Casa dos Contos Eróticos

Fodendo com Meu Pai e Meu Marido me Pegou!

Autor: Leilaporn
Categoria: Heterossexual
Data: 26/07/2013 19:40:09
Última revisão: 09/08/2014 23:03:31
Nota 9.63
Ler comentários (52) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Quando escrevi este texto estava há mais de um mês sem dar noticias. Não tinha novidades, mas agora, aconteceu e não foi com minha mamãe! Desta vez, eu provoquei uma situação quase insana, na verdade, fui flagrada no ato fudendo mesmo! Meu marido me pegou desprevenida trepando e sabe com quem? Meu amado e querido papai.

O melhor de tudo foi que ao invés de brigar conosco, ele veio me comer junto com ele! Acreditem! Adorei é claro, as duas pessoas que mais amo transando gostoso comigo e sem preconceito. Fiquei muito tempo tentando falar para ele meu caso com meu pai, nunca conseguia e agora sucedeu. Mas, não foi só isso, de quebra dei-lhe um grande presente, mas isso eu contarei na continuação do conto.

Bem, é como a Lucy fala, quando menos se espera as coisas acontecem, o que tem quer ser, é! Viajei muito conforme disse nesses últimos tempos, só coisa de profissão. Por incrível, fiquei na seca, não por não ter levado cantada de todo lado, mas por que quis, e dei uma sossegada mesmo. Isto parece ser bom, mas não é. De fato é com a calmaria antes da chegada de uma grande tempestade, no meu caso uma tormenta sexual que era vindoura.

Como disse mês passado, minha mãe estava toda alegre e faceira neste mês, pois realizara uma fantasia muito louca, onde transou com um mundo de gente. Ficou tão empolgada que Ela esta, até fazendo mais academia que o normal e já aviso, pretende colocar mais alguns 450mls em suas vastas mamas. Vai ficar com umas senhoras tetas.

Bem, dei meus pulinhos normais nesse período, uma trepadinha com meu advogado, e com maridão direto. Ele está com a corda toda desde que soube meu caso com Pedro e de transar com a sogra, tá todo animadão e tem descontado para minha sorte muito em mim. Meu pai estava nesse período desesperado uma trepada com a filhinha mais velha. Ligava quase todo dia, eu também ficou louca para trepar com ele, pois adoro seu pau que é muito diferente do meu marido., na verdade é mesmo uma tara, como já disseram.

Como sempre dizia que ia e tal, e nunca dava certo... o seu Adão, meu pai, ficou impaciente e aumentava na insistência, mandando recados, fotos por celular se masturbando e eu me divertia, babava vendo. Então, estava em casa um dia pela manha, quando um carro estacionou no pátio de casa. Pensei que fosse meu marido que tivesse retornado mais cedo do escritório por algum motivo. Eu, tinha acabado de acordar, as crianças estavam na escola e eu estava ainda de baby-doll e calcinha, destes bem transparentes, tudo amostra. Naquela manha tinha me relado na cama um pouco antes, estava com muito tesão, meus tetões com as auréolas negras e saltadas, buceta ainda melada e a bunda piscando por um pau, tava tudo..tudo mesmo, estava louquinha para dar.

A porta bateu e a minha grande surpresa, meu digníssimo pai. Eu ali na cozinha, na pia e semi nua, louca de tesão e o coroa vem queixando que eu tinha deixado ele na mão (literalmente), que estava louco por uma trepada, me cobrando um mundo de coisas, parecia o marido. Dá para acreditar?

Enquanto ele esbravejava me aproximei, enfiei a mão inteira no seu saco e calei-o a boca num beijo, desses bem babados que eu adoro, de ficar toda lambuzada, mordendo os lábios e passando a língua. Meu pai calou, é claro, peguei-o de jeito e ainda apalpando de cima abaixo seu enorme pau que encorpava imediatamente. Minha mão parecia pó royal para a rola, para os que não estão familiarizados na cozinha, era como um fermento pro pau, bastava dar uma segurada firme e o pau crescia que era uma maravilha.

Era a energia de ativação necessária para um puro incêndio. É como fogo, é preciso três coisas algo para queimar, oxigênio e a combustão em si. Uma puta louca para trepar, um coroa safado de pau grosso e duro e a enfiada de mão que ele me deu na buceta, Pronto, incêndio feito e buceta melada! Nem vi se a porta ficou aberta, se havia coisas no fogão, saímos dali feito dois tarados se agarrando e fomos para meu quarto. Na cama do meu marido e minha. Botei aquela rola disforme pra fora, (não preciso mais conta como é, já descrevi esse pau gostoso) e cai de boca, ou melhor sempre de inicio tento engolir aquilo.

O pau dele estava duro, mas bem duro mesmo chegava a estar inchado. Parecia que há dias não comparecia em lugar nenhum. As bolas estavam grudadas no saco e no pauzão e bem rechonchudas. Sentada na cama pus aquele caralho na cara e mamei com vontade. Adoro mamar num pau. Ele bombava, entrava e saia e eu quase engasgando. Um monte de cuspi escorria, pelo pau, nas suas bolas e coxas e de minha cara safada também.

Alias, faço a maior cara de safada mesmo. Que homem não gosta de ver sua amante e mulher com a boca cheia em seu membro lhe dando aqueles olharzinhos, tipo, que delicia, amor? É só isso, mete na boquinha da mamãe. Me entope toda, adoro esse pau! Não precisa nem falar é só dar aquele ar de deboche, uma piscadinha e pronto. Eles adoram arfam de tesão. Fora isso sempre fui muito sacana, e vez por outra me grudo na bunda com as unhas, aliso as polpas e viajo com meu dedinho na entrada da bundinha de meus homens. A maioria delira de tesão.

Não demorou muito para receber e ser recompensada por sua língua me lambendo os tetões, passeando nos bicões dos mamilos e descendo, indo em direção a minha gulosa buceta. Abri as pernas e a ofereci ao banho de língua farta e gostosa. De inicio nas bordas, nos lábios, e sua mão dedilhando meu clitóris que já estava bem durinho. Depois senti-lo explorar o fundo de minha vagina com seu nariz atolado. Intercalava isso com longas chupadas e lambidas no meu rabinho me deixando pronta e ensandecida para meter.

Ele depois pegou aquele Sr.picão, tipo da grossura que sua mão fechada não consegue dar a volta em todo corpo do pau, ajeitou na entrada da minha buceta melada e meteu, entrou justo, entra justo. O pau é grande, mas minha buceta não deixa por menos. Olha, tive todos meus partos normais, todos saíram até com facilidade. Então dá para imaginar, pai dotado e filha bucetuda. Deve de ser genético, Dona Rosa, também é dotada de uma vasta racha. Se eu medir deve ter mais de 11 cm de buceta e ela pode dobrar de tamanho para “acolher seus visitantes”. Também tenho 1,85m, tinha de ser assim mesmo, lá em casa é tudo GG e extra.

Bem, meu pai enfiou sua pica grossa sem dó em mim. Entrou que foi uma maravilha, Que delicia! Eu louca por um pau como estava naquele dia, não vacilei, parecia chuva e raio, nem precisei rezar e caiu um Sr. cacete dentro da minha buceta. Ele também tarado. Há dias me procurando. Metia e metia, com vontade mesmo e todo, sentia seu saco dar pancadas atrás. Acho que da entrada da casa dava para se ouvir o floct! floct! Flact! do pau entrando e saindo na minha buceta toda encharcada. Estava entregue e no maior tesão fodendo.

Tudo iria muito bem se não estivéssemos ali, distraídos e fudendo. Foi quando aconteceu o inusitado. Sempre fui discreta, mas como disse desde inicio do conto, estava na seca, louca para fuder, chega meu pai que é meu amante e a coisa explode. Nem percebi a chegada do meu marido.

Ele que não é bobo devia estar ouvindo tudo, não só as metidas do seu sogro, mas toda gama de barbaridades e gemidos que ecoavam pela casa. Estávamos ali, eu de frango no cesto e pernas abertas e papai me socando rola, quando meu marido entra e bate na porta. Susto! Um susto mesmo, meu pai pulou de cima de mim e eu tentei me cobrir no lençol e na cama toda desarrumada. Sem falar daquela poça de gozo no lençol e outra de saliva na beira na cama. Fui pega no ato, eu e meu pai que saiu da minha buceta com o picão pingando. Sabia que deveria já ter revelado a ele tudo isso há muito tempo. Susto.

Na verdade foi um enorme susto, mas o maior foi nosso! E a reação dele totalmente inesperada. Juro que não esperava isso. Ele já tinha fodido comigo e meu irmão. Até chifrava o sogro, pois comia minha mãe. Vai ver que foi isso. Não se importou. Disse continuem vou assistir, quero ver como que é a filhinha e o papai, juntos.

Dei-lhe um beijo e perguntei se era sério. Ele simplesmente sentou-se no sofá do quarto. Peguei meu pai pelo braço, o puxei para cama e iniciamos do zero. Desta vez comecei a chupar aquela rola, mas não olhando para meu papai. Comecei a dar um show para meu marido. Fazia tudo olhando para ele, incitando. Lambia e mamava no varão na frente dele, ele admitia e dizia, você aguenta toda essa rola mesmo querida? Mandei papai me montar e não demorou muito para que seu sogro assumisse a posição que estava antes.

Meu marido balançava a cabeça em sinal de aprovação e dizia. Que bucetão você tem mesmo Minha esposa Leila! Não é a toa que casei com você. Meu pai vendo tudo na boa, metia na minha buceta que abarcava justo aquele cacetão. Foi quando meu marido saiu da passividade, levantou-se e pôs o pau pra fora, já duro e gostoso. É um pau grande a normal, mas não a deformidade de papai. Levou pra minha boca e sem piedade chupei e com muita vontade.

A sensação é indescritível, para quem já fez sabe como é! É tesão e cumplicidade, não há espaço nenhum para senso morais e sexo carnal, na expressão da palavra, puro prazer. Chupava o maridão na cara do meu pai, que me metia gostoso, chupei o pau e muito, babava e sorvia.

Sempre gosto de falar do aroma que fica, meu quarto e cama tinham aquele cheiro de suor, acre de tres corpos que se misturavam, um aroma forte e sedutor, o cheiro das partes intimas, perfume, do sexo, na roupa de cama tudo misturado. E meus homens ali me cobrindo pela frente e por baixo.

Seu Adão estava mais possesso que o normal me vendo chupando o pau do seu genro. Eu babava naquele pau do mesmo jeito olhando-o e ele superexcitado. Dava chupadas longas, lambia intercalando uma punheta, bem gostosa, era visível o grau de excitação dele, e óbvio, o meu também. Não demorou muito eu mamando sua rola e ele me lavou a boca em gozo intenso. Dava para ver que estava apertado. Papai também encheu minha buceta que inundou de porra. Estava toda melada esperma de cima abaixo, nem sei também quantas vezes gozei naquela situação. Quando estou muito excitada gozo horrores, fica tudo molhado. Mas, não acabou ai. Depois da foda conversamos e expliquei tudo a meu marido, eu e meu pai. Contei tudo, tal qual havia contado ou venho contando a vocês há um ano. O tempo passa né!

Pratos todos limpos. E melhor tomamos um banho em seguida meus dois machos já estavam de pau duro de novo. Não desperdicei um minuto sequer. Depois de um mês, agora era minha chance. No banho eles me beijavam, alisavam, invadiam meu corpo. A situação era extrema, ter seu marido e pai juntos lhe invadido toda. Gozei ali, toda molhada, mas queria mais.

Fomos para cama novamente. Lá chupei o pau dos dois lado a lado. Já estavam duros. Deitei meu pai e pus-me a cavalga-lo ajeitei aquele picão na buceta e sentei. Olhei para trás e nem precisei falar nada. Meu marido se ajeitou na minha bunda e me penetrou se uma vez.

Gemíamos descontrolados, dois paus graúdos e bombeando e uma situação para lá de esdrúxula. O pau de meu marido todo no cu e do meu pai entupindo minha na buceta. Se eu ficar contando pode ser até repetitivo, mas foi bom demais meter assim, é sempre diferente, uma sensação anômala passa a possuir todo mundo gozei inúmeras vezes, com os dois paus socando sem parar, gozei feito uma como louca. Era óbvio que estava adorando toda situação. A coisa só ficou melhor quando meu marido me desafiou e perguntou se eu aguentava aquele poste na bunda. Pra que ele perguntou se sabia a resposta?

Trocamos de posição peguei aquele pauzâo e mostrei para ele, tipo: -Tá vendo essa rola, olha o que minha bunda é capaz de engolir!!! Ajeitou-o bem na entrada do cuzinho que a esta altura estava bem alargado e relaxado, apontei e fui sentando e sentindo cm a cm daquele pau arregaçando e entrando justo no meu rabo, só de pensar fico toda molhada.

Meu papai com a língua de fora foi enfiou aquele tosco pau no meu cu.

O maridão começou uma punheta vendo minha performance sentada na vara, que entrava e sai em cadencia e devagar. Ele chegou perto de mim me beijou e ofereceu seu pau para chupar. Obedeci é claro! Novamente me pus a mamar o pau do meu marido.

Meu pai atolava a rola no meu rabo, eu chupava a pica do maridão. Em seguida ele não me perdoou eu abri as pernas e ele voltou a foder-me a buceta com toda gana. Sentia novamente minha buceta lotada naquele pau, Delirava fodendo e chupando um pau ao mesmo tempo. Gozava e pedia para meu marido comer meu rabo e trocava, ia chupar o pau de meu amante, meu pai. Meu marido ajeitou e socou de vez e com raiva na minha bundinha, eu olhava para trás com o pau na boca.

Ficamos assim num troca de posição danado. Ora meu pai na minha bunda, ora ele. E não terminou até darem outra bruta esporrada nas minhas tetas desta vez. Estava usada, satisfeita e feliz.

Tomamos outro banho e fomos conversar novamente. Eram quase 11 da manha e não demoraria muito para meus filhos retornarem da escola. Fui aprontar o almoço e os dois com genro e sogro foram conversar como se nada houvesse acontecido. Meus homens.

Para completar vem a surpresa que prometi. Telefonei para Lucy e contei tudo o que aconteceu. Disse que estava em casa à vontade a recém acordada e quando me dei por conta estava agarrada no pau do Dr. Adão. que fomos pro quarto e começamos a transar e nem me toquei se a casa estava aberta ou alguém havia entrado. Eu que sou cuidada com detalhes, mas acontece, aliás tinha que acontecer um dia.

Contei tudo para Lucy que quando me dei conta estava o maridão ali, olhando tudo, de pau pra fora e fodemos os três. E disse ainda que ele nem tinha ficado incomodado. Como já disse desde do inicio, esta tudo em família e ele me ama. Foi uma prova para mim. Lucy só ouvia.

Ela do outro lado da linha se masturbava, com certeza. Era hábito, ouvindo os detalhes da minha suruba e DP com meu pai e marido. Disse a ela que deveria agradecer, que estava em divida com meu marido por isso. Então veio a nova surpresa, Lucy pega diz:

Pague-me um programa com seu marido de presente, querida! Você sabe que ele sempre quis transar comigo e eu admiro ele. Ele merece isso de você e eu também! Vamos combinar de preferência podemos começar na minha casa. O que você acha? Podemos provocar e fazer tudo na cara do Junior, presto um serviço pra você, dou um corno pro meu bundão e quem sabe até brincamos juntas ainda? Faço um grande desconto! Sou capaz de dar até de graça!

A Lucy me falou, bem assim. É verdade. meu marido merece mesmo, isso ele merece, há anos venho aprontando, nada melhor que a Lucy para partilhar tudo. Tenho ótimos amantes, e sei que a Lucy a muito tempo quer dar uma com ele. Topei, mas ele ainda não sabe. Ele também ainda não sabe, que costumo escrever aqui. Como já disse uma vez. A casa é uma terapia. onde partilhamos.

Não sei, se já disse isso aqui, apesar de reconhecer-me, devo dizer que amo meu marido. Sei que sou, o que sou, sou uma Puta sim, mas mesmo assim, faço de tudo o melhor! Quem teria essa postura? Sei que é difícil e não é normal, para a grande e esmagadora maioria. Alguém disse esses dias que sou ninfomaníaca. Sim e daí, apesar disso me assumo e meu marido sempre soube disso. Pelo menos esta, como se diz "tudo em casa". Desculpem, qualquer desagrado!

Bem é isso, tirei totalmente meu atraso, mas quase paguei um preço alto por isso, de qualquer forma foi tudo bem e solucionei o que há muito me incomodava. Conto porque tudo isso para mim como uma terapia. Divido com vocês. Obrigada novamente pelas lembranças, mensagens, votos e tudo mais. Haaa! A trepada de meu marido e da Lucy? Quem vai contar é ela. Posso até participar, mas vou adorar mesmo é fazer como vocês, vou depois ler e brincar. Amo todos, beijos babados, sintam-se em casa. Leiam minhas histórias, há um ano posto por aqui. Beijos ....detalhe, pelo comentário do Yuzo -É manso, não! É que o papai é grandâo mesmo. Entende?

Li neste período ótimos contos, parabéns aos autores que nos partilharam suas aventuras e/ou fantasias! Bem, agradeço aos milhares de acessos e comentários, retribuo em todos sempre que posso, obrigada muito mesmo!

Comentários

11/05/2017 17:44:28
Manda foto de umas aventuras suas leandropds2018@gmail.com
27/12/2016 20:41:32
Que delicia silvaantony792@gmail.com
10/04/2016 03:13:55
Excelente. Extremamente puto, o conto.
25/06/2015 12:50:32
Parabéns, http://drmenage.blogspot.com.br/.
12/11/2014 19:59:07
Mto bom seu conto! tbem pratico incesto com minha filha!! leia..joaosilas2013@yahoo.com.br
24/10/2014 02:10:25
Adorei seu conto gozei demais me add nos seus imail. Ederamorim598@gmail.com
05/10/2014 17:19:22
parabéns leila nota mil vc é 1 milhão e nos dê uma canja coloca uma foto de sua linda gostosa enorme buceta numa foto pra que seus fãs vejam bjs sucesso
05/10/2014 17:11:06
LEILA QUERIDA O MUNDO DEVERIA SER ASSIM SEM PRECONCEITOS E TABUS. É MELHOR AS FAMILIAS SEREM INCESTUOSAS QUE AS DROGADAS EGOISTAS VIOLENTAS OMISSAS MALDOSAS HOMOFOBICAS . MIL VEZES MELHOR TODOS SE AMANDO AJUDANDO FUDENDO E GOZANDO. SOU CONTRA PEDOFILIA ESTUPRO . MAS DESDE QUE AS FILHAS E FILHOS SEJAM MAIOR E CONSENTEM E GOSTAM QUE FAÇAM BJS UM ABRAÇO GRANDE E PARABÉNS ELO SEU TAMANHO GG RSRSRS FUIIIIIASS REPORT SEU FÃ
16/01/2014 11:58:11
Pode dar nota mil ? Q conto lindo !
13/01/2014 09:18:56
>>> fudedor.de.esposas.df@hotmail.com >>> Operadora OI. >> A melhor posição que curto comer mulher de CORNO é a seguinte: O corno por baixo de sua mulher num 69, o CORNO chupando a bucetinha dela e eu metendo a pica pra dentro da bucetinha dela. >> Quero ser fixo de algum casal, pois quero gozar bastante dentro da sua esposa para você meu amigo degustar do sabor da minha porra de dentro da buceta da sua esposinha. >>> Eu sou de Ceilândia, Brasília-DF sou comedor de esposinhas, procuro casais liberais, casadas, noivas,namoradas e solteiras. Adoro comer as esposinhas dos meus amigos na frente deles. Adoro gozar dentro da boca das casadas e mandar o CORNO limpar tudinho. Tenho 35 anos, qualquer casal que curta entre em contato comigo. >> OBS.: Favor não fiquem mandando mensagens para o meu celular, se quiserem me liguem pois sou comedor de esposinhas e não mensageiro. Curto real sou comedor nato. >>> FAVOR ME LIGUEM EM DIAS ÚTEIS POIS NÃO LEVO ESSE CELULAR PARA CASA. >>> Casais que procuram homem (macho) para sua mulher (esposinha) que sejam daqui do Distrito Federal ou que possam vir prá cá.
11/01/2014 15:44:56
Nossa ,eu gozei fartamente lendo seu conto.acho que voce é dessas dominadoras deliciosas,que gozam gemendo e gritando.como diz o ditado,a sorte favorece os aldazes.voce alem de dominadora,é aldaciosa.Li, tambem o conto de sua amiga.duas deusas gostosas.Como invejei o marido da leila.queria ter a sorte que ele teve.Eu iria faze la gozar em minha boca.e depois morder seu cuzinho.Se quiser gozar gostoso, me contacte. De dou nota 10.Omshots@hotmail.combjs.
10/01/2014 21:04:53
Mais uma aventura louca, querida Leila...ainda bem que tudo terminou bem, ou melhor dizendo...EXCELENTEMENE BEM. Embora incesto seja algo que nunca me passou pela cabeça, com familiares diretos, apoio pessoas adultas que o fazem. real ou imaginário, não nos cabe a nós julgar. Julgo apenas o seu modo de narrar, que é excelente. Meus parabéns.
09/01/2014 19:51:41
Hummm Que delicia de conto. Eu e meu marido Beto ficamos morrendo de tesão. Nós também publicamos nosso conto aqui. É verídico e se chama: "A Procura de um Amante". Montamos um blog só pra falar de sexo. Tem muitas fotos e também relatamos nossas aventuras. O endereço é: www.rubiaebeto.comunidades.net Visitem-nos...Beijos molhadinhos
19/12/2013 18:16:17
Leila, você é uma mulher muito corajosa. Você deve ter uma personalidade muito dominadora, pois, em algumas situações muito embaraçosa, você conseguiu reverter em seu drama tornando-as bem comuns ao seu favor. Que delícia de conto! Dramatizou muitíssimo bem deixando o seu conto bem elucidativo, parabéns. Achei muito engraçada a história: pó royal para rola; tive um ataque de riso quando li. As posições sexuais narradas são bem excitantes. Seu conto merece mais que 10, então dou-lhe 10 parabéns. oraciov6@gmail.com
16/10/2013 16:36:05
delicosa!!!!
06/10/2013 10:28:17
puxa que saia justa né! ainda bem que seu marido é comprensivo. Gostei muinto do conto apesar de não gostar de sexo com pais e filhas, mas te dou 10 porque o conto é bom
01/10/2013 19:44:58
adorei muito safada
26/09/2013 20:47:09
Tenho lido textos e este é se for real, é puro e digno de uma cena porno. Não duvido, pois há casos. Gostei muito do texto e forma como conta, a autora esta de parabéns, uma delicia! Vou ler outros contos seus, sou tarado por situações incestuosas.
26/09/2013 09:17:37
Uau. Impossivel ler o conto da lucy e não querer saber como começou, QUE DUPLA!!!! Por favor leia o meu quando quiser. soparaputaria20111@hotmail.com
20/09/2013 09:44:27
adorei....q tesão esse conto... parabens
16/09/2013 17:01:14
Muito tesudo! É ler e ficar de pau duro do inicio ao fim, Tia. Queria eu ai, tb, na curtir essa sobrinha!
27/08/2013 06:04:21
BOM! MTA REPETIÇÃO MAS GOSTEI.. TBEM MANTENHO UMA RELAÇÃO C/ MINHA FILHA, SUCESSO..
17/08/2013 22:10:17
Querida, agora sem a brincadeirinha que deixei na mensagem anterior, quero esclarecer que o que escrevi foi por todos nós, não por mim, viu, lida. Beijos!
17/08/2013 08:17:37
Que polemica, não? Não se importe com isso querida! Vulgar, classe, pouco importa! É um ótimo conto, gozamos lendo e vc tem milhares de fãs, tenho certeza! Vai em frente!
17/08/2013 00:56:42
http://www.casadoscontos.com.br/texto/ A melhor obra que ja li esta nesse link. Foi escrito pelo Borghi e nao tenho palavras para descrever o quanto concordo com cada palavra que nele esta escrito!!! Peço que leiam e dem 10 porque essa obra merece e muiiiiito!!! anjinho (sou eu, rsrs)
17/08/2013 00:35:03
gilbertoborghi@bol.com.br
16/08/2013 19:58:00
Concordo com oq disseste, e acrecento dizendo q se ouvesse um conto perfeito q agradasse a tds os gostos oq seria de nos escritores e meros mortais? Afinal somos todos diferente, cada um com os seus gostos. Pessoalmente me agrada muito a “vulgaridade“ q se encontra em bons textos. Para mim quando alguem usa de faks para comentar e dar notas baixas a varios bons escritores nao se trata de uma opniao diferente e sim de uma inveja bem “normal“ a algumas pessoas! Q bom q nem na antiga Roma avia familias tao mente abertas como a sua, isso mostra a evoluçao de alguns e o retrocesso de outros. A epoca de julgar alguem pela sexualidade ja acabou faz tempo, pena q ainda ah qm tenta impor as suas vontades como perfeitas e descarta as vontades aleias como se fossem degradantes... bjs e uma nota de dez milhoes pq adoro seus textos e morro de vontade de um dia ter uma familia evoluida como a sua.
15/08/2013 16:04:21
é uma filha assim que eu queria
14/08/2013 21:00:33
Esse foi demais! Pai e marido numa DP? Piração e ou tara pura!
14/08/2013 00:50:47
Maneiro, tia! Muito bom.
11/08/2013 15:31:56
Muito bom conto https://www.facebook.com/SuiteDoMad http://contosdomad.wordpress.com
09/08/2013 15:38:19
Tratado sobre incesto e permissividade sexual. Assumem-se todas as relações sexuais em família. Pai, filha, esposa e marido. Para um estudo é perfeito. quebra-se total o moralismo social e sexual imposto em nosso código de conduta. Melhor, não há drama, apesar da sociedade condenar é conforme narrado exposto com naturalidade entre os praticantes. Parabéns, continue nos deleitando. Tua xará.
03/08/2013 21:54:43
Voltei mais uma vez! Estou ficando viciado em você. Desta vez vim agradecer por ter me apresentado a Lucy e pelo delicioso beijo babado. Um pra você também, cheio de carinho.
02/08/2013 21:07:59
Pessoal, só para avisar. Minha companheira a Lucy ficou de dar continuação no que aconteceu e já colocou aqui, nos contos dela! Um marido de Presente - Lucy & Dona Leila. Beijos a todos.
01/08/2013 19:49:30
Voltei para reler. Senti saudade da suruba mais deliciosa que li ultimamente. Beijão.
01/08/2013 06:13:16
Que inveja, cara, que inveja! Se inveja matasse o mundo estaria livre do Yuzo. Inveja desse seu Adão, por ter um picão no mínimo três vezes maior que o meu. E pior, comendo a filha de 1,85m. que me deixa louco de tesão! A coisa positiva foi saber que o maridão da Leilona é manso. Agora que vou ter que apelar para a determinação oriental e dar em cima até... Rss. Beijão, Mulher! mulher com ¨M¨...
31/07/2013 22:39:18
Sem palavras, fiquei de pau duro o tempo todo. Estou iniciando um novo site e gostaria de contar com tua participação. http://www.supersacana.com.br/modules/profile/register.php
31/07/2013 22:34:52
Arre! Tesão da porra, menina! Fiquei de pau durão aqui. Você quer? Maravilha de conto.
30/07/2013 17:43:27
Querida e leitores. Conforme citado aqui, estou quase concluindo a continuação disso tudo. Em breve posto na minha conta. " Um Marido de Presente" Lucy & Leila.beijo a todos.
29/07/2013 13:15:23
O melhor que já li, adorei. Bjs
29/07/2013 12:18:28
Leila, adorei o seu conto muito bom, logo, logo estarei postando a continuação e vc, vai la ler, bjoos.
29/07/2013 09:33:30
Querido Edu, se tivesse um conto responderia nele, espero que leia. Em relação ao que pedistes abaixo: a ultima vez que passei meu email, aconteceram duas coisas, minha caixa lotou tanto que não pude nem ler e nem responder a todos, tive que anular meu endereço. Segundo, tem gente muito legal, mesmo. Mas tem horas que vc. Nem imagina o que pode acontecer. Portanto, respondo o que quiseres por aqui. Escreva uma aventura sua, juro que visito. Grande beijo e obrigada.
29/07/2013 08:21:14
Nossa excelente conto,quando leio seus contos fico com muito tesao....adoraria conversar com vc por e-mail,para falar um pouco de minhas aventuras nestes 15 anos de casado que minha esposa nem sonha oque faco.Bjus e segue meu email,edu.jvip@hotmail.com
28/07/2013 20:24:43
... e muito obrigado, do fundo do coração, pelos conselhos. Sua experiência pode me ajudar, tenho certeza. Beijos.
28/07/2013 18:19:21
Incomparável Leila: qualquer comentário que eu faça nada mais direi que o óbvio. Não há adjetivos além dos já ditos para qualificar seus contos. Você nos provoca orgasmos só de le-la. Haja coração e fôlego para te acompanhar, querida. Vai mais um DEZ para sua coleção.
28/07/2013 16:17:47
Vou confessar! Hoje pela manha, transamos. Eu e minha esposa, abaixo. A Carla. Tem sido um estimulante, para nós ler estes contos. Reais ou não, não nos importamos. Realizamos a nossa fantasia de incesto. Dona Leila se é real, parabéns! Parabéns em fazer aquilo que nós, só sonhamos. Se a gente transa loucamente lendo, imagino no local como falasse! Grande beijo, querida! Você nem desconfia o bem que faz, para quem aproveita isso com tesão!
28/07/2013 09:33:04
Para variar todo mês a Senhora nos surpreende com aventuras cada vez mais apimentadas! Meu marido queria que eu fosse igualzinha! Fantasio com ele, e é muito gostoso. Queria ter essa coragem. Talvez um dia deixe a fantasia e tope realizar algo, "apimentado" assim! Parabéns.
28/07/2013 07:42:43
voce é uma delicia de mulher, sou seu fã. beijos, carinhos e caricias, gostaria de ver essa sua enorme xoxota, deve ser magnifica.
27/07/2013 10:26:31
que blz.nota 10
26/07/2013 21:54:45
Excelente seu conto, que pena não poder provar desse prato. skype xande.velo1@skype.com
26/07/2013 21:31:13
É claro, dez!
26/07/2013 21:29:41
Excelente, amiga.. Como sempre narra tudo com muita clareza. O melhor mesmo é que agora, sua família vive feliz. Sexo e amor, sem falar a ótima surpresa que sobrou pra mim! Mas, isso eu escrevo depois. Beijo babado, como vc. tanto adora.

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.