Casa dos Contos Eróticos

FAMÍLIA INCESTUOSA, COMO É BOM SEXO COM MEUS FILHOS.

Autor: PAULA
Categoria: Homossexual
Data: 24/10/2017 08:58:17
Nota 9.67
Ler comentários (4) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

FAMÍLIA INCESTUOSA, COMO É BOM SEXO COM MEUS FILHOS.

Sou mulher normal viúva com um casal de filhos ele 20 ela 18, vivíamos os três em casa, em perfeita harmonia, sempre tivemos o habito de ficar a vontade em casa, eu adorava ficar em casa apenas de lingerie e minha filha também sempre teve este costume, já meu filho vivia em casa apenas de cuecas. Vou tentar dizer como somos fisicamente, eu morena clara, olhos e cabelos castanhos, pernas longas e gostosas, segundo comentários, seios grandes e durinhos, pois me cuido indo a academia constantemente, tenho 1,70 alt. Minha filha é como eu em tudo seus seios são maiores que os meus, é deliciosa fisicamente, provoca todos nas ruas, meu filho tem 1,80 alt. Forte, com uma barriga de tanquinho e depois fiquei sabendo que tem um pau enorme. Agora vamos a historia de nossa vida a três: assim que chegávamos do trabalho íamos arrumar o jantar os três, quem chegava primeiro já ia dando andamento na rotina do jantar, depois sentava para ver o noticiário e novelas, eu de lingerie apenas e Rafaela também, já Roberto fazia questão de ficar de cuecas zorba, sempre desfilando pela casa.

Quando dava sono eu me retirava e Rafaela ficava deitada no sofá sobre o Roberto se esfregando nele, uma noite após me recolher eis que Rafaela bate e entra em meu quarto para desabafar, perguntei o que houve e ela disse mamãe vc não sabe o que vi com meus próprios olhos, e falou assim: mãe o pau do Roberto é enorme nunca pensei que exista um pau deste tamanho é colossal, eu falei calma filha conte tudo desde o inicio, contou assim que estava sentada no colo do irmão vendo um filme proibido, e sentiu quando o pau dele foi ficando duro, ai ela olhou para baixo e viu a cabeça do pau do irmão saindo cueca, chega a quase bater na altura do joelho, mãe deve ter uns 30 cm, sai correndo antes olhei de novo e a cabeça do pau estava exposta para fora da cueca do irmão, um pau cumprido e grosso saindo da cueca. Sorri e falei calma filha seu pai também tinha um pau grande não tão grande devia ter uns 20 cm deve ser igual ao do Roberto, ela saiu vermelha de ansiedade, foi dormir. Levantei e fui até a sala ver meu filho, realmente notei seu pau duro e grosso, deve ser igual do pai, mas não consegui ver o pau nem a cabeça, estava excitada com o que falou Rafaela, fui para a cozinha e fiquei espiando meu filho, ele tirou o pau para fora e começou alisar seu mastro, vi que realmente é um pouco maior do que era o do pai, deve ter uns 22 cm, quando ele gozou, eu que estava acariciando minha buceta gozei gostoso, ensopando minha calcinha de gozo, ele se limpou com um papel que levava consigo, corri para meu quarto e masturbei novamente pensando no pau de Roberto.

No outro dia após o jantar vi Rafaela ao lado de meu filho no sofá, com a perna em cima do pau dele disfarçadamente, sentei de outro lado e também me encostei a meu filho, sentia os pelos da perna dele encostarem-se a minha perna e percebi que sua irmã também se encostava a seu corpo, o pau dele duríssimo dentro da cueca, falei coloca algo mais quente na tv filho, e ele colocou um filme de sexo, eu fiquei louca vendo o cara comer uma mulher o pau dele estava duro e minha filha sem respeito algum por mim, colocou a mão no pau do irmão e o masturbava por cima da cueca, os bicos das tetas dela estava duríssimo, quando olhei para minhas tetas, também estavam duras e minha boceta ficando molhada de tesão, vi quando meu filho ia gozar, quis levantar e ela falou fica deixa acontecer, e ele gozou em sua cueca e no sofá, ambas estávamos loucas de tesão, mas ficamos cada uma na sua, ai fui para meu quarto, e logo após voltei e fiquei escondida num canto olhando os dois e vi quando ela tirou o pau para fora e beijou-o, depois abriu a boca e lambeu o pau todo, depois o chupou até ele gozar em sua boca com ela engolindo tudo que saiu, eu gozei vendo e acariciando minha buceta, ai que delicia ver o pau expelir aquela porra branquinha e minha filha engolir tudo, maravilhoso, gozei muito esta vez.

Fui para meu quarto e me acariciei gozando novamente, sem conseguir dormir fui ao quarto de minha filha, chegando falei vc viu o pau dele, ela falou sim mãe a senhora viu eu o masturbando com a cueca, ele é uma delicia que pau gostoso mãe, pena que não pude tirar para fora eu falei pode parar por ai filha ele é seu irmão, ela falou mamãe seus seios estavam bicudos a senhora também esta morrendo de tesão por ele, eu disse sim filha estou sem homem há quase quatro anos, mas é meu filho e seu irmão, não vamos mais fazer isso de acordo, ela falou mãe se ele me quiser vou dar minha virgindade para ele, e se ele quiser acho que a senhora também devia experimentar o pau dele na buceta e no cu, eu falei filha é meu filho como fazer isso, ela sorrindo disse abrindo as pernas mãe.

Não conseguia dormir de tanto tesão que me dava, ver meu filho e saber que ele estava usando sua irmã, e sentia que também o desejava, mas isso é proibido para mim e para minha filha afinal somos uma família, assim resolvi colocar isto em uma conversa franca com meu filho e minha filha. Após o jantar chamei os dois para a sala e falei meninos não vamos mais andar assim à vontade em casa, isto pode prejudicar nossa família, vamos acabar desejando um ao outro e isto não é certo, ambos sorriram e ele falou mãe, estou todos envolvidos, eu desejo a senhora e Rafaela, e ambas me desejam, assim acho melhor relaxar e aproveitar, pois nada mais seguro do que sexo em família, Rafaela também quis se manifestar e falou mãe, eu estou adorando me exibir para o Roberto e até já chupei seu pau engolindo toda a porra que sai do pau dele, mãe não vou mais conseguir viver sem isso, e nos dois sabemos que a senhora se masturba, nos olhando e goza bem gostoso com o que vê, vamos relaxar e deixar acontecer, afinal somos uma família unida e ninguém precisa saber nem meus amigos, nem os amigos de Roberto e nem suas amigas, será um segredo somente nosso fiquei sabendo que realmente não tinha mais retorno, e ele veio me abraçar e ela também, ficamos os três sentindo o calor um de outro, foi delicioso o abraço, senti quando ele me beijou enfiando sua língua em minha boca pedi licença e fui para meu quarto pensar.

Deitada no quarto ouvia os gemidos dos meus filhos e fiquei excitada novamente, comecei a acariciar minha buceta e os bicos de meus seios estavam duros e bicudos, loucos para serem acariciados e chupados, neste momento resolvi ir ter com eles, ao chegar vi os dois se chupando ela chupava seu pau e ele chupava sua buceta em um lindo 69, nem notaram minha presença, assim tirei o soutiens e a calcinha e me enfiei entre eles, beijando um e outro, estava louca sem pensar direito no que estava fazendo, até que senti a boca de meu filho chupando meu grelo e a boca de minha filha beijando a minha boca, sentia sua língua me penetrando a boca e a língua do Roberto enfiando na buceta e mordiscando e chupando o grelo, fui da terra ao céu, gemendo de prazer e gozei feita louca na boca do filho tarado, e vi quando minha filha gozou apenas por ser acariciada por mim, e por meus beijos em sua boca. Fiquei meio desfalecida depois de vários gozos, e vi minha filha cuidar do pau de meu filho, foi lindo, ela chupava com prazer e tesão, e eu somente olhando, quando vi ela sentar em cima do pau e ver ela sendo penetrada por aquele pau enorme na buceta até então virgem, ela chorou quando chegou ao hímen, mas pediu para ele continuar e depois gozou em seu pau, com ele tirando e pondo o pau em sua buceta.

Após todos satisfeitos, ficamos nos acariciando e ele falou mãe aqui ninguém será de ninguém faremos sexo sempre e quando quiser, basta estar com vontade um vai comer o outro e vou ter duas femeas para mim e vcs terão um macho para satisfazer as duas e quando quiser podem se comer uma a outra, vão amar sexo entre mulheres, eu apenas concordei, pois não podia mais negar que estava gostando do que aconteceu entre-nos, ai falei vamos de hoje em diante dormir os três em minha cama que é grande, e sempre que tiver vontade faremos sexo, sem cobranças sem intrigas apenas prazer, sem direito de propriedade vcs concordam, eles concordaram.

Dormimos os três em minha cama, e logo cedo minha filha me deu uma chupada, quando Roberto acordou também chupou eu e sua irmã, ai falou mãe antes de sair vou querer comer sua buceta ontem não deu tempo, eu fiquei sem jeito e fiquei na cama, já morrendo de tesão por ele, quando veio me comer, pediu a sua irmã para dar umas lambidas na minha buceta e quando ela disse que estava pronta, ele veio com jeito e colocou a cabeça do pau na porta de minha buceta, eu gemi de ansiedade, e ele enfiou a cabeça, como é grande doeu um pouco, porém aguentei e ele continuou minha filha olhando de perto a penetração, ia lambendo o pau do irmão e minha buceta, à medida que o pau invasor penetrava, quando senti a pujança daquele pau enorme dentro de mim, fui às nuvens que delicia estava toda preenchida, ai ele falou agora vou foder minha mãezinha, coisa que sempre sonhei, e fodeu, mas como fodeu gostoso, sentia o pau entrar e sair rapidamente gozei uma, duas, varias vezes e ele continuava fodendo até que gozou dentro de minha buceta me enchendo de porra, sua irmã entrou entre nos e lambia seu pau e minha buceta, para não perder nenhuma gota ela dizia, e ficamos desfalecidos eu e Roberto, ela então falou estou morrendo de tesão que foda deliciosa vcs deram, foi maravilhoso assistir delicia de foda mãe, como sua buceta é linda.

Tivemos de levantar e ir nos arrumar para nossos afazeres e meu filho disse hoje vou querer inaugurar seu cuzinho mãe, sei que é virgem o da irmã já inaugurei e ela amou, não foi Rafaela, ela disse mãe foi delicioso dar o cu para ele, somente doeu à primeira vez agora é somente prazer, a senhora vai amar também e corremos para cuidar de nossos afazeres do dia.

Em meu trabalho aquilo não saia de minha cabeça, quando dei por mim estava com a calcinha toda molhada, fiquei pensando em como minha filha aguentou um pau daquele tamanho no cu, será que eu iria gostar? Nunca dei para o pai deles por ter medo e achar que era um pau muito grande, como agora dar para um pau maior ainda? Tinha muitas interrogações, até que chegou meu chefe um homem lindo, enorme, grande e simpático, falou vc não aceitaria um jantar um dia desses, eu falei, infelizmente não vou poder aceitar tenho problemas em casa, mas quem sabe um dia, ele falou ambos somos viúvos por que não? Eu falei vou pensar senhor Carlos. Fui correndo ao banheiro e me enxuguei a buceta, pois estava ensopada de gozo não conseguia parar de pensar em meus filhos. E agora seu Carlos querendo se aproximar? Acabei tocando uma e gozei bem gostoso, me limpei e voltei ao trabalho já mais calma.

A noite chequei primeiro estava ansiosa e morrendo de tesão, fui arrumar o jantar e coloquei após a ducha um delicioso conjunto de lingerie fio dental, minha bunda é enorme e redonda, e minha buceta ficava quase a metade para fora, o soutiens cobriam somente os bicos das tetas, estava todo de fora, quando chegou minha filha veio logo me beijar a boca e senti sua língua entrando em minha boca, já fiquei louca de tesão, foi correndo tomar um banho e voltou quase pelada como eu, e logo após chegou meu filho nosso macho e beijou também minha boca me abraçou mordendo minhas orelhas, fiquei molhada na hora e foi ao banho também, assim que voltaram jantamos e fomos para nosso quarto, ele falou mamãe, não vou esperar ficar tarde, vamos namorar os três agora, e ao chegar ao quarto começou me beijar me lamber, e a sua irmã também, o macho tinha certeza que daria conta das duas femeas que teria a sua disposição, e ela falou, Hoje vc cuida do cu da mamãe ai depois nos acariciamos e gozamos os três, primeiro quero ver seu pau possuir o cu de mamãe, ele não se fez de rogado, falando vai beijando as tetas dela, colocando-me de quatro, ela por baixo chupava minhas tetas e ele lambia meu cu, seu pau parecia um porrete de tão duro, ai falou passa ky no meu pau e no cu de mamãe, ela prontamente cuidou do pau de seu irmão e do meu cu, que ficou molhadinho de lubrificante, ai senti a cabeça daquele monumento tentar forçar o buraco virgem de meu cu, ele falou mãe, vai doer somente hoje, pois as pregas vão se arrebentar, depois será somente prazer, relaxa e faz como se fosse expelir algo, eu obedeci preocupada, mas não tinha mais volta e sentia cabeça abrindo o meu cu, que se abriu como uma flor, pois a cabeça era enorme, e ao entrar gritei de dor, minha filha falou calma mãe vai achar delicioso depois e o pau continuou sua penetração vitoriosa, eu sentia meu cu se alargando, senti quando arrebentou a primeira prega, chorava feito doida, mas queria sentir mais pau no cu e ele continuava, Devagar e sempre, senti a segunda prega a prega mãe se estourar, e ele falou pronto agora será tudo mais leve, e continuou fodendo meu cu, ai quando percebi que já tinha entrado tudo ele falou a senhora é uma heroína mãe aguentou tudo no cu agora vou esperar se acostumar e vou foder a senhora até a senhora gozar com o pau no cu e logo a seguir falou vai arder mãe e fodeu, enfiava e tirava, eu chorava e sorria, era doloroso mas delicioso, até que gozei feito louca com o pau no cu sem me tocar, e ele encheu meu cu de porra deliciosa, minha filha preocupada, não parava de me beijar e acariciar, dizia estar preocupada com meu bem estar, e eu desfaleci com o pau gozado no cu, e minha filha acariciando todo meu corpo, se esfregou em mim e gozou em cima de minha bunda recém deflorada, que delicia ser fodida desta forma, foi maravilhoso, os dois me amaram a noite toda com carinhos e prazer, dormi dolorida mas feliz e eles também estavam no paraíso.

Meu filho teve de viajar a serviço, e ficamos somente eu e minha filha, ao chegar a casa pensei bom hoje vou descansar de sexo nosso macho esta fora, mas quando ela chegou correu ao banho e veio me beijar e acariciar tirou meu lingerie e loucamente me beijava e chupava todo meu corpo eu correspondia, ai ela virou ao contrario e chupava minha buceta e eu passei a chupar a dela, quando gozou em minha boca foi delicioso tomar seu sumo, docinho e quente e gozei também e ela também engoliu todo o sumo de minha buceta, ai ela pediu lambe meu cu mãe, e enfia o que puder da sua língua, não vou fazer o mesmo com a senhora pois esta ardendo de ontem não é mamãe, eu sorri e lambi seu cu, e enfiei a língua no seu cu, ela se acariciando gozou novamente com minha língua no cu, eu ainda enfiei meus dedos no seu cu ela continuou gozando sem parar e eu também gozava com esta experiência deliciosa. A noite toda nos acariciou e gozamos, fiquei até um pouco fraca ela é insaciável e sempre quer mais, uma tarada por sexo, que delicia. Ao acordarmos no outro dia ela ainda quis gozar mais uma vez eu não a deixei em falta e nos amamos novamente até chegar a hora de sair para nossos afazeres.

A noite ao chegar a casa meu filho estava me esperando e perguntou, sentiu falta de mim, eu falei muito filho, e o beijei com amor, ele então falou será que seu cu já aguenta outra vez o pau no cu mãe, eu disse pode arder um pouco vou estar a sua disposição meu filho, fomos para o quarto e ele lubrificou meu cu e penetrou com bastante carinho e paciência, estava me comendo o cu quando sua irmã chegou e veio ajudar seu irmão a possuir sua mãe, ela falou Roberto a mãe é uma delicia, comi ela a noite toda e ela correspondeu, chegamos a desmaiar de tanto prazer, ele sorriu e disse é horrível ficar sem vcs duas, vou evitar viagens, quero sexo com as duas o tempo todo, eu pensei estou em um paraíso e espero que isto não tenha fim. Logo a seguir ele gemeu vou gozar minha mãezinha querida e soltou toda a porra que tinha guardada dentro do meu cu, eu adorei o calor da porra escorrendo em meu cu que ficou cheio.

À noite ainda comemos os dois sua irmã e depois dormimos abraçadinhos e vivemos felizes até hoje, os três sem donos, sem proprietários, somente prazer e sexo.

Paula

Camipaula1@hotmail.com

Comentários

05/11/2017 16:20:31
Amo incesto..possuo um pouco de experiência e gosto de falar sobre, principalmente com mulheres.. zap: vinte um,nove, oito, um,sete,um,sete, um,cinco,sete.
04/11/2017 16:52:34
gostei!!!!!que família abençoada......
24/10/2017 09:39:35
Nossa paula que delicia de incesto gostoso que tesao amore filho de sorte delicia adorei paula. Sandro.cesario3@yahoo.com.br San
24/10/2017 09:34:45
Putaria das boas !!!

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.