Casa dos Contos Eróticos

Amores proibidos II

Autor: Alone
Categoria: Homossexual
Data: 11/05/2013 00:01:57
Última revisão: 11/05/2013 00:35:18
Nota 9.90
Ler comentários (8) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Capítulo II Coração Partido

Ele já estava preocupado com a minha reação até parou o jogo e se virou pra mim e disse:

_Quer me falar algo?

O silencio reinou por alguns segundos, e esses segundos pra mim foram mais que horas, por algum momento achei que seria uma boa opção me declarar pra ele. Mas ai lembrei que nunca tinha tocado no assunto pra saber se ele curtia ou algo assim.

_Liga não Rogério, eu esqueci de avisar pra minha mãe que vinha pra cá mas ta tudo bem.

_Xiii cara, falando de esquecer, minha gata disse que vinha aqui hoje e eu só lembrei agora. Ela deve estar perto de chegar.

_Ok, eu vou indo não quero atrapalhar.

_Deixa disso, quero te apresentar a ela.

Nesse momento senti que de alguma forma era especial para ele, afinal ele queria me apresentar pra namorada dele. Ele me deixou jogando enquanto foi fazer um lanche, nesse momento uma amiga me liga:

_Oi, Ana, o que foi ?

_Hum... oi tu ta estranho... já sei tu ta na casa dele neh?

_Tu já deu uns pegas nele?

_Não, que isso tu sabe que eu vim só jogar e não faria nada com ele.

_Não faz por que ele não quer neh, ainda não sei o que tu viu nele.

_Ele é lindo, tu sabe o jeito dele carinhoso e meigo e aquele sorriso fantástico.

_Blá, blá...

_Tá vou desligar a qualquer momento ele entra.

Alguns minutos depois ele entrou com uma bandeja com alguns sanduíches e refrigerante.

_Agora eu sei porque tu ta ficando fora de forma.

_Eu nada, isso aqui é só pra começar..... kkkkkk... tu que é magrelo.

_Eu não, tenho corpo até desejável sabia?

_Vamos jogar? (Me cortou na alta)

Durante o jogo, eu me empolguei e acabei esbarrando no copo de refrigerante e molhando o calção do Rogério, instantaneamente peguei minha blusa e passei no calção dele tentando amenizar, só depois de alguns minutos que eu percebi que estava numa área restrita.

Ele segurou minha mão e pediu pra parar, ai eu cai na real mesmo. Ele ficou um pouco chateado se levantou e foi ao banheiro, quando voltou estava com outro calção e com blusa. Eu havia sacado o recado e precisava me mandar dali o mais rápido possível. Aquilo era um sinal mais que perfeito de que nunca rolaria nada entre nós.

Foi ai que meu celular tocou, era a Ana de novo:

_Tu ainda ta ai?

_To, mas não vou demorar, quer que eu passe ai?

_É se tu quiser. Vem.

Pedi desculpas a Rogério, e disse que tinha que ir. Fui direto pra casa da Ana, não havia ninguém além de nós lá, quando cheguei não me segurei abracei ela e as lagrimas começaram a descer. Ela radical como sempre me deu maior bronca e pra me animar chamou pra dar uma volta na praça, descontrair.

Nos arrumamos e saímos, já era tardezinha e estava quase escurecendo, sempre saímos aquela hora. Primeiro compramos cachorro quente numa barraquinha que nós adorávamos, onde ficamos observando a paisagem que ali não era tão agradável. Depois fomos tomar um Milk Shake, sentamos lá e quando estávamos tomando avistei alguém que eu tinha certeza quem era. Um rapaz alto, andar simples, acompanhado de uma garota baixa e bem vestida. Eles chegaram mais perto e sim era Rogério e sua namorada. Ele veio na mesa e falou:

_E ai ?

_Oi, tudo beleza?

_Sim,vou lá, vim só te cumprimentar.

Ele voltou, e aproximou da namorada dele, fez alguns carinhos no rosto e no cabelo e depois deu um beijo. Eu fiquei paralisado, sem nem ao menos conseguir raciocinar. O cara que eu amo na minha frente beijando outra pessoa que não eu.

Bem pessoal é isso, espero que gostem. Lembrem se de deixar a opinião de vcs e se gostarem divulguem me incentiva a escrever com mais pessoas lendo. Obrigado pelos comentários pessoal...

Abraços

Comentários

15/05/2013 08:18:37
Difícil a situação pra ti, imagino.
12/05/2013 00:52:25
continuaaaaa... to adorando. Muito bom =)
11/05/2013 12:58:12
Mto bom. http://x-tudotudotudo.blogspot.com.br/
11/05/2013 11:16:59
mas não fique triste não, tudo vai se resolver
11/05/2013 11:13:25
cara sei bem como é isso... E ficar nesta dúvida de "talvez ele seja" só acaba conosco! E amor não correspondido é uma das piores coisas
11/05/2013 08:04:31
RSRS...EU PASSO POR ISSO TODO DIA.....PARECE QUE ELE ESTA CONTANDO A MINHA HISTORIA... CONTINUE...CONTO MARAVILHOSO.
11/05/2013 04:50:35
Triste,deve ser nao é uma barra ver seu amor beijando outra pessoa
11/05/2013 03:23:22
10

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.