos elogios a performance dela.

Fomos pra casa sem dizer nenhuma palavra, e com ela estirada no banco, completamente exausta. Ao chegar em casa ela tomou um banho quente e depois vi que ela vestiu apenas uma calcinha e camiseta e deitou. Eu fui para a área da piscina e fiquei mais um tempo tomando uma bebidinha e lembrando do ocorrido no sitio e como minha mulher estava putona.

Subi para o quarto e ela estava dormindo profundamente, alem da bebida que consumiu, também deveria estar morta de tanto fuder. Tirei o lençol que a cobria e olhei adimirado de como ela é bonita e de um corpo lindo, não é a toa que teve tantos homens a lhe comer, quem não quer?

Também notei, varias manchas vermelhas nas coxas, bunda, que deve ter sido, os tapas que levou dos machos enquanto era comida. Com certeza amanheceria marcada por hematomas.

No sábado, eu conto depois.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.