Casa dos Contos Eróticos

EI VOCÊ NÃO ME ODIAVA?

Autor: bruno
Categoria: Homossexual
Data: 12/01/2018 02:21:42
Nota 8.67
Ler comentários (8) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

2:40 da manhã, e eu ainda procurava a posição certa para dormir na verdade, será que essa "posição certa" para dormir existe? E se existe eu já nao deveria saber?

Eu diria que sou pós graduado em dormir mal,

Sei que dessa vez é diferente,e tem um motivo pra mim perder o sono na primeira curva, vocês já tiveram um segredo que queriam revelar, mas não revelaram por que nao era só seu?

Pois bem, estou passando por isso a vida inteira mas só agora isso vem me incomodando, talvez porquê antes eu não tinha tanta consciência sobre isso ( em meio a esses pensamentos eu dormi )

BIP BIP , BIP BIP - gente eu juro que um dia eu quebro esse despertador de raiva (risos)

Antes de começar a contar toda minha saga amorosa e melancólica deixa eu me apresentar em um parênteses a baixo

( bom, meu nome é Bruno, tenho 17 anos, sou moreno claro E tenho 1,70 de altura e 69kg ) ou seja, sou maravilhoso (auto estima é tudo)

Voltando ao conto

Ja era a terceira vez que adiava o meu despertador por mais 5 minutos, ate que decido me levantar e me aprontar para a aula, diferente de todas as vezes em que recomeçava o ano escolar , feliz e animado dessa vez algo em mim estava faltando, sim faltando o meu amigo caio, ele morreu faz uns 10 meses em um acidente de carro mas para mim parece que foi ontem ( não comentarei mas sobre isso , pois ainda mexe comigo ).

Começar um novo ano e numa nova turma e em um novo período (estou de manhã agora, estudei a vida toda no período da tarde) é tenso pra todo mundo ainda mais para um pessoa tímida como eu, mas não tem como fugir então la vou eu.

Terminei de me arrumar as 6:30 ou seja tinha 30 min para chegar a escola, que não era perto.

EU: bom dia mãe - a cumprimentei assim que a vi na cozinha

MARIA: bom dia , esta atrasado não é? Logo no primeiro dia - disse ela brava

EU: calma dona maria, já estou saindo - disse pegando um pacote de bolacha recheada e saindo

MARIA: vai com deus e cuidado nessa rua (minha mãe é aquela típica senhora simpática, baixinha 1,55 gordinha e morena)

Corri o mais rapido que pude pra chegar a tempo na escola, mas mesmo assim cheguei atrasado, na minha escola, se você chega atrasado, você tem que ir a secretaria e assinar um papel de atraso ( se somar 3, você toma suspensão ).

Bom, cheguei na secretaria e tive que ficar esperando pra ser atendido, mais ou menos uns 2 minutos sentado ali naquele banco de cor marrom (cocô) vejo um menino adentrar o corredor, de começo não reparei quem era , mas assim que se aproximou , me arrependi de ter encarado. Era davison o garoto mais escroto e trombadinha da escola (pelo visto nao era apenas eu quem tinha mudado de período ) ele me viu o encarando.

- a bichinha Ta de manhã agora? Disse dando um chute no meu pé, que esta delicadamente esticado pra frente.

- Acho que sim né, se não o que estaria fazendo aqui? Disse rindo com deboche

Davison - ta tirando com a minha cara viado ? Ta querendo apanhar aqui?

Eu- olha se você quiser.... - fui interrompido pelo barulho da porta destrancado e a diretora saindo por ela.

Diretora Carla - começaram o ano bem vocês né, o ano mal começou e já chegaram atrasados - disse ela em tom de desapontamento - entrem , vamos ver o que farei com vocês - completou ela já entrando na sala sem dar tempo para uma resposta. levantei primeiro e assim que estava alcançado a porta uma mão grande e áspera segurou meu pulso

Davison - não pense que eu vou esquecer sua gracinha - disse zombando

Eu - eu não tenho medo de você (tenho sim ) - terminei minha frase e entrei na sala seguido pelo embuste

O embuste por acaso tem mais ou menos 1,80 uns 90 kg, branco com olhos bem pretos e com aqueles dois riscos ridículos na sobrancelha ( Infelizmente uma beleza igual a minha não tem no brasil, tutu pom? )

Mas ele ate que bonitinho e bem sexy ( confesso) sentamos bem evangélicos cada um e uma cadeira em frente a mesa da diretora, a sala era bem aconchegante tinha uma mesa com as duas cadeira a frente, na qual estávamos sentados, e havia também uma estante enorme com muitos livros bem bem bagunçados.

DIRETORA CARLA - Bom, eu deveria mandar vocês assinarem a ficha dos atrasos e mandar os dois para suas respectivas salas, mas como hoje é o primeiro dia de volta as aulas, e não é passado quase que nenhum conteúdo por agora estou precisado de uma forca aqui na minha sala, acho que devo ser mais severa e se aproveitar dessa situação -disse rindo - então quero que me façam algo - completou entusiasmada.

Davison - Eu já vou dizendo que não, ainda mais com esse vi... -ele parou, e não concluiu.

Eu - vi.. ? O que? Completa- disse nervoso .

Ei , vocês poderiam parar e me ouvir -disse a diretora Carla - bom eu queria pedir que vocês....

FICA PRO PRÓXIMO CAPITULO HAHAHAHA

BOM GENTE ESSE É MEU PRIMEIRO CONTO ESPERO QUE VOCES GOSTEM E COMENTEM OQUE EU DEVO CORRIGIR E COMO QUEREM O DECORRER DA HISTORIA BJOS

Comentários

15/01/2018 01:01:07
Estava legal até que vem o maldito, continua!
13/01/2018 00:05:09
quando eu li o nome da sua mãe escrito Maria eu já comecei a cantar, Dona Mariaaaaaaa deixa eu namorar a sua filhaaa... huahuahuahua acho que viciei nessa musica! alias muito boa sua historia, um erro ou outro mais tudo bem nós não somos feitos de ouro... se eu fosse você teria falado para esse tal de Davison -viado não! me respeita e me chama de gay bebe!! Nota 10
12/01/2018 14:53:57
Finalmente alguém com auto estima sem ser escroto
12/01/2018 14:33:06
Não elogia que você não me conhece.. Faço verdadeiras dissertações nos meus comentários. hahahaha. Mas quero ver sim.
12/01/2018 14:31:20
Obrigado pelos comentarios
12/01/2018 10:42:43
continua
12/01/2018 08:30:55
Gostei do começo. E como me faltam elementos, só digo que vou acompanhar. Continua!
12/01/2018 03:56:42
bom

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.