Casa dos Contos Eróticos

Quando uma chantagem ferrou minha vida (parte 4)

Autor: kgomide
Categoria: Heterossexual
Data: 29/02/2012 14:01:41
Última revisão: 20/03/2012 16:12:19
Nota 8.50
Ler comentários (4) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Eu não conseguia parar de ver os e-mails e comecei a me sentir culpado por toda aquela situação, como pode um homem de verdade ficar vendo sua namorada ser enrrabada de todas as formas e não fazer nada?

Alem de toda passividade que me batia tinha a parte do tesão, eu estava totalmente excitado vendo os vídeos, a ponto de colocar meu pinto pra fora e bater uma punheta enquanto assistia.. aquilo me deixou muito incomodado, eu queria que minha cabeça voltasse ao lugar, que a razão tomasse lugar daquela excitação estranha que me dominava!

Peguei meu celular decidido a resolver tudo, ia ligar para Mônica e dizer que tinha visto tudo e iria atrás do moleque, eu tinha que fazer o certo! Só que mais uma vez me faltou força, um lado meu dizia que eu tinha que acabar com aquilo, já outro lado queria ver os vídeos, ver tudo que estava acontecendo e continuar sentindo aquele prazer novo que toma conta de mim.

Não aguentei, fechei o celular e abri mais um e-mail... nele, como sempre, Marcos estava marcando o horário de se encontrarem, percebi que ele mandou no mesmo dia do e-mail anterior só que a noite, a ordem era direta, pedia que ela fosse de vestido para o trabalho, sem nada por baixo e que na volta chegasse por volta das 21h00 e esperasse por ele no estacionamento do prédio, ele disse que tinha um presente para Mônica.

Rapidamente abri o e-mail seguinte, nele tinham três arquivos de vídeo, abri o primeiro, onde Marcos filmava o carro da Mônica estacionando na vaga do condomínio, ela parou o carro e ele deu um close em sua cara, ela olhou assustada para ele, abriu a porta e foi descendo... mais uma vez ela estava como ele tinha determinado, só com um vestido curto, dava nitidamente para perceber que ela estava sem sutiã, ele ficava dando closes em seu seios, que já estavam com os bicos totalmente duros... Marcos pegou ela pela mão, virou, levantou sua saia até a cintura e filmou sua linda bunda... ela estava sem calcinha e ele disse:

- Gostei de ver, do jeito que eu mandei, tá merecendo o presente que eu comprei pra vc!

Mônica estava totalmente sem jeito e visivelmente com medo, imagina só, ela estava na garagem do prédio com a bunda de fora, foi ai que ela disse:

- Vamos subir logo, não que as pessoas me vejam aqui, o que vão pensar?

- Foda-se o que vão pensar, ou melhor, vão pensar que eu to comendo uma gostosa que a maioria aqui queria comer, e outra, só vamos subir depois que você fizer um favor rápido, coloca seus seios para fora e ajoelha! – Disse Marcos.

Mônica entrou em desespero e disse:

- O que vc tá pensando, eu não posso fazer isso.. vamos lá pra cima, por favor!!

Marcos respondeu de imediato:

- Claro que vamos para cima, assim que vc ajoelhar e me mostrar esse melões, eu quero brincar com você aqui no estacionamento.. anda..

Sem ter o que fazer Mônica abaixou seu vestido até a cintura, colocando para fora aqueles seios maravilhosos, antes dela ajoelhar Marcos segurou ela pela cintura e chupou gostoso aquela teta deliciosa... assim que terminou deu a ordem para ela ajoelhar e colocou sua rola para fora, Mônica foi logo colocando a boca, achando que ele queria uma chupeta, então ele disse:

- Pode tirar sua boca daí... vc gosta de minha benga hein? Você vai me fazer uma espanhola, e já vou avisando, quero gozar na sua cara!

Ouvindo o que Marcos dizia, Mônica encaixou o pinto dele em seus seios e começou uma deliciosa espanhola, a rola subia e descia entre os melões e Marcos filmava tudo de cima, vira e mexe ele mandava ela colocar a boca e ela obedecia pacientemente, derrepente o barulho do portão automático ecoou pela garagem, Marcos virou a câmera e mostrou um carro entrando, Mônica começou a se cobrir e ele disse:

- NEM FUDENDO!! Eu não mandei parar, continua do jeito que tá!

Mônica retrucou:

- Mas as pessoas vão ver..

-NÃO QUERO SABER MÔNICA, CONTINUA LOGO COM ESSA MERDA!!

E ela continuou, o carro passou bem ao lado deles e ela continuava massageando aquela rola grande com os seios... Alguns minutos depois Marcos segurou seu cabelo e mirou o mastro na cara dela e derramou sua porra, que cobriu boa parte da cara e escorreu parte nos peitões da Mônica... Logo que terminou ela levantou o vestido e ficou em pé, sem limpar o rosto, Marcos rindo disse:

- Vamos para o seu apartamento!

O vídeo terminava ai...

Meu tesão quadruplicou, já estava com meu pau na mão novamente e abri o segundo vídeo daquele e-mail, que começa com o Marcos se distanciando da câmera, que foi colocada em cima de uma cômoda, no quarto da minha namorada!

Mônica já estava na cama, com o mesmo vestido e com a cara já limpa, Marcos foi em sua direção, ele já estava completamente nu e disse:

- Vamos começar nossa festinha, vem por cima, quero você cavalgando na minha rola bem gostoso...

Mônica foi retirando o vestido, mas ele a fez parar e falou:

- Não... fica com o vestido, ergue até a cintura e coloca os melões para fora tbm!

Ela obedeceu prontamente, Marcos se deitou, ela passou a perna sobre ele e literalmente “montou” no garoto, pelo ângulo da câmera deu pra ver perfeitamente ela encaixando aquela tora em sua buceta e descendo devagar... Marcos segurava fortemente em seus seios e se deliciava com aquela gostosa cavalgando sua rola... logo ele pegou em sua bunda e começou a acelerar os movimentos.

Ela subia e descia e ele socava com muita força, era realmente uma cena forte e me deixava completamente louco, Marcos segurou em sua cintura e prendeu seu corpo... ele gozava como nunca e urrava de prazer! Depois de encher minha namorada de porra ele a tirou de cima dele com força, Mônica quase caiu da cama, ele se levantou e deu dois tapas em sua bunda e disse:

- Que rabo gostoso!!

Segurou a pica e bateu em seu rosto, Mônica não estava gostando nada de tudo aquilo... ele não estava nem ai... saiu de perto e desligou a câmera novamente!

Ao ver o segundo vídeo eu gozei como nunca e fiquei com a consciência pesada, não era pra eu sentir aquilo.

Mesmo assim abri o terceiro e último vídeo daquele e-mail, de cara mostrava Mônica na sala de seu apartamento, ajoelhada e chupando a rola do Marcos, ela estava de camiseta curta, bem agarrada, vestia um rabinho e orelhas de coelhinha enquanto ele segurava a câmera e focava bem a cara dela chupando sua pica, Marcos disse:

- Gostou do presente coelhinha safada?

Mônica fingiu que não ouviu, continuou chupando a rola por um bom tempo, até que ele puxou ela pelo braço, para ficar em pé e disse:

- Vamos começar o showzinho!

Colocou a câmera bem posicionada sobre uma cadeira, com vista total para a sacada do apartamento, levou ela até lá e colocou minha namorada segurando no parapeito, com a bunda bem inclinada, ele estava totalmente pelado, segurou a rola e enfiou com tudo em sua buceta, Mônica deu um grito e ele começou o movimento, bombava com força, mesmo com uma blusa agarrada era possível ver o movimento forte dos seus seios, quem estivesse passando na rua perceberia logo que alguém estava comendo uma coelhinha.

Mônica estava cansada, olhava direto para trás e pedia para Marcos parar, mas ele estava totalmente alucinado e queria mais, tirou rapidamente sua rola da buceta, deu uma cusparada no cu dela e enfiou de uma só vez, ela urrou alto, mas ele não estava nem ai, forçou mais ainda sua benga em seu cu e ficou bombando, Mônica segurava com força na grade e estava cada vez mais cansada... Marcos socou sua rola por quase dez minutos, parou e gozou dentro do rabo dela!

Ao terminar, foi até a câmera deu uma piscada e desligou.

Caso vc tenha gostado deixe sua opinião e vote em meu conto, em breve mando a última parte da minha história.

Comentários

05/04/2012 00:12:26
muito bom. bem escrito. agora veja bem: tú perdeste a namorada. ela tá gostando de se descobrir a vadia que é.
22/03/2012 00:03:26
Um conto melhor que o outro, parabens. Bjos
03/03/2012 04:25:54
Parabéns pelo seu conto!
29/02/2012 16:35:10
LOUCURA...MAS MUITO BOM

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.