Casa dos Contos Eróticos

Iniciando mais um corno e uma Putinha

Um conto erótico de MarcoDotado
Categoria: Heterossexual
Data: 22/06/2009 16:17:46
Nota 9.41
Assuntos: Heterossexual, Menage

Iniciando um novo corno e mais uma putinha

Tenho alguns contos publicados em outros sites. Desta vez vou contar como iniciei um casal e como, hoje, eu continuo a fazer parte da vida deles. Só lembrando um pouco, sou loiro, 39 anos, olhos verdes, sem barba ou bigode, quase sem pêlos, 1,79m, 73kg, bem-dotado (20x7cm, depilado), um tarado e safado na cama e saio com casais há uns seis anos. E é sempre assim, adoro dominar o casal, fazer dela minha puta safada e dele um serviçal, manso e obediente. Fiz contato por um tempo com um casal pelo MSN, ela é uma morena, 26 anos pele bronzeada, marca de biquíni bem pequena, como eu gosto, cabelos abaixo dos ombros, olhos pretos, seios grandes, 1,67m, uns 56 kg...Uma delícia. Casada com um cara, 30 anos, que sempre sonhou em ver a esposa com outro e queria que fosse alguém bem-dotado. Ele já havia convencido-a e faltava apenas o cara que ela gostasse, pois todas as tentativas dele, até agora, de apresentar-lhe alguém, ele recusou o cara. Eu era a bola da vez a ser apresentado. No MSN, ele fez as apresentações e saiu da conversa e comecei a conversar a perguntar sobre ela, sobre seus desejos e a falar de mim. O papo foi super legal, fluiu bem e ela pediu fotos, eu mostrei ela mostrou as suas, por sinal maravilhosas...E continuamos a falar, eu dizendo: "que tinha experiência com casais e já tinha iniciado alguns" e fui conquistando-ª Depois de mais de uma hora de conversa...Ela aceitou marcar um encontro. Eles moram em Campinas. Marcamos numa sexta-feira, à noite. Eu fui até Campinas aonde ela tinha marcado. Um barzinho bem gostoso, discreto e romântico. Eu cheguei, pontualmente, e eles já estavam lá...Eu reconheci pelo celular na mesa e pq ela tinha me mostrado suas fotos. Ela estava linda. Ela usava um vestido preto, na altura dos joelhos, um bom decote, salto alto, uma tornozeleira, um cinto do próprio vestido marcando a cintura e uma calcinha deliciosamente pequena. Apresentei-me a eles, ela estava radiante, ele ansioso pelo jeito que mexia nas mãos...Era o primeiro encontro deles, real. Começamos a conversar sobre tudo...E foi quando a chamei pra dançar...E pude sentir seu perfume e o calor do seu corpo. Ela é deliciosa...E começamos a falar mais intimamente sobre tudo e o que ela queria e como ela queria. Foram várias músicas e cada música nos apertava mais e dizíamos o que queríamos fazer um com outro. E voltamos pra mesa...Ela foi direto ao banheiro e eu fiquei na mesa com o marido que me encheu de perguntas e expliquei tudo a ele e no final, ele sorridente, com os acontecimentos, eu perguntei...Tem certeza mesmo que ser corno? Ele respondeu...Sim. E vai seguir sobre minhas regras e ordens tudo que eu disser pra vc fazer, vc fará? Ele...Sim, sim, farei tudo que vc pedir. Nisso ela voltou...Ela estava bem feliz e foi logo perguntando pro marido se ele não queria ir pra casa pra continuar nosso papo por lá? Ele me olhou, como se perguntasse algo e eu imediatamente, respondi, com uma gata dessa eu vou pra qualquer lugar. E ele pediu a conta, se apressou logo, levantou e foi até o caixa pagar logo. E eu virei pra ela nessa hora e disse: Vou te virar do avesso como vc nunca foi... ela riu e falou...É tudo que eu quero, um macho como vc pra me possuir feito uma putinha na frente do corno do meu marido. E fomos, cada um no seu carro, eu seguindo o casal, que agora deveriam ter o tempo deles pra conversarem sobre tudo. Chegamos a casa deles, era uma casa bonita, no bairro Cambuí, com muros altos...Guardei meu carro junto com o deles e entramos...Ele foi até ao som e ligou uma música e perguntou o que eu queria beber, eu disse que os acompanhava. E ela me chamou pra dançar mais, e me abraçou forte e disse ao meu ouvido, quero que vc me domine completamente que seja meu macho e dono dessa casa nesta noite e em todas que vc quiser ficar aqui e vir pra cá. Então, virei pro corno e falei com ele, corno, é assim que vou te chamar de agora em diante e não mais de Carlos, prepare o quarto que daqui a pouco vou levar minha putinha pra lá...Prepare tudo que vou começar a pegar ela aqui e agora...Traga as camisinhas que vc vai vestir meu pau com ela pra vc saber o que vai deixar sua esposinha louca de tanto de gozar e ele saiu correndo, ela me olhou e falou: Era assim que eu queria o macho aqui dentro...Não apenas sexo queria alguém que fizesse desse corno, enquanto me fizesse puta, um escravo, um serviçal manso e trouxa. E comecei a tirar a sua roupa, deixando somente de calcinha e salto na sua própria sala e continuamos a dançar e minhas mãos tocando, alisando, enfiando os dedos em toda ela e ela gemendo, cada vez mais alto e forte e começou a chamar pelo marido, dizendo pra ele, vem amor, vem pra vc ver o que meu novo macho está fazendo comigo, venha amor...Venha ver o que ele fará comigo e pra vc saber o que é ser um corno de verdade...E ele entra na sala, todo tenso e vendo ela quase nua nas minhas mãos. Neste momento vou me sentar no sofá e chamo o maridinho e puxo ela pelas mãos até o sofá e viro pro dois e digo: agora que vcs tirem minha roupa, toda ela... pq de agora em diante, toda vez que eu vier aqui, quer um de vcs dois ou os dois, na porta me esperando pra tirar minha roupa e deixar nu, como todo dono de casais gosta de ser tratado . O corninho não acreditou, ela mais que depressa, começou a tirar a minha camisa e eu viro pra ele e pergunto: Ta esperando o que corno, vem logo? E ele todo bobo, vem e começa a tirar meu cinto, nisso ela já beijava meu peito e me alisava inteiro e foi junto com ele tirar minha calça...Quando ela viu meu pau, os 20x7c, depilado, duro, reto, cabeça bem vermelha, bem grosso e cheio de veias ela falou pro maridinho: Nossa, que delícia... agora vc pode ter certeza que vc vai ser corno, com um pau desse, eu não quero mais nada e tire o resto vc que vou ficar aqui mesmo . E começou a beijar e chupar meu pau como se fosse um sorvete...E o corno tirou minha calça e sapatos. Ela chupava como se nunca tivesse visto um na vida.Ela enchia a boca de saliva de tanto que ela estava gostando e eu chamei o corno e disse: senta aqui no chão corno e fique vendo bem de perto, como ela está gostando e fique do lado que vou te mostrar como torna uma esposa fiel e recata uma putinha deliciosamente safada . Ele sentou e ficou olhando e cada lambida e chupada, ela olhava pra ele e sorria e fazia aquela carinha que todas fazem quando encontram um pau grande e grosso pela frente. Quando eu já não me agüentava mais me segurar, ela chupava como ninguém, eu a puxei pelos cabelos, a coloquei em pé, apoiada no apoiada no sofá e mandei o corno por a camisinha no meu pau e soquei bem forte dentro da bocetinha dela por trás. Ela deu um pulo e um grito, mas foi um grito de prazer e falou pro marido: Hum, isso é que é pau, to sentindo ele bem fundo... que delícia, amor, Obrigado por este macho. Te amo ainda mais por tudo isso . E a comi, em pé, na sala e corninho vendo tudo bem de perto. Depois um tempo e muito fuder assim, ela já havia gozado uma, duas vezes, ela me chama pra irmos pro quarto deles, que me quer lá...E fomos e ficamos a noite toda. Eu a comi de todos os jeitos e formas, no seu quarto. Pela manhã, o corninho bate na porta, pq eu não deixei ele dormir no quarto em nossa primeira noite, trazendo nosso café da manhã...E ela mandando ele entrar, diz: hum, vejo que aprendeu logo a cuidar do meu macho, hein corninho? . Acabei ficando na casa deles, andando pelado o tempo todo e possuindo minha putinha em todos os cantos da casa e de todos os jeitos...Hoje, eu vou, pelo menos, uma vez por mês pra Campinas, ficar o final de semana com eles. E já a comi até em cima da mesa de jantar deles...Mas esta é uma outra história. Escrevam, marcodotadospreal@hotmail.com

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
27/10/2017 06:52:30
Tenho um grupo de watts só de cornos e comedores quem quiser participar e só mandar o número no meu e-mail am_vaqueiro_2009@hotmail.com
05/01/2017 14:46:15
Delícia
04/07/2016 09:14:40
Boa parceiro. É assim que se deve tratar os cornos e as putinhas!
03/09/2014 03:59:48
A MELHOR COISA DE SER CORNO É SER HUMILHADO PELO CARA QUE TA TRAÇANDO A TUA MULHER. FICAR PUNHETANDO VENDO UM MACHO TARADAO PELA TUA FEMEA. ADMIRAR A ROLONA DO COMEDOR DURASSA, LATEJANDO, ELE DE COCORAS NO CHAO, CAINDO DE BOCA FISSURADO NA XOXOTA DA TUA SENHORA, E TU CORNÃO MANSO ASSISTINDO TUDO DE PERTINHO, TARADO TANTO PELA BUCETONA DA TUA MULHER TODO ARREGANHADA, QTO PELO MACHO ALI CHEIO DE TESÃO, A PIROCONA DE FAZER CORNO DELE ENDURECENDO SEM ELE NEM TOCAR NELA, DE TANTO QUE TUA MULHER É GOSTOSA, CORNO SORTUDO FDP, TU TEM UMA VADIA MUITO LINDA EM CASA, MAS MESMO SE ELA NÃO FOR UMA DEUSA, O PATRÃO CURTE É METER ROLA EM XOXOTA, LARGAR PIROCADA NUMA PUTA CASADA PRO CORNO SE MATAR NA PUNHETA, CORNO PUNHETERO FDP, OLHA AQUI O MACHO DA TUA MULHER SOCANDO O CARALHO NESSE BUCETÃO... PQP ISSO É BOM PRA CARAIO! NOTA 10 PELO CONTO. QUEM CURTIR ESSA PARADA TB ME ADD NO SKYPE marcio.rodrigues7133
26/03/2014 13:50:59
bom. aceitaria sem a parte da submissão - tem que ter comum acordo em tudo!
26/09/2013 16:30:38
10
10/08/2013 15:39:43
Olá sou da regiao de Campinas, adoro possuir esposinhas safadas, curto demais apimentar a relação de casais, se for isso que procuram, entrem em contato, vou adorar conhece-los e quem sabe algo mais, bjs marcelo_terranova@hotmail.com
06/06/2013 22:42:33
Gosto de submissão, mas desde que seja ela quem manda...nao gosto de obedecer o macho, mesmo sendo ele mais pissudo que eu...
22/04/2013 22:30:02
taradaodasul.69@ig.com.br amamos o seu conto se estiver interesado em fuder dois rabos entre em contato estmos aguardando .
11/05/2012 15:04:49
Muito bom!!!
25/05/2011 19:02:17
Também não gosto de submissão mas o conto é bom
22/05/2011 15:18:55
Concordo com os que já criticaram a submissão, nunca agi desta forma com os casais que eu acompanhei, e nunca admitiria isto dos parceiros que já sairam com a minha esposa para menage. Leia mesu relatos neste site. A nossa 1ª vez está no conto "A Massagem". fc.mag@hotmail.com
17/06/2010 12:28:56
Gostei do conto, embora não seja muito fã da submissão... a não ser que seja ela a submissa.
11/08/2009 23:59:40
Olá... qdo vc será tão gente assim com minha esposa? rs