Casa dos Contos Eróticos

COMENDO MINHA CUNHADA DORMINDO

Categoria: Heterossexual
Data: 17/09/2017 04:18:24
Nota 9.38
Assuntos: Heterossexual
Ler comentários (7) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Oi, Meu nome é Edu tenho 24 anos, esse é meu primeiro conto, já acompanho esse site uns 4 anos e só agora resolvi relatar um fato ocorrido comigo e minha cunhada. Mas eu tenho muitas historias para contar, só que o fato é recente e está mais fresco em minha memoria, então vamos aos fatos!

O fato ocorreu quando eu tinha 22 anos, minha cunhada Jessica, trabalhava em um shopping próximo a minha casa e era mês de dezembro o comercio estava em alta e a loja no shopping que ela trabalhava estava prendendo ela até tarde da noite e

ficaria muito difícil ela poder chegar na casa dela, por conta do horário dos ônibus, ela chegaria muito tarde e seria perigoso ela retornar até a casa dela tarde da madrugada. Como minha cunhada morava muito longe do shopping e todos os dias ela passou a dormir na minha casa, eu nunca tinha olhado minha cunhada com outros olhos, até porque era namorada do meu irmão, eu dividia o quarto com meu irmão, e meu irmão trabalhava como vigilante, e o horário dele era noturno saia de casa sempre as 19h da noite e chegava no dia seguinte as 9h da manhã, e é ai que a historia se inicia, minha cunhada passou a dormir na cama do meu irmão já que ele ficava a noite no trabalho e por conta da rotina do shopping no mês de dezembro muito agitado, ela passou a dormir no mesmo quarto que eu, até então como eu tinha dito, eu nunca tinha visto ela com outra intenção, Ela tinha 32 anos bem mas velha que eu, bem magrinha, bunda empinada ela nem frequentava academia, era pura genética, peitos pequenos, uma morena linda, cabelos cacheados, e de pele bem moreninha de chamar muito atenção. Então, em uma noite de Quinta-feira, minha cunhada chega em casa por volta das 23h da noite, eu estava já no meu quarto assistindo um filme no meu notebook, ela chega me da um boa noite e vai até a cama do meu irmão organizar as coisas dela para tomar um banho logo em seguida, até ai tudo bem, tudo normal. Mais meus pensamentos nesse dia mudou quando ela saiu do banho já com um pijama fininho de seda que dava para ver os bicos dos peitos dela, e um shortinho também de seda bem curtinho, ela namora meu irmão a mais de 5 anos então ela sempre frequentava minha casa e ficava sempre de shortinho na minha frente, mais nessa noite foi tudo diferente eu sentia um desejo por sexo, logo quando ela saiu do banho, ela veio secando os cabelos com a toalha e sorrindo pra mim me falando que iria dormir por algumas semanas comigo e que as vezes ela roncava e eu teria que aguentar ela. ( Claro, em um tom de brincadeira, para descontrair) Eu apenas retribui o sorriso e não conseguia mais prestar atenção no filme que estava assistindo e já fui desligando o notebook porque não queria atrapalhar ela a dormir, ela notou que eu estava desligando o notebook me pedindo para não se incomodar com ela e tal. Ela falando que estava muito cansada e que pegava no sono rápido e não iria incomodar com a claridade, mesmo assim eu insisti em ir dormir também. As horas foram se passando, e eu imaginando ela saindo do banheiro com aquele pijama de seda que deslizava pelo seu corpo, e comecei a ficar de pau duro imaginado ela, a essa hora eu não estava mais nem ai se era a namorada do meu irmão, eu queria comer aquela morena. Me levantei e fui na cozinha beber água, não conseguia dormir já era quase 2h da madrugada, e quando voltei para o quarto fui acender a luz para voltar pra minha cama. Foi nessa hora que a vontade de comer ela falou mas alto. Ela estava de bunda pra cima, metade do lençol estava dividindo a bunda dela, o pijama com aquele shortinho meio folgado dava para ver a polpa da bundinha dela, eu tinha uma visão privilegiada e meu pau já começou a ficar duro, eu apaguei a luz, e abri o notebook para clarear um pouco o quarto, esperei um pouco até meus olhos se ajustarem e fui me aproximando da cama dela, eu vestia um samba canção e meu pau estava muito duro não conseguia me controlar, eu fui me aproximando dela e me certificando se ela estava no sono profundo, balançando um pouco os ombros dela e chamando baixinho pelo nome dela... Jessica, você esta acordada? chamei umas 3 vezes, e nada dela responder... A cama era baixinha então eu me sentei ao lado da bundinha dela e comecei a passar a mão, e ficar me masturbando aos poucos .. o rosto dela estava virado para parede e a bundinha virada pra mim, nossa eu estava com muito tesão, comecei a tocar na bundinha dela e tirar o lençol de cima apenas da bundinha empinadinha dela, e eu não resisti a tentação, e fui me deitando aos poucos ao lado dela para tentar dar uma sarradinha na aquela bundinha, finalmente com muito cuidado eu tinha conseguido me deitar e comecei a me esfregar nela com muito cuidado para não acordar ela, fui me deliciando naquele momento, uma pele morena bem macia eu já tinha tirado meu pau pra fora e estava com todo contato daquela bundinha ... fiquei por alguns minutos se esfregando nela e fui tomando coragem e eu não estava mais aguentando e não satisfeito fui me posicionando por cima dela, e encaixei meu pau no meio da bundinha dela, com movimento suave fui aumentando os ritmos e quando eu já estava próximo a gozar fui me saindo de cima dela e gozei no chão todo, meu coração estava batendo tão forte, que eu nunca tinha sentindo uma adrenalina dessa na minha vida, limpei o chão em seguida fui dormir... Quando eu acordei ela já não estava na cama, e quem já dormia ali era meu irmão. Já era quase 13h da tarde e ela já tinha saído para o trabalho, fiquei o dia todo com minha consciência pesada, imaginando mil coisas, sem saber se ela estava dormindo quando eu estava bolinando ela, se ela tinha contado para meu irmão, mais se ela tivesse contado meu irmão não estaria dormindo ele teria me acordado me batendo... então fui me acalmando mais eu estava muito nervoso ... e só tinha que esperar pra ver o que iria acontecer a noite, quando ela tivesse chegando. Por volta de 23h ela chega e eu estava na sala assistindo, ela chegou sorrindo pra mim e me dando boa noite, eu fiquei todo errado e tentei agir naturalmente, e pensando comigo mesmo eu acho que ela não sentiu nada na noite anterior, e foi um alivio prometi pra mim que não iria fazer novamente, e fiquei ali na sala assistindo.. Eu via ela na cozinha fazendo um lanche depois indo se deitar.. por volta das 2h eu fui para o quarto e assim que eu entrei, acendi a luz e mais uma vez eu me deparei, com aquela morena linda, mais dessa vez ela estava virada de barriga pra cima, mais usava o mesmo pijama... meu pau começou a ficar duro só de ver ela dormindo .. então, liguei o notebook mais uma vez e fui pra mais uma aventura... chamei ela algumas vezes balancei ela e nada dela responder... fui retirando o lençol dela e fui admirando aquelas cochas lindas, e como ela estava de barriga para cima seria um pouco arriscado mais eu não estava nem ai, eu estava tomado pelo desejo de sentir aquele pele macia ... Meu coração acelerado e meu pau duro ... ela com aquele pijama de seda e bem folgado dava para levantar um pouco e eu fui tentar ver a bucetinha dela. ela estava com as pernas um pouco separadas e dava pra mim levantar um pouco a parte do shortinho dela ... e pra minha surpresa ela não vestia nenhuma calcinha .. fiquei com um tesão maior ainda, e comecei a alisar aquela cocha dela até chegar um pouco na bucetinha dela.. Eu já não tinha medo de mais nada, a adrenalina era muito grande e não tinha como voltar atrás, comecei a passar a mão por cima da bucetinha dela, fazendo alguns movimentos de leve, e fui tomando coragem para esfregar meu pau nela, primeiro fui passando meu pau pela cocha dela, e depois com muito cuidado fui tentando subir aos poucos na cama e me posicionar encima dela, meu coração chegava até a boca, fui tentando controlar minha respiração e tomando todo cuidado para não acordar ela, comecei a me posicionar afastando um pouco apenas uma perna dela e deixando cair um pouco para fora da cama, eu tinha conseguido deixar ela toda abertinha pra mim.. e comecei a me aproximar dela. Assim que eu encostei meu pau na bucetinha dela, comecei a me esfregar aos poucos eu já estava encima dela me movimentando bem lentamente .. mais meu corpo sobre ela, eu não estava acreditando que a aquela altura ela ainda não tinha acordado, era um sonho pra mim.. e eu continuei meus movimentos, até que afastei um pouco o shortinho dela e fiquei passando meu pau na entradinha da bucetinha dela, eu realmente não sei se ela estava acordada mais eu fui penetrando meu pau naquela bucetinha aos poucos.... eu já estava ali e não tinha como parar.. e eu continuei enfiando meu pau nela, até deita sobre ela e meu pau entrar nela toda. Eu não consegui me controlar e gozei dentro dela, eu nunca tinha gozado tanto na minha vida, eu não precisei fazer muito movimentos coloquei na quela bucetinha apenas uma vez e já gozei igual um cavalo, eu estava fora de mim e dei algumas estocadas enquanto eu gozava nela, eu já estava cheirando aquele pescoço cheiroso ... e ela continuava imovel.. e eu fui saindo de cima dela aos poucos... e não acreditava no que tinha acabado de fazer.. levantei a perna dela que estava fora da cama, cobri ela com o lençol .. e fui pra minha cama, sem acreditar no que tinha feito, não estava nem ai para as consequências que viriam depois... foi a minha melhor gozada e valeria a pena uma surra do meu irmão. Eu espero que tenham gostado... se eu ver que gostaram desse conto com minha cunhada. Eu conto o que aconteceu nos dias seguintes. Até mais!!

Comentários

25/09/2017 11:58:43
Conta mais, ansioso ...
19/09/2017 10:55:56
Opa que tesão heim , cont ai o resto kkk
18/09/2017 04:54:58
Continua. Muito show.
18/09/2017 04:02:40
Uau... que tesão Meu sonho é acordar desse jeito.... cheia de pau dentro
17/09/2017 22:01:35
Mtooo bom, continua ... Mais sexo com a cunhada !!!
17/09/2017 07:13:50
Nossa maravilhoso e muito exitante seu conto e conte tudo que aconteceu depois , pois nós leitores estaremos esperando..
17/09/2017 07:12:39
Continua...

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.