Larissa pagou o Uber dando gostoso

Um conto erótico de Lucas&Larissa
Categoria: Heterossexual
Data: 26/03/2018 16:37:40
Nota 10.00

Larissa estava sozinha em casa, marido trabalhando, crianças passando férias com os avós, ou seja, paz. Larissa decidiu sair, dar uma volta, ir ao shopping fazer compras, já que o marido iria demorar pra chegar e ficar em casa era um tédio só. Tomou um longo e delicioso banho, colocou um vestido florido, não muito longo, já que estava bem calor. Larissa não tinha a intenção de aprontar, mas como nunca se sabe o que vai acontecer, botou lingerie preta, daquelas bem safadinhas... sutiã tomara que caia pra não aparecer as alças...e foi...linda... pegou uber pois não queria dirigir. Chegou no shopping, ligou pro marido, avisou onde estava e foi bater pernas. Almoçou, olhou vitrines, gastou pouco, pegou um cinema e só. Era mais ou menos umas 19h, hora de ir embora, descansar um pouco antes do marido chegar, já que ele só chegaria por volta da meia noite. Larissa saiu do shopping e foi em direção ao estacionamento, chamou um uber e ficou esperando. Não demorou muito e apareceu seu motorista, num carro importado preto, bancos de couro, afinal, era um uber select. O nome dele era Lucas, alto, careca, bem vestido, calça, camisa, deu um largo sorriso quando viu Larissa, abriu a porta pra ela, foi bastante educado. O caminho era razoavelmente curto, mas pegava uma rodovia, que devido ao horário de pico, estava parada. Eles aproveitaram então para conversarem, já que o trajeto seria bem demorado. Conversaram sobre tudo, inclusive sobre vida pessoal. Larissa contou que era casada, Lucas disse que era solteiro, não queria se amarrar, apenas curtir. Logo os dois estavam bem íntimos e conversavam animados, o papo é claro, fluiu para o sexo. Lucas disse que modéstia a parte era muito bem dotado, tinha um pau de 20cm, bem grosso, Larissa riu e disse que era feliz com o pau do marido, de tamanho médio. Conversaram tanto, mas tanto que nem viram o tempo passar, quase 1h depois, chegaram ao destino, Larissa então foi pagar a corrida, abriu a bolsa e quando foi pegar a carteira não encontrou. Larissa gelou, procurou de todas as formas, e lembrou que tinha apoiado em cima do balcão da loja para pegar o celular na bolsa, e deduziu que havia esquecido lá, ligou na loja, mas disseram que não havia nada, ou seja, ela havia sido roubada. Depois de muito tempo Larissa virou para Lucas, já impaciente, e disse:

- Não sei nem como te falar isso, mas perdi minha carteira

- Assim a senhora me complica, preciso do dinheiro da corrida

- Eu sei, não tenho nenhum cartão aqui em casa, ta tudo na carteira

- E como ficamos ?

- Você pode voltar lá na loja ?

- Poder até posso mas eles disseram que não está lá a carteira

- Ainda preciso registrar BO

- Isso a senhora pode fazer via internet

- Então, vc pode me levar lá ?

- Não, não posso, e preciso receber

- Nossa, mas como eu faço então ?

Lucas pensou um pouco e disse:

- Tem uma coisa que a senhora pode fazer por mim sim...

Larissa gelou pois entendeu a intenção dele, mas disfarçou:

- o que seria ?

Lucas olhou pra ela, deu um sorrisinho maroto e disse:

- Vamos até um drive que tem aqui perto, vc chupa meu pau até gozar na sua boca e estamos quites, ainda te levo pra buscar a carteira.

Larissa sorriu apreenssiva, se fez de santa:

- Meu Deus moço, sou casada, não tem outro jeito de pagar essa corrida ?

- Ou vc chupa meu pau ou te deixo no meio da rodovia sem dinheiro nem nada...

Larissa negou novamente, mas sabia que não tinha muito o que fazer:

- Moço por favor...

Ele se manteve irredutível:

- Já tá duro aqui esperando a madame mamar...

Larissa, sem ter outro jeito disse:

- Ok, só uma chupada ?

- Só...

- Ok, vamos lá então né

Lucas saiu com o carro, os dois não falaram uma palavra. Logo chegaram ao drive mencionado e entraram, Lucas parou o carro, no local havia um box com um colchão e um lençol branco, bem simples mesmo. Lucas estacionou e disse:

- Vem Larissa, mama esse caralho que tá durinho aqui pra vc...

Disse isso e foi em direção a ela, beijando Larissa com muito tesão. Segurava na nuca dela e enfiava a lingua na lingua dela, ela sem saída, retribuiu o beijo e o fez divinamente, como sempre faz. Por dentro ela pensava “20cm ? se for tudo isso mesmo a noite promete”, enquanto Larissa beijava a boca dela, colocou a mão no pau dele por cima da calça e sentiu que realmente era bem grande e estava bem duro, ela então se afastou um pouco, prendeu o cabelo, desabotoou a calça dele, tirou calça e cueca, e viu um pau realmente grande, bem cabeçudo, lindo. Larisso ficou olhando com um sorrisinho, Lucas percebeu e disse :

- Madame gostou do que viu ?

- Aham...adorei... acho que vou te chamar pra mais corridas e esquecer a carteira...kkkkkk

Eles riram bastante, então ele falou:

- Então chupa putinha...

Ela nem pensou duas vezes, dei um beijo na cabeça do pau e lentamente foi engolindo aquela rola grande e grossa. Larissa subia a descia, lambia a base, lambia o pau, e chupava muito a cabeça, muito mesmo, dava linguadas, chupava, beijava, então descia um pouco e chupava o saco dele, enquanto punhetava ele bem gostoso, novamente voltava e chupava a cabeça do pau dele, que ela tinha amado, afinal era enorme e vermelha... Larissa chupou muito e foi ficando muito excitada com aquele caralho delicioso, até que falou:

- Puta caralho gostoso, por mim chupava até amanhã...

- Gostou putinha ?

- Amei...pensando aqui... puta caralho gostoso, acho que vou querer mudar nosso acordo...

- Me diga, o que vc quer ?

- Fazemos assim, vc me deixa no shopping depois, pego minha carteira e vc me traz em casa, sem cobrar mais nada...em troca disso, deixo vc me foder com força, quantas vezes quiser, o que me diz ?

Larissa ainda chupava a rola dele, depois de alguns segundos, Lucas disse, puxando o cabelo dela:

- Aceito o acordo...

Ele então levantou sua cabeça, deu um longo beijo e uma chupada no pescoço, deixando Larissa doidinha. Abaixou a alça do vestido, puxou o sutiã dela e caiu de boca nos peitos dela, chupava gostoso, forte, lambia os mamilos, dava leve mordidinhas e os mamilos dela foram ficando bem inchados de tanto tesão. Não aguentando mais, mandou ela sair do carro, ela obedeceu, ele então colocou ela deitada no capô do carro, levantou o vestido e puxou a calcinha de Larissa com tudo. Percebeu que estava completamente encharcada, sorriu e disse:

- Calcinha molhada madame ? Tá assim desde quando ?

- Desde que vc falou do tamanho do seu pau, imaginei minha bucetinha sendo esfolada por ele...

- Puta safada... não me engana, é casada mas gosta de dar...

- Adoro... marido deixa, então eu aproveito...

Lucas sorriu, tirou toda a roupa dela, tirou a sua própria, abriu as pernas de Larissa e chupou sua bucetinha, chupava com força, nada naquele homem era delicado. Parecia foder a buceta dela só com a lingua, enfiava lá dentro, chupava o grelo, lambia, enfiava o dedo, e voltava a lamber...dava beijinhos na virilha, leves mordidinhas, e chupava o cuzinho de Larissa, ela estava totalmente entregue, encharcada, enlouquecida, gemia alto, gemia gostoso e mandava ele chupar mais... Larissa não aguentou e gozou na boca de Lucas, espirrando gozo na cara dele e gritando alto de tesão. Ele mais que depressa, nem esperou ela terminar de gozar, levantou um pouco as pernas dela, encaixou a rola na bucetinha e enfiou com força...Larissa deu um tranco e disse:

- Vai meu gostoso, me fode com força...

Ele começou a foder Larissa muito forte, em pé, encaixado nela, que estava deitada no capô do carro. Ele bombava gostoso, socava com tudo, e ela chacoalhava em cima do carro, gemendo alucinadamente...o barulho do saco dele batendo na bunda dela excitava Larissa ainda mais. Num impulso, Lucas puxou larissa e a colocou de 4 no box, ficou em pé encaixado atrás dela e novamente enfiou a rola com tudo, Larissa precisava se segurar pra não ir pra frente, tamanha a força com que ele a fodia. Ela então, enlouquecida, pediu:

- Bate na minha bunda...

Lucas deu um sorriso e começou a bater forte na bunda dela, que gemia mais a cada tapa, socava a rola e batia na bunda. Não demorou muito e Larissa gozou novamente... alguns segundos depois, Lucas tirou o pau da bucetinha dela, tirou a camisinha e gozou, gozou forte, bastante porra, enchendo a bunda e as costas de Larissa de porra. Quando terminaram a bunda dela estava toda vermelha e ela ainda gemia, totalmente gozada, tanto da porra dele, quanto do gozo que ainda escorria da sua bucetinha. Ela então, beijou ele bem gostoso, ficaram uns 10 minutos deitados pra recuparar o fôlego, ela então disse:

- Não parou ainda não né ?

- A Putinha quer mais ?

Larissa ajoelhou na frente dele, alisou as pernas dele, colocou o pau na boca, chupou um pouco e disse:

- O que vc acha ?

Lucas então colocou a mão na nuca dela e Larissa chupou muito a rola dele, chupando muito a enorme cabeça daquela rola maravilhosa, que logo ficou durinha de novo, Larissa então disse :

- Essa caralho é muito gostoso, olha o tamanho desse cabeçona, que delicia – falava isso e chupava – imagina minha bundinha rebolando nesse caralho...kkkkk...

Disse isso e pediu pra ele deitar no colchão...ele deitou e ela mais que depressa ajoelhou e voltou a chupar o pau dele, lambendo muito e chupando muito a cabeça que ela tanto havia adorado, chupou muito o saco dele, e beijou muito a virilha e as pernas dele... depois de deixar Lucas doidinho, Larissa montou em cima dele, abriu bem as pernas e bem lentamente encaixou a rola na sua esfolada bucetinha...Larissa estava com tanta vontade de sentar no caralho dele que nem colocou camisinha, até por que nem tinha mais... Larissa foi lentamente rebolando na rola dele, se ergueu, espalmou as mãos nas pernas dele e lentamente rebolou na rola dele. Lucas segurada sua cintura e alternadamente apertava os mamilos dela, que dava leves gemidinhas. Larissa então abaixou o tronco do corpo e beijou Lucas bem gostoso, mordia seus lábios... Lucas por sua vez, beijava o pescoço dela, mordia, lambia a orelha e chupava os seios dela... ela foi ficando doidinha e começou a sentar com mais vontade...aumentou o ritmo e cavalgou gostoso na rola dele, começou a rebolar, quicar na rola dele...e gemia deliciosamente... ela então saiu de cima, virou e sentou novamente na rola dele, dessa vez de costas. Ele adorou a visão, puxava o cabelo dela e dizia que era um putinha safada... a bunda de Larissa subia e descia rapidamente e engolia o caralho de Lucas, do jeitinho que ela queria. Larissa então começou a gemer mais alto e num impulso, gozou novamente, forte, intenso, chegou a perder o ar na hora... Lucas não havia gozado ainda e ela estava completamente entregue... Lucas então levantou, pegou Larissa pelo braço e a levou novamente para o capô do carro, apoiou ela no carro, dessa vez de bruços, ergueu uma de suas pernas, e por trás, encaixou a rola na bucetinha dela. Lucas fodeu Larissa com força, em pé, por trás... enquanto metia, Lucas beijava a orelha dela e mordia seu pescoço...a posição era nova para ela que não aguentou e novamente gozou na rola dele... Lucas então, tirou a rola, mandou ela ajoelhar e chupar... ela chupou forte e rápido, Lucas então gozou novamente, dessa vez na boquinha de Larissa, que tentou tirar a boca mas foi impedida e terminou com a boca cheia de porra, que acabou engolindo tudinho...Depois dessa sessão deliciosa de sexo, eles se beijaram, bastante, uns 5 minutos...Lucas então, pegou lencinhos que já deixava no carro para essas ocasiões, se limpou e limpou Larissa que estava com a bunda bem vermelha de tanto tapa...vestiram a roupa e saíram como se nada houvesse acontecido...Larissa recuperou a carteira e voltou pra casa, leve e tranquila, ao se despedirem, Lucas disse:

- Estamos quites...vc não é a primeira cliente que esquece a carteira

- Não sou ? kkkkkkk....safado...mas adorei ter esquecido a carteira, mesmo...

- kkkkkkkkkkk, tb adorei

- Me dá um cartão seu...

Larissa então, após dizer isso agarrou o pau dele por cima da calça e disse:

- Nunca se sabe quando posso precisar de um uber...

Saiu do carro, entrou em casa e foi tomar um banho para esperar o marido e contar sua deliciosa aventura...

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
07/09/2019 07:46:42
Inesquecível só é pena não contar na primeira pessoa.
27/03/2018 05:02:00
Excelente conto
26/03/2018 23:43:15
Que delicia, cheio de tesão