Casa dos Contos Eróticos

Minha filha sentou no meu colo de minissaia e sem calcinha... (Conto do TETE)

Autor: TETE
Categoria: Heterossexual
Data: 11/03/2014 01:11:50
Última revisão: 07/09/2016 08:46:59
Nota 9.61
Ler comentários (71) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Tudo que será narrado aqui em detalhes aconteceu de verdade.

Desde adolescente tudo que dizia respeito a sexo me interessava muito.

Qualquer cruzada de pernas das mulheres e até calcinha pendurada no varal me chamava à atenção.

Sendo assim eu vivia batendo punhetas varias vezes ao dia.

Como só tinha um banheiro em casa minha mãe vivia brigando comigo. RSS.

Apesar de todo tesão até meus 16 anos continuei virgem.

A única mulher que vi completamente nua foi minha irmã 2 anos mais velha que não se preocupava muito em fechar a porta do quarto para se trocar e então eu aproveitava pra olhar sua bucetinha peluda e seus seios grandes. Nem lembro quantas punhetas bati pensando no corpão dela.

Minha irmã era outra tarada, pois desde os 17 anos já tinha perdido o cabaço e vivia metendo com o namorado praticamente todo santo dia.

Foi então que o destino resolveu me presentear com uma surpresa maravilhosa.

Minha mãe era costureira e pediu que fosse entregar dois vestidos na casa de uma “freguesa”.

Como estava quase na hora de jogar futebol no campinho perto de casa tentei tirar o corpo fora e falei pra ela mandar minha irmã que não estava fazendo nada e então ela disse:

-Nada disso garoto...quem vai levar é vc! “Moça” de família não deve frequentar aquele lugar!

Não entendi nada e quando indaguei o porquê então fiquei sabendo que onde deveria entregar os vestidos era um “rendez-vous”.

Naquela época se denominava casa de prostituição com essa palavra de origem francesa.

Fiquei todo empolgado e até esqueci o futebol...peguei a sacola e fui levar os vestidos da “freguesa” da minha mãe que se chamava Maria das Graças e ao chegar no local e perguntar por ela a mulher que me atendeu no portão chamou alto dizendo:

-Gracinha...tem um garoto aqui te chamando...tem encomenda pra vc!

Quando aquela mulher chegou à porta e me viu deu um sorriso simpático e disse:

-Ola garotão...entra...vem comigo até meu quarto...vou conferir e pegar o dinheiro pra te pagar!

Gracinha era uma linda mulher de 29 anos, morena de cabelos longos cacheados e tinha um corpo espetacular...com uma bunda empinada que rebolava de um jeito que já me deixou todo assanhado com seu vestido de tecido fino com uma leve transparência!

O quarto dela era o ultimo de um longo corredor e assim que entramos ela toda sorridente disse:

-como o garotão se chama?

Logicamente que fiquei meio sem jeito naquele lugar mas dei um sorriso tímido e disse:

-meu nome é Marcio...moça!

-hum...gostei do “moça” meu querido...faz tempos que ninguém me chama assim!

Eu sorri e ela então disse:

-bem...preciso experimentar os vestidos pra ver se ficou certinho...acho que o garotão não se importa de esperar um pouquinho né?

-Claro que não...moça...minha mãe disse mesmo que era pra esperar a Sra ver se tava tudo certinho e pegar o dinheiro!

-então...vamos fazer assim...senta ali naquele baú...que vou passar uma água no corpo...to toda suada! E então depois vou provar os vestidos...é rapidinho!

-tudo bem...moça...não se preocupe...eu espero!

Gracinha sorrindo pegou uma toalha e entrou no banheiro e fiquei admirando o lugar. O quarto apesar de pequeno era cheiroso e aconchegante com uma cama grande. Percebi que a porta do banheiro não foi fechada e logo escutei a voz doce dela puxando conversa comigo.

Fiquei imaginando o corpo nu daquela mulher maravilhosa tomando banho bem pertinho de mim e meu pau ficou duro na hora. No short que estava usando havia uma espécie de sunga por baixo mas como era meio velho não segurava nada e já estufou na frente.

Ela saiu do banheiro enrolada numa toalha branca com metade de suas coxas a mostra e foi então que se sentou em frente da penteadeira e enquanto penteava seus lindos cabelos cacheados voltou a conversar comigo e perguntando varias coisas tipo: qual minha idade, se estudava e também se eu já tinha uma namoradinha.

Logicamente dei uma gaguejada meia sem graça e sem pensar muito respondi a tudo que ela perguntara e completei dizendo que ainda não tinha tido nenhuma namorada e então ela me olhou nos olhos e com um sorriso safado disse:

-quer dizer...que o garotão... é completamente virgem? Vai me dizer que nunca nem beijou uma garota?

Apesar de todo sem graça resolvi ser bem sincero e então disse:

-não...ainda não...moça...morro de vontade...mas...ainda não!

Ela então sorriu e disse:

-é já ta na idade...vc já é quase um homem feito! Mas...vamos parar um pouco com a conversa...que preciso experimentar os vestidos! Mas...o garotão...vai ter que prometer que vai fechar os olhos quando eu tirar a toalha...vc faz isso...meu querido...ou quer esperar la fora?

Todo excitado com aquela situação balbuciei um monte de palavras quase sem nexo mas logicamente concordei dizendo que não iria olhá-la de jeito nenhum!

Até virei de lado, mas como o quarto tinha espelhos na porta do guarda roupa e também na penteadeira com certeza eu não iria cumprir minha palavra.

Quando percebi que Gracinha tirou a toalha ficando completamente nua não resisti e pelo espelho da penteadeira pude ver sua bucetinha linda com os pelinhos bem aparados. Os bicos dos seios estavam bem durinhos. Meu pau saltitava dentro do short e logicamente que ela sabia tudo que estava acontecendo e então depois de se mostrar por completo colocou um dos vestidos e sorrindo disse:

-pode parar de fingir que ta de olhos fechados...garotão safado...e olha pra mim...gostou do vestido?

Todo excitado e sorri dizendo:

-nossa...ficou lindo...seu corpo...é muito bonito! Você é uma moça...muito linda!

Ela então toda safada disse:

-To vendo que apesar de inexperiente o garotão sabe elogiar uma mulher...gostei de vc! E então só por causa disso...não precisa mais virar de lado e fechar os olhos...vou deixar vc me ver peladinha...sei que vc tá gostando...muito! RSS. Vou colocar o outro vestido!

Ela tirou o primeiro vestido bem diante dos meus olhos e sorrindo bem safada colocou o outro e perguntou qual dos dois eu tinha gostado mais e então disse que os dois haviam ficado lindos e ela então toda safada disse:

-é...ficaram ótimos...mas acho que vc prefere que eu fique sem nada...né seu safadinho...tem uma coisa bem dura ai estufando esse short que também tá gostando muito...ta adorando me ver peladinha né?

Eu balancei a cabeça concordando rapidamente e ela então disse:

-tira o short garotão...quero te ver pelado também...quero ver o tamanho...parece que é bem grandinho!

Em milésimos de segundos meu short estava no chão e então ela sorrindo disse:

-hum...que pau bonito tem o garotão...tem um bom tamanho...e com certeza...vai crescer mais ainda!

Gracinha então sorrindo me pegou pela mão e disse:

-vem meu querido...vou te dar um banho...depois nos vamos brincar de namorar...um pouco...tenho certeza que vai ser muito gostoso!

Assim que ela ligou o chuveiro e começou a ensaboar meu corpo e tocou no meu pau gozei na hora e ela toda safada sorriu dizendo:

-nossa...to vendo que meu garotão ta precisando namorar mesmo...ja gozou só de relar no pau...seu taradinho...quero esse pau duro de novo...rapidinho...seu safado!

Meu pau quase nem amoleceu...e depois do banho voltamos para o quarto e me colocando deitado de costas na beira da cama se ajoelhou entre minhas pernas e colocando meu pau entre seus lábios começou a me chupar. Gemi alto sentindo pela primeira vez uma boca na minha pica e ela sentindo que eu ia gozar novamente tirou ele da boca e sorrindo bem safada disse:

-calma...meu garotão...não é pra gozar rápido de novo...quero brincar bastante com vc...vamos devagar que vai ser muito gostoso...vou te ensinar tudo...que vc precisa saber...seu taradinho safado!

Gracinha rapidamente mostrou do que gostava e se sentando na beira da cama com as pernas abertas me fez lamber e chupar seu grelinho duro. A safada adorava sexo oral e eu também passei a adorar o gosto e a textura da pele da buceta entre meus lábios e viciei em afundar minha cara na bucetinha dela.

Gozar na boca dela era um prazer indescritível e ela sabia como mamar numa rola. Ela mandava foder a boca dela com força socando fundo na sua garganta profunda.

Sua bucetinha apesar de transar muitas vezes todos os dia com os “clientes” que frequentavam o lugar era apertadinha e muito quente parecendo que ia derreter meu pau.

Percebi que depois que me ensinou como gostava de ser comida eu a fazia gozar gostoso.

Ela era uma tarada insaciável pois mesmo depois de ter transado com 6 ou mais homens durante o dia quando eu metia meu pau na sua bucetinha ela ficava molhadinha rapidinho.

Outra coisa que aprendi frequentando aquele lugar é que não me importava que ela desse a buceta pra outros machos. O “trabalho” dela, era assim que ela chamava se prostituir, pra mim era completamente normal. Algumas vezes a vi pela janela do quarto entreaberta algum macho socando o pau na bucetinha apertada da safada e percebi que ficava de pau duro olhando-a rebolando na rola de outro homem.

Durante mais de ano quase todo dia eu visitava Gracinha mesmo quando não transávamos.

Mas foi então que ela teve que ir embora daquele lugar por causa de sua mãe ter ficado muito doente.

Até chorei quando me despedi de Gracinha e ela sorrindo me disse que também ia sentir bastante saudades, mas que logo eu iria arrumar uma garota e ser feliz, pois eu tinha me tornado um homem que sabia como agradar uma mulher de verdade.

E isso não demorou a acontecer.

Em uma aniversário encontrei Gilda uma garota branca de cabelos quase loiros, 1.60m, seios médios, bunda arrebitada e coxas grossas.

Eu iria completar 18 anos dali a dois meses e ela tinha 17.

Gilda era virgem mas cheia de tesão e com minha experiência adquirida com Gracinha rapidinho tirei todos os cabacinhos da minha namoradinha.

Só que Gracinha não me ensinou que devia dar pílulas anticoncepcionais para as garotas e Gilda logo engravidou e tive que me casar.

Quando completei 19 anos no mês seguinte nasceu minha filha.

Paula foi o nome que demos a ela. Uma linda menina de pele branquinha e cabelos negros lisos.

Gilda antes de nos casarmos era uma garota que gostava de sair, ir para os bailes e me acompanhava nas minhas loucuras sexuais. Depois de um tempo de casada mudou por completo. Eu lhe comprava varias roupas bem sexy e ela dizia que eram roupas de puta que não ia usar aquilo.

Depois de 2 anos de casado me separei dela.

Perdi a paciência com tanta frescura...antes de casar era uma putinha bem safada...depois quis virar santa.

Minha filha ficou morando com ela em uma casa perto dos meus pais.

Nosso divorcio foi bem tumultuado pois ela não queria se separar de jeito nenhum e depois disso quase nem conversava mais comigo. Só voltamos a trocar algumas palavras quando minha filha aos 10 anos sofreu um acidente de carro e sofreu alguns cortes, mas apesar da preocupação não acontecera nada muito sério, havia sido mais um susto mesmo.

Depois que me separei fiquei solteiro uns 2 anos e durante esse tempo quase afinei a pica de tanta bucetinha que comi. Mulher se tornou uma obsessão maravilhosa.

Eu era vendedor e viajava de carro na região e então dei carona pra uma loirinha no trevo de acesso de uma cidade e tive a sorte de conhecer outra puta chamada Sonia.

Sonia era um putinha de 24 anos tarada demais e gostava de aventuras muito loucas e junto com ela fizemos muitas orgias onde rolava de tudo. Com ela fiquei PHD em sacanagem.

Foi então que com 24 anos conheci Julia uma mulher muito linda de corpo perfeito que me deixou todo apaixonado. Ela era loira de 1.65 m. tinha 26 anos e além de bonita era bem safadinha do jeito que eu gostava.

Julia tinha uma pequena empresa distribuidora de cosméticos junto com a irmã e também vivia viajando pela região visitando as perfumarias e salões de beleza com seus produtos.

Depois de um breve namoro fomos morar juntos e praticamente todo fim de semana saiamos para os bailes e barzinhos pra dançar e curtir. Não demorou pra que em nossa cidade e nas cidades vizinhos começassem a abrir varias boates e logicamente eu Julia começamos a frequentar.

Quando eu e Julia íamos para esses lugares ela se vestia bem sexy e super provocante. Vestidos extremamente curtos e colados ao corpo e com sandálias de salto alto que realçava sua bunda bem empinada. Ela adorava se mostrar toda gostosa e eu também ficava todo excitado em saber que minha esposa deixava os caras tarados e as mulheres com inveja.

Julia era uma loira com corpo de mulata e era quase impossível ela com aquelas roupas sexy não chamar a atenção de qualquer macho!

No começo de nosso relacionamento apesar de tentar manter uma pose de mulher direita minha esposa não demorou pra contar que quando morou 2 anos na capital de SP no AP de uma prima que fazia faculdade tinha aprontado muito por la. Quando percebeu que podia confiar em mim por eu ser bem liberal acabou confessando que toda semana saia com machos diferentes nas baladas principalmente quando bebia um pouquinho a mais e ficava mais tarada do que já era.

Logo passei a incentivar minha esposa a ser mais safada ainda e quando fomos passar uma semana na praia durante as férias ao lado do nosso chalé tinha um casal quase da mesma idade nossa e acabamos fazendo amizade e fomos fazer alguns passeios juntos. Durante nossas conversas percebi que o casal era bem liberal também e então durante a noite depois de alguns copos de bebida em nosso chalé começamos a transar. Não demorou pra trocarmos de parceiros e fizemos nosso primeiro de muitos Swing. Julia também mostrou que adorava transar com mulheres e sempre que pintava alguma nova amiga a gente tinha companhia em nossa cama.

Sempre insinuava que quando quisesse transar com dois machos eu toparia sem problemas mas ela frisava que gostava do jeito que fazíamos...troca de casais ou então duas mulheres junto com a gente!

Tudo corria as mil maravilhas e com o tempo deixei de ser vendedor e montei uma loja de roupas.

Já estava com 32 anos e minha filha então com 13 anos começou a me procurar pra conversar com mais frequência. Acho que por influencia da mãe que mesmo depois de ter se casado novamente ainda falava mal de mim dizendo que eu não prestava, puteiro, safado e outros “elogios”!

Na verdade ela ainda curtia uma dor de cotovelo porque depois de uns 4 anos que havíamos nos separados ficou sabendo que eu tinha comido minha cunhada, sua irmã mais nova que era muito safada.

Minha filha então passou a me visitar constantemente na minha loja e como meu escritório era bem grande e possuía TV, vídeo cassete, geladeira e poltronas confortáveis ela na parte da tarde ia pra la e pegava um refrigerante e ficava assistindo filmes durante o tempo que ficava ali.

Comecei a perceber que os hormônios da minha filha estavam provocando um rebuliço em seu corpinho. Os seios já despontavam rapidamente, suas coxas engrossaram e sua bunda cresceu empinando de vez. Junto com isso tudo suas atitudes também deixavam de lado a completa inocência e um sorrisinho malicioso já se mostrava principalmente quando conversava com os garotos que a viviam rodeando.

Logicamente que como toda garota que vira mocinha queria estar sempre na moda, se vestir como as garotas que apareciam na TV e passei a lhe dar todas as roupas que queria.

Afinal ela era minha única filha e como dono de loja eu pagava baratinho pelas roupas.

O único problema nisso tudo é que Paula minha filha já demonstrava que seria uma garota daquelas que gostavam de se mostrar e chamar a atenção, pois já escolhia minissaias curtíssimas e shorts colados ao corpo junto com blusinhas também justíssimas que mostravam acintosamente os biquinhos de seus seios em fase de crescimento.

Por varias vezes a mãe dela ligava pra mim reclamando que não era pra dar roupas daquele tipo pra garota. Eu concordava no telefone mas quando minha filha com aquela carinha linda cheia de dengo me pedia alguma minissaia bem curtinha eu acabava dando. Só que depois de algum tempo minha filha também ficou mais esperta e as roupinhas mais curtinhas que a mãe não gostava que ela usasse a malandrinha deixava na casa da avó (minha mãe)! RSS.

O tempo ia passando e percebi que minha filhinha ia se transformando numa garota bem safada e cheia de namoradinhos e então quando completou 16 chamei-a pra conversar serio porque a mãe junto com a avó (minha mãe) em vez de tentar orientá-la só ficava tentando reprimi-la.

Antes que a futura putinha engravidasse expliquei-lhe em detalhes como devia proceder e até disse que quando resolvesse perder a virgindade com algum garoto eu a levaria ao medico pra que fosse receitado anticoncepcionais. Falei que poderia contar comigo pra tudo pois jamais iria ficar pegando no pé dela, só não gostaria que escondesse nada de mim porque não havia motivo pra isso.

Foi incrível mas depois dessa nossa conversa nossa amizade ficou ainda mais estreita e não demorou quase nada pra que ela começasse a contar seus segredinhos com os namoradinhos. Logicamente que sempre incentivava que contasse as coisas pra mim. E ela então dizia que adorava beijar e sentir o pau duro dos garotos se esfregando tanto na bucetinha quanto na bundinha arrebitada mesmo por cima da roupa. Confidenciava sorrindo bem safada que ficava toda molhadinha quando isso acontecia!

Logicamente que aquela conversinha cheia de safadezas acabava me deixando excitado imaginando o tesão que minha filhinha safada sentia e quando eu chegava em casa à noite socava a rola na minha esposa gostosa.

Minha filha apesar de muito namoradeira era muito estudiosa e tinha ótimas notas na escola.

No dia do meu aniversário de 36 anos durante a festa ela me chamou num canto e com um sorrisinho safado que eu já conhecia perfeitamente disse que no outro dia iria passar à tarde na loja e queria que eu a levasse ao medico. Ela iria completar 17 anos no mês seguinte e falou que não aguentava mais ficar só se esfregando nos garotos e que ia acabar perdendo o cabacinho.

Ela estava namorando um garoto um ano mais velho que ela já fazia uns 3 meses e com certeza aquele seria o felizardo pra tirar o cabacinho dela.

E então fiz o que deveria ser feito e ela passou a tomar anticoncepcionais regularmente, logicamente sem que a mãe soubesse.

Algumas semanas após completar 17 anos ela apareceu toda sorridente no meu escritório e me contou que não era mais virgem. E quando perguntei como tinha sido ela com uma naturalidade incrível me disse que tinha sido maravilhoso...quase nem sentiu dor...saiu um pouco de sangue, mas nada que a deixasse assustada. Todo curioso quis saber como tinha sido e ela me contou em detalhes.

Foi incrível escutar minha linda filha dizer que tinha sido uma delicia sentir o pinto do namorado todinho enterrado na bucetinha e que tinha gozado muito.

Paula demonstrou ser uma ninfomaníaca com uma rapidez inacreditável.

Depois de alguns meses que perdeu o cabaço ela terminou o namoro com o rapaz e logo começou a trocar de namorados como quem trocava de roupa. Minha filha era uma putinha tarada e bem safada.

Quando perguntei o porquê de ficar trocando de namorados sorrindo disse que não sabia explicar muito bem mas que adorava deixar vários rapazes com tesão por ela.

Da mesma forma que a safada vivia trocando de machinhos e se mostrava um putinha insaciável percebi que quando ficava no meu escritório assistindo filmes a safada com suas minissaias e blusinhas decotadas nem se preocupava em fechar as pernas mostrando sua bucetinha cheinha estufando a calcinha. E quando ia pegar alguma coisa no chão ela se inclinava e sua bunda arrebitada se mostrava por inteira com as calcinhas enfiadinhas no meio do rabo.

Por diversas vezes me peguei observando a safadinha se portando como uma putinha totalmente sem pudor e muitas vezes meu pau ficava duro como aço, mas me controlava e ficava na minha.

Durante um ano minha filha deixou a mãe quase louca com suas constantes trocas de namorados e toda semana tinha que escutar reclamações dela sobre a garota.

Quando minha filha vinha pra loja eu dizia pra tentar não estressar a mãe mas ela sorrindo dizia:

-pai...nem adianta prometer que vou fazer isso...acho que tenho alguma coisa que fica fazendo cócegas no meio das pernas...não posso ver um rapaz interessante que quero dar...nossa pai...eu sou muito tarada...não consigo me controlar...de jeito nenhum! Minhas amigas dizem que sou uma vadiazinha!

Eu sorria e via que não tinha jeito mesmo e dizia:

-acho que isso aconteceu pra pagar minha língua...eu sempre vivi atrás de putas...agora tem uma aqui...e por acaso é minha filha linda.

Ela toda safada me abraçava e beijava e dizia que me amava...que eu era o melhor pai do mundo e saia rebolando aquele rabo maravilhoso.

Minha esposa atual era outra que vivia criticando minha linda filhinha dizendo que ela era “biscate” demais e que se tornara uma vadia por que eu acoitava as safadezas dela. Por diversas vezes ela disse que minha filha era tão puta que se bobeasse era perigoso querer dar pra mim.

Eu ficava bravo com essas insinuações maldosas de minha esposa, mas no fundo acho que ela percebia que tinha algo de sedução disfarçada entre minha filha e eu.

Na verdade também percebi que minha filha com quase 19 anos se tornou cada vez mais linda e sensual.

Certamente sua safadeza se tornara mais ousada e quase sem pudor.

Ela estava fazendo cursinho para o vestibular e passou a estudar com mais afinco e diminuiu um pouco suas visitas no escritório da minha loja. Porem quando ela aparecia com seus vestidinhos curtos colados ao corpo e de salto alto chamava a atenção de qualquer macho. Se antes ela me abraçava e dava alguns beijinhos no meu rosto...ela passou a entrar atrás da escrivaninha e toda safada sentava no meu colo e ficava ali toda agarrada no meu pescoço se esfregando acintosamente.

Como eu sempre usava bermudas de brim bem fino dava pra sentir sua bucetinha quente encostada bem em cima da minha rola e como sempre não conseguia controlar meu tesão e o pau ficava duro como aço. Ela sentia isso e toda safada sorria e dizia:

-nossa papai...como vc é tarado...dá pra sentir sua rola dura...cutucando meu bumbum e minha bucetinha!

Ela sempre falava isso com um sorrisinho de vadia sedutora e eu respondia:

-Paula minha filha...vc é um putinha muito safada...vc sabe que eu sou tarado...minha rola com qualquer esfregadinha fica dura...vc fica rebolando esse rabo gostoso em cima dela...minha rola é cega...não sabe que é a bunda da minha filha que tá esfregando nela...ele pensa que é de uma piranha tarada e vadia!

Ela deu uma gargalhada e sorrindo bem safada disse:

-pai...nunca ninguém me chamou de piranha...vc pensa isso da sua linda filhinha?

-Paula...vc é muito piranha...acho que sua bucetinha não consegue ficar 3 dias sem levar rola...sua putinha! Vc é uma devoradora de machos!

-nossa papai...não espalha não...mas acho que não consigo ficar mais que 2 dias sem dar!

Caímos na risada e depois de me beijar ela se levantou do meu colo e foi embora me deixando literalmente com o pau na mão!

No sábado seguinte após fechar a loja fiquei no escritório conferindo o movimento da semana enquanto esperava a nova empregada encarregada da limpeza terminar o serviço. Minha esposa tinha ido viajar pra visitar a mãe que esta adoentada já fazia dois dias e meu tesão estava a mil. Passei o dia pensando em buceta e como notei que a nova funcionária da limpeza era muito gostosa e apesar de casada percebi que quando me olhava dava um sorrisinho maroto imaginei que poderia tentar ver se rolava alguma coisa depois do expediente.

Sueli não era muito bonita de rosto mas tinha um corpo bem voluptuoso e quando vi que ela iria começar a limpar o escritório aproveitei coloquei um filme pornô pra rodar no vídeo cassete.

Quando ela entrou dei um sorriso bem safado e disse:

-opa...pensei que ia demorar um pouco mais pra limpar a loja...to vendo que vc é rápida no serviço...pode começar a limpar aqui...quer que eu desligue a TV?

Ela deu um sorrisinho e disse:

-pode deixar...patrão...não tem problema...só que não sei se vou conseguir fazer direito o serviço!

Ela começou a tirar o pó das coisas e a todo instante dava uma olhada no filme e sorria pra mim.

Quando ela veio perto da escrivaninha onde eu estava todo safado abaixei a bermuda e meu pau duro como aço se mostrou por inteiro e todo tarado disse:

-Acho que vc vai gostar mais de fazer esse tipo de serviço Sueli...vem aqui...chupar meu pau gostosa!

Ela tentou dar uma valorizada dizendo:

-nossa patrão...como o Sr. é tarado...mostrando esse pintão duro pra mim!

Todo tarado peguei-a pela mão e como já sabia como tratar putinhas daquele tipo disse:

-deixa de frescura Sueli...sei que vc tá querendo dar pra mim...vem logo...mamar na minha rola...sua puta safada! Vc tem cara que adora botar chifres no marido!

Em segundos a vadia ficou de joelhos entre minhas coxas e começou a engolir meu pau com vontade.

Eu segurava sua nuca e socava fundo na garganta da puta que sabia como chupar uma pica.

Foi então que tomei um susto danado quando a porta do escritório se abriu e minha filha enfiou o rosto pra dentro e quando viu aquela cena voltou a fechar a porta e disse alto:

-papai...acho que vou ter que esperar aqui fora...tá?

Minha empregada toda nervosa em ser surpreendia daquela forma...com meu pau na boca...se levantou assustada e saiu pela porta do escritório sem nem dar tchau. Rss.

Guardei o pau todo babado dentro da bermuda e logo em seguida minha filha entrou e sorrindo disse:

-papai...então vc depois do expediente faz as empregadas chuparem seu pauzão é...seu tarado!

Eu sorri e disse:

-sua piranha safada...isso é hora de vc aparecer...sua maluca...como entrou aqui...as portas da loja estão fechadas!

-sim...só que vi que seu carro ta estacionado na garagem do lado e como o portão do corredor não estava com cadeado sabia que vc estava aqui e resolvi entrar. Desculpe atrapalhar a gulosa do meu papai safado!

-Paula...sua safada...eu devia te colocar de 4 em cima da escrivaninha...tirar a cinta e encher sua bunda de cintadas pra deixar de atrapalhar minha foda. Vc quase matou a mulher de susto!

-nossa papai...vc teria coragem de espancar sua linda filha...seu maldoso...minha bunda é tão branquinha...ia ficar cheia de manchas roxas!

Ela então veio até minha poltrona e me agarrando me encheu de beijos e toda safada disse:

-pode deixar papai...prometo que não vou mais atrapalhar vc comer suas empregadas putinhas...da próxima vez...ligo avisando que to chegando.

-é bom mesmo...senão vou adorar deixar sua bunda cheia de manchas roxas...alias se tivesse te batido de cinta quando era novinha quem sabe não teria se transformado nessa piranha tarada e safada!

Em cima da escrivaninha tinha um catalogo de biquínis famosos dos novos lançamentos e minha filha toda curiosa se debruçou pra olhar as fotos e pelo espelho grande que havia ao lado percebi que metade de sua bunda estava a mostra. Até parecia estar sem calcinha e então falei:

-pelo jeito vc ta cada vez mais putinha hein...to vendo pelo espelho que parece que nem colocou calcinha...essa saia é tão curta que tenho certeza que em todo lugar que esteve antes de vir aqui viram parte de sua bunda. Ta parecendo aquelas putinhas que ficam nas esquinas fazendo ponto!

Paula toda safada levantou toda a saia e mostrou uma calcinha daquelas que só tinham um fio na parte traseira e como sua bucetinha era bem cheinha estava enterrada na rachinha e ela então disse:

-apesar de bem pequena...to de calcinha sim...tá vendo? RSS. Ganhei de uma amiga do cursinho que foi no Rio de Janeiro...adorei...usar...a única coisa é que fica pegando no grelinho quando sento...e fica me deixando com mais tesão ainda!

-Paula minha filha...como vc é putinha...usando esse tipo de roupa e com suas atitudes de garota de programa...vai acabar sendo estuprada qualquer dia...escuta que to dizendo...sua maluca!

-papai se eu for estuprada por homem bem gostoso e com um pauzão bem grosso...acho que vou adorar...agora vc fica dizendo que pareço garota de programa...acho que se fosse...eu ia conseguir um monte de clientes...gostosa...linda e tarada...ia ter uma fila de machos atrás da sua filhinha...vc não acha? Acho que sou mais bonita e gostosa que as mulheres que estão ai nesse filme pornô!

Ela deu uma gargalhada e dando uma rodada na minha frente se mostrou quase por inteira e então falei:

-é...to vendo que nem adianta ficar gastando palavras com vc sua safada...mas numa coisa vc tem razão...ia ter um bando de tarados atrás de vc...principalmente com esse rabo enorme empinado!

-é...os homens ficam loucos quando veem minha bunda...principalmente quando rebolo! Mas se eu fosse garota de programa...eu ia cobrar caro...sou uma putinha completa...faço tudo bem gostoso!

-que filha mais vadia que tenho meu Deus...o pior é que sou obrigado a concordar com a maluca...com certeza qualquer um pagaria muito bem pra transar com vc! Vc é linda e maravilhosa!

-humm...agora sim...gostei do elogio papai! Acho que vou te encher de beijos e sentar no colinho do papai só pra te deixar feliz...vc quer?

Meu pau estava tão duro que chegava até a doer e sorrindo bem safado disse:

-se minha garota de programa não resolver cobrar de mim...claro que quero!

Paula então deu um sorriso e olhando pra TV disse:

-vou fazer xixi antes papai...quero assistir essa parte do filme...quero ver esse negão que apareceu agora...metendo na loirinha...que pauzão enorme que ele tem...da uma pausa no filme!

Quando voltou Paula já veio direto na minha poltrona e toda safada se sentou no meu colo de costas. A piranha sabia o poder do seu rabo empinado e fiquei olhando aquela bunda descer bem devagar e se encaixar perfeitamente no meu colo. Meu pau duro como aço até parecia querer furar o tecido fino da bermuda. Ela pegou o controle remoto e colocou o filme pra rodar novamente.

Segurei-a firme pelos quadris e a conversa não demorou pra ser repleta de sacanagem.

-nossa pai...que pau grosso tem esse negão hein...isso deve entrar rasgando!

-é...com certeza...mas também tenho certeza que minha filha do jeito que gosta de macho...ia adorar ter igual aquele...inteirinho na bucetinha!

-aiii pai...até doeu um pouquinho só de pensar...olha como o pauzão do negão faz com as beiradinhas da buceta da loirinha...nossa! E o negão soca nela com vontade...hummm!!!

Minha filha já se mexia toda empolgada no meu colo e eu resolvi aproveitar e passei a deslizar minhas mãos pelas suas coxas e quando chegavam às nádegas dava uns apertões de leve. Minha rola estava inquieta e então todo safado disse:

-Paula...minha filha...veja se não mexe demais esse rabo tá...não esqueça que vc atrapalhou minha foda eu não gozei! Se mexer muito....posso não conseguir me segurar...sua safadinha!

-papai...relaxa...não se preocupe...tá tudo bem...ninguém tá vendo mesmo...deixa de ser bobo...deixar de mexer no seu colo eu não posso prometer...quando fui fazer xixi...até tirei minha calcinha!

-sua safada doida...to vendo que tá adorando ver a pica negra entrando na bucetinha da loirinha...to achando que vc tá precisando de uma pica...quem sabe acalma essa bucetinha tesuda!

-papai...acalmar acho que não vai acalmar...o perigoso é incendiar de vez...se eu topasse com uma dessas pela frente...ia dar bem gostoso...ah se ia! Só de ver no filme já to toda ensopada...até parece que fiz xixi e não enxuguei! Ainda mais com o pauzão duro do papai cutucando minha bucetinha...pra me deixar...mais taradinha...hum que delicia assistir filme pornô...no colo do papai sem calcinha!

Minha filhinha era uma putinha que estava me levando à loucura e decidi entrar de cabeça no seu jogo e fazer a coisa acontecer de vez e disse:

-Paula...levanta só um pouquinho putinha...acho que minha garota piranha vai preferir desse jeito!

Bem safada ela levantou a bunda quase na minha cara e pude ver sua bucetinha toda úmida e taradão tirei o pau pra fora da bermuda e disse:

-pronto...pode sentar de novo...minha piranha safada...encaixa esse rabo bem gostoso!

Quando minha filha sentiu meu pau deslizar todo babado pela sua bucetinha pegando fogo deu uma rebolada bem safada e disse:

-nossa...que delicia assistir filme assim...hummm...acho...que papai vai me fazer feliz de vez...eu quero ele dentro da minha bucetinha...todinho!

Paula deu um gemido de putinha tesuda deu uma levantadinha enfiou a mão entre as pernas pegou meu pau e encaixou na entrada de sua bucetinha totalmente meladinha e soltou o corpo e engolindo tudo. A putinha sussurrou dizendo:

-me come papai...sou louca pra dar pra vc...mete na filha piranha...me come todinha...do jeito que vc quiser...vou te fazer gozar mais gostoso que aquela empregadinha que tava chupando seu pauzão...ahhh!

Todo tarado levantei a putinha e fiz a safada se deitar de bruços em cima da escrivaninha e cheio de tesão comecei a meter na vadia sussurrando:

-Rebola puta...mostra que vc é uma vadia gostosa...ahhh...que buceta quente que minha filha puta tem...ahhh...da gostoso sua cadelinha!

Paula toda safada se mostrou completamente sem pudor e com a voz toda cheia de tesão disse:

-ahhh...que pau gostoso papai...vou rebolar bem gostoso...ahhh...alisa meu corpo todinho!...soca na minha bucetinha...que vou fazer vc gozar gostoso...me fode...ahh...eu morria de vontade de dar pra vc...come sua filhinha piranha...ahhh!

Ouvir aquelas palavras sussurradas cheias de tesão da minha filha deliciosa me deixou completamente tarado e meti com força socando até o talo na buceta da putinha safada. Não consegui me controlar e logo gemi e comecei a gozar dentro da sua bucetinha e quando a tarada sentiu minha porra fervente inundando sua bucetinha...deu um gemido alto sussurrando:

-ahhh papai...que porra quentinha...delicia...vou gozar...mete...ahhh...enche minha buceta de porra...que pauzão gostoso...vou...vou... ahhh... to...gozando...ahhh...deliciaaaa!

Gozamos juntos gemendo alto de prazer, ainda bem que não tinha vizinhos pra escutar.

Devagar puxei seu corpo e voltei a sentar na poltrona com ela no colo com meu pau atolado dentro deu sua bucetinha quente.

Paula toda safada rebolava bem devagar e então disse:

-nossa papai...vc me deu um banho de porra...vc goza de montão...foi uma delicia brincar assim...vou querer de novo sentir vc enchendo minha bucetinha de porra quentinha...ah se vou!

Fiquei ali sentado com o coração saindo pela boca depois daquela loucura toda que aconteceu!

Com certeza eu iria continuar comendo a bucetinha tesuda da minha filha putinha tarada.

Seria praticamente impossível resistir aos encantos e ao tesão que aquela vadia me fazia sentir.

Muitas loucuras aconteceriam depois da nossa primeira vez, mas isso vai ficar para os próximos relatos!

Outros contos do TETE acessem meu perfil: http://www.casadoscontos.com.br/perfil/150463

Se quiserem entrar em contato:

skype: tete-cp1

e-mail: tete-cp1@r7.com

ssssssssssssss54a

Comentários

28/08/2017 21:40:52
Muito bom
03/04/2017 10:29:02
Muito bom! Fiquei de pau duro lendo o relato. Eu tenho uma enteada de 21 aninhos muito gostosa e safada, vive se mostrando pra mim em casa, mas não me deixa tocar nela, só posso olhar. Mandei o link desse conto pra ela, quem sabe ela fica louquinha de vez. Que tesão!!
31/01/2017 22:56:03
Tete vc e a melhor
24/10/2016 01:05:05
.
10/07/2016 23:19:27
bom conto
01/07/2016 09:52:44
Nossa, minha bucetinha apertadinha agora ficou louca de vontade de sentar numa rola bem dura....adorei o conto.
09/03/2016 01:13:30
Muito bom esse conto,eu venho passando quase pelo mesmo dilema minha filha hoje está com quase 17 e vivi me provocando,mesmo eu já tendo chupado a bucetinha dela,não tiva a coragem de penetrar ela mais vontade é o que não me falta,mais eu não sei o que fazer hoje não moramos mais juntos me separei da mãe dela tenho outra familia mais mesmo assim quando ela vem me visitar começam as provocações e eu nem sei mais o q devo fazer meu e-mail ta ai quem quiser falar comigo jersonandre.stos@gmail.com whats andre
09/03/2016 01:12:25
whats andre
09/03/2016 01:10:05
Muito bom esse conto,eu venho passando quase pelo mesmo dilema minha filha hoje está com quase 17 e vivi me provocando,mesmo eu já tendo chupado a bucetinha dela,não tiva a coragem de penetrar ela mais vontade é o que não me falta,mais eu não sei o que fazer hoje não moramos mais juntos me separei da mãe dela tenho outra familia mais mesmo assim quando ela vem me visitar começam as provocações e eu nem sei mais o q devo fazer meu e-mail ta ai quem quiser falar comigo jersonandre.stos@gmail.com whats
15/01/2016 00:24:14
PUTA TESÃO, EXCELENTE!!!!!!!!!!!
16/08/2015 08:43:55
10....tive que bater uma pra gozar
19/07/2015 08:22:56
Ficou muito grande, porem muito interessante, adorei nota 10.
24/06/2015 01:28:36
uma delicia de conto .. quem quizer meu contato esse é whats ... nossa gozei gostoso ..
17/06/2015 09:46:47
Garotas q quiserem realizar fantasias e so me chamar no whatsapp....
28/04/2015 11:50:55
Delicia de conto...vou ler os outros...leia os meus tb. maximus0357
08/02/2015 09:48:39
Estou em chamas, super teso gostaria de foder tua filha... Sou negro Angolano, dou whatsap negro.afro@hotmail.com
22/01/2015 16:27:56
Whatssap matheus
18/01/2015 14:50:14
Mariz manda seu whats pra mim. Delicia
11/01/2015 02:30:38
Nunca gozei tanto lendo um conto, necessito de uma rola agrrrrrrr
03/01/2015 18:11:29
meu grelhinho está inxado até agora e olha que eu já bati umas 2 siririca. Gostei mto seu tarado. nota 10
02/01/2015 17:07:35
Muito bom seus contos manos sempre leio. Quando puder leia o meu tabm. Abraçaooo...
23/12/2014 02:23:10
Bom dia, Tete! Estou lendo os seus contos e adorando! Beijinho :-* ♡
08/12/2014 17:05:18
Perfeito
04/12/2014 01:03:30
eu tbm tenho uma filha de 15 aninhos e hoje vivo quase a mesma situação Bom ai está meu e-mail:jersonandre.stos@gmail.com caso alguém quiser manter contato
04/12/2014 00:56:12
meu e mail:jersonandre.stos@gmail.com se alguem quiser manter contato
04/12/2014 00:54:28
eu tbm tenho uma filha de 15 aninhos e hoje vivo quase a mesma situação
02/12/2014 20:31:22
Adorei esse conto. Aproveita essa Putinga.
02/12/2014 11:45:16
10
28/11/2014 04:15:33
Gozei com a dona do puteiro, gozei com suas esposas e gozei com sua filhinha. Adorei o conto!
24/11/2014 02:19:24
Delicia de conto
23/11/2014 08:21:19
Gozei gostoso
12/11/2014 09:26:25
Perfeito
05/11/2014 14:53:12
Bom, eu gosto de ver e ouvir sobre incesto, mas praticar n é comigo.
28/10/2014 07:56:39
Bom.
25/10/2014 07:44:35
garotas do litoral d são paulo e demais localidades q quiserem realizar suas fantasias e se masturbar pela web cam e so me add: loironick69@outlook.com
24/10/2014 19:02:59
Excelente conto. Puro tesão. Delicioso. Prendeu minha atenção do início ao fim!
09/07/2014 12:27:29
apesar de não achar incesto correto, você escreve super bem e minha nota é 10
09/07/2014 12:26:14
muito bom
12/06/2014 00:08:02
parei na Gracinha,seu conto é bom,mas,poderia ter dividido em mais partes,mesmo assim ficou ótimo.
AFL
30/05/2014 04:09:14
Eeeeeextra
20/05/2014 10:03:32
Igual a uma rola comprida e gostosa. Bom relato, apesar do tamanho. Bom o final com a filha comendo a pica do paizão. Aconteceu comigo e com meu padastro algo bem parecido e gostoso.
13/05/2014 15:14:08
Muito bom... muita tesão no conto.
10/05/2014 18:06:14
q filha gostosinha nem.
05/05/2014 22:42:25
eu n th coragem de foder cm meu pai n, ms msm assim kuase gozei valentina.avs16@hotmail.com
05/05/2014 22:41:06
delicia valentina.avs16@hotmail.com
04/05/2014 07:25:31
Melação geral claro...
02/05/2014 20:52:04
Estranhei um pouco alguns trechos meio soltos, mas no geral é bom, bastante excitante. Parabéns! Nota máxima!
30/04/2014 16:22:23
Q conto bom!fikei cheio de tesao e como de costume chamei minha vizinha aki em casa comi ela como nunca e gozei td na sua bokinha pensando na sua filha!!! Wastsap
29/04/2014 18:40:55
Cara vou te contar...o seu conto e nota 1000 cara. E gostoso pra caranba
29/04/2014 18:37:31
cara vou te falar...esse conto e muito legal, parabens.
29/04/2014 16:28:48
Não é de todo ruim, comprido demais. Você poderia contar tudo isso em 30 linhas.
29/04/2014 06:23:26
MELHOR CONTO QUE JA LI...
26/04/2014 15:07:18
10
22/04/2014 01:08:50
ola amigos e claro amigas eu fui a primeira pessoa a por o tel aqui na casa dos contos bom agora tom com o grupo no whatsapp quem querer ou so querer conversar tbm e so me chamar
18/04/2014 11:01:16
Muito bom. Quando for editar, dê um espaço após as reticências. Isso fará as palavras descolarem, melhorando o aspecto do texto. NOTA DEZ.
11/04/2014 20:50:33
Mto bom conto! gostei, fiquei cheio de tezão que cheguei em casa e fui logo arretar a minha filha!! leia o meu relato veridico!! nota dez pra vc!! se qser manter contato!! joaosilas2013@yahoo.com.br
09/04/2014 15:50:33
Quase gozei sem nem pegar no pau...quero uma filha gostosa dessa...
08/04/2014 13:45:09
Beleza de conto. Muito excitante... Nota máxima. Parabéns
04/04/2014 22:08:37
Puta que pariu!!!! Escreveu uma Bíblia antes de chegar ao finalmente. Desculpe, mas minha fiação não é comprida. Não fui até o fim. Nota 3
04/04/2014 00:28:11
cara belo conto
25/03/2014 14:55:34
Podia ter dividido em duas ou tres historias, sem prejuizo. Muito excitante.
21/03/2014 02:23:01
Quando for fazer outra revisão, escreva MINISSAIA (sem hífen).
19/03/2014 04:50:37
Que delícia...
15/03/2014 09:02:55
Mds gozei demais ameiii
14/03/2014 01:14:30
Bom. Quiquinha12.blogspot.com.br
12/03/2014 16:14:43
eu gostei filha putissima he he :)
12/03/2014 12:33:13
Que tesão ler tudo isso mas a parte da filha me deixou muito excitado, me fez lembrar da minha filha, pena que ela não é uma putinha como a sua.
11/03/2014 15:34:54
Isto não é um conto é uma novela, quase um romance. Muito bom, excitante, esta entre os melhore contos do site. 10 com louvor.
11/03/2014 14:46:37
Que conto tesudo cheio de detalhes,fui obrigado a bater uma punheta bem gostosa....
11/03/2014 14:07:26
gozei seu tarado fdp, kkkk
11/03/2014 07:29:39
que deliciaaaaaaa de conto. Gozei 3 x brincando com minha bucetinha e imaginado essas loucuras deliciosas. Isso aconteceu comigo também, mas foi com meu tio taradão...que me fez virar uma putinha tarada! bjs...quero mais contos seus!

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.