Casa dos Contos Eróticos

Feed

Provocando o padastro

Categoria: Heterossexual
Data: 20/06/2015 14:30:41
Nota 10.00
Ler comentários (11) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Olá galera, meu nome é Daniela, mas pode me chamar de Dani... Tenho 19 anos, sou baixinha com um corpão, tenho seios grandes (herança de família) e coxas grossas, com o cabelo comprido liso até a bunda, e estou cursando psicologia. Enfim vamos ao conto.

Moro com minha mãe, sempre nos demos muito bem, ela tem vários namorados e sempre traz alguns pra dentro de casa. Eu me considero muito tarada rsrs , perdi a virgindade com 13 anos e não me arrependo nenhum segundo, adoro sexo, me mostrar, me masturbar, contos eróticos, tudo que tem sexo envolvido eu adoro!

Minha mãe estava saindo com o Roberto fazia uns 5 meses. Ele era alto, moreno, barriguinha de chopp e uma barba que eu achava muito excitante, tinha por volta de uns 45 anos. Sempre que ouvia os dois transando já ficava molhada na hora, e acabava batendo uma siririca pra relaxar, até que um dia eu tomei uma decisão: vou provocar Roberto até ele me foder.

Eu sabia que sempre depois do sexo ele descia para fumar ou para ir na cozinha, então quando ouvi que eles tinham terminado a foda barulhenta eu desci correndo, já estava com minha camilosinha transparente rosa claro que é bem curtinha deixando parte da bunda de fora e que deixa praticamente os bicos dos meus seios a mostra, coloquei um filme pornô e comecei a me acariciar, quando ouvi ele descendo as escadas comecei a gemer bem gostoso, conseguia olhar pelo reflexo da TV ele com cara de espanto mas curtindo o show, depois de alguns segundos ele falou: Dani o que está acontecendo aqui? ai eu fingi um susto, fechando as pernas rapidamente, mas o cheiro da minha excitação e o pau super duro de Roberto falava por nós e falei: Desculpa Roberto, estava sem sono e um pouco excitada com o que você e a mamãe estavam fazendo, mas já vou subir boa noite, quando olhei de rabo de olho ele estava se acariciando rsrs pensei: Falta pouco pra eu ter aquele pauzão gostoso na minha bucetinha, subi e deitei de bruços deixando a porta entreaberta, passou uns 30 minutos(acho que Roberto foi se aliviar rsrs) quando escuto minha porta abrindo bem devagarinho e Roberto se aproximando e passando a mão na minha bunda e vendo minha calcinha todo molhadinha, e minha chaninha toda depilada (pois depilo tudo) ouvi ele dizer: ainda vou te fuder sua ninfetinha gostosa e saindo do quarto.

Quando amanheceu eu me arrumei para ir pra faculdade e desci para tomar café, e Roberto e minha mãe estavam na mesa, eu estava com um vestidinho que deixa meus seios grandes bem destacados, dei um beijo em mamãe e um beijo em Roberto, sarrando bem meus seios nele. Ouvi minha mãe dizer: filha, hoje tenho vou dormir na casa da sua vó que ela precisa de mim lá, mas como sei que você não gosta de ficar sozinha, Roberto vai dormir aqui com você, eu já logo pensei: ESSA É MINHA CHANCE!!, e Roberto com um sorriso leve no rosto. Me despedi de todos e falei estou indo pra facul. O dia passou super lento, mal podia esperar a hora de fuder gostoso com Roberto, minha buceta latejava e com tanta ansiedade tive que bater uma siririca no banheiro da faculdade, só assim pra me aliviar um pouco. Quando voltei, Roberto não tinha chego ainda, então coloquei um filme qualquer na TV na sala, e fiquei assistindo. Eu estava de blusa curtinha sem sutiã e um shortinhos bem curtinho, com um calcinha vermelha enfiada no rabinho. Estava sentada no sofá quando escuto o barulho da porta abrindo, era Roberto chegando com uma pizza, ele tomou banho e depois sentamos no chão da sala para comer. Comemos em silêncio até que ele puxou assunto, Dani sobre o que aconteceu ontem, eu e sua mãe podemos abaixar um pouco do volume no sexo para você não ouvir, se te incomoda, ai eu respondi: Não me incomoda, eu gosto de ouvir, me excita ouvir você gemendo rs, confesso que já espionei você fudendo e ual como seu pauzão é gostoso, na hora eu fiquei louca pra experimentar, mas como não podia afinal você é meu padrasto eu fui pro quarto eu me masturbei gostoso fingindo ser a mamãe. De cara já vi o volume crescer na sua calça, e ele falou: menina não me provoca, que eu não aguento, você é muito gostosa e eu dando uma de inocente falei: Roberto me desculpa não quero te provocar é que eu só gosto muito de sexo só isso. Roberto ficou me analisando e eu pensei: Precisa acontecer agora, falei Roberto eu estou com um pouco de dor no ombro você poderia fazer uma massagem em mim, roberto ficou me olhando e falou: não sei se devo Dani, e eu falei: Vai Papai só um pouquinho, me encaixei na frente dele já tirando a blusinha deixando meus seios de fora, roberto começou a me alisar falando: Vc gosta de provocar né sua ninfetinha, ai falei gosto sim papai, e ele já meteu a boca no meu peito, chupando gostoso o biquinho um peito depois o outro, roberto falou: você quer ser a mamãe então tá bom, mas você vai ter que cavalgar gostoso daqui a pouco, e eu falei não vejo a hora mas primeiro deixa eu chupar esse pau delicioso e chupei na maior vontade, desde a cabeça até as bolas, sugando a cabeça do pau dele, ele logo falo para eu parar se não ele ia vou gozar e começou a me chupar de uma maneira deliciosa, gozei 2 vezes com ele me chupando, depois ele me colocou de quatro e começou a meter em mim com força, puxando meu cabelo me chamando de ninfetinha gostosa, vagabunda, provocadora, e eu achando tudo uma delicia, pedindo pra ele ir com mais força que eu queria gozar no pau do papai, ele meteu até eu gozar de novo, depois eu comecei a sentar nele, cavalgando naquele pau maravilhoso que nem a mamãe fazia, ele me batendo na bunda me chamando de putinha e eu adorando tudo aquilo, sentei com força chamando ele de papai até ele gozar com tudo dentro de mim, depois ainda limpei o pau dele todinho fazendo outro boquete, terminamos a foda espetacular e eu subi pro meu quarto e tomei banho, Roberto depois deitou na minha cama e começamos tudo de novo.

Mas fica pro próximo conto...

Beijos da Dani!!

Comentários

10/08/2015 20:46:42
Adorei,seu padrasto tem muito sorte
22/06/2015 10:35:58
OI Dani, então, se está no terceiro ano me manda um e-mail podemos conversar sobre nossa área e outras cositas mas. vermelho_1988@hotmail.com
21/06/2015 19:01:04
Não tem homem que resista a uma investida dessas... E essa Dani deve ser bem apetitosa. Excelente.
21/06/2015 12:41:49
Que gostosinha safaaaada hahahhaha adorei. Quero maisss
21/06/2015 10:29:07
A enteada que sonhei. Dez.
21/06/2015 01:00:54
Muito bom vc parece ser uma delicia entre em contato comigo sara.barros961@gmail.com
20/06/2015 17:29:29
olha so ninfeta gostosa,se vc é tao safada assim,uma devoradora d homens,entre em contato comigo,vamos dar um jeito nisso .
20/06/2015 16:58:49
Padrasto não é pai, consequentemente não é incesto. Quantos autores burros ainda não conseguem entender que incesto é entre parentes de sangue. Puta que pariu.
20/06/2015 16:25:06
Maravilha de conto, você é uma ninfeta gostosa. Parabéns
20/06/2015 15:59:22
Olha que interessante, alias muito parecida sua escrita com a minha e os seus contos, leia os meus, escrevi um recente sobre incesto, espero que goste.Se curtir me escreve para trocarmos ideias, bj
20/06/2015 15:15:55
Delicia!!!! E já esperando o próximo... Beijos

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.