Casa dos Contos Eróticos

O Amigo do Mineirinho

Categoria: Homossexual
Data: 14/11/2017 18:55:12
Nota 10.00
Ler comentários (1) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Olá pessoal, boa tarde!

Em meu ultimo conto ( O Gato Mineirinho), relatei pra vcs o dia que conheci o Caio, o mineirinho gato que me comeu gostoso... e me perguntou se eu toparia dar para ele e outro amigo dele... no início aquele tesão, mas tbm alguns questionamentos, sobre quem seria, de onde se conheciam etc...

O mais interessante, é que conforme ele ia me descrevendo o amigo dele, não sei informar, quem ficava mais excitado, ele ou eu... rsrsrs

Chamarei o amigo do Caio de Rafael (npme fictício), conforme descrição do Caio sobre ele, um cara muito boa pinta, discreto, todo malhado, com pau grande, safado e extremamente sigiloso devido ser casado...sim, descrição básica, mas suficiente para me deixar excitado e a fim de dar para esse gostoso... após a descrição, meu mineirinho me fez prometer que não largaria dele, para troca-lo pelo amigo... eu disse que nunca aconteceria isso...

Passado alguns dias, marcamos nosso encontro e foda a 3... para variar aquele nervosismo, embora a descrição agradasse não tinha visto o Rafael pessoalmente aquele medo ser alguém conhecido, ou conhecido de alguém conhecido etc ... Caio me mande uma mensagem dizendo que estavam chegando, eu já os aguardava no hotel, preparado para servi-los... ansiedade crescendo cada vez mais, até que ouço o toque da porta, respiro fundo e vvou atende-los... rapidamente eles entram para não serem vistos... o Caio por ser noivo, e o Rafael casado... nos cumprimentamos... e o Caio tímido diz precisar tomar uma ducha, eu digo para ele ficar a vontade e volto minhas atenções ao Rafael, realmente um cara lindo e boa pinta... extremamente tímido... com seus 1,87m de altura, pesando aproximadamente uns 82kg muito bem distribuídos... malhado, sim a camisa polo dele deixava evidente os bíceps e peitoral bem malhados... digo para ele ficar a vontade, ele meio tímido, me diz que estava um pouco envergonhado e no auge do tesão já o agarro e o beijo calorosamente ... em que para minha felicidade sou correspondido, com uma língua gulosa invadindo minha boca, e mãos inquietas percorrendo todo meu corpo como se tivesse me analisando, até que essas mesmas mãos param e seguram firme minha bunda, ouvindo ele dizer na sequencia: - Que delicia de bunda cara!! O Caio realmente não mentiu sobre vc... nisso, eu dou um sorriso e seguro por cima da calça dele, sentindo o volume endurecer rapidamente e respondo; - É, o Caio é um querido mesmo... e nada mentiroso, pq ele tbm não mentiu sobre vc...rsrs... empolgados peço para que ele se deite na cama, e vou retirando seus calçados e suas roupas, deixando-o apenas de cueca.... dando beijinhos carinhosos.. e ele gemendo baixinho dizendo; Delicia cara!! Assim vou ficar mal acostumado!!... eu olho para ele, e digo: - A ideia é deixa-lo muito bem acostumado!! .. nisso tiro o pau dele para fora da cueca e avisto um pau já duro... com o cabeção rosado, de aproximadamente 21cm grosso e caio de boca, chupando e mamando como se fosse o último caralho da terra... nisso o Rafael não se contém e geme alto, dizendo: - CARALHO MLK! Que delicia de boca macia... que mamada gostosa... assim você vai me fazer gozar rapidinho... hummmmm.... nisso o Caio reaparece de banho tomado e de certa forma meio enciumado, e antes que ele fale qualquer coisa, vou até ele beijando-o e dizendo: - Estavamos a sua espera meu gostoso!!... ele juntou-se a nós na cama e comecei a mamar a rola dele, caprichadamente, ao que sou surpreendido com a língua gostosa e quentinha do Rafa, chupando meu cuzinho que já estava ardendo de vontade de sentir rola... nisso o Caio gemia e perguntava se eu tinha gostado do amigo dele... se eu aguentaria dar para os dois... e eu só o olhava e caprichava ainda mais a mamada... em contrapartida... o Raafael dizia para o Caio: - Cara, que delicia de putinha que vc tem!! ... to adorando ... olha essa bund que ela tem!!... Vou querer fuder ela mais vezes, vc deixa! ... Nisso o Caio foi ficando encabulado... e o Rafa dizia, cara to louco de tesão de comer esse cuzinho, mas vou respeitar e deixar você comer primeiro...nisso ele pegoua camisinha e deu pro Caio... eu os beijava, o Caio colocou a camisinha, mas não sei dizer se por ciúmes, timidez ou total insegurança... ao me ver chupando a rola do Rafa, que sim, era maior e mais grossa que a dele, acabou travando... e o pau dele, ficava meia bomba e por mais q ele tentasse não esyava conseguindo... eu deixei o Rafa de lado , um poquinho e fui dar a devida assistência ao meu gato mineirinho, tentando tranquilizar ele... e deixando le novamente duro, mas ae o Rafa, diz; - Cara, desculpe!! Mas não vou aaguentar, preciso comer esse cuzinho e agora!!... Nisso colocou a camisinha e o gel... me posicionou de 4 enquanto eu ainda mamava a rola do Caio, e começou a me penetrar lentamente, como se estivesse a degustar uma taça de vinho... a cada cm de rola dele que adentrava meu cuzinho, ele me segurava pelas laterais da cintura mais firme, e me puxando o corpo de volta ao encontro do corpo dele, meus gemidos aumentavam, de forma que parei de chupar a rola do Caio, que ficava olhando admirado o amigo dele me dominar e me possuir de forma soberana... deixando toda sua timidez inicial e cordialidade de lado por alguns instantes... e dizendo alto: - Caralho q delicia de rabo!! ... delicia de putinha !! ... nisso as estocadas dele iam ficando cada vez mais fortes... e meus gemidos mais altos... ele me beijava o pescoço e mordia minhas orelhas, olhando para o Caio e dizendo: - Olha sua putinha gemendo gostoso na minha vara!! ... olha só o que vou fazer com ela... nisso mudava as posições socando cada vez mais forte... o tesão em sentir aquele macho me possuindo era tão grande, que em poucos mintos eu gozei fartamente sem sequer precisar me tocar... somente com o tesão em sentir ele me possuindo fortemente... ao me ver gozar, e mesmo assim, continuar dando para ele sem reclamar ou pedir para parar.. ele socava forte e gemia dizendo: - Toma vara tua putinha gostosa!! Toma... toma!! depois de muitas estocadas e variadas posições ele diz q vai gemer... olha p Caio, que continua meio que inerte e hipnotizado enquanto aquele verdadeiro Apolot me possui, e pergunta: - Onde vc quer que eu goze na tua putinha hein seu corno... o Caio, sem ação diz timidamente: - QQ lugar!!... ele olha para mim e pergunta: - Onde vc quer que eu goze minha putinha gostosa... eu peço no rosto, e ele intensifica mais as estocadas e geme alto... ARHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHH HUMMMMMMMMMM Caralho que deliciaaaaaaaa!!! HUMMMMMMM..... caindo sobre mim todo suado e diz: - Na próxima minha delicia... eu prometo, hoje gozei no seu cuzinho pra vcrdade...ele retira a camisinha completamente cheia de porra... e vai para o chuveiro... enquanto eu fico deitado ainda mole sobre a cama e sob o olhar admirado de Caio... o beijo e pergunto se ele esta bravo comigo... ele diz que não, e me pede desculpas por não ter conseguido... eu digo que ele não precisa encanar com aquilo, pq acontece!! E vou para a ducha junto com o Rafa... banhamos juntos, outros beijos e amassos, ate que diz ao meu ouvido: Quero você mais vezes!!... e da um tapa na minha bunda, nisso ele me agacha e o faz mamar novamente...até tirar seu leitinho direto da mamadeira... Caio nos observa pelo lado de fora do box... e o Rafa ri dizendo: Cara, tua puitnha é muito gostosa e gulosa!! Realmente vc não da conta dela sozinho... mas fica tranquilo que eu vou te ajudar...

Espero que tenham gostado do relato, lembrando que é totalmente veridicio mudando apenas o nome dos envolvidos... peço desculpas pelos erros de acentuação e se gostarem deixem seus comentários e votos ...

Bjos nos paus dos delicias!!

P.S: Em breve conto as demais aventuras com o Caio, o Rafa, e outro amigos deles rsrs

Comentários

15/11/2017 16:13:37
Perfeito

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.