Casa dos Contos Eróticos

Amando Por Dois 4

Categoria: Homossexual
Data: 06/12/2017 01:26:10
Nota 9.60
Ler comentários (5) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Depois que o Caio flagrou o Márcio me comendo,ele foi embora com um ódio no olhar.

Márcio me fodia como um louco e eu logo esqueci do do Caio e comecei a gemer na vara do Marcinho que tirou o pau do meu cu e enfiou na minha entrada.

Márcio: Você é todo gostoso voi gozar

Ele gozou dentro da minha entrada e eu sai dali imediatamente e fui atrás do Caio.

Márcio: Tá indo aonde?

Eu: Eu tenho que fazer uma coisa.

Então eu fui pro sítio correndo.

Ao chegar lá o Caio estava no estábulo com cara de poucos amigos.

Eu: Caio...a gente precisa conversar.

Caio: Já voltou,achei que tava ocupado demais dando o cu pra aquele muleque.

Eu: Me respeita!

Márcio: Respeitar porra nenhuma você é um putinho,uma vadia,uma piranha que dar o cu e a buceta pro primeiro que aparece!

Eu: Para de gritar comigo!

Caio: Você não vale porra nenhuma,sabe se lá pra mais quantos você dá.

Eu: Nós não temos nada eu não tenho que te dar satisfação!

Caio: Tem razão...quer saber de uma coisa,eu vou acelerar o meu trabalho e sair daqui o mais rápido possível.

Quando ele disse isso eu comecei a chorar,pode parecer louco,mas eu gostava dele e do Márcio também,eu gosto dos dois.

Caio: Tá chorando pra quê?

Eu: Sai daqui Caio você já me ofendeu demais.

Caio: Mas é isso que você é um puto,e é assim que você merece ser tratado.

Ao dizer isso ele me jogou no chão do estábulo,arrancou as minhas roupas e penetrou a minha entrada que ainda guardava o esperma do Márcio sem dó nem piedade.

Ele fodeu a minha entrada com tanta força que chegou a sangra-la e depois de abusar de mim ele gozou dentro da minha entrada e me largou ali.

Depois disso eu fiquei estendido ali chorando com sangue e semen escorrendo entre as minhas pernas.Eu me apaixonei e só me ferrei,a partir daquele dia eu jurei que não iria mais me apaixonar e que homem nenhum iria me usar,a partir de agora eu é quem iria usar os homens ao meu favor.

Depois do ocorrido com o Caio eu fui tomar um banho e deitei na minha cama e comecei a chorar até cair no sono.

No dia seguinte pela manhã eu acordei me sentindo meio estranho,na verdade eu estava sentindo um enjôo muito forte.

Eu: Nossa que enjôo. Disse colocando a mão sobre o meu ventre.

Então derepente algo subiu até a minha garganta e eu fui até o vaso e vomitei tudo que eu tinha comido ontem.

Eu: Se eu não melhorar até amanhã eu vou no médico.

CONTINUA...

Obrigado por lerem amores,o Gabriel será um protagonista diferente dos outros e a partir desse capítulo começa uma grande transformação na personalidade dele.

Beijos e conto com os seus comentários.

Comentários

08/12/2017 14:25:55
parece que entre esses três só vai haver sexo
06/12/2017 13:10:32
Interessante, mas meio distorcida, você se comporta feito uma puta, fato, ele não te estuprou,fato. A história tem potencial,mas acho que algumas coisas podem ser corrigidas, no mais tá legal
06/12/2017 03:27:05
DE FATO VC SE PORTOU E SE PORTA COMO UMA VADIA. E OUTRA NINGUÉM FICA GRÁVIDO DE UM DIA PRO OUTRO. MEIO COMPLICADO ISSO. CAIO ESTÁ COBERTO DE RAZÃO. NÃO TEM ESSE LANCE DE AMAR OS DOIS. BABACA. MUITO CURTO ESSES CAPÍTULOS.
06/12/2017 03:01:33
Está bom seu conto,só achei dramático demais da sua parte de querer usar todos os homens a seu favor afinal vc já estava fazendo isso com o Caio e o Márcio, agora engravidou e não vai saber quem é o pai,e tenho certeza que os dois tinha um centímento por vc é realmente estavam gostando de vc agora vc se vitimou e vai passar a hagir com pensamentos de usar os homens e descarta-los,pois até o presente momento vc só os usou ao seu belo prazer.É vc não foi estuprado pelo Caio não,ele só descontou a raiva em vc num sexo mais selvagem uma delícia.
06/12/2017 01:27:28
Novo site galera! Visitem! contos e muita putaria https://kxcontos.blogspot.com.br/

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.