Casa dos Contos Eróticos

Casa de homens 2

Categoria: Homossexual
Data: 16/09/2017 15:25:11
Nota 9.91
Ler comentários (11) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Estava panico, minha cabeça girava, não sabia oq fazer, estava tonto, nervoso, sai da varanda sorrateiramente, e entrei batendo a porteira, para sinalizar minha "chegada", entro e vejo eles conversando como se nada tivesse acontecido

"Sinicos, sonsos"

-Está fazendo oq em casa a essa hora Julio?

-Não tive aula pai, entrou em greve, parece

-Atah

-Então maninho, vai lá trocar de roupa, que a gente comprou umas cerva, umas carnes, e vamos queimar aqui, ficar na piscina o dia todo, sabe né!

-Sei sei, não estou com cabeça para piscina não fael, podem ir, vou tirar um cochilo, ah não Julio, vc vai sim!

-É filhão vai ser legal vamos

O pior de tudo é que eles nunca ligaram para minha presença nas suas tardes na piscina, e agora super me querem lá.

Subi, peguei um shorts curto um pouco abaixo da bunda( Se eu deitasse minha poupa da bunda ficava para fora) Coloquei sem camisa, e um chapeu

"Eles querem brincar, vão brincar...". Pensei

Desci e fui na cozinha, me pai tava temperando a carne, me chamou e disse

-Julio, termina aqui para mim, que eu preciso dar uma mijada

-Tá pai!

Fui até ele, e assumir seu lugar, estava lá na frente da pia quando chega tio paulo, ele vem pegar um copo, no armario acima da minha cabeça, chega devagar, e despeja todo aquele corpo em cima de mim, me encoxando por trás, e roçando a pica meia bomba nas minhas costas, e ele roçando pra cima e para baixo

-Julio, meu copo verde vc viu

(O copo tava na frente dele)

-Ai tio, na sua frente

-Ah é!

Ele vai pegar o copo e empurra a pica contra mim, me fazendo tremer as pernas

-Oh saudades de um cuzinho apertadinho

"Se dependesse de mim, esse cuzinho seria o meu"

Ele sai rindo com um sorriso muito safado

Termino de temperar a carne e saio para colocar para assar, entrego a meu pai e vou saindo, quando Fael grita

-OH, VEM PARA CÁ JULIO

Eles estavam na piscina, menos meu pai que estava só com as pernas dentro d'agua, sentado na beira da piscina

-Não, não, vou ficar la dentro, vou terminar de ler meu livro

-Deixa aquele livro para lá

-Tchau Fael

Fui andando até a porta de vidro que dava na cozinha, quando vi Fael vindo correndo em minha direção, num ato de impulso corri tb, corri até meu quarto

-Volta aqui Julio

-KKKKK, Sai fael!

Entrei no meu quarto e ele me derrubou no chão e fico por cima de mim, eu estava de costas, ele sentou em cima da minha bunda e começou a roçar sua pica no meu cu

-Sai Fael, me solta, socorro, pai!

-Vc vai ficar la em baixo

-KKKKKKKK

-KKKKKKKK

Ele me enchia de coçegas, e me prendia no chão, de repente ele me carregou e me levou carregado até lá a piscina

-Não Fael, na piscina não!

-Na Piscina sim

Ele saio correndo comigo no colo e pulou na piscina

-Agora vc vai ficar aqui

Me juntei a eles na piscina

-Vai uma cervejinha Julio?

-Não tio, não gosto de beber

-Então tá né!

Eles estavam conversando e eu calado, começou a anoitecer e eu desistir de continuar na piscina por conta do frio, sai da piscina e deitei de costas para cima na beira da piscina, o shorts que ja era apertado, ficou mais ainda com a agua, e minha poupa da bunda estava toda de fora.

Um novo assunto se inicou, e adivinhem ele mesmo: Buceta

-Porra esses dias peguei a cavala da academia. Disse meu tio paulo- A buceta da mulher era deliciosa, o boquete dela me fez gozar em minutos gozei três vezes.

Ai pronto eles despirocaram a falar de suas fodas.

Olhei o relogio e ja marcava mais de 02:00 da manhã e eles estavam todos bebados

-Gente ja chega, bora, corta a cachaça e vão pros seus quartos. Disse autoritario

-Não!

-Sim tio, agora pro quarto, bora Fael sai da piscina e vai pro seu quarto

-Sim senhora. Disse fael debochando de mim

Eles levantaram e percebi que meu pai mal conseguia andar de tão bebado

-Vem pai, se apoia em mim

Ele se apoiou em mim e eu levei ele até o quarto dele, levei ele até o banheiro e dei banho nele, passei sabão nele todo( Juro que não me aproveitei dele) foi uma otima sensação sentir sua pica mole nas minhas mãos, era majestosa, enorme, mesmo mole. Mais não durou muito.

Levei ele para sua cama e ele bebado disse

-Eu sei que vc sabe da aposta

-Oq?

-Eu te vi atrás do jarro de plantas, eu sei que vc sabe!

-Pai eu...

-Deita aqui comigo

-Pai, eu vou pro meu quarto

-Não deita aqui, igual quando vc era criança, e sua mãe tinha morrido, vc vinha deitava comigo, eu te abraçava, vc morria de medo, as vezes chorava, se tremia de medo, durmiamos abraçadinhos

-Pai...

-Por favor julio

-Ta bom pai!

Deitei do seu lado, e ele me abraçou, dormir.

Acordei de repente com algo duro batendo minha bunda, olhei debaixo do lençol e vi... ele estava pelado e de pau duro e roçando seu pau contra mim, fiquei paralisado, era enorme, 22cm, grossão, cabeção vermelho, fiquei com tesão na hora, senti vontade enorme na hora de meter a mão naquele membro, mais não tinha coragem então pensei

"Cinco segundos de coragem vai"Meti a mão na sua pica e comecei uma leve punheta, quentinho, babando, levei sua babinha até minha boca e senti o gosto salgadinho daquele pre gozo, comecei a ir me abaixando aos pouco, ouvindo o ronco alto do meu pai, fiquei cara a cara com aquele pirocão e disse

-Obrigado por me dar a vida, e vou agradecer do melhor jeito possivel

Coloquei os labios na cabeça do pau, e engoli, comecei a chupar aquele pirocão que mal cabia na minha boca, nossa eu estava apaixonado naquela pica, chupando, e sugando, fui fazer uma garganta profunda e me engasguei antes da metade do pau de tão grande que era.

Parei para não acordar-lo, e quando fui subindo, senti a mão de meu pai na minha cabeça

-Não para não que ta bom demais

-Pai, eu...

-Cala a boca e chupa porra!

-Pai eu...

-Cala a boca e chupa porra

-Mais pai...

-Cala a porra da boca e chupa que ta bom demais

Obedeci comecei a chupar-lo freneticamente ouvindo os gemidos intensos dele

-Ahnnnnnnnnnnnnnnn, ohhhhhhhhhhhhh, que delicia, Ssssssssssssss, que gostoso, boquinha gostosa, quentinha.

E eu ali chupando sua piroca tava bom de mais, sugava a cabeça e ele se contorcia de prazer, fazia garganta profunda, chupava as bolas, lambia aquele membro todinho

-Para se não eu vou gozar, vem cá agora eu vou te comer

Fiquei de quatro na cama e ele veio num cunete maravilhoso, chupando meu botãozinho, me fudendo com a lingua, ele mordia minhas nadegas e estapeava tb, enfiou um dedo

-Ahnnnnnnnnn

Dois dedos e eu estava louco

-Ahrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrr

Tres dedos e enlouqueci

-AHHHHHHHHHH

Um tapão ecuou pelo quarto

-Agora eu quero seu dedo maior papai!

-Pode deixar!

Ele posicionou sua pica na entrada do meu cu, e forçou para entrar, senti cada prega do meu cu dando espaço para aquela espada entrar em mim, eu não pedir para tirar, não chorei, só sentir a dor virar prazer

-Eu vou deixar ela um pouco dentro pra vc se acostumar com a pica do papai

E né que ele tinha razão em 5 minutos meu cu anciava pelo vai e vem daquela pica em mim

-AHHHHH, vai pai mete em mim vai

Ele estava me esfolando, de tão forte que metia, só se ouvia nossos gemidos, e o barulho da sua virilha batendo na minha bunda

-PAH PAH PAH PAH

E os tapas que ele me dava metendo no meu cu, ele gostava de tirar sua pica e enfiar de uma vez só, me fazendo ver estrelas

-Vem quicar na minha pica vem

Ele se deitou e fui por cima kikando na pica dela, a gente se beijava loucamente enquanto eu subia e descia na sua pica

-Vou gozar, vou gozar!

-Me da leitinho na boquinha papai

Eu sai de cima dele e ele ficou em pé e eu de joelhos de boca aberta e lingua para fora, quando ele empurra minha boca em direção ao seu pau, me afogando em porra direto da garganta.

Ele me deitou na cama, ficou por cima de mim e me beijando e batendo uma punheta para mim, gozei melecando nos dois.

Ele se deitou do meu lado e dormimos, exaustos, feliz e estavamos todos melecados de porra...

Continua...

Olá pessoal, espero que tenham gostado dele, tive problemas que enquanto estava escrevendo tive uma queda de energia em minha casa, e perdi o primeiro conto todo, tive que reescrever-lo, e bem ai está, espero que gostem...

Comentários

08/10/2017 20:42:36
Gostei
23/09/2017 18:35:19
Muito bom, só li a continuação hoje e quero muitas continuações e muitos outros. Parabéns e obrigado
18/09/2017 01:17:33
Achei interessante!
17/09/2017 23:28:23
😉
17/09/2017 23:28:00
Adorei o conto espero que continue logo. Eu estou acreditando que esse menino vai ser do crl não tô achando que ele vai ser bobo não mas espero que ele saiba se dar o valor e vamos ver o resto da história eu estava precisando mesmo de um bom conto.
17/09/2017 10:10:01
Calma gente, ele ta se descobrindo agora, ta descobrindo o sexo de verdade agora, está deslumbrado, mais ele vai se empoderar para com isso, fiquem de boa...
16/09/2017 19:37:59
Ele é fácil demais, vai ser a puta de segunda opção, quando eles não acharem mulher, vão te comer
16/09/2017 17:55:13
tb acho que cedeu rapido demais
16/09/2017 15:55:17
Legal, mas ele cedeu rápido demais ao pai.
16/09/2017 15:51:31
+ MANDA.
16/09/2017 15:51:01
MUITO COMPLICADO UM PAI, UM IRMÃO E UM TIO FAZENDO APOSTA PRA COMER VC. E PIOR Q VC ACEITOU E ENTROU NO JOGO. TEM QUE SE FAZER RESPEITAR. FAEL PARECE QUE MANADA EM VC. VC PRECISA APRENDER A DIZER NÃO QUANDO NÃO QUISER. OU SERÁ ETERNAMENTE SUBMISSO.

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.