Casa dos Contos Eróticos

Desejo Louco

Autor: Albor
Categoria: Heterossexual
Data: 26/10/2017 11:54:12
Nota 10.00
Ler comentários (2) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Ola me chamo Henrique a algum tempo venho morrendo de vontade de dividir algumas das situaçoes que acontecem comigo , me considero um cara de muito sorte tenho um Namorada linda cheia de curvas e carne uma mulher que para mim nao deixa a desejar nao o sou o tipo que gosta de palito kkkk prefiro carne onde posso sentir tocar , aperta ...

Porem comer todo dia arroz e feijao enjoa entao vou dividir com voces o que nos dois aprontamos para sair da rotina de casal, espero que gostem...

Gabby e como disse uma mulher cheia de curvas , tem 1,68 de altura seios fartos uma bunda deliciosamente grande coxas volumosas e uma buceta carnuda branquinha como a Neve e claro Safada muito safada nao existe a palavra não entre quatro paredes para ela! vou contar nossa mais recente aventura ..

...Depois de um dia normal de trabalho para um quarta-feira ela me liga .

- Gostoso tem compromisso hoje depois do trabalho ?

- Não Tesão porque ?

- Pensei em algo para fazermos , estou expremamente necessidade de um gozada sera que meu delicioso namorante ( isso e uma mistura de namorado com amante), pode me satisfazer?

- Claro que posso! o que pensou ?

- Lembra do fetiche que disse na semana passada ?

- PERA o da Delegacia ?

-Sim ele mesmo ... Gostoso me ajuda to doida pra isso, doida mesmo nao consigo pensar em mais nada.

- Eu ajudo mais como vou te por la dentro ? como vou filmar ? e uma missao semi impossivel ..

- HAHAHA ja dei meu jeito so preciso que me leve la ... consigo ficar na cela por 30 minutos...

- Você e completamente doida e eu adoro isso , ok se arruma que passo ai em 15 minutos.

Chegamos na DELEGACIA ela ja tinha acertado tudo com o escrivao de plantao (ate hoje me pergunto como?) , ela e eu entramos na Cela com mas 3 pressos .

Na cela o cheiro de mofo com porra era muito forte , ambiente impossivel de ficar , os pressos tambem estavam de acordo com a cena , ela vestia um vestido de praia ,estava sem calcinha ao entrar na cela os cara avansaram como se ela fosse um pedaço de carne eu saquei o celular e começei e gravar .

Dois eram negros e tinha um instrumento longo e grosso sem preparaçao alguma comecaram a penetrar ela de pe mesmo a cena era um real sexo selvagem, os olhos dela brilhavam de tanto prazer , naquele chao imundo ela se deito e vou fortemente penetrada pelo 3 cara os 2 negros comecaram a receber um boquete duplo( ela e otima nisso) logo gozaram ne e em seguido o 3 tambem ( com o tempo que os cara nao pega mulher ate aguento muito) pronto a primeira parte do fetiche estava completa saimos da cela e eles ate agradeceram hahaha .

Ela imunda e toda gozada entro no carro e fomos para um bar de prostituicao onde ela queria ser usada como moeda de troca por mim , nao demoro muito um velho mal cuidado se aproximo de nos perguntou quanto era o programa e por 10$ eu a prostitui ( a felicidade do velho ao saber o valor foi impagavel) assim ela foi ate o banheiro do bar e foi devidamente usada , pronto a segunda parte estava completa ainda faltava o fim , que seria eu apos esse misto de Orgia com Protituição a levei para casa e apos dar um bom banho na minha vadia fodi ela como ela mais gosta de quatro.

Espero que tenho gostado forte abraço ate o proximo Relato.

Comentários

30/10/2017 07:33:02
Me surpreendi pelo que li. Achei sensacional o conto. Mandaram bem na realização dessas fantasias. Me senti vivenciando cada cena, na cela e no bar com o velho. Nota máxima pra ti... Se vc gosta de muita carne para apalpar, venha me conhecer lendo os meus. Pra achar, clique no meu nome. Beijinhos nessa boquinha.
26/10/2017 13:13:14
Admirável sua inspiração, aguardo novos relatos de suas aventuras com certa ansiedade

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.