Casa dos Contos Eróticos

Feed

Primeira DP de uma casada.

Autor: Tesaonapele
Categoria: Grupal
Data: 01/03/2013 13:32:21
Nota 9.70
Ler comentários | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Minha Primeira DP

Meu nome é Carol, tenho 27 anos, 1,65, morena,62 kg, cabelos pretos e compridos.seios e bumbum médios.Sou casada com Jean, 35 anos, 1,70, claro, 78 kg.Ambos considero normais.Mas com muito tesão.Confesso e depois de muita conversa com amigas, sei que toda mulher tem várias fantasias sexuais.Por mais que não realize, ou não tenha coragem de iniciar com a idéia, é sempre uma fantasia que fica escondida no interior de cada uma.O que agora eu sei que é uma bobagem, guardar uma aventura que podemos realizar. Passei muito tempo guardando isso só pra mim.A minha Fantasia sexual era transar com dois homens, sentir-me dominada por duas varas entrando e saindo do meu cuzinho e da minha buceta, me possuindo por completa.Qual mulher nunca pensou nisso?

Mas eu nunca tive coragem de dizer isso à Jean, pois até então, éramos bem resolvidos sexualmente e acho que não faltava nada, mas a fantasia as vezes perturbavam minhas idéias.As vezes quando faziamos sexo oral, enquanto Jean me chupava, passava o dedo na porta do meu cuzinho, eu ficava louca, as imaginações surgiam em minha cabeça me fazendo ficar com muito tesão.Imaginava duas belas rolas, tentado me penetrar, apertadamente, me rasgando por completo, mas ele não chegava a introduzir o dedo no meu rabo, eu ficava louca.

Um dia desses nessas preliminares, eu estava com muito tesão, sabe aquele dia que nós mulheres, acordamos com vontade de dá, a flor da pele? E olhamos para os homens mais gostosos na rua, e imaginamos loucuras?, eu estava assim, então lá estava eu na cama com Jean sendo torturada mais uma vez, ele chupando o meu grelo e quando eu estava molhadinha, começou a passar o dedo no meu cuzinho, também encharcado.Comecei a gemer baixinho, então ele começou a me chupar mais forte e passar dois dedos, foi quando sem perceber, em um impulso saiu de mim um grito abafado, “enfia no meu cú”, eu estava pegando fogo e tinha pedido ao meu marido para enfiar o dedo no meu cuzinho que estava com muito tesão, mas ele entendeu que eu estava pedindo que enfiasse o pau dele.( confessou depois que tinha uma tara no meu cuzinho, mas tbem não tinha coragem de dizer).Em um golpe, ele me pôs de quatro, abaixou a parte da frente do meu corpo, pegou as minhas mãos e fez com que eu abrisse ainda mais a minha bunda, e colocou a cabeça da sua rola, que por sinal estava duríssima, na entrada do meu cuzinho.Na hora eu gemi, senti meu grelo endurecer e a minha buceta dilatar várias vezes.Meu cuzinho era virgem e nunca tinha sido penetrado antes, eu afinal estava doida com isso a muito tempo.

Quando ele começou a penetrar, não agüentei e soltei o meu rabo, e fui massagear o meu grelo,estava do jeito que eu queria, mas ainda faltava enfiar aquela rola no meu rabo por completo, a cabeça ainda não tinha entrado, quando tocou a campainha, eu não acreditei!

Jean deu um urro e tirou o seu pau da minha bunda, acho que perplexo pela situação.Pedi para que não fossemos atender, mas parece que tinha cortado um pouco do clima.Jean se vestiu rápido e foi até o interfone,eu fiquei no quarto; era um amigo do trabalho de Jean .Pablo, moreno, alto, corpo atlético, barba rala. Jean me avisou quem era , fechou a porta do quarto e foi atendê-lo. Eu já conhecia o Pablo , não era a primeira vez que ira em nossa casa. Enquanto eles conversavam na sala,Eu estava toda molhada, e com muito tesão, comecei a massagear o meu grelo devagar, estava ensopada, pensando na rola sendo enfiada no meu cuzinho, quando derrepente comecei a pensar nos dois conversando, minha imaginação ficou fértil, e o tesão aumentou demais; não consegui nem encostar no meu grelo que tinha vontade de gozar.Mas queria ser penetrada, sentir cada centímetro entrar dentro de mim.Então a única forma era esperar por Jean,que poderia demorar ou não de acordo com a conversa. Resolvi tomar um banho para esfriar os ânimos, depois continuaríamos. Para ir ao banheiro teria que passar na sala, então vesti um roupão comportado e fui para o banheiro. Quando Pablo me viu, cumprimentou meio sem graça. Quando entrei no banheiro, escutei o Pablo comentar com Jean se tinha atrapalhado alguma coisa. Jean sem exitar respondera que sim, e os dois caíram na risada.Eu ouvia a conversa atrás da porta do banheiro, foi quando Pablo disse a Jean que a vantagem de ser casado era essa, tinha mulher a hora que quisesse, e que ele tinha 20 dias que estava sem meter.Sentir meu grelo endurecer novamente, era incontrolável.Mas não dei muita importância, afinal era papo de homem.Jean disse a Pablo que fazia sexo de duas a três vezes por semana, quando derrepente Pablo brincou dizendo que não estava podendo ver nem a barra da calça de uma mulher.Foi quando percebi meu grelo endurecer novamente. Aí eu estava descontrolada de tesão. Abri a porta e chamei Jean no banheiro pedindo para verificar o chuveiro dizendo que a água estava fria.Quando Jean entrou no banheiro fechei a porta e levei a mão dele na minha buceta enxarcada e massageei meu grelo. Ele entendeu o recado na hora.E me convidou para tomar um banho.Nesse momento eu perguntei da visita dele, então massageando meu grelo ele disse bem baixinho no meu ouvido;- Temos três opções: A visita espera; a visita vai embora, ou a visita vem tomar banho com a gente. Quando ouvi isso dei um gemido na hora, e como eu estava em pé, ajoelhei de tanto tesão.Jean me levou até o chuveiro e saiu do banheiro dizendo que já voltava.Cinco minutos depois voltou Jean, fechou a porta do banheiro e fomos tomar banho.Eu estava sem entender nada, mas pensei que tinha dispensado o Pablo.Não fizemos sexo no banheiro, foi apenas um banho super excitante e chupei muito a rola dele.Enrolamos na toalha fomos para o quarto. Quando entrei no quarto, Pablo estava pelado a minha cama, cheirando a minha calçinha e batendo uma punheta naquele pau enorme.Olhou para mim com uma cara de quem ia me devorar, foi quando eu entendi tudo que estava para acontecer....Minha fantasia iria ser realizada.

Jean me pediu para relaxar, pois íamos aproveitar bastante aquele momento.Aí eu perdi o controle de mim e caí de boca naquela pica que mau cabia na minha boca.Enquanto eu chupava a pica do Pablo , Jean passava a língua no meu cuzinho.Eu fiquei louca. Me colocaram de joelhos e as duas rolas na minha frente, chupava uma e a outra aleatoriamente.A rola de Pablo era grossa, sabia que ia dar trabalho para entrar em mim, mas sentia muito tesão.Naquelas alturas eu queria tudo.

Pablo deitou na cama e me colocou por cima, coloquei a rola dele na entrada da minha buceta e fui descendo aos poucos, sentia aquela pica relaxar minha buceta, pegando de canto a canto, estava toda preenchida, quando conseguir enfiar tudo, fiquei quietinha para acostumar com o mastro dentro de mim, sentia minha buceta aberta.Jean em pé, dando a rola para eu chupar, estava como uma vadia, doida por vara.Enfiava o máximo na minha boca, acho que nunca tinha chupado ele assim antes.Depois comecei a cavalgar naquela vara que me rasgava toda.O meu grelo estava muito duro, eu estava completa de tesão, quando Jean percebendo que eu não iria agüentar muito tempo, deitou a parte da frente do meu corpo sobre Pablo e subiu em cima de mim, eu estava sentindo todo tipo estranho de sensações, quando Jean colocou a cabeça da sua pica no meu cuzinho, comecei a gemer alto sem me controlar , eu estava prestes a explodir, e ele foi enfiando, enfiando, me agarrou pela cintura, e enfiou tudo, tudinho mesmo.Eu não agüentava mexer, era uma mistura de dor com tesão, eu estava em uma situação que muitas mulheres desejam. Eu fiquei parada quando os dois começaram a meter em mim, percebi que não tinha como sair daquela posição então me entreguei, fui metendo junto com eles, socavam no fundo, sentia que eu estava sendo separada ao meio por duas picas que entravam e saiam, eu comecei a gritar e pular naquelas picas,começaram a me chamar de cachorra, vadia , bandida, puta, e metiam sem dó,e quanto mais xingavam, mais eu metia, eu não sabia onde eu estava com mais tesão, se era na buceta, ou no cú,só sabia que estava sendo consumida do jeito que eu sempre quis, foi quando gozei muito, muito, muito. Eles não gozaram junto comigo e ficaram metendo em mim por alguns minutos, eu não podia fazer nada. Estava presa. Sendo devorada.Rasgada. Quando senti simultaneamente os dois gozarem dentro de mim.Eles tomaram banho e Pablo foi embora. Fiquei ali na cama ainda sentindo calafrios e coisas estranhas por um bom tempo. Toda regassada.

Foi uma experiência inesquecível, que praticamos com o Pablo outras duas vezes, até que ele foi transferido para outra cidade a trabalho.O nosso relacionamento melhorou muito depois disso.Ficamos mais cúmplices.E por incrível que pareça, mais desejados um com o outro, mais confidentesa experiência que recomendo ....kkkkkkkkkk

Sempre estamos inovando, saio de vestido sem calçinha para ele ver, deixo marquinhas de biquíni, aquelas que despertam desejos em qualquer homem, transamos dentro do carro na rua, passamos no sex shoping de vez em quando , tudo isso faz parte......

Comentários

12/07/2013 01:31:48
Sensação maravilhosa!!!
26/03/2013 20:23:06
Muito bom o conto... se for de minas gerais e voces quiserem conhecer alguem legal, adiciona aí interessante18@hotmail.com
26/03/2013 19:17:49
Que delícia de conto, meu amor. Se quiser, posso ajudar o seu marido a te preencher toda. Beijos.
24/03/2013 07:01:00
Nud, posso realizar pra vc...
24/03/2013 07:00:36
Nud, posso realizar isso pra vc...
10/03/2013 20:34:39
muuto bom vce deve ser uma putinha muito safda seu marido te entendeu bem heim vce aproveitou bastante neh safadinha
09/03/2013 08:26:29
muito bom. vou até me masturbsar pensando em vc
08/03/2013 11:49:21
Delícia de conto, ficamos com muito tesão, lemos esse conto duas vezes, transamos bastante, gozamos muito, gosaríamos de ter contato com vcs....Muito original...
Nud
06/03/2013 21:45:52
Toda vez q leio esse conto fico com abuceta molhadinha com vontade de uma foda... Pena n ter nenhum cacete aqui p me comer...hummmm
Nud
06/03/2013 18:26:43
Nossa q delicia de conto... Adoraria ser devorada por duas varas, uma no meu cuzinho e outra na minha buceta... Aiii q deliiiiciaaa! Nota 10
02/03/2013 09:59:26
Saio com casais há uns 15 anos e adoro ser um amigo especial de um casal. Meu email é marcodotadospreal@live.com . Vamos nos conhecer? façam contato.
01/03/2013 17:23:24
Coisa mais tesuda minha doce putinha. Gosta de dar o cu meu amor? Minha Janezinha adora. Leia meu conto. http://www.casadoscontos.com.br/texto/
01/03/2013 15:46:29
meu nome é victor, tenho 16 anos e to afim de achar uma mulher de qualquer idade pra foder, moro em guarulhos - SP, me adicione se for de são paulo ou guarulhos, meu email é vickthor_freak@hotmail.com
01/03/2013 15:28:48
Uma delicia de conto, adorei
01/03/2013 14:55:12
gozei gostoso ao ler seu conto. vc deve ser deliciosa. como gostaria de enterrar meu cacete negro em seu cuzinho. meu msn é oantoniocarlos98@yahoo.com.br me add ai. quem sabe podemos nos encontrar. tenho disponibilidade pra viajar e mulheres ou casais que se interessarem podem me mandar convite. bjs a todos
01/03/2013 14:52:37
Muito bom! Eu e minha esposa já praticamos menages há algum tempo, mas a DP não fez muito sucesso para nós! Ainda preferimos quando um penetra e o outro é chupado por ela! A nossa 1ª experiência está em "Contos em destaque" com o título "A Massagem"

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.