Casa dos Contos Eróticos

Lotação do tesão

Categoria: Heterossexual
Data: 07/11/2009 15:04:38
Última revisão: 15/03/2010 17:08:58
Nota 9.75
Ler comentários (8) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Depois de uma semana no Rio de Janeiro, como relatei no conto anterior a esse .....já havíamos rodado bastante....e já até pegávamos ônibus sozinho, e saíamos para algumas praias somente nós dois(Eu e Heriene), pois Renata estava fazendo cursinho, O pai dela trabalhava a noite e quando estava em casa, preferia dormir para dscansar...e a mãe dela trabalhava em uma creche, na mesma em que a filha deles de 7 anos estudava.....de tal forma quase não tínhamos um guia turístico....eles nos conduziram somente nos primeiros dias, depois passamos a nos virar sozinhos....de certa forma foi até melhor...pois assim tínhamos mais liberdade para nos aventurarmos pela cidade. E foram gostosas aventuras....

Numa sexta feira lá pelas 09 horas ...quando já estávamos sozinhos ..todos tinham saído para seus afazeres...combinamos de dar um passeio....como estava muito calor....uns 36 graus...então combinamos de pegar uma lotação...e quando passássemos perto de alguma praia que fosse bonita e nos atraísse, desceríamos, e alí passaríamos o tempo...nisto tivemos uma idéia de sair filmando as belezas do Rio....assim preparei a filmadora...Neneca vestiu um pequeno vestido de visco laicra de alcinhas e sem sutiã...pois dava para ver que os bicos do peito dela estava bem salientes....eu vestí uma bermuda com uma camiseta....pois na verdade era só uma passeio para matar o tempo.

Assim chegamos ao ponto de ônibus...e estava bem cheio....parece que é até normal lá por aquelas redondezas...entramos....e logo me adiantei e paguei as duas passagens...e fui para fundo do ônibus ...pois era um único lugar que ainda tinha um assento livre....Neneca ficou em pé no corredor, pois ela nunca gostou de sentar no fundo do ônibus, diz ela que o balanço faz ela enjoar....

Assim começamos a rodar...e foi enchendo.... e ela ficou tão distraída olhando as coisas passarem pela janela....que pouquíssimas vezes olhava na minha direção...parecia que nem éramos conhecidos....foi ficando cheio que já tinha gente até na escada.....e logo...percebi que alguns caras passavam atrás dela e quase levavam ela junto...mas ...fiquei pensando que poderia ser fertilidade mental....mas podia ver também que ela estava muito gostosa naquele vestidinho..pois realçava o rabão dela...que é perfeito....passado algum tempo naquele lenga-lenga...apareceu um sujeito de estatura média, aparentando uns 30 anos...de cabelos pretos, e bem vestido, estava todo de social, logo pensei que deveria trabalhar em algum setor administrativo, ou escritório, pois estava bem barbeado, cabelos curtos e bem penteados...

Esse estranho parou atrás dela....no começo estava normal....nada demais..pois o ônibus não tinha mais onde por gente....eu via só o rabo dela entra as pessoas....pois por estar sentado acaba vendo....mas não conseguia ver o rosto...pois o amontoado de cabeças escondia-na...assim foi passando o tempo....e cada hora que o ônibus fazia uma curva ou parava...o cara ralava no traseiro dela....logo no meio daquele tanto de gente percebi que o cara estava excitado...pois era bem perceptível o volume na calça social..ou então estava armado...e eu não havia percebido antes....mas ví que ele já ralava demais....as vezes o balanço não era tão forte, e ele encaixava aquele volume todo no meio do rego da bunda dela....e a puta da minha esposa nem ao menos saia do lugar...só de vez em quando se apoiava mais em uma perna...relaxando um pouco a outra....aquilo foi acelerando...em dado momento o pau do cara parecia que ia rasgar calça....e logo ví que de vez em quando aproveitando os balanços também..ela dava uma espremida com a bunda no pau do cara....e ele já não disfarçava tanto mais.....pois nitidamente postara as mãos segurando os ferros das cadeiras de cada lado dela...prendendo-a entre seus braços....ela logo tenta dar um migué....inclina um pouco o corpo para frente, como se para não ficar com o rosto muito perto do rosto do sujeito, e nisso fica com a bunda um pouco empinada...daí ví que o cara encaixara certinho no rego dela...via que o pau do cara estava roçando a entrada da buceta dela por cima da calça....pois o vestido dela ficou todo coladinho no corpo dela....e logo pensei ela e´uma cachorra mesmo..pois do jeito que tava..se ela não estivesse gostando já tinha saído de lá a muito tempo.....e o cara com certeza já havia percebido...e talvês fosse isso que lhe estava deixando tão corajoso naquele momento...

Logo ví que ela tentou olhar para mim por cima das pessoas..eu logo disfarcei fingindo que olhava para outro lado e nada via, ela então, nesse momento se ajeitou dando uma pequena remexida no rabo...o cara logo lhe segurou pela cintura....e pediu desculpas...ela logo olhou por cima do ombro e disse não tem problema...ônibus cheio é assim mesmo....

Assim começou então aquela bolinação....ela remexia sem parar mas de forma discreta o rabo na vara do cara..que tava toda enfiada no meio do rego dela.....e ele olhava de vez em quando para o rosto dela....e ela retribuia o olhar ..querendo dizer para não parar...de vez em quando ela olhava para mim...para ver se eu percebia...mas eu me portava do mesmo jeito...como se estivesse totalmente loge dalí....logo em dado momento ví que o cara havia colocado a pasta de tipo executivo..de um lado dos dois...e com a outra mão puxou a bolsa dela do outro lado....ela cedeu prontamente....e voltou a posicionar as costas bem encostada no peito do cara....logo ví que ele tirava o pau para fora e encaixava embaixo do vestido dela....digo não via...só pensei pelos movimentos que fazia com as mãos....e ela deu uma empinadinha, como se fosse para alojar melhor o pau do cara....assim ví que ele mexia de forma bem frenética.....e ela rebolava bem gostoso....em dado momento ele parou subtamente....e ela....ficou um instante inerte....alguns segundos voaram....daí a pouco ele se ajeitou de novo....e puxou a campainha...e ví que ela colocava a bolsa tampando o trazeiro....tipo como se fosse para ninguém ralar nela ao passarem para descer do ônibus....assim o cara desceu, e do lado de fora ví que ele atravessou um olhar bem sacana na direção dela...passado mais alguns pontos descemos numa praia....ela logo disse que iria a um banheiro..pois estava doida de vontade de urinar...mas quando andou....deixou mostrar por baixo do vestido escorrendo nas pernas dela um pouco de porra....assim depois que voltou me interrogou.....VC viu? O povo daqui quase carrrega a gente junto dentro do ônibus.....E eu..-Vi nada eu estava tão longe admirando a paisagem que nem vi se o ônibus estava cheio. E depois de um tempo passeando pela orla, paramos para namorar e quando ela sentou na minha frente logo vi que estava sem calcinha, e a buceta dela estava escorrendo de tão melada..daí achei estrando pois o vestido era meio desapropriado para usar sem calcinha..ela logo disse que havia tirado no banheiro, pois estava muito melada, pois durante a viagem estava pensando em me dar dentro do ônibus, e aí ficou toda melada....Mas quando chegamos em casa...ela foi direto para o banho e não teve o cuidado de esconder a calcinha, eu logo dei uma olhada na bolsa...e vi que lá estava a prova do crime....uma minúscula calcinha branquinha toda melada com resto de porra...o cara tinha gozado muito no meio das pernas da minha esposa putinha....daí tranzamos muito naquela noite, e eu gozei como nunca imaginando a cena do cara encoxando ela dentro do ônibus.

Agradeço aos leitores, e aviso que este conto não é real, mas retrata uma fantasia que tenho, e espero que um dia se tranforme em realidade.

E-MAIL herivan2009@hotmail.com

Comentários

12/12/2009 19:52:47
Muito legal o conto, cada um tem a fantasia que quer, e se puder realizá-la melhor ainda! Vc uma vez comentou em meu primeiro conto, postei hj a continuação, beijos. Aghata. http://www.casadoscontos.com.br/texto/
02/12/2009 02:02:52
muito bom o conto. ela podia topar mesmo. seria otimo. vou adiciona-lo. um abracao
02/12/2009 02:02:05
cara
09/11/2009 17:35:05
Amigos leitores..se quizerem podem entrar em contato comigo por e-mail..herivan2009@hotmail.com
09/11/2009 08:48:57
Muito bom o conto.... adorei
08/11/2009 23:44:17
Cara se quiser eu te ajudo a transformar em realidade. Lembrando que adoro comer bunda e se tua mulher quiser eu meto a pica no cuzinho dela dentro do ônibus. taradopbundas@ig.com.br
08/11/2009 19:17:08
OLha o ponto de vista de cada um é respeitável, mas pessoas que acusam dizendo de forma indireta que são os bambans, normalmente são impotentes, e digo que fantasia não condiz com não dar conta do recado, uma coisa nada tem ha ver com a outra, aliás quem tem muita experîência em sexo sabe diferenciar muito bem uma da outra...mas aqueles machões que só conhece sexo de ver-se ejaculando, normalmente não irá conseguir fazer essa distinção...mas enfim....gosto dos comentários aqui escritos, pois estou tendo uma outra visão de como as pessoas encaram o sexo. Aqui...geralmente os comentaristas expressam de verdade seus verdadeiros perfis....suas naturezas...suas personalidades são bem colocadas ao público. Aqui o retrato da personalidade é traçado em algumas linhas dos comentários.
08/11/2009 18:06:01
Boa fantasia adorei!!

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.