Casa dos Contos Eróticos

O DIA EM QUE EM QUE TREPEI COM MINHA MÃE E MINHA TIA, BÊBADAS E SAFADAS ... PARTE 2

Autor: Pau Saboroso
Categoria: Heterossexual
Data: 13/05/2015 13:44:18
Nota 9.80
Ler comentários (10) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Continuando o conto do O DIA EM QUE EM QUE TREPEI COM MINHA MÃE E MINHA TIA, BÊBADAS E SAFADAS

Bem, quando minha mãe saiu com minha tia para ir ao mercado, corri logo para o banheiro tocar uma é claro, pensando naquela imagem maravilhosa da bucetinha depiladinha da minha tia que acabava de ver. Me acabei na punheta.

E então finalmente chega nosso sábado, acordo pensativo, pois a final teríamos um dia de churrasco, com muita bebida, e claro, minha mãe e minha tia de biquínis na piscina comigo, não vai prestar... pensei comigo mesmo!

Me levantei às 11:30 hrs, desci e logo fui para os fundos de casa onde ficava a piscina, e logo vejo minha mãe e minha tia ambas com uns shortinhos minúsculos brancos enfiado naquelas bundas enormes, de camisetinhas daquelas tomara que caia, e claro, cada uma com uma latinha de cerveja na mão, cantando e dando risadas.

- Mãe: Booom dia filho, vem pra cá beber com a gente... Hahaha

-Tia: Booom dia, pensei que não ia vir pra cá, anda logo, pega uma cerveja pra você e mais 2 pra gente, porque a nossa já ta acabando também... Hahaha

Obedeci é claro, e assim foi indo o dia, ambos bebendo, conversando, dando risadas... até minha tia já bem alegrinha ( pra não dizer bêbada ), dizer que estava com calor e iria entrar na piscina.

Entrou de roupa e tudo e quando saiu minha mãe disse que seria melhor ter tirado a roupa, foi então que minha tia percebeu que sua blusinha era amarelinha e como não estava usando sutiã, ficou transparente e mostrava perfeitamente seus peitos, com seus biquinhos rosadinhos, e seu shortinho como era branco, mostrava perfeitamente sua bucetinha depiladinha, já que ela não tinha o costume de usar calcinha.

- Mãe: Hahaha... Fernanda você é muito criança mesmo, entrar de roupa e tudo, ainda mais com essa sua roupa transparente Hahaha... ta dando pra ver tudo, fecha os olhos Roberto Hahaha...

- Tia: Hahaha... Ai mana qual o problema, só estamos nós três aqui mesmo, e o Roberto já cansou de ver você e eu assim pela casa... Hahaha

Nisso minha tia diz...

- Tia: Aliás, quer saber, já que não tenho biquíni e também odeio usar calcinha, vou ficar pelada mesmo Hahaha... tem algum problema Robertinho?

- Eu: Imagina tia, pode ficar a vontade...

-Tia: Ah obrigada meu sobrinho lindo.... viu só mana como o Robertinho não se importa... Hahaha

Minha tia deu mais um gole na cerveja e começou a tirar a blusa, mostrando aqueles peitos lindos, e logo em seguida começou a tirar aquele shortinho, mostrando aquela bucetinha depiladinha com apenas aquela listrinha de pelos encima dela, que visão maravilhosa, minha tia peladinha ali na minha frente, pensei que meu pau iria explodir de tanto duro que estava dentro do shorts que estava usando.

Logo após isso, meus olhos ficaram vidrados na minha tia, minha mãe percebendo isso brincou dizendo próxima a piscina:

Mãe: Filho você esta bem? Se não estiver, entre um pouco na piscina pra se acalmar Hahaha...

Nisso minha tia acabou esbarrando na minha mãe e as duas caíram na piscina. Ambas haviam bebido tanto que mal conseguiam sair de lá de dentro.

Até minha mãe me chamar pra ajudar elas a saírem:

- Mãe: Hahaha você está louca mesmo Fernanda Hahaha olha como a gente está... Hahaha vem filho nos ajuda a sair daqui... Hahaha

Putz me ferrei, pensei comigo, como vou ajudar elas com o pau duro?

- Mãe: Anda filho... Hahaha

Sem escolha eu fui, mas tive a idéia de entrar na água e fazer apoio pra elas saírem.

Primeiro foi minha mãe que se agarrou no meu pescoço pra levanta - lá, e quando conseguiu sair tive a visão daquela sua bunda enorme pra mim, dando pra ver certinho o desenho de sua buceta, pois com o shortinho molhado e a calcinha fio dental, ficou praticamente tudo a mostra ali pra mim.

Em seguida foi minha tia, mais complicado, afinal ela já se encontrava pelada, e agora? Pensei... Minha tia veio abraçando meu pescoço também dando gargalhadas e disse:

Tia: Hahaha Robertinho você vai ter que me levantar, não vou conseguir subir... Hahaha

Na hora pensei, só tem um lugar onde posso segurar e depois empurra - lá pra cima, na sua bunda. Ela virou de costas para mim, a peguei pela cintura, ergui, e coloquei as mãos em sua bunda pra empurra – lá para fora da piscina, nisso ela acabou abrindo as pernas, e fiquei ali, cara a cara com sua bucetinha, a pouco centímetros de distância, e não resisti, para empurra – lá para fora acabei colocando a mão em sua buceta e um dos dedos acabaram entrando em sua bucetinha. Senti que minha tia deu uma tremida em suas pernas, olhou para trás e deu um sorrisinho sacana.

Minha mãe aos risos disse:

- Mãe: Hahaha gente olha só pra mim, toda molhada, e agora? Hahaha

- Tia: Hahaha agora você vai ter que ficar como eu... Hahaha e você também viu Robertinho... Hahaha

Minha mãe dava risada, e disse que fazer o quê né, mas eu também teria que ficar, já que estava molhado também. Eu disse que tudo bem, faria o mesmo depois dela, nisso só se ouviam risadas entre as duas, e então minha mãe começa a tirar a roupa brincando como se fosse um strip-tease.

Não podia acreditar no que estava prestes a vivenciar, minha mãe e minha tia, duas gostosas, bêbadas, safadas, de passados de orgias com quem quer que fosse, até mesmo comigo, ali peladas na minha frente...

E então minha mãe ficou do jeito que eu sempre quis, peladinha, com aquele corpo delicioso, bronzeado, peitos fartos com biquinhos um pouco escuros, com a buceta totalmente lisinha, sem pelo algum, ali na minha frente, quase gozei na bermuda de tanto tesão.

Foi ai que minha tia disse:

- Tia: Vamos Robertinho, agora é sua vez... Hahaha

Relutei um pouco, tentei desconversar, mas não adiantava, teria que ficar pelado também, e ambas viriam meu pau duro.

Pensei... Quer saber, que se foda, depois daquela conversa no primeiro dia delas de até querem dar a buceta e até o cuzinho pra mim, vou tirar tudo e vamos ver no que vai dar. Tirei minha bermuda, e quando olho para minha mãe e minha tia, as vejo com os olhos arregalados, paralisados, olhando para meu pau, e aos risos minha tia disse:

- Tia: Robertinho, como você cresceu ein, olha mana, o tamanho do pinto do seu filho Hahaha... será que fica sempre assim ou tem algum motivo? Hahaha...

- Mãe: Mana, não sei nem o que dizer Hahaha... que tamanho mesmo, deve dá trabalho pras meninas por aí Hahaha...

Ambas acabaram desconversando e voltaram a beber, e eu entrei no meio, entre risadas e bebidas, minha tia começou a dançar e rebolar, minha mãe também entrou na onda e começou a rebolar, ambas desciam até o chão, rebolavam pra lá e pra cá, e eu só assistindo a tudo isso bem de perto, até minha mãe fazer uma dança ousada, ficando de quatro no chão, revelando seu cuzinho abertinho, fiquei loco com aquilo e a cabeça do meu pau já estava latejando de tanto tesão, foi aí que minha tia viu e disse:

- Tia: Hahaha Robertinho esse negócio ai não baixa não? Hahaha

Minha única resposta pra aquela pergunta foi:

- Eu: Com você pelada assim e mamãe mostrando tudo aquilo ali, ta complicado baixar né Hahah

Foi então que minha tia disse pra minha mãe:

- Tia: Mana, seu filho ta com problema pra baixar esse pauzão aqui, você não se incomoda de eu ajudar ele não né? Hahaha...

- Mãe: Hahaha claro que não, mas já vou logo avisando, se não der certo, depois vai ser eu que vou ajudar meu filhinho Hahaha...

Nisso minha tia segurou meu pau e disse não se preocupe sobrinho, titia sabe lidar muito bem com isso.

Abaixou – se e caiu de boca em meu pau, chupava, lambia, engolia até a garganta, tirava da boca e batia em sua cara e engolia de novo.

Mal acreditava naquilo, minha tia mamando no meu pau que nem uma vadia, enquanto minha mãe se sentava em uma cadeira, começando a acariciar sua buceta olhando toda aquela cena entre minha tia e eu. Até minha tia me olhar e dizer:

- Tia: Vem Robertinho, é hora de você fuder a bucetinha da sua titia, ela ta melada e pegando fogo, sente...

Nisso ela passou a mão na buceta e depois passou em minha boca, onde pude sentir todo aquele mel que saía dela. Fiquei loco com aquilo e disse:

- Eu: Então vira esse rabo pra mim titia, que agora vou meter na sua buceta do jeitinho que você tava querendo há muito tempo, e logo logo vai ser sua vez também mamãe....

A virei de costa, ela impinou aquele rabo pra mim e disse:

- Tia: Fode essa buceta fode seu filho da puta, que eu to loca pra gozar nessa sua rola.

Não perdi tempo e meti gostoso, puxava pelo cabelo, arranhava suas costas, batia em sua bunda, e socava e socava com força em sua bucetinha, arrancando gritos de tesão dela, e ela por sua vez gemia feito uma puta, gritando pra mim enfiar mais e mais.

Até que então eu não agüentei segurar, afinal eu já estava louco pra comer ela desde o primeiro dia, disse que ia gozar, ela rapidamente tirou sua buceta do meu pau e caiu de boca dizendo:

- Tia: Vai, goza na minha boquinha goza, titia quer beber todo esse leitinho, vai dá leitinho na boquinha da sua putinha vai...

Pedido feito, pedido atendido, gozei como nunca naquela boquinha da minha tia, ela por sua vez não deixou cair nenhuma gotinha, a safada sabia como fazer, era profissional, e ainda deixou meu pau limpinho, sem nenhuma gotinha.

Olhando para o lado, vejo minha mãe com dois dedos na buceta, socando sem parar, com uma cara de safada.

Minha mãe se levantou, veio até mim, se ajoelhou, segurou bem firme no meu pau, e disse:

- Mãe: Agora é a minha vez filhinho!

( Continua...) pausaboroso@hotmail.com

Comentários

31/08/2015 09:54:19
Adoro incestos ainda mais assim
06/06/2015 20:38:27
Que irmãs tão gostosas e safadas
21/05/2015 21:15:26
Espero a continuação
15/05/2015 12:08:09
Obrigado pelos comentários, logo logo terá a continuação, espero que gostem...
14/05/2015 18:33:55
Apesar de não ser mais minha praia (hoje curto meninas), fiquei animada com sua história, parabéns. Por favor não demore com a continuação.....
14/05/2015 09:04:03
Muito bom, aguardando a continuação.
14/05/2015 02:10:47
Ansioso pela continuação!!!
13/05/2015 17:11:31
Caralho to de pau duro!
13/05/2015 16:44:03
Sensacional continua logo.
13/05/2015 15:22:21
HUMMMMMMMMMM delicioso conto.

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.