Prima Safadinha Parte 01

Um conto erótico de Safadão
Categoria: Heterossexual
Data: 24/03/2018 07:36:12
Nota 10.00

Olá meu nome é Denis, gostaria de contar pra vcs sobre o que aconteceu comigo a um bom tempo à trás, bem tinha aproximadamente 20 anos estava no alge de minha forma atlética tenho 1,72, sou moreno claro corpo atlético. Bem nesta idade morava em uma república com um amigo, um primo uma prima que era uma gata, pele morena clara com olhos castanhos, aproximadamente 1,65 mts uma delícia, na época toquei muitas punhetas e dava altas gozadas imaginando ela no banho....Geralmente ia tomar banho logo após ela, pois adorava cheirar e lamber sua calcinha, que era uma delícia!

Certo dia, meu amigo e nosso primo haviam viajado para a praia e ficamos nos dois, pois tínhamos que trabalhar naquele fim de semana, trabalhávamos em um restaurante, o dia foi bem puxado, voltamos para a casa exaltos, ela foi direto para o banho e fiquei vendo TV, logo depois eu fui para o banho, a porta de nosso banheiro era com uma fechadura antiga e conforme a chave ficava tinha como espionar quem estava no banho, e eu varias vezes e espionei...Neste dia, entrei no banheiro e avistei sua calcinha no chão, estava toda melada, mais do que rápido peguei dei uma bela cheirada, nossa estava uma delícia, lambi toda aquele mel, imaginado que estava lambendo sua bucetinha deliciosa, na hora me deu um tesao enorme, meu pau ficou duro feito rocha, derrepente escutei um barulho atrás da porta, só estávamos nos dois na casa, ela estava me espionando, fiquei mais louco ainda, fui até a porta e como se fosse trancar a fechadura arrumei a chave de modo que ela pudesse me ver no banho, entrei no chuveiro e comecei a me ensaboar, disfarçava e olhava para a porta, conseguia ver que estava lá, havia uma sombra no chão e o buraco da fechadura estava escuro como se alguém estivesse ali, fiquei muito excitado, e me exibi pra ela, me masturbei muito, meu pau estava quase explodindo de tesao, mas segurei o gozo, me enxagüei, me sequei e e,a continuava ali, me enrolei na toalha e escutei uns passos como se corresse para a sala longe da porta! Quando sai, lá estava ela de de vestidinho bem curtinho, com uma respiração meio ofegante e com a pele meio avermelhada, acho que de tesao... depois conto o que houve....

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
25/03/2018 04:46:50
Muito bom !!!
25/03/2018 04:46:41
Ela devia estar numa siririca nervosa
24/03/2018 10:07:48
Humm esse conto promete.
24/03/2018 08:40:02
Começo excelente