Casa dos Contos Eróticos

Chupei Minha Priminha Virgem Dentro do Ônibus

Autor: Alex
Categoria: Heterossexual
Data: 29/09/2013 17:19:48
Última revisão: 01/11/2014 13:00:23
Nota 9.58
Ler comentários (10) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Fala galera, pra quem não me conhece meu nome é Alex (fictício) e hoje contarei uma bela experiência que tive com uma prima minha quando eu tinha 17 anos, no qual a chamarei aqui de Luana.

Bem, primeiramente citarei minhas características, sou moreno, cabelo liso preto, olhos castanhos, 1,73 de altura, 19 anos e 18 cm de pênis. Tudo começou quando eu e minha família passávamos férias na casa dos meus tios em São Paulo, ficamos lá umas 3 semanas até que meu pai resolveu voltar por causa do seu serviço. Então minha tia resolveu vir conosco para conhecer nossa cidade e tal já que nunca tinha viajado para o interior, junto com ela também veio sua filha mais nova: Luana, uma linda ruivinha de 14 anos, magrinha com seios pequenos, porém com uma bundinha bem empinada, ela é o tipo de menina toda delicada, por ser criada em uma família de classe média alta, ela tinha todas essas frescuras de filhinha de papai e tal. Luana apesar de ser nova, já tinha um namorado, um carinha da idade dela que morava em seu bairro, mas ela jurava até á morte que ainda era virgem, eu não acreditava muito porque ela parecia ser bem safadinha rs.

Enfim, vamos para o que interessa, na volta para a casa nós viemos em um ônibus á noite, saímos da rodoviária às 22:30, o ônibus estava completamente vazio só estavam a minha família, o motorista e mais umas 4 pessoas e sentamos cada um em seu banco marcado na passagem. Meu pai estava do meu lado, minha mãe e irmã atrás da gente e minha tia e prima do outro lado, até que no meio da viagem resolvi ir para o último banco já que não havia ninguém lá, então fiquei lá deitado ouvindo música quase pegando no sono, quando de repente chega minha prima com uma bolsinha sentando no meu lado dizendo que não estava conseguindo dormir e que queria conversar um pouco comigo. Eu já estava quase dormindo, mas resolvi que não ia deixar aquela princesinha falando sozinha, então começamos a conversar sobre tudo quanto é coisa, já era umas 2 horas da madrugada e todos estavam dormindo exceto eu e Luana lá no fundo, falávamos sobre tudo, até que eu com minha mente maliciosa (hahahah) resolvi falar sobre sexo, comecei falando sobre minhas relações que tive, no começo ela ficou meio tímida mas aos poucos percebi que ela estava se empolgando com minhas histórias eróticas, e nesse momento comecei a olhar minha priminha metida com outros olhos...

Depois que relatei tudo o que eu já tinha feito, perguntei a ela se ela nunca tinha feito nada do eu disse, Luana falou que já pensava nessas coisas mas que nunca fez nada daquilo, mas confessou que já se masturbava desde os 13 anos, nesse momento meu tesão só aumentava só de imaginar aquela ruivinha deliciosa tocando siririca. Perguntei a ela se já tinha tido algum orgasmo, ela deu uma risadinha dizendo que sim com a cabeça, alguns minutos depois Luana reclamou que estava com saudade de seu namorado e que queria muito estar abraçada com ele, nisso aproveitei que ela se estava se fazendo de carente e disse que o namorado dela não estava lá mas eu estava, ela deu uma risadinha e me abraçou, ficamos naquele climinha de ‘’priminhos carinhosos’’ até que coloquei minha mão em sua coxa, achei que ela iria me xingar, mas não disse nada, em seguida aproveitando de sua carência dei um beijo em seu pescoço, arrancando um leve arrepio, ela novamente ficou quieta então a dei um beijo na boca, percebi que ela estava gostando mas interrompeu dizendo que não podia fazer aquilo porque tinha namorado e ele não merecia aquilo, ignorei e disse que ninguém jamais saberia, a não ser que ela contasse, então continuamos se beijando.

Percebi que ela estava se empolgando novamente, enquanto a beijava fui subindo minha mão até sua barriguinha, chegando em seguida a seus peitinhos, achei que tinha sido direto demais mas ela estava gostando! Pegou minha mão e começou a acariciar seus pequenos mamilos por dentro da blusa mas por cima do sutiã, meu pau já estava duro e ela percebeu, peguei sua mãozinha e levei até ele por cima da calça, ela se assustou um pouco inicialmente, mas depois começou a acariciar com uma carinha de safada, coloquei sua mão por dentro da calça e começou ali uma leve masturbação. Luana estava um pouco nervosa, então comecei a beijar novamente só que dessa vez meti a mão por dentro da sua calcinha chegando até sua bucetinha virgem, fiquei passando os dedos levemente em seu grelo arrancando suspiros, nesse momento eu já estava louco de vontade de comer aquela ruivinha linda, mas não podia arriscar tentar aquilo ali naquela hora pois alguém poderia acordar e flagrar, ainda com a mão na sua bucetinha levantei sua blusinha e tirei seu sutiã, cai de boca naqueles lindos peitinhos brancos, chupava seus pequenos mamilos com gosto enquanto isso meus dedos já estavam completamente molhados com o delicioso liquido que escorria de sua bucetinha, Luana permanecia calada em um estado de transi excitante. Logo após ter terminado de mamar naqueles seios deliciosos, falei no seu ouvido que agora queria chupar sua bucetinha, ela sorriu e disse que queria gozar gostoso na minha boca, isso quase fez meu pau explodir! Abaixei seu zíper e tirei a calça lentamente para não dar bobeira, deixando a vadiazinha com as pernas abertas só de calcinha na minha frente. Coloquei sua calcinha um pouco pro lado e comecei a passar a língua levemente em sua virilha, Luana suava frio e gemia baixinho, tirei sua calcinha completamente e coloquei dois dedos naquela bucetinha lisa sem nenhum pelo, aquele cheirinho delicioso de xaninha virgem me dominava, passava a língua com gosto em seu grelo, enquanto a putinha puxava meu cabelo segurando seus gritos para ninguém acordar.

Fiquei me deliciando com aquela bucetinha virgem por menos de uma hora até que provoquei seu primeiro orgasmo, nossa aquilo nos causava um tesão incontrolável, mas fiquei com medo de tentar quebrar seu cabaço com a minha rola dentro daquele ônibus, então ficamos naquilo mais algum tempo. Depois nos vestimos e voltamos para nossos lugares sem ninguém perceber, e é isso!

Mas essa história não parou por ai, chegando em casa eu tive finalmente a chance de tirar a virgindade da minha priminha safada, e dessa vez rolou de tudo, outra hora quem sabe eu conto a segunda parte desse incesto gostoso!

Espero que tenham gostado e não se esqueçam de comentar e dar nota, até a próxima!

se quiserem me conhecer melhor deixo aqui meu e-mail (alexbathory@outlook.com) e whats (+, quem sabe não possamos nos divertir um pouco Rs...

Comentários

11/10/2014 05:55:42
Escreva mais !!! Mto bom
26/08/2014 11:54:51
amei seu conto PBS nota 10.000
25/10/2013 04:39:04
Nota 10 gostoso
25/10/2013 04:38:09
Adorei , muito gostoso , adoro qe me façam gozar so mr chupando
17/10/2013 00:32:47
Delícia! Nota 10! Se quiser leia meus contos também! Parabéns!
11/10/2013 18:32:17
muito bom, continua, se puder leia meus contos
03/10/2013 00:58:59
Bom demais.
01/10/2013 22:35:49
muito bom mais eu fiquei com muita vontade de pegar essa vadia da sua prima será qui ela aguenta um pau de 27 cm
30/09/2013 14:07:13
10²
29/09/2013 20:23:20
10

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.