Historias Com a Vizinha

Um conto erótico de RAFA TABOÃO
Categoria: Heterossexual
Data: 15/03/2018 13:29:06
Nota 8.00

Boa tarde pessoal!

Tudo bem com vcs?

Então sou leitor do site a muito tempo e tomei coragem para escrever algumas das minhas experiencias e vou começar narrando sobre uma que tive com minha vizinha que mora ao lado de casa.

Vou iniciar me apresentando, sou moreno, tenho 31 anos, 1,80m peso 84kg com um pênis grande e grosso que sempre satisfaz a mulherada.

Então vamos la, estava eu um dia a noite em casa cheio de tesão e papeando com algumas pessoas pelo celular, quando encontro online minha vizinha, uma mulatinha, com seios enormes que são uma delicia e magrinha vou chama la aqui de VAL ela e mais velha do que tem 42 anos, conheço ela desde pequeno sempre tive vontade de comer ela porem pensei que por conta dela me conhecer desde pequeno e conhecer minha familia não iria rolar.

Porem com diz o ditado quem não chora não mama rsrs, puxei conversa com ela e desde o inicio ela ja deixou a sensação que estava errado ela era bem safadinha, contei pra ela do meu desejo que sempre a olhava e que ja me masturbei olhando ela pela janela do meu quarto (isso mesmo eu ficava espiando ela sempre que ela estava colocando roupas no varal, meu quarto tem uma janela que da vista pro quintal dela, que sempre estava de roupa curta e com um decote imenso).

Ela ficou surpresa com a revelação porem gostou de saber que ainda atrai olhares de rapazes mais novos do que ela, foi dai que ela falou que estava curiosa pra ver eu batendo pra ela e perguntou se eu tinha coragem de me masturbar naquele momento pra ela, respondi que sim, foi então que ela me mandou uma foto do jeito que estava de calcinha e top, fiquei louco na hora com meu pau pulsando e babando falei pra ela que ia bater bem gostoso, foi quando ela sugeriu que queria ver e saiu para o quintal do jeito que estava, e queria me ver pela janela, quando olhei ela daquela jeito a vontade era de arrancar a grade da janela e pular o muro que da acesso a casa dela, porem ela falou que aquele dia não, tive que fazer uma manobra colocar a cama debaixo da janela e subir pra ela poder ver meu pau, que a essa hora estava quase explodindo de tesão, bati a melhor punheta da minha vida esse dia, olhando a cara de safada dela, e quando ela tomou coragem e me exibiu aqueles seios maravilhosos gozei feito louco olhando.....

Esse foi o incio de como começamos depois volto pra dizer o dia que consegui comer ela bem gostoso e matar minha vontade...

Espero que tenham gostado dessa parte.

Abrçaos...

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
15/03/2018 15:18:02
Pow, tem q contar cara, deixou a gente na saudade