Casa dos Contos Eróticos

Uma Volta para Casa Diferente

Autor: Relatador
Categoria: Heterossexual
Data: 10/03/2014 19:57:47
Nota 9.00
Ler comentários (3) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Hoje, diferente das segundas-feiras "normais", não fui para meu treino, logo, teria que pegar a condução em horario de pico para poder voltar para casa.

Ao chegar no trem que eu faço maior percurso, ele como de costume, estava cheio, e eu me apoiei proximo a porta, pois, era a outra que abria, assim evitando aquele empurra empurra desagradavel.

Assim que o trem parou na primeira estação, olhei instintivamente para a porta para poder ver o quanto de gente que iria entrar, dai meu olhar cruza com uma garota diferente, garotinha colegial, tinha seus 16/17 anos, camiseta do São Paulo (Mesmo detestando futebol isto foi um detalhe irrisório), cabelos encaracolados presos, sorriso lindo de aparelho, olhar de garota meiga e curiosa, aquelas calças de uniforme, toda lisa e agarrada, e mesmo sendo uma garota bem magrinha, tinha um bumbum bem redondindo, percebi, pois, assim que ela me chamou a atenção, olhei ela dos pés a cabeça, mas assim que eu reparei, ela foi para a parte do vagão que eu estava, talvez para querer evitar também, aquele empurra-empurra de quem quer entrar em trem lotado.

Até ai tudo bem, ela ficou de costas pra mim, e até ai, a viagem foi prosseguindo normalmente, até que, percebo que ela começa a deixar o corpo cair para cima de mim, intrigado, olho o espaço que ela esta, e vejo que teria sim, como ela se segurar para não cair em cima de mim...não bastando, ela começou a se encurvar completamente, para olhar para trás, e por um acaso, era diretamente para mim. Não vou mentir, fiquei um pouco tenso, as vezes ela poderia não estar conseguindo se equilibrar e não gostando que estava encostando, mas, diferente dela, eu não tinha para onde ir, e inevitavelmente, aquele bumbum bem redondo com aquela calça colada começou a roçar em mim, e eu, comecei a me excitar.

Eu trabalho de social e de costume ando só com cuecas boxer, logo, não teria como disfarçar minha ereção, só minha camisa que estava para fora da calça que deixava disfarçar, mas ainda sim, eu ia continuar excitado.

O Caminho foi passando, e ela foi ficando mais ousada, de uma encostada e uma afastada, começou a colar o corpo em mim, e eu me virei para conseguir encostar direito...ela começou a ir para trás bem devagar, ia e voltava, e cada vez encostando mais, ela me lembrou aquelas garotas que sentam bem devagar e ficam indo e voltando até se acostumarem com o seu pau, e conseguirem fazer ele entrar bem fundo, e foi bem isso que aconteceu, até que ficamos um colado no outro, meu pênis já estava bem ereto e pulsando, estava dificil de disfarçar até, dai ela começou a mecher o quadril de um lado para o outro, dando uma rebolada bem gostosa e de leve, se afastou, voltou e fez de novo...foi o céu e o inferno ao mesmo tempo, estava uma delicia sentir aquele bumbum empinado encostando em mim com vontade,e ela as vezes olhava para trás com uma cara de quem estava gostando, só que, depois de três estações, o trem esvaziou ligeiramente, e dai, acabei só encostando mais uma duas vezes na perna dela, e ela olhando para mim disfarçadamente até que tive que descer.

E ficou na minha mente aquela garotinha delicada, com aquele desejo, e agora não consigo dar um jeito na vontade de pegar aquela garota, continuar de onde paramos, e socar meu pau duro do jeito que ela deixou, bem fundo e com força, pegando ela por trás até fazer ela pedir para eu parar.

É isso ai galera, primeiro conto, não sei se acabei escrevendo outros, aceito criticas e opiniões e quem quiser entrar em contato me manda um e-mail no ka_tsucam@hotmail.com

Valew!

Comentários

22/11/2014 09:47:37
Nossa . Ficou com gostinho de quero mais amei!!
13/04/2014 20:05:24
Dei 10 porque gostei da sua escrita, faça uma continuação, vou adorar!!
10/03/2014 21:01:01
Eu dava muito palpite em enredo de conto, porem isto é complicado depende muito do ponto de vista. Para mim seu texto é um bom inicio de conto, então, no meu ponto de vista conto publicado em site de conto erótico tem que ter cena de sexo. Mas você escreve bem, pode ate provocar um outro encontro casual do casal e continuar o conto.

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.