Casa dos Contos Eróticos

Feed

Encostando na bunda da safadinha no ônibus

Categoria: Heterossexual
Data: 29/11/2012 21:15:05
Nota 8.00
Ler comentários | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

oi, vou me identificar como: neguinho gostoso.

O que tenho para contar é o seguinte:

Sou estudante, estou no terceiro ano do ensino médio e como moro longe da escola, preciso utilizar o ônibus sempre.

Pela manhã geralmente os transportes estão lotados e as vezes é difício não encostar de uma maneira um pouco sacana em alguém. Não me aproveito da situação porque tem

mulher que não gosta e é melhor fugir de problemas. Mas se eu perceber que uma taradinha quer aproveitar o momento eu quero curtir também.

Em uma dessas idas a escola, fiquei em pé e estávamos bastante apertados devido a quantidade de pessoas. Parei atrás de uma mulher de estatura média, fofinha e com uma

bunda impinadinha. Tentei evitar atritos entre meu cacete e sua maravilhosa bunda, mas ela demonstrou sinais de que adorava. no balanço do ônibus ela aproveitava para

se esfregar meio que discretamente. Eu já entendi que ela estava já querendo a sacanagem e não deu outra!

Aproveitei e encostei literalmente meu cacete em sua bunda. Meu pau já estava bastante duro e eu adorava aquele momento, pois era tanto tesão. Tentava disfarsar para

que ninguém percebesse.

Saía gente e entrava mais pessoas no ônibus e nada de ficar vasio, o que colaborou mais para a sacanagem.

Derrepente eu senti uma mão acariciando o meu pau. Me surpreendi, não esperava por isso. Era ela que estava acabando de confirmar que aquele momento era realmente para

se ter tesão.

Eu fiquei me segurando com uma das mãos para não cair e com a outra eu alisava levimente a bunda dela e ela continuava apertando meu pau e não demonstrava nenhum sinal

de repreensão por eu está com a famosa mão boba. Apertava, passava o dedinho no reguinho, acariciava a cintura. Chegou no local que ela ia descer, ela foi embora e

depois de alguns pontos foi o meu destino.

O meu caminho de destino era longo, tive muito tempo para curtir um pouco, pelo menos para bater uma punheta no banheiro depois.

As vezes encontro umas safadinhas dessas nessa vida de ônibus. Tem mulheres que gostam de encostar a xoxota no cara que está sentado e fica esfregando com o vai e vem

do ônibus. é uma loucura, pode funcionar como meio de tesão para uma foda ou punheta mais tarde.

Esse não é um dos contos tão picantes, mas eu gostaria de relatar um pouco dessa sacanagem com vocês e sei que realmente muitos homens e mulheres aproveitam do esfrega

e da superlotação para evidenciar a safadesa.

Sou de Salvador Ba, deixo meu msn para as deliciosas de Salvador que quiserem bater um papo e até me conhecer. Sou cego, só quero conversar com quem tem mente aberta e

quem não tem preconceito.

andre-soteropolitano@hotmail.com

Um beijo bela, um aperto de mão fera.

Comentários

30/11/2012 15:15:16
Pois é, eu prefiro evitar, mas é como você disse, elas mesmas quem começam a putaria.
30/11/2012 01:50:12
Tem gente que nega, mas isso acontece com frequência. Quando morava no Rio, muitas vezes amenizei a viagem acariciando uma bundinha. Só uma vez uma mulher se esquivou, eu fingi que não era comigo e não teve mais problemas. A maioria das vezes, elas mesmas começam a encoxar a bundinha e ai a viagem vira festa.
29/11/2012 21:28:54
Oi, é verdade. Acontece algumas coisas assim em ônibus.

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.