Casa dos Contos Eróticos

Feed

Meu Padrasto (Parte - 11)

Autor: ∞ Alex ∞
Categoria: Homossexual
Data: 07/05/2015 15:16:47
Nota 10.00
Ler comentários (19) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Eu o segurei... - O que você tem?

Ele: As... Ma.

O peguei nos braços, ele puxava ar, desesperado, corri com ele até o elevador, parecia séculos até chegar no nosso andar, saí como um louco!

Fui até o AP dele e bati...

Um cara alto, loiro, musculoso atendeu...

Eu: Ele está passando mal, precisa da bombinha de asma!

O cara revirou os olhos, entrou e logo voltou com a bombinha, entregou a ele que ainda estava nos meus braços e ele usou uma, duas, três vezes...

Coloquei ele no chão... - Você está melhor?

Ele: Sim, obrigado!

O cara entrou...

Ele ia saindo, não entrou...

Eu: Para onde você vai?

Ele: Andar por aí!

Eu: Não vai entrar?

Ele: Não!

Eu: Mas você está mal...

Ele: Vai por mim, estou melhor fora do quê ai dentro!

Ele me deu as costas e ia saindo...

Droga, acabou minha noite! - Espera!

Ele virou novamente...

Eu: Pode passar a noite em meu AP se quiser!

De repente a morena que estava comigo sai do elevador... - Você me deixou só lá embaixo!

Ele revirou os olhos e ia saindo novamente...

Ela: Como ele está?

Eu: Bem. - Corri até ele. - Yago espera!

Olhei para a morena... - Não foi dessa vez, a gente se ver por aí!

Ela: Como?

Eu: Não me ouviu?

Ela saiu com ódio. - Seu filho da puta!

O elevador fechou e ela se foi.

Ele: Porque você fez isso?

Eu: Você acha que eu iria deixar você sozinho por ai? Vem!

Ele entrou comigo...

Cláudia havia saído.

Eu: Quem é aquele cara que estava em sua casa?

Ele: Meu irmão! - Falou cabisbaixo.

Eu: E seus pais?

Ele: Não quero falar sobre isso, tá legal?

Eu: Quantos anos você tem?

Ele: 17.

Eu: Já terminou o ensino médio?

Ele: Sim, que interrogatório é esse?

Eu: Desculpe!

Ele suspirou... - Você me ajudou, obrigado.

Eu: O que você quer fazer?

Ele: No momento tomar um banho! Passei o dia fora de casa...

Eu: Pode ir.

Ele: Obrigado!

Ele foi...

Não entendia o que acontecia com aquele garoto, tinha que descobrir, estava muito curioso!

Levei toalhas para ele e uma roupa minha...

Eu: Olha, trouxe toalhas e uma roupa minha para você.

Ele falou de dentro do box - Tudo bem!

Saí, fui preparar algo para ele comer, quando de repente ele me aparece com o cabelo molhado e usando apenas uma camisa minha cor azul bebê que havia ficado grande para ele, ele havia puxado as mangas para cima até os cotovelos...

Eu não parava de olha-lo, havia ficado um encanto nela!

Ele: Ficou grande, então não usei a calça.

Eu: Preparei um sanduíche para você com um copo de leite.

Ele: Obrigado!

Sentou no banco com os cotovelos no balcão, comeu o sanduíche e bebeu o leite calado...

Ele: Estou morto de sono!

Eu: Pode ir dormir!

Ele foi ao sofá...

Eu: Não, no meu quarto.

Ele: Olha, eu vou embora...

Eu: Não vou te violar tá? Só não quero que você durma no sofá depois de passar mal! Vem.

Ele foi até meu quarto e deitou na cama...

Com uns 5 minutos já estava dormindo...

A cama era enorme, mas peguei umas cobertas e fui para o sofá, não era de fazer isso com ninguém, mas resolvi ajuda-lo, respeita-lo.

A noite acordei louco para fazer o número um, quando levantei minhas costas estavam me matando!

Depois que saí do banheiro fui até a cama e deitei devagar...

Cochilei, acordei com ele tendo um susto e acordando de repente, depois começou a chorar...

Eu: O que foi?

Ele balançou a cabeça dizendo não...

Eu: Se você não me contar, não tem como te ajudar!

Ele: Não aguento mais, não confio em você, mas não tenho mais ninguém... Vou te falar tudo!

Longe dalí...

Doug narrando.

Estava dormindo, quando sinto alguém me agarrando, beijando minha nuca e descendo meu short...

Eu: Rick?

Ele: Te quero!

Eu: E você pensa que é só assim?

Ele: Por favor, estou louco, louco!

Eu: Só isso?

Ele: Sim, te quero!

Eu: Você não sente nada mais que atração física?

Ele: Estou confuso!

Eu: Depois que sua confusão acabar, me procura!

Ele: Não!

Me puxou e me jogou na cama. - Eu sei que você também me quer! Estou morrendo, sonho com você, penso dia e noite em você, no seu corpo, não consigo pensar em outra coisa, você está me deixando louco!

Ele deitou por cima de mim, me prendendo na cama, eu e ele estávamos de cueca, sentia a ereção dele na minha bunda, ele lambia meu pescoço, descia até meus mamilos e subia para minha boca novamente...

Abaixou minha cueca e a dele...

•••••••••••••••••••••••••••••

Então? Será que Doug se entregou? E qual o problema do Yago?

Comentários

10/04/2016 23:43:21
Vai ou não vai??
01/01/2016 21:48:41
Amando!
08/05/2015 00:19:09
Nossa cara que #TeamYago<3Fer
07/05/2015 21:26:37
07/05/2015 20:25:58
AAAAAAAAAAAAAH JESUS
07/05/2015 19:50:20
Cool. Coitado do Yago. ❤️
07/05/2015 19:19:32
Legal!!
07/05/2015 18:54:08
Tadinho do yago To adorando ele.
07/05/2015 18:44:14
Exatamente, será que o doug se entregou pro gostosão? O que será que o Yago tem? Estou curioso pra saber esses acontecimentos ;)
07/05/2015 18:14:00
Bom
M/A
07/05/2015 17:51:02
Muito bom.
07/05/2015 17:02:53
Menino continue logo pelo amôr de Deus... S2
07/05/2015 16:46:55
ansioso pelo próximo não sei o que tem com o yago com ele esta desse jeito deve ser muito grave mesmo
07/05/2015 16:46:28
Eu acho que o problema do yago e que ele sente culpa pela morte de seus pais!!!!! Eu amo seu conto
07/05/2015 16:13:34
Não faço ideia do que possa ser problema do Yago, mas parece bastante grave... :-?
07/05/2015 16:11:23
Bom demais. Ancioso pelo próximo capítulo.
07/05/2015 16:02:45
...
07/05/2015 15:40:16
Aposto que o irmão ro Yago o estupra ou prostitui ele
07/05/2015 15:26:00
NaMelhorParteVcTermina:(:(:(

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.