Casa dos Contos Eróticos

Meu Padrasto (Parte - 20)

Autor: ∞ Alex ∞
Categoria: Homossexual
Data: 19/05/2015 22:12:35
Última revisão: 19/05/2015 22:30:03
Nota 9.96
Ler comentários (20) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Subimos...

Ele: Bate na porta e chame pelo nome dele para que ele saiba que é você! Tenho certeza que ele vai abrir!

Eu: Ok!

Ele: Doug?

Virei...

Ele: Convença-o de voltar para a minha casa, é o melhor para ele... Doug ele não tem para onde ir, fora a minha casa ele só pode ficar aqui e o irmão dele pode voltar a qualquer momento!

Eu: Deus me livre, eu vou falar com ele. O melhor que ele tem a fazer é ficar na sua casa, se o irmão dele o encontrar o mata!

Ele: Quero protege-lo, comigo ele estará ileso!

Eu fui até a porta, Fernando foi para seu AP.

Bati na porta...

Yago narrando.

Estava comendo quando batem na porta e quase engasgo. Continuaram batendo, quando ouço: Yago, abre aqui, é o Doug!

Corri até a porta, abri e o abracei...

Ele: Yago, como pôde sumir assim? Nos deixou com o coração na boca!

Baixei a cabeça. - Não podia continuar lá, o Fernando me engana, quer me usar, você estava certo!

Entramos e fechei a porta.

Ele: O que aconteceu?

Eu: Ele me disse estar apaixonado e me beijou!

Ele: Mas, porque você tem tanta certeza ser mentira Yago?

Eu: Como posso acreditar que Fernando pode estar apaixonado por mim? Eu, um garoto problemático? Doug, na minha vida só tem problema!

Ele: Você é maravilhoso Yago, sua vida não tem problema porque você escolhe assim!

Eu: Você me disse antes que o Fernando gosta de brincar com as pessoas e de repente ele me aparece se declarando? Como posso acreditar?

Ele: Yago, volta pra lá? Olha, ele vai te respeitar, se você não acredita ele não vai te forçar, ok? Você não pode continuar aqui, por favor!

Fer narrando.

Eu estava muito nervoso e preocupado! E se ele não estivesse no AP? Mas pela demora do Doug ele está sim!

Ele tem que aceitar voltar, meu Deus como um garoto como o Yago conseguiu me deixar completamente apaixonado como estou por ele? Só em pensar que ele pode se negar e que não vou mais ver seu rostinho todos os dias eu fico louco!

Meu Yago tem que voltar! Estava no AP quando Doug entra com a mala e Yago logo atrás, corri o abracei, tirei seus pés do chão e o girei...

Seus olhos lindo se encontraram com os meus, me deixavam bobo!

O coloquei no chão e fiquei alisando seu rostinho... - Não faz mais isso, você quase me mata Yago, se algo te acontecesse não sei como ficaria!

Doug nos olhava...

Foi até o quarto com a mala, a deixou lá e depois voltou.

Doug: Bem gente, acho que vocês tem muito a conversar, vou indo!

Eu: Doug, obrigado! Você não sabe o tamanho do favor que me fez!

Doug: Que é isso Fer, Yago é meu grande amigo, estava tão preocupado quanto você!

Ele deu um abraço no Yago, o levei até a porta, o abracei e ele se foi.

Yago narrando...

Fernando estava realmente estranho, parece até que havia mesmo se preocupado.

Andou até mim, pegou no meu rosto... - Yago, eu te amo, se houvesse te acontecido algo eu não me perdoaria nunca!

Ele estava chorando.

Continuou: O susto foi grande, deixa eu me acalmar um pouco, ver se você realmente está bem!

Ele passava suas mãos em meu rosto e o seu nariz no meu...

Eu afastei meu rosto do seu e o olhei nos olhos...

Eu: Porque esse desespero todo?

Ele: Tinha medo de algo te acontecer!

Eu: Você se preocupa tanto assim comigo?

Ele: Quantas vezes eu tenho que falar que estou apaixonado por você Yago? Me dá uma chance, quero cuidar de você, te dar carinho, te amar... - Me abraçou forte, cheirando meu pescoço. - Por favor, me dê a oportunidade de te amar.

Eu: Fer...

Ele me interrompeu. - Eu sei que minha reputação é ruim, fiz por merecer, eu realmente queria isso, brincava com todo mundo, mas você surgiu para mudar isso na minha vida. Olha, você pode estar achando que eu falo isso para todo mundo que trago aqui! Você acha mesmo que eu choro ou que eu fico nessas condições? Bastava dizer uma ou duas frases que todos caíam, você é diferente! - Ele pegou minha mão e colocou em seu peito esquerdo. - Veja como meu coração está, ele está disparado, estou nervoso, acredita em mim, por favor!

Ele me puxou e nos beijamos, não conseguia reagir ou falar nada, ele realmente me calou com tudo aquilo que disse, via em seus olhos verdade... Afinal o que ele poderia querer comigo para até mesmo chorar na minha frente e ficar nas condições em que estava? Tudo só para me usar? Acho que não!

Depois do beijo de me tirar o fôlego eu o olhei sorrindo, alisava seu rosto. - Acredito em você Fernando, vejo em seus olhos verdade, só por favor não me machuca, tá? Você promete? Não quero sofrer mais!

Ele: A partir de hoje sua vida será outra Yago, estou disposto a cuidar de você, te amar, te dar carinho, serei aquela pessoa que você procura desde a morte de seus pais! Eu prometo.

Eu: Obrigado Fer, obrigado mesmo. Mas porque isso tudo? Porque este amor todo por mim?

Ele: Não sei Yago, só sei que te amo, é o que eu sinto, quero te proteger, te quero todinho para mim!

O beijei de novo, ele me colocou em seu colo escanchado em sua cintura e me deitou devagar na cama, ficou por cima de mim, passava a mão no meu cabelo e olhava meus olhos, passava o dedão na minha boca.

Ele: Você é lindo!

Estalei os lábios e olhei para o outro lado.

Ele: O que foi isso?

Eu: Não sou lindo!

Ele: É sim Yago, você tem uma baixa estima muito grande, mas eu vou mudar isso em você, porque você me tem, me conquistou do jeitinho que você é.

O beijei novamente.

Longe dalí...

Doug narrando.

Cheguei em casa após ter ido falar com Yago, Rick veio falar comigo...

Ele: Onde você estava?

Eu: Fui ver o Yago!

Ele: Disse que queria falar mais cedo quando voltasse...

Eu: Sim, vamos para o meu quarto!

Entramos no quarto e eu fechei a porta.

Eu: Ricardo, minha mãe veio falar comigo e deu a entender que sabe de nós!

Ele: E daí?

Eu: Como e daí? Ela me ameaçou, disse que eu iria me arrepender se ficasse contigo!

Ele: Ela disse isso?

Eu: Sim, Rick eu não vou aguentar ficar aqui com ela.

Ele: Vai sim, vou falar com ela e tirar isso da cabeça dela!

Eu: Como ela sabe?

Ele: Sempre soube da minha bissexualidade, mas não sei como descobriu de nós!

Ele se aproximou de mim e me abraçou. - Não se preocupe, ok?

Saiu...

Foquei o resto do dia no meu quarto, quando de repente ele entra...

Ele: Conversei com ela, não se preocupe, ela não vai mais te incomodar!

Deitou na cama e nos beijamos...

Eu e ele namoramos, era difícil se controlar mas fizemos...

Ele: Vou adoecer, sabe o que é ter de se controlar? Estou louco para te ter de novo!

Eu: Eu também, mas temos que nos controlar!

Ele pegou minha mão e colocou no pênis por cima da calça jeans que usava, eu apertava e ele gemia, desabotoei e peguei, desci minha boca e beijei a cabeça, lambi da base a cabeça e abocanhei, tentava engolir tudo, mas era grande, ele pegava na minha cabeça por trás... Fiz até finalmente ele gozar na minha boca, entrou um bocado que eu engoli, o resto sujou sua barriga e minha mão. Fui pegar papel e o limpei e me limpei também.

Ele: Obrigado por me aliviar!

Eu: Fiz por mim também! Tinha vontade!

Ele passou um tempinho alí, conversamos e ele saiu...

Com um tempo minha mãe entra no meu quarto.

Eu: Como você entrou aqui? Tranquei de chave!

Ela: Tenho as cópias de todas as portas dessa casa!

Eu: O que você quer?

Ela: Você falou para Ricardo que eu te ameacei?

Eu: O que te importa?

Ela: Eu disse para não se meter comigo!

Eu: Estou morrendo de medo!

Ela: Ele disse que era mentira e vocês não tinham nada! Mas acha que vou acreditar?

Eu: Acredite no que quiser!

Ela se aproximou de mim e pegou no meu braço forte, suas unhas grandes penetravam minha pele. - Você não vai acabar com meu casamento perfeito, não vai ouviu?

Enquanto falava me sacudia. - Você sabe a quanto tempo esperei alguém como Rick? Sabe a quanto tempo me preparei? Finalmente consegui e você não vai me tirar ele! Fora isso tudo também o amo, você já viu como é perfeito? Não tem como não amá-lo, juntou o útil ao agradável, o amo e ele me dá tudo que eu quero porque é rico, tenho tudo, a vida perfeita e você não vai me tirar! Nem que eu te mate para isso, você sabe que sou capaz, inclusive se adivinhasse, nem teria te deixado nascer, você seria um aborto! Se afaste, sou perigosa, posso te fazer muito mal!

Tinha ódio em seus olhos, seu rosto tremia de raiva, fiquei com medo, minha mãe sempre foi fútil e nunca prestou mas machucar e matar alguém nunca imaginei que seria capaz e alí vendo seu rosto de psicopata tive a certeza que sim.

Após isso ela me empurrou, bati a cabeça forte no chão e apaguei.

Longe dalí...

Yago narrando.

Depois que me trouxe e se declarou da maneira mais doce para mim, tomei um banho e tirei um cochilo...

Tinha acabado de acordar e o vejo do meu lado.

Ele me olhava, começou a me beijar, foi esquentando, passava as mãos por meu corpo, ia descendo meu short...

Eu: Não Fer!

Saí debaixo dele.

Ele: O que foi?

Eu: Não posso, eu sinto muito, mas, não consigo!

••••••••••••••••••••••••••••••

Oi gente? Saudades, quem está postando aqui é Bellinha, Alex está doentinho, estou cuidando dele, a parte já estava escrita. Aproveitei para dar um oi a vocês, saudades...

Beijokas.

Comentários

11/04/2016 00:59:33
...
01/01/2016 23:00:21
Muito bom!!!
22/05/2015 22:46:49
Estou ansiosa
21/05/2015 00:45:16
Alex cara seu conto esta de mais, posta logo mais um cap por favor!!! bjos
20/05/2015 19:49:32
Perfeito e melhora logo Alex... S2
20/05/2015 14:12:20
Very good... Melhoras pra ele.
20/05/2015 11:05:30
Muito bom. Espero mesmo que o Fer faça o yago feliz, tadinho ele já sofreu demais. Agora essa mãe do doug, cruz credo medo dela. Melhoras pro Alex, e bella saudades!
20/05/2015 10:40:05
Melhoras Alex!! O conto continua maravilhoso.
20/05/2015 10:16:30
Melhoras Alex, e seu conto e perfeito!!!!!
20/05/2015 05:18:34
Iiiiiiih esse doug só se fode... Aquela mão rs
20/05/2015 01:25:45
como disse amo o contos de vc, mas sempre é a mesma base, um protagonista fragil e outro mais forte, o que deixa na cara o ativo e passivo entre outras coisas que eu ja tinha comentado em um outro conto de vc, mudem renovem façam coisas novas, tipo doi caras fortes versateis ou dois frageis versateis sei la, algo novo. digo isso pois lei todos os contos de vc e Alex desdo começo e amo mt, mas chega um hora que parece ate que vc ta lendo o msm conto com algumas coisas modificadas..
20/05/2015 00:03:12
tadinho.melhoras.amore!.beijinho.bella
19/05/2015 23:49:42
Melhoras Alex... :)
19/05/2015 23:32:28
Eita! História que está boa viu... já quero mais!
19/05/2015 23:13:40
Caramba que tenso, continua logo.
19/05/2015 23:11:43
Gente, que maluca surrada essa mãe do Doug!
19/05/2015 23:05:15
Bom demais. Que nada aconteça com o Doug. Essa mãe dele é uó.
19/05/2015 22:35:29
Uau isso naum e uma mãe e sim o Diabo vestido de mulher. Melhoras pro Alex
19/05/2015 22:30:17
Muito 10 como sempre e essa mãe do Doug podia sei lá morrer hahahaha Bella espero ansioso um novo conto seu, não demore a voltar. :)
19/05/2015 22:16:12
10

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.