Transando com uma mulher casada com o consentimento do marido

Um conto erótico de Alfa H
Categoria: Heterossexual
Data: 15/03/2018 23:28:20
Nota 10.00

Caros leitores o que vou narrar está acontecendo na minha vida atualmente.

Sou casado a 3 anos moro em Maringá-PR, tenho 30 anos 1,78 de altura, 82 kg cabelos pretos e atualmente estou ostentando uma barba ( Que por sinal me deixou bem bonitão acredito, nada comparado há um brad pitt da vida) mas ficou lá um charme rsrs. Bom vamos ao conto.

Transar com uma mulher casada com o consentimento do maridos me dá um enorme imenso tesão e sempre tive essa fantasia. E eis que depois de muita procura achei e estou vivendo esse momento maravilhoso onde gostaria de compartilhar com vcs leitores, peço desculpas pelos erros esse é meu primeiro conto que compartilho com vcs, espero que gostem!

Trabalho em uma grande empresa de Maringá-PR, e em uma pesquisa de satisfação realizada pela minha empresa via telefone acabei conhecendo uma mulher, a chamarei de Carol, (preservando sua identidade) logo de cara já me encantei por ela, os santos bateram se me entendem, ela muito animada e muito simpática pelo telefone, acabei que durante a pesquisa pedindo o celular dela para contato o que ela prontamente me passou, comecei o contato via aplicativo WhatsApp... Uma pena que a foto dela do aplicativo não aparecia claramente, começamos a nos falar em novembro de 2017, conversamos todos os dia em horário comercial e eu sempre tratando ela educadamente mais nunca dando em cima dela, conversávamos todos os dias falava muito com ela durante o dia, e sempre no final do dia pedia pra ela tomar cuidado com as mensagens porque vai que o marido dela pega neh, ai já viu o rolo, então... enfim depois de muita conversa eu disse que queria conhece-la, claro que com uma leve toque de segundas intenções mais não espera muito até por que ela ser casada mas por ela ser muita bacana e educada valeria a pena o risco, fui até sua empresa no horário de almoço, na ida comprei uma caixa de bombom para agradar a minha “amiga”, estacionei uma quadra antes e Carol veio até mim, que para minha surpresa Carol é uma mulher linda na casa dos seus 42 anos, já mãe, por volta de 1,60m, magra uma bunda redonda e peitos na medida lindos nem grandes nem pequenos, dando show em muita menininha de 20, um espetáculo de mulher bati um bolão, maravilhosa, ela veio até mim, conversamos por quase 1hora, um papo bem bacana, e na hora de nos despedirmos nos atacamos num beijo muito gostoso tipo casalzinho apaixonado, foi maravilhoso, no dias seguintes continuamos a conversar, e sempre falando em mais e como aqueles beijos tinham sidos bons e até que a convidei para um almoço, ela prontamente aceitou, que pra mim foi uma alegria enorme, passei em sua empresa e fomos almoçar em uma churrascaria aqui da região. Chegando na churrascaria parei o carro e a beijei novamente por alguns minutos um beijo muito quente e gostoso, confesso que estava com o coração a mil ali com aquela linda mulher. Entramos e durante esse almoço maravilhoso ela me confidenciou que o marido sabia de tudo de todas as nossas conversas, gelei na hora por um instante, me pegando um pouco de surpresa, pois já tinha lido em contos aqui mais nunca imaginei que presenciaria tal situação, mais confesso que depois do susto ter passado o tesão bateu em minha porta tomando conta de mim, falando com aquela mulher maravilhosa em minha frente, e perguntei para ela se ele sabia de tudo de tudo, ela disse que sim que tinha contado dos beijos e que todos os dias o casal juntos compartilhavam a conversa que tínhamos durante o dia por WhatsApp, que eu sempre era comentado em suas transas do casal, que já me bateu um puta tesão ao ouvir isso, conversamos bastante nesse almoço e eu já adorando a situação em que eu estava vivendo queria ir mais fundo naquilo e marcamos de nos encontrar no sábado seguinte pela manhã em um motel aqui da cidade. Pedi que ela viesse de vestidinho e salto. Pois me da uma baita tesão mulher de salto e vestido. Claro que o final de semana não chegava nunca, chegava o carnaval mais nada do sábado chegar. Durante os dias que se passaram até chegada do sábado do nosso encontro não tinha um dia se quer que eu não homenageasse com uma punheta maravilhosa e em pensar que ele (o marido) sabia e tinha o consentimento dele me dava muito mais tesão ainda. Claro que durante as nossas conversas da semana pedi que ela comentasse com ele que iria tirar fotos do celular dela pra ela levar pra ele como uma forma de agradecer ele por conceder aquela linda mulher por um breve momento pra mim.

Sábado chegando nos encontramos num posto de combustível onde deixei minha moto e fomos no carro dela. Quando me adentrei no carro ela está maravilhosa de vestidinho preto linda toda arrumada em pleno sabado 9h da manhã, toda maquiada cheirosa estava um espetáculo de mulher. ( o marido havia me confidenciou em um almoço que tivemos que ela teria ido no salão um dia antes e queria fazer surpresa e me agradar e claro que conseguiu, mas essa é uma outra próxima nova historia). Seguimos para um motel aqui próximo de onde nos encontramos e quando entramos já a ataquei com um beijo quente e gostoso nos beijamos por alguns minutos e já coloquei minha mão por baixo do seu lindo vestido onde senti a calcinha já toda encharcada molhada de tesão e já logo saquei o celular dela para tirarmos fotos para ela mostrar para o marido o nosso momento maravilho juntos ali naquele quarto de motel. Comecei a beijando muito e disse que tinha que ser bom para os 2, coloquei ela perto do espelho e começamos a nos beijar, onde ela me beijando começou a tirar a minha roupa me deixando apenas de cueca na frente daquele espelhão, e claro aquele pensamento sempre rondando minha cabeça de que o marido dela sabia e ai dava mais tesão ainda, nos beijando nos 2 como se fosse o ultimo dia de nossas vidas com muito ardor, ela se ajoelhou e começou um delicioso boquete, que boquinha maravilhosa, que visão e como chupava gostoso, meu pau latejava de tanto tesão, eu quase todo pelado ali e aquela linda mulher de vestido casada pagando um boquete ali pra mim, foi maravilhoso e quase gozei na boca dela, me segurei para não gozar, saquei o celular novamente e fiz um vidiozinho para ela mostrar para o marido daquela linda mulher casada pagando um boquete para o futuro amante dela. Como havia feito exames para mostrar pra ela que estava limpinho, nem me preocupei com camisinha, tirei aquele vestidinho todo e me deparo com uma linda lingerie preta, maravilhosa, que tinha sido comprada especialmente pra mim, tirei aquela belezura e já cai de boca naqueles peitos redondinhos e maravilhosos, chupava como se não houvesse amanhã, deixando ela louca de tesão, uma hora brincava com um na outra com o outro, quando senti que ela estava bem relaxada pedi para colocar uma bolinha do prazer dentro dela (aquelas que a gente compra em sexshop que estouram com a penetração), coloquei ela mais ao centro da cama e comecei uma penetração bem devagarinho bem papai e mamãe, para quebrar aquele clima tímido nosso, com o tempo comecei a bombar com força naquela bucetinha empurrando os lábios dela pra dentro, carol gemia baixinho ficando louca de tesão, eu tirava e enfiava tudo, a bucetinha dela estava ensopada de tanto tesão, ela deu mais ums gritinhos e começou a gemer um pouco mais alto me dando mais tesão ainda. Enfiava a pica com força naquela casada maravilhosa, deixando a bucetinha dela toda vermelha, ela gemia de tesão, cai de boca na bucetinha dela a chupei loucamente e ela gemendo de tesão na minha boca, falando coisas meios sem nexo, parei por um momento e coloquei ela de quatro com a bunda bem arrebitada no canto da cama e fiquei de pé atrás dela começando a fuder ela com força, bombando com muita vontade, vendo a aliança na mão dela me dava mais tesão ainda, dei um tapinha bem gostoso e safado naquela bunda linda e aumentei o ritmo das bombadas naquela bucetinha quente e gostosa, que antes tinha sido só do marido e agora minha também, claro que não aguentei e gozei tudo dentro dela, deitei do lado dela e comecei a acariciar com a ponta dos dedos seus peitos, beijando de leve a sua boca eu já estava satisfeito gozando dentro daquela mulher linda, comecei a chupar seus peitos e acariciar sua bucetinha não demorou muito e Carol gozou loucamente soltando um gemidinho de prazer. Nos recompomos e fomos tomar um banho de banheira .... conto no próximo conto

Ela adorou transar comigo e não vamos parar pois gostamos muito um do outro, e ela está estudando a possibilidade de transarmos a 3 ( eu ela e o marido) que pra mim não será problema nenhum, ao contrario vou adorar fuder ela na frente do maridinho

Se gostarem do conto por favor aceito comentarios

alfa.h@bol.com.br

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
20/03/2018 11:19:03
Muito gostoso comer uma mulher casada quando o marido não sabe e melhor quando ele sabe. E delicioso quendo ele esta presente para ver o estrago na buceta dela.
19/03/2018 06:11:38
Excelente conto continue
17/03/2018 23:47:01
Bem excitante a história, conte mais putaria q vcs fizeram
17/03/2018 18:58:00
aproveita e come ele tb
16/03/2018 23:03:00
Muito bom!
16/03/2018 18:26:21
Continua por favor!!!
16/03/2018 18:25:39
Maravilhoso!!!