Aghata a travesti e o virgem

Um conto erótico de Amante das Maduras e Travestis
Categoria: Homossexual
Contém 879 palavras
Data: 04/10/2017 00:06:45
Assuntos: Gay, Homossexual, Travesti

tenho 33 anos, branco, olhos verdes , 70kg, 18cm de rola, minha mulher diz que tenho uma bundinha gostosa,um corpo que agrada a mulherada e afins.

O que vou relatar aconteceu ja faz alguns anos.

Sempre tiveuma certa atração por travestis, mas tambem uma certa resistencia lutei contra esse desejo por muito tempo.

Em 2012 comecei entre nas salas de bate bapo e sempre que encontrava alguma travesti on-line puxava conversa ia pro privativo e batia aquele papo quente e gostoso, vendo ela na webcam sempre só fantasiando batendo aquela punheta gostosa desejando fazer tudo com elas.

Alguns tempo mais tarde fui morar com minha primeira mulher e esqueci desses desejos, o por 3 anos foi tudo bem até não deu mais e nos separamos isso em 2015, agora solteiro e morando sozinho nada me impedia ,não tinha hora pra voltar pra casa nem dar satisfação pra mãe, resolvi entar na salas de bate-papo pra caça mulherada afim de sexo e encontro online uma travesti aqui da cidade com quem ja tinha conversado comecei a conversa com ela doido pra sair com ela mas ainda faltava coragem , Aghata Ela 1.80 altura ,uma bunda linda e grande, sem silicone ,coxas grossas deliciosas e pernas compridas de rosto não posso dizer que é linda e 20cmde rola e uma disposição fora do comum.

Depois de alguns meses conversando e marcando e desmarcando com Agatha ja nem queria mais conversar comigo tomei coragem, isso ja era 00:00 e fiz proposta pra ela se você aceitar marca comigo hoje mais uma vez te garanto que vou agora e deixo você fazer oque quizer nisso eu ja estava de banho tomado e pronto pra qualquer coisa e doido de tesão, demorou uns 5 minutos eternos pra responder ela disse pode vir, mas você só tem 15min pra chegar aqui tremi tudinho mas fui todo nervoso sem saber no que ia dar ou no que ela tinha em mente.

Quando cheguei o entrei com o carro na garagem e la estava ela toda maquiada, de top e saia curtinha preta uma delicia, fui ao encontro dela ja cheio de tesão agarrei e meti a mão naquela bunda deliciosa, desci pelas coxas e subi por baixo da saia senti aquela bunduna deliciosa com calcinha fio que me enlouqueceu mais ainda nãoe importei com mais nada fui beijando chupando naquela pegação descontrolada arranquei a roupa toda e ela tirou o tpo e mesmo não tendo seios fui pra cima, comecei beijar ela todinha decendo tirei a sainha curta cherei por cima daquela calcinha fio branca e aquele pau ja estava ficando duro, tirei a calcinha coloquei ela de 4 chupei aquele cuzinho delicioso como louco começamos um 69 maravilhoso quando chupou meu cuzinho foi uma sensação deliciosa tao boa que comecei a gemer e rebolar na lingua dela, retribuibe chupei muito aquela bunda deliciosa,aquele cuzinho gostoso criei coragem e meti a boca nas bolas dela e comecei chupar e saborear como sempre tinha imaginado assistindo aos videos com travestis , enchi a boca com as bolas dela enquanto minhas mãos instintivamente se agarraram aquele pinto 20 cm,grosso e cabecudo, nao me cansei de chuparbaquelas bolas mas queria saber o gostinho daquele pinto também e comecei a chupar aquela cabecudo e quando senti a macies daquela cabeça comecei a chupar e mamar com mais vontade aindaa sensação se completou enqto eu chupava aquele pau delicioso ela metia e lingua no meu cuzinho com tanta vontade que eu gemia de boca cheia, mas como ela estava no controle, se levantou me colocou de 4 e disse agora você vai me pagar por todas as vezes que me deixou esperando, cara isso me gelou todo meu cuzinho virgem tava ferrado.

Olhei ela colocando a camisinha e perguntei tem gel? Ela disse acabou mas vou ser carinhosa e vou lubrificar esse cuzinho mais um pouco e cuspiu mais nele rss, e dai semti aquele cabeção forçando meu cuzinho doeu e a cabeça passou que dor quase insuportavel implorei pra ela parar mas queria que ela continuasse, e ela sabendo disso me tratou como uma putinha e contiuou metendo pois os 20cm ainda não tinha entrado tudo eu urrava de dor e prazer e finalmente a dor passo e eu estava com aquele pau enorme dentro de mim depois de uma paradinha ela comecou um entra e sai delicioso que me deixou com muito tesão e de pau duro, ela me comeu de 4 na mesa da cozinha, deitado no chão da cozinha, na sala ela me mandou fixar de cabeça pra baixo e com o cuzinho pra cima no sofá ela subiu no sofá veio por cima e meteu como louca no meu cuzinho e gozou muito que delicia depois so senti aquele vazio enorme, ela voltou a chupar meu cuzinho so pra fazer meu pau ficar duro e comer ela oque fiz ,mas como ja estava acabado de tanto ser comido sei que não fiz bem feito e pra terminar e me punir pelo fracasso ela me comeu no banheiro também e fui embora tentando sentir aquele pau viciante, vou outra vezes encontrar a Aghata o que sempre foi prazeroso.

Adoro travestis e transexuais e agora quero realizar a fantasia de dar pra varias .

boypentelho@hotmail.com

Siga a Casa dos Contos no Instagram!

Este conto recebeu 7 estrelas.
Incentive macho tarado flex a escrever mais dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.

Comentários

Este comentário não está disponível
Foto de perfil genérica

que deliciaaaaa!!! homem sem frescura e que gosta de ser passivo é tudo de bom!

0 0