Casa dos Contos Eróticos

Trasformado em fêmea

Um conto erótico de Buana
Categoria: Homossexual
Data: 09/10/2008 17:56:44
Nota 9.20

Esse fato aconteceu comigo um mês mais ou menos depois que eu fora iniciado por Marcos!

Bem, depois que Marcos me comeu pela primeira vez como eu já contei anteriormente ele começou a me chantagear dizendo que se eu não fosse a “menininha dele” ele iria dizer a todos o que tinha ocorrido! Eu tive que me submeter a essa situação! Então todo o sábado querendo eu ou não ele ia me chamar para passearmos de bike na reserva, e lá chegando eu era forçado a fazer tudo o que ele mandasse!

Num desses encontros ele trouxe uma calcinha branca, e disse:

-Agora quero que vista essa calcinha, pois quero te comer com ela! Obedeci, ele então me colocou de quatro, afastou a calcinha para o lado, passou saliva nos dedos e começou a enfiá-los no meu cuzinho que ele me obrigava a manter sempre lisinho!

-Isso minha putinha, rebola nos meus dedos, empina a bundinha pra mim seu viadinho! Ele ficava me falando essas coisas, isso me excitava muito, quando ele já tinha colocado os dois dedos até o fim ele dizia:

-Agora vou comer minha mulherzinha! Ai eu sentia a ponta do seu pau forçando a entrada do meu rabinho! Marcos já não era mais o mesmo, no começo ele era carinhoso ia devagar, más ultimamente ele metia com muita força e quando eu reclamava ele dizia que eu era a mulher dele e que era obrigado a agüentar, caso contrário ele me delataria para todos na empresa!

Depois de mais ou menos uma meia hora me fodendo ora com força ora bem lentamente ele anunciou o gozo, ele sempre gostava de gozar bem no fundo! Eu adorava isso! Enquanto vestíamos nossas roupas ele me disse:

-Segunda feira eu tenho uma surpresinha para você na empresa!

-O que é? Perguntei. Então ele me disse que tinha um amigo que também trabalhava na mesma empresa onde trabalhávamos, e esse amigo adorava foder garotos novinhos como eu, e que sempre teve tesão em mim más nunca tivera a coragem de falar nada comigo!

Perguntei quem era esse amigo, más Marcos me disse que não poderia dizer, só disse que ele tinha quarenta e sete anos!

-O que quer que eu faça? Perguntei! Marcos disse:

-Quero que seja a mulherzinha dele também!

-Isso nunca! Respondi, então ele me disse que se eu me recusasse ele me delataria!

Então eu aceitei pois não tinha outra alternativa,

Passei o domingo todo pensando em quem seria esse indivíduo, Marcos tinha dezessete anos eu acho, e até então eu só dava para ele, não imaginava como seria dar para um homem de quarenta e sete anos! Confesso que fiquei um pouco excitado com a idéia, más também com um pouco de medo!

Segunda feira fui trabalhar normalmente, na hora do almoço Marcos me chamou e disse para irmos para o almoxarifado, quando chegamos lá qual não foi minha surpresa ao ver o senhor João sentado na sua mesinha! Marcos me disse para ficar esperando ali enquanto ele ia falar com o seu João como era conhecido!

Logo os dois se aproximaram, Marcos disse que estava tudo acertado para o próximo sábado, seu João me olhou com cara de tarado, não disse nada, só deu um sorriso meio sacana!

Fui para casa pensando em seu João, e como seria dar pra ele! Ele era um homem com cabelos grisalhos, meio gordo, tinha bigode e era calvo, más era charmoso!

A semana passou, no sábado acordei bem cedo, tomei banho me depilei pra ficar tudo lisinho e fiz uma bela duchinha, para ficar tudo limpinho! Depois de me vestir ouvi Marcos me chamando para nosso passeio de bike, disse para todos em casa que não voltaria para o almoço, pois iria almoçar na casa de Marcos, assim poderia justificar o dia inteiro fora!

Fomos para casa de Marcos, lá eu deixei minha bike e seguimos apé para uma rua a alguns quarteirões dali onde seu João nos aguardava em seu carro!

-Entre logo! Foi então que Marcos me disse:

-Hoje você vai ser a namoradinha do seu João, dá direitinho pra ele hein!!

-Ta bom, más você não vem?? Marcos me respondeu que não!

Seu João deu a partida no automóvel e seguimos em direção da casa dele, ele morava em uma chácara não muito longe dali.

-Bem, chegamos, essa é minha casa. E passando a mão na minha bunda Ele me disse:

-E essa bundinha vai ser a casa do meu pau hoje! Nossa eu tremia de nervoso, e ele percebendo isso me disse para ficar calmo.

Entramos na casa, seu João morava sozinho, era separado, sua casa era bem aconchegante, ele me chamou para o “conhecer” o quarto dele, tinha uma cama de casal e em cima da cama tinha umas roupas de mulher! Ele me disse que eu teria de me vestir com aquelas roupas de mulher, tinha um espartilho preto com meias, uma saia minúscula, um top e um baton!

Meio sem jeito eu obedeci, então ele entrou no quarto, quando ele me viu vestido daquele jeito percebi que estava com muito tesão, logo notei o enorme volume em sua calça, então ele se aproximou, me abraçou e me deu um beijo na boca, aquilo foi uma loucura, eu nunca tinha imaginado isso com Marcos! Ele me disse para deitar então se deitou em cima de mim e continuou a me beijar demoradamente, carinhosamente, depois de algum tempo assim eu comecei a gostar de sentir a língua dele dentro da minha boca, e comecei a imitar os movimentos que ele fazia. Ele então se levantou e disse:

-Hum, o viadinho já esta aprendendo hein!

Então seu João tirou a roupa ficando completamente nu, eu não podia acreditar no que via, ele tinha muitos pelos grisalhos no peito e nas pernas, más seu corpo era belo, tinha uma barriga mas era um homem sexy, e seu mastro já estava bem duro, era bem maior que de Marcos deveria ter uns 20 cm e muito grosso!

-Agora vem me fazer boquete minha vadiazinha! Seu João se deitou de barriga para cima e eu comecei a punheta-lo com as mãos, fui aproximando o rosto devagar, dei um beijo na ponta, nossa como estava quente! Enquanto isso com uma das mãos ele alisava minha bunda, e com a outra ele pegou minha cabeça e forçou para baixo, fazendo eu engolir quase até a metade aquela tora dura e cheia de veias, eu podia sentir a pica dele pulsar na minha boca! Comecei um movimento de vai e vem, e ele me dizia!

-Isso, Poe meu pau na boca, chupa gostoso seu viadinho, vai engole tudinho!

Dizendo isso ele abaixou minha cabeça com força para baixo até que eu comecei a engasgar ele me soltou, então ficou de joelhos na cama e me deu um tapa na cara que doeu! Disse ele:

-Quando eu te mandar chupar é pra chupar direito ouviu; hoje você vai aprender o que é dar o rabo para um homem de verdade! Continuou...

-Agora você é minha putinha, e vai fazer tudo o que eu mandar, e deixar eu fazer tudo o que eu quiser com você está ouvindo!!!

Respondi que sim! Ele então mandou eu engolir a rola dele inteira!

-Vai abre bem a boca. E foi enfiando e prendeu meu nariz, eu comecei a querer engasgar, más ele não parou, me segurou firme e bombou umas cinco ou sete vezes na minha garganta! Quando tirou o pau estava todo babado e meus olhos lacrimejavam!

-Agora fica de quatro e empina essa bundinha branca pra mim minha vadiazinha! Obedeci prontamente empinando o máximo possível, ele separou minhas pernas, e começou a beijar minha bunda, até que eu senti sua língua na entrada do meu cuzinho que piscou!

Hummm que delicia de sensação aquela, eu rebolava gemia feito uma puta no cio! Não demorou e ele estava com um dedo dentro da minha bunda, metia o dedo e lambia, depois enfiava a língua no meu cuzinho! -Que cuzinho gostoso! Disse ele.

Seu João se levantou foi até a cômoda abriu a gaveta e pegou um pote verde, voltou e se posicionou atrás de mim, perguntei o que era aquilo meio espantado! Ele disse que era vaselina e que iria facilitar as coisas! Então eu senti ele passando os dedos na entrada do meu cuzinho, enfiou um dedo, depois dois, eu delirava rebolava e gemia de quatro na cama!

Após ter passado uma boa quantidade de vaselina no pauzão eu pude sentir uma ponta quente forçando a entrada do meu rabo! Eu disse:

-Você não vai usar camisinha? E ele respondendo falou...

-Não, você vai ter que dar sem nada, quero foder você e sentir todo o seu rabinho, pensa que eu não sei que você da pro Marcos sem preservativo!?

Falou isso e começo a forçar o pau para entrar em mim, ele me segurava pela cintura e fazia força depois voltava!

-Ai seu João ta doendo muito, seu pau é muito grosso!

-Calma minha putinha, relaxa o rabinho que ta quase! Então eu senti que tinha entrado a cabeça, eu relaxava o máximo possível e ele continuava a bombar bem devagar indo e voltando, e assim foi entrando aquele mastro quente e duro em mim!

Logo eu comecei a sentir os pentelhos dele me fazendo cócegas na bunda, então empinei mais minha bunda e forcei de encontro a rola dele!

-Pronto minha putinha, entrou tudinho no seu cuzinho ta gostando ta?

-Ai to adorando seu João, como é bom dar o cu pra você!

-Então agora vou te foder todinho, quero ver você todo arrombadinho pelo meu pau! Eu disse:

-Isso meu macho, mete bem gostoso na tua putinha, não era isso que você queria, então agora minha bunda é toda sua!

Ele começou a bombar em um ritmo acelerado, tirava o pau até quase sair depois empurrava com tudo até o final, era uma delicia, eu gemia e rebolava, e ele me dava tapas na bunda, era maravilhoso sentir aquele macho todo dentro de mim me fodendo com vontade! Entre uma estocada e outra ele falava:

-Olha meu pau sumindo nesse cuzinho, rebola mais, empina minha fêmea!

Meu pintinho estava bem duro de tesão, e eu pude notar que saia um liquido e viscoso e transparente, seu João me fodia sem dó eu podia sentir gotas de suor que pingavam nas minhas costas. Ele então mandou eu me virar, me colocou na posição de frango assado e colocou aquele pintão de novo no meu rabo, agora entrava fácil, ele segurava minhas pernas levantadas e metia como um louco!

-Isso puta, geme gostoso no pau do teu macho, ta gostando de ser minha puta né seu viadinho!

Eu gemia e me ajeitava de modo que facilitava a entrada daquele pinto tesudo em mim, então ele me disse que ia gozar dentro de mim, mandou eu voltar a ficar de quatro enfiou tudinho até o fundo e me falou:

-Agora quero que você aperte o máximo seu anelzinho quando eu estiver tirando e relaxe quando eu enfiar ok?

-Tá bom. Respondi. Travei o máximo enquanto ele tirou, e depois soltei para meu macho enfiar, no começo foi difícil más depois de alguns minutos peguei o ritmo, que foi ficando mais e mais rápido!

E com esses movimentos eu fui sentindo um prazer incrível, seu João metia sem dó, ai ele disse:

-Vou gozar!

-Então goza bem no fundo meu machão!

Acho que o fato de eu falar assim meu deu mais tesão, meu pau tava latejando e eu gozei sem encostar no meu pau! Ele gozou logo em seguida, más continuava bombando no meu rabinho que estava pegando fogo! Ele foi metendo cada vez mais lento mais lento até que parou e soltou todo o peso em cima de mim que deitei de bruços na cama! Ficamos assim uns dez minutos, eu pude sentir aquele homem deliciosamente suado e peludo pesando em minhas costas, com aquele pau ainda pulsante dentro de mim!

Depois que ele tirou aquele membro de dentro do meu cuzinho escorreu um monte de porra, ele me virou e me beijou demoradamente!

Tomamos banho juntos, almoçamos e tranzamos mais uma vez naquele dia, depois ele me levou até perto da casa de Marcos, onde eu peguei minha bike, foi difícil sentar no selim devido ao estrago que seu João me fez, más eu estava feliz!

Em casa antes de dormir peguei um pequeno espelho para olhar como teria ficado meu rabinho após tanta foda! Olhei e estava completamente vermelho e arrombado!

Fui dormir tranqüilo e feliz, lá pelas tantas da madrugada me masturbei pensando no seu João, gozei muito.

Depois desse dia tivemos vários encontros, onde Marcos participava e os dois me fodiam, um dia eu conto essas histórias

Bem, espero que tenham gostado desse meu novo relato!

Até a próxima!

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
10/06/2017 15:17:06
Goste desse conto Me chame de momoSou um homem de 29 anos, sou virgem de boca e de cu, Tenho um desejo que nunca realizei, de vira por uma noite mulherzinha de um homem, ser obrigado a se vesti de mulher e ser fudido obrigado de todas as maneiras a fazer sexo com ele, Ate agora espero alguem que realize esse meu desejo Qualquer coisa meu zap e esse
10/06/2017 15:12:46
Goste desse conto Me chame de momoSou um homem de 29 anos, sou virgem de boca e de cu, Tenho um desejo que nunca realizei, de vira por uma noite mulherzinha de um homem, ser obrigado a se vesti de mulher e ser fudido obrigado de todas as maneiras a fazer sexo com ele, Ate agora espero alguem que realize esse meu desejo Qualquer coisa meu zap e esse
09/09/2014 12:36:27
como é bom ter um joao em nossa vida
19/09/2012 00:03:36
Ótimo!!!
07/06/2012 12:15:39
Maravilhoso!!! Nada como um Macho desses!! Amei
16/11/2009 16:08:47
Adorrei e queria estar em seu lugar. Já tive um namorado bem mais velho e eu só obedecia. Me escreva: gar.cinha2008@hotmail.com
29/10/2009 18:18:54
Amei seu conto. Nota 10! Adoro dar o cú para um macho dominador!!!
28/11/2008 16:59:35
maravilhoso , paresce q leu minha mente , amei tudo queria ser vc nesse conto , (só q com camisinha ) lucasbi3@hotmail.com
07/11/2008 06:18:01
bom
Lx
27/10/2008 00:36:09
Gostei!
13/10/2008 00:43:33
bom
11/10/2008 13:10:51
Adorei este conto. Ontem, inspirado neste conto, eu e o Leco fizemos a mesma coisa. Ele se vestiu de mulher, e eu enrabei ele bem gostoso. Valeu pelo conto!!
09/10/2008 19:14:16
muito boa 10, angelo_fotojornalismo@hotmail.com