Casa dos Contos Eróticos

Mulher casada gostosa

Autor: Maragonês
Categoria: Heterossexual
Data: 03/02/2017 22:06:39
Última revisão: 04/02/2017 18:57:18
Nota 10.00
Ler comentários (2) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Olá! Esse é o meu segundo conto que posto aqui nesse site. No mês de Maio de 2016 eu estava de férias do meu trabalho, foi então que numa tarde de sábado, como estava sem nada pra fazer, resolvi sair para dar umas voltas na cidade, quando foi por volta das 17:00 horas eu estava de volta pra casa. Eu moro sozinho e o meu vizinho que se chama Pedro, que é solteiro assim como eu, tem um caso com uma mulher casada, que semanalmente vai lhe visitar, quando foi nessa tarde de sábado que eu citei, quando eu cheguei em casa, estava ela e uma outra mulher que eu nunca tinha visto antes. Uma mulher super linda, encantadora, sensual, com um corpo de fazer qualquer homem a desejar loucamente. A amante do meu vizinho me perguntou por ele, eu respondi que não sabia onde ele estava, porque eu havia saído cedo de casa e não sabia onde ele estava, mas fui cavalheiro e convidei as duas para entrarem na minha casa para tomar uma água e aguardar o vizinho chegar. Prontamente as duas entraram e como eu não tinha nenhuma intimidade com elas, eu as deixei a vontade conversando e fui tomar um banho rapidinho, mas logo o Pedro chegou e a sua amante que se chama Marlene saiu imediatamente e foi para a casa dele. A sua companheira, aquela mulher que faz parar o trânsito, ficou na minha casa, como se não tivesse visto sua amiga sair. Foi então que eu falei pra ela que a pessoa que elas vieram visitar já havia chegado, mas ela me disse que o motivo da sua vinda era pra me ver, porque sua amiga falara bem de mim e isso despertou nela um desejo de me conhecer. Meu Deus, eu não sei nem o que pensei, diante daquela mulher tão gostosa e sensual, casada e que estava ali se mostrando a fim de mim. Foi então que me aaproximei dela, sentei ao seu lado, tomei a sua mão e atrevidamente lhe beijei gostoso na boca, ela me apertava com força e disse bem baixinho em meu ouvido. Eu sou toda sua, faz de mim o que você quiser. Aquilo foi a gota d´água. Imediatamente sem prensar duas vezes eu deslizei a minha mão pelas suas pernas e fui até a sua bucetinha que estava toda molhadinha. Levei ela nos braços até a minha cama e fui tirando a sua roupa enquanto chupava a sua língua, depois que tirei a sua saia, eu caí de boca na sua xoxota, enfiei a língua bem fundo, e fazia cócegas no seu grelinho com a minha língua, ela gemia e se contorcia como uma louca, depois de um 15 minutos que fiquei chupando sua bucetinha, ela pegou firme o meu pau e disse: Me fode gostoso, quero ser pra você tudo o que uma mulher pode ser pra um homem. Eu estava um pouco preocupado com a sua amiga que estava na casa do meu vizinho, porque temia que a qualquer momento ela batesse na porta chamando a pra ir embora, mas não foi diferente, rapidinho ela bateu mesmo na porta, mas aquela delícia que estava todo nua e toda tarada em cima da minha cama, pegou o seu celular e ligou pra ela dizendo que fosse embora porque ela ia demorar mais um pouco, e se o seu marido perguntasse por ela, que dissesse que ela tinha ido para a igreja, porque ambas são evangélicas. Depois desse telefonema nós ficamos a vontade. Ele me pediu pra ser penetrada, mas antes queria sentir meus 21 cm de rola dentro da sua boca. Nossa! Ela se sentou na cama e eu fiquei em pé no chão com minha pica bastante dura, foi então que ela abriu a boca e pediu pra mim socar tudo na sua garganta. Por incrível que pareça, ela engolia tudo, eu sentia a cabeça do meu pau lá no fundo da sua garganta. Ele me chupou por volta de 10 minutos, então abriu bem as pernas e disse: Vem cachorro, come agora a sua cadelinha, ela está no cio, e com muita fome de rola. Parecia um sonho, aquela mulher linda e gostosa que eu havia conhecido a poucas horas, estava sendo minha na cama, mas era pura realidade o que estava acontecendo. Meti meu pau na sua buceta com muita vontade e depois de 25 minutos gozei gostoso dentro dela e ela gozou junto comigo. No momento do orgasmo ele gritava como louca, que se alguém estivesse por perto na vizinhança, escutaria os gritos desenfreados daquela mulher tarada. Depois de uma breve pausa, começamos novamente, então peguei ela de quatro, aquela bunda gostosa rebolava enquanto eu socava minha vara na sua buceta, depois pedi pra comer seu cuzinho, e ela disse que eu não precisava pedir porque eu podia fazer dela o que quisesse. Huuuumm. Tirei meu pau da sua buceta e comecei a enrabar aquela gostosa lentamente, mas ela disse mete logo, quero sentir tudo entrando e saindo nesse rabão. Que delícia de mulher eu estava comendo. Quando foi por volta de 9:30 da noite ela disse que tinha que ir embora, porque o seu marido ia pensar que ela estava chegando da igreja como era de costume. Isso aconteceu no sábado, dia 07 de maio, mas quando foi na terça feira dia 10, ela me apareceu em casa novamente porque estava sedenta de pica. Em outra oportunidade eu conto mais sobre essa mulher gostosa, que pelo menos duas vezes por semana vem aqui me fazer uma visita bem legal. Meu e-mail jpcarvalho379@hotmail.com

Comentários

28/11/2017 07:35:35
Meu lindo, enquanto eu lia seu relato, as imagens dos fatos vinham na minha mente. Acabei molhadinha. Preciso ir te visitar também. Quinze minutos chupando e depois, vinte e cinco minutos estocando, até eu, daria o cuzinho depois. Nota máxima pra ti... Venha me conhecer lendo os meus. Beijinhos.
04/02/2017 07:30:37
Maravilhoso se alguma gata quiser tc chama no whats ONZE.NOVE, SEIS, NOVE, NOVE, SETE, TRÊS, SEIS, NOVE,NOVE MARCOS BJS NAS PEPECAS....

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.