Casa dos Contos Eróticos

Apaixonado por um pit boy - Parte 10

Um conto erótico de Rafinha
Categoria: Homossexual
Data: 29/01/2012 21:50:09
Nota 9.52

Harry Potter e as relíquias da morte parte 2... Meus Deus... Esse últimos dias fiquei tão disperso das coisas que acabei me esquecendo do filme... Eu precisava assistir tanto quanto preciso de ar pra respirar...

Assim que chegamos ao apê eu guardo as roupas que eu ganhei do Bruno no closet e então me lembro dessa bomba... Eu ainda não fui assistir o Harry... E preciso... Hoje... Agora...

Mas o Bruno comentou algo como sair pra um bar bem famosinho por ali por perto junto com alguns amigos dele, porem... Vamos ver... Harry Potter ou amigos chatos num bar?

Tahhhhh... Eu sei que é o Harry... Claro que tenho que ver o Harry...

Hummmmm... Mas não consigo imaginar o Bruno assistindo Harry Potter...

Bom respira fundo e pede pra ele, é claro que ele vai aceitar...

Vou ate a sala onde ele está sentado e jogando play 3... Só de bermuda e super concentrado...

- Bruno? – digo e vou sentando do lado dele

- Fala – Diz ele ainda jogando

- Tipo eu estava pensando – respira e fala é claro que ele vai aceitar – To muito a fim de ir assistir Harry Potter...

Mal termino de falar e ele quase derruba o controle do play, tipo como se eu tivesse dito a pior coisa do mundo...

- Esquece... Sem chance... – Ele diz e da uma risadinha e volta a jogar...

Ok ok ... Não foi tão fácil quanto eu imaginei...

- mas é que...

- Sem chance... Sei que nessa cabecinha de Einstein você deve ter imaginado que eu detesto Harry Potter... E adivinha... Você acertou, eu odeio Harry Potter... – Ele me da um selinho rápido e continua jogando...

Affffffffffffff

Qual o problema com Harry Potter? Gente é quase educativo... Afinal Hogwarts é uma escola... De bruxaria, mas ainda assim é uma instituição de ensino... Bom deixa pra lá...

Levanto-me e volto para o quarto...

Caramba mas eu preciso ver Harry Potter, agora que eu lembrei não vou conseguir parar de pensar nisso...

Preciso fazê-lo mudar de ideia... Mas como?... Em Hogwarts eu conseguiria resolver isso fácil, eu faria um feitiço e o faria mudar de ideia...

Volto de mansinho ate a porta da sala, e lá esta ele, gostoso em sua bermuda, jogando play 3...

Vou me aproximando...

- Desiste Rafa... Não vai rolar... – Ele diz sem olhar pra mim e com um sorrisinho...

Bosta...

Dou meia volta e volto para o quarto...

Não acredito... Vou ter que ir num bar com amigos que eu nem conheço...

Conheço o Harry há tanto tempo... Droga

Eu me arrumo para podermos sair... Pro maldito bar... Coloco uma das minhas calças novas e skinny, e uma camisa branca com gola v profunda... Olho-me no espelho... Mmmmm ficou bem legal...

Bruno deixa o play e se arruma também...

G-suis... Ele é muito gato... Difícil eu não me impressionar com esse corpo todo musculoso... Super bem valorizado em uma calça simples da diesel e uma camiseta polo do Ralph Lauren...

Quando passo por ele, sinto seu olhar em cima de mim... Dou um sorrisinho e volto para a sala...

Gente será que vai ser assim, vou ficar preso num bar e morrendo de vontade de ver o filme? Vou ate a sacada e fico vendo a noite estrelada e o mar lá fora... A brisa gostosa... Seria ainda mais lindo se eu tivesse visto o filme...

Sinto as mãos do bruno envolvendo minha cintura, ele me abraça por traz e me acocha com força e vontade.

Ahhhhhhhhhhhhhh

Adoro quando ele me pega assim, ele passa a língua na minha orelha...

Me arrepio inteiro... Como esse loiro gostoso tem esse poder sobre mim...

- Bruno? Eu...

- Rafa a gente não vai ver Harry Bobo ok? – ele beija meu pescoço e me puxa em direção à porta...

A gente desce ate o estacionamento e entramos no BMW...

- Você curtir esse bar Rafa?- Ele diz todo empolgado e da partida no carro – Tem sinuca e o chopp é uma delicia

- Claro, estou ansiosíssimo – digo empolgado... Mas por dentro eu já tinha xingado a droga do bar umas 15 vezes...

Bom o jeito era eu me conformar e aceitar que eu não íris ver o Harry Potter...

Droga eu não consigo...

Bruno dirige em direção ao tal bar que eu já detesto...

É claro... Como eu não pensei nisso antes...

O Harry tem uma varinha... E o bruno tem uma vara também... Bem mais grossa e que nunca nega fogo...

Coloco a mão na coxa do Bruno e vou e me inclino pro lado dele... Então eu beijo o seu rosto...

Ele da um sorrisinho e continua a prestar atenção no transito, eu continuo a beijar sua orelha e vou descendo ate o pescoço... E subo a mão pela sua coxa ate o seu pau...

- Rafa... Assim eu não consigo prestar atenção aqui no volante – Ele diz porem sua pele fica toda arrepiada com meus beijos...

- Serio? Não consegue prestar atenção? – Digo e passo a língua pelo seu pescoço fazendo-o ficar ainda mais arrepiado...

Ele da um gemido baixo e rouco...

Eu aperto o seu volume dentro da calça... Sinto seu pau crescendo e a calça ficando super justa com o tamanho...

- Rafa... Não me tenta – ele diz e geme novamente quando beijo com vontade seu pescoço e orelha...

Então abro a sua calça e vou descendo o zíper, e depois puxo a cueca... Seu pau pula pra fora... Grande, grosso e muito lindo...

Então desço a cabeça e abocanho o máximo que consigo... Começo a chupa-lo com vontade...

Bruno começa a gemer alto dentro do carro enquanto ainda dirige... Como é de noite e os vidros são insufilmado eu continuo sem me preocupar muito...

Bruno tira uma mão do volante e coloca na minha cabeça e começa a forçar contra sua rola...

Seu pau vai fundo ate minha garganta... Porem não entra todo...

Chupo com muita vontade...

- Puta que pariu Rafa... Ahhhhhh... Que delicia... – Diz ele com a voz baixa e rouca de tesão...

Caramba a que ponto cheguei... Nem em um milhão de anos eu me imaginei fazendo isso...

Sexo oral no carro? Meio clichê? Fetiche?

Paro de pensar e continuo a chupa-lo...

- Porra que delicia... Não para... Que boca é essa? – ele urra de tesão – Ahhhhhhhhhhh que delicia Rafinha

- eum queok kik rang pot – tento dizer com a boca no pau dele

- o que?... Nossa que delicia... Vai... – ele geme de tesão

- uu quekooo amrrrpoka – digo com o pau na boca

- Tahhh... Rafa? Não to entendendo nada... Mas continua... - ele diz enquanto para o carro em uma rua escura.

Então levanto a cabeça...

- Eu quero assistir Harry Potter – digo parando de chupa-lo

- O que? Agora não... Continua o que você estava fazendo... Rafinha você me deixa doido... – Ele diz e ele olha pra mim e fica esperando eu voltar a chupar...

- só se você me levar pra ver o filme – digo olhando serio para ele

- Que? Serio?... Rafa eu não vou ver Harry Potter... Você sabe que eu não gosto – ele diz meio indignado

- Tah... Mas eu gosto... – Digo mais alto... Afinal eu gosto muito... E quero ver.

- Serio que você vai me chantagear pra ver essa merda desse filme? – Ele me questiona e me olha com cara de bravo...

Ok... Confesso que quando ele fica bravo eu fico bem assustado...

Mas não estou afim de ir a um bar eu quero ver o filme... Ele devia entender...

- não é chantagem – Mentira a minha era essa a intensão sim – Você achou que eu estava te chantageando?

- foi o que pareceu... – ele olha pra mim com cara de quem tem certeza

- Não quero ir a um bar onde não conheço ninguém... Eu queria ver o filme... – digo com a voz alta... Afinal o que custa ele ver um filme comigo?...

- Rafa... Acho que as coisas não são assim... Eu combinei com meus amigos e ate aonde eu sei você tinha concordado em ir...

AHHHHHHHHHHHHHH QUE NERVOSO... CUSTA ELE INTENDER QUE EU ADORO O FILME?

PORQUE TEM QUE SER DO JEITO QUE ELE QUER?

- Bruno... Acho que você vai ter que aceitar o fato de que eu gosto de coisas como Harry Potter, Crepúsculo, livros e tantas outras coisas que você considera de NERD... – digo com raiva

- Sei que você gosta, porem eu combinei com meus amigos, e a gente pode ver o filme amanha se você quer tanto isso...

- Chega... Pra mim já deu... Se você faz tanta questão de ver seus amigos nessa merda de bar então vai... – digo e abro a porta e saiu do carro...

- rafa? – ele grita de dentro do carro – volta pra dentro do carro

- pode ir pra porcaria do bar – Digo e vou andando sem olha pra traz – eu volto de taxi

Sei que estou sendo infantil, mas... Eu estou com muita raiva...

Escuto ele sair do carro e bater a porta...

- Que merda... Rafa? Da pra você entrar na porcaria do carro? – Ele grita com a voz muita forte, grossa e brava...

Sinto os pelinhos da minha nuca arrepiar...

Olho pra ele parado na frente do carro com a cara vermelha de raiva...

- não... – Falo com voz de desafio

- Entra na porcaria do carro – ele fecha os punhos e seu rosto fica ainda mais vermelho...

- não vou entrar... Vai fazer o que? Me bater? – digo com a voz meio baixa...

Ele da uma risada nervosa e vem pro meu lado... FUDEU...

Sinto-o me erguendo e me jogando em um dos ombros como seu fosse um fardo de arroz...

- Ei... Você ficou louco... Para com isso Bruno... – digo de cabeça pra baixo...

Ele me leva em direção ao carro como seu não pesasse nada...

Ele abre a porta de traz e me faz entrar no carro quase me arremessando pra dentro...

- Ai que droga Bruno... Você acha que é quem? O Hulk?... Não pode me tratar assim não – digo e vejo-o dar a volta e entra no carro...

Ele senta, liga o carro e pisa fundo no acelerador...

- você esta mais pra ogro do que Hulk... – digo vendo-o dirigir super rápido...

E fica mudo... Detesto isso... Quando ele fica bravo e fica em silencio...

- Ahhhh que ótimo... Agora vai ficar quieto... Quer ficar quieto e sem falar comigo? Ok... Também não quero falar com você...

Viro de lado e olho pra fora...

Sei que exagerei... Sei que ele já tinha combinado com os amigos... Mas... Dava pra ele entender?

Eu só queria ver o filme do Harry Potter...

Droga...

Pensando bem... Acho que eu exagerei... Afinal to brigando com o cara que eu amo só por causa de um filme...

Mas... Ele também não esta certo...

Esforço-me pra ficar com raiva e não pedir desculpa... Ele que peça...

Quando chegamos ao estacionamento ele sai do carro e abre a porta de traz e me puxa pra fora e...

- Droga Bruno me solta... Nãooooooooooooooo... Coloca-me no ombro de novo... – Digo porem é tarde...

Lá estou em no ombro dele como uma criança de 5 anos... De cabeça pra baixo...

Ele sobre o elevado comigo ainda nos ombros... Desisto de mandar ele para e fico quieto...

O elevador para no térreo e mais gente entra no elevador...

Que vergonha...

- Boa noite – Bruno cumprimenta o casal que entrou no elevador...

- Boa... Noite... - A mulher responde com a voz receosa...

Imagino o que ela esta pensando...

- Noite difícil – Bruno meio que responde para o casal... Devido aos olhares curiosos...

Quando descemos no apê ele me leva ate o quarto e me joga em cima da cama...

- Acabou a palhaçada? – Pergunto vendo-o entrar no banheiro

Minutos depois ele volta só de samba canção e pressionando uma tolha em cima do corte no abdômen

A droga... Abriu os pontos de novo...

- Bruno? Abriu os pontos?... – pergunto com a voz cheia de arrependimento...

Ele concorda coma cabeça e deita na cama e apaga a luz...

Vou caminhando no escuro ate chegar do seu lado...

- a gente tem que ir pro hospital Bruno... Fechar isso de novo... – Digo me sentando do seu lado na cama...

- Amanha cedo eu vou... Eu quero dormir agora... – Ele diz a com a voz rouca e baixa...

Sinto um nó se formar na minha garganta... Minha consciência parece uma bigorna sobre mim... Pesada...

Acendo o abajur do lado cama e vejo que ele esta de olhos fechados e com a cara séria...

- Posso ver? – Pergunto fazendo-o levantar a toalha...

Bom... Abriu só alguns...

Mas abriu por minha causa...

Vou ate o banheiro e pego algumas coisas para fazer um curativo...

Volto do seu lado e limpo o machucado depois faço um curativo provisório ate amanha cedo...

Quando olho pro seu rosto vejo-o olhando para mim...

Seus olhos azuis lindos... Seu rosto maravilhoso... Porem sério...

Sinto meus olhos arderem...

Que arrependimento...

Sinto as lagrimas se formarem nos meus olhos...

Então ele levanta a mão e coloca no meu rosto e passa a mão com muito carinho...

- Por favor, me perdoa – Ele me diz.

- Eu que peço perdão Bruno, foi muita idiotice eu querer fazer você assistir um filme que você não gosta e me comportar como uma criança...

Ele então me puxa e me faz deitar com ele... Me ajuda a tirar a roupa... fico só de cueca

Então dormimos assim... Ele me abraçandoSinto a claridade entrar pela janela... Já esta cedo? Penso comigo sem abrir os olhos...

“Mmmmmmmm ué cadê?” penso, apalpando a cama que esta vazia...

Levanto-me e sento na cama... Quando olho para o lado vejo um bilhete no criado mudo...

Ai droga ele se arrependeu e vai me deixar...

Respiro fundo...

“Para de pensar merda ok, eu não fugi nem nada disso.

Fui refazer os pontos... volto as onze

Beijo te amo”

Decido então tomar um banho...

Encho a banheira e coloco vários sais de banho e com perfumes variados... Mmmmmmmmmmmm...

Escuto então alguém entrando no apartamento... Provavelmente o Bruno...

Então me levanto da banheira e me seco o mais rápido o possível e pego meu perfume e borrifo pra ficar perfumado... Enrolo a toalha na cintura e escuto-o entrando no quarto...

- Rafa? – Ele me chama

- Oi... Estou aqui no banheiro... – Saiu então e...

Minha nossa senhora...

Não acredito...

- Surpresaaaaaaaaaaaaa... Eu sou o Harry Potter... – Ele diz e olha pra mim...

Fico em estado de choque quando o vejo com um dos uniformes de Hogwarts, pena que ele tenha errado o personagem... Pois ele estava usando o traje com símbolo da Sonserina e com detalhes em verde... Enquanto a do Harry Potter é da Grifinória... Mas... Ele era um Malfoy maravilhoso...

Ele fica me encarando esperando eu dizer alguma coisa...

- E ai?... Gostou? – Ele pergunta meio sem jeito

Fala alguma coisa... Fala alguma coisa... Penso rápido comigo mesmo...

- Nossa... Você é o Harry Potter mais lindo que eu já vi – Digo meio boquiaberto...

E realmente ele estava perfeito... Com certeza ele deve ter gasto muito dinheiro nessa roupa de cosplay da Sonserina...

- Serio? Você gostou mesmo? – Ele pergunta e vem em minha direção com aquele olhar safado...

- Demais... – digo porem sou interrompido quando ele me agarra pela cintura e cola meu corpo no seu...

Adoro quando ele faz isso... Essa pegada forte... Mmmmmm

Ele me beija com desejo... Sua boca gostosa e faminta... Deixando-me sem ar...

Suas mãos descem pelas minhas costas e desamarram minha toalha e pega com força na minha bunda... Continuamos nos beijando com voracidade...

Fico completamente excitado... Vou descendo a mão pelo seu peitoral, barriga e...

- Mmmmmm... Acho que te venderam a ravinha errada... A do Harry não é tão grossa assim – Digo dando uma pegada naquele pau grosso por cima da calça...

- Essa vara é do Bruno mesmo... – ele diz com certo orgulho...

Então desço e fico de joelhos na sua frente e começo a abrir o zíper da calça e coloco pra fora seu pau grande e grosso...

Seguro seu pau pelo talo e passo a língua na cabeça rosada...

É difícil explicar, mas o pau do Bruno é muito lindo... Branco e com a cabeça rosada e super lindo... Nada daqueles paus esquisitos e tortos... Muito certinho grande e grosso... Delicioso...

-Ahhhhhhhhhhhhhhhhhhh que delicia de boca Rafa... – Ele diz com a voz baixa e rouca...

Caiu de boca no seu pau... Tento colocar tudo dentro da boca, mas só consigo por menos da metade...

Vou chupando com vontade e deixando ele louco de tesão, depois de alguns minutos ele segura na minha nuca e começa foder a minha boca... Às vezes sinto ânsia... Então ele solta...

Sinto seu pau pulsar dentro da minha boca...

Bruno começa a gemer mais alto e então goza...

Sinto os jatos de porra encher minha boca...

Ele urra de tesão e continua a dar os últimos jatos...

Ele goza muito porem seu pau não amolece...

Olho pra cima e ele continua com aquela cara de safado...

Então ele me puxa e me leva ate a cama me coloca de quatro... Eu todo pelado e ele ainda com o uniforme oficial da Sonserina (pois eu vi a etiqueta), só com aquele pauzão de fora...

Ele da uma lambida bem babada no meu cuzinho... Ahhhhhhhhhhhhhhhh...

Vou ao delírio com sua língua... Então ele continua a lamber e forçar a língua no meu cuzinho...

A sensação é indescritível... Algo dentro de mim me deixa louco... Um misto de tesão e urgência...

Sinto-o enfiar um dedo dentro do meu cuzinho e continuar a lamber em volta... depois outro dedo e mais um... Sinto que vou enlouquecer de tesão

- Ahhhhhhhhhhhhhhhhh... me come Bruno... Me come – Começo a gemer e pedir pra ele...

A necessidade de sentir ele dentro de mim é enorme...

Ele encosta a cabeça do pau no meu cu e começa a forçar pra entrar... Sempre é difícil fazer entrar a cabeça... E a dor que sinto quando ela entra é muito grande...

- AHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHH – Grito de dor e tesão... Sinto como se estivesse rasgando o meu cu... A ardência...

Porem ele espera eu me acostumar com a vara dentro de mim... E começa a meter mais pra dentro...

Seu pau grosso vai entrando ate chegar ao talo... Quase desmaio de dor e tesão...

Meu pau chega a soltar aquele liquido transparente de tanto tesão que sinto...

- AHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHH – dou mais um grito quando ele termina de enfiar tudo...

- Rafa? – Ele pergunta como se estivesse querendo saber como eu estava...

- Por favor... Mete... Vai meu pitbull grandão – Digo tomado pelo desejo e tesão

Afinal não é todo dia que um estudante da Sonserina come você... Pelo menos o Bruno acha que é o Harry Potter rsrsrs

É só o chamar de pitbull que ele fica completamente possuído... E começa a meter com força...

Sinto meu cu arder com as estocadas que ele da em mim...

Seu saco grande bate com força em mim...

Escuto ele urrar de tesão... Um som abafado... Como se fosse um animal... Meu animal...

Forte e musculoso...

Me comendo com vontade...

- que cu apertadinhoooo... Ahhhhhhhhhhhh... Porra Rafa que cu gostoso... – Ele urra de tesão... E mete ainda mais rápido...

Meu cu ardendo, porem piscando de tesão... Completamente preenchido...

- Você é meu... Só meu Rafinha... – Ele diz e soca com força sua vara em mim

Ele segura meu quadril com força... E soca sua rola com vontade

Adoro esse jeito possessivo dele...

O tesão de sentir ele me comendo com brutalidade e força é tão grande que eu não aguento e gozo... Gozo... Gozo pra caramba...

Sinto ate câimbra e então ele goza também dentro de mim...

- AHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHH

Ele urra e solta vários jatos de porra inundando meu cu...

Sinto a porra escorrer pelas minhas coxas...

Ele cai sobre mim... Seu corpo forte e musculoso

Sua respiração forte e quente na minha nuca... Ele me abraça... Com muita vontade...

Beija minha nuca e meu pescoço...

- meu Rafinha... – Ele sussurra no meu ouvido... E da uma risadinha...

- Meu Pitbull Harry Potter... Digo e dou risada também...

De repente Escuto alguém entrando no apartamento...

Bruno para de respirar e fica escutando também...

Ele pula de cima de mim e coloca o pau pra dentro da calça de novo...

Eu pego o lençol da cama e me cubro...

Só da tempo de fazer isso...

Então a irmã do Bruno entra no quarto e fica boquiaberta... Parada na porta do quarto...

- O que é isso? – Ela pergunta com a voz altaBOM O QUE ACONTECEU DEPOIS...

SÓ VÃO FICAR SABENDO NA SEMANA QUE VEM RSRSRSRS

ESPERO QUE VOCÊS GOSTEM DESSA PARTE DA MINHA VIDA RSRSRS...

E QUE ESTEJAM GOSTANDO DOS CONTOS...

NÃO SE ESQUEÇA DE DEIXAR SEU COMENTARIO, POIS ESTOU ADORANDO OS COMENTSSSS HEHEHEHE.

E VOTA NO CONTO TAMBEM OK!!!!!!!!!!!

ATE MAIS...

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
17/05/2016 02:38:56
Alguém sabe o que aconteceu com o rafa? se ele realmente morreu? Rafa se vc estiver lendo isso da uma explicação pra nós fãs pff, to chorando mt
12/07/2014 18:49:09
Perfeito!
31/03/2014 05:04:50
Amei
02/03/2014 04:29:02
Virei seu fá número 1 mano
23/09/2013 02:34:27
10
29/08/2013 00:13:59
Cara... sou seu fã! Vc é d+..... Parabéns!!!!!!
19/03/2013 18:33:43
nossa nino c eh muito engraçado ksks eu me mato de rir com seus pensamentos ksksksks sem duvida vx eh um dos melhores daq *-* ksks bora po próximo ksks
12/02/2013 06:45:00
Amando
09/02/2013 20:18:25
Xonei neessa parte. Mt lindos *--* Nao pare essa historia nunca. É mt apaixonante
29/01/2013 17:01:03
Chocado!
11/09/2012 00:42:58
Tenso!!!
11/08/2012 03:11:17
Muito bom, vc escre muito bem!
05/07/2012 20:14:13
eu não gosto de Harry Potter mais adorei o seu conto nota 10
22/06/2012 12:03:22
Cara, esse capítulo ficou muito bom, a mistura entre comedia e drama fez dele um dos, se não o, melhores capítulos. Mais uma vez eu só posso dizer que vc está de parabéns e seu conto é muito bom...
20/06/2012 22:03:03
gente essa parte eu achei a mais ilaria de todas a birra do rafinha pra ve o filme a chantanguem esse capitulo eu dei muita risada e senti muito tesao tambem ne com o amaços desses dois o autor esta de parabens
02/04/2012 08:35:54
Este ZERO é pelo comportamento do AUGUSTO, que saiu distribuindo zeros por todos os contos da casa. Enquanto ele não corrigir a merda que fez, não vou dar folga aos contos gays. OLHO POR OLHO, DENTE POR DENTE.
14/03/2012 21:02:48
kara essa parte do harry morri de ri kkk
19/02/2012 22:25:49
A próxima parte sai amanha ok rsrsrs ahhh e desculpa a demora .... Gente é q esta super corrido aki ... Vlw os comentssss
18/02/2012 23:48:39
sacanage rafinha deixou nois aqui esperando????????????????
18/02/2012 21:45:04
Kd vc? Pq a demora?