Casa dos Contos Eróticos

Nao podia ficar de recuperaçao

Autor: Carolzinha
Categoria: Heterossexual
Data: 12/12/2011 10:31:20
Nota 9.58
Ler comentários (11) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Olá a todos. Hoje vou contar uma história que aconteceu comigo ano passado, no final do ano. Era novembro, e todos estavam nervosos com as notas para passarem de ano. Eu estava tranquila, exceto numa matéria, física. Tinha sido um ano bem difícil pra mim. Havia terminado com um namorado meu no início do ano, pois achava que ele só queria me comer. Mas nada que o tempo não cure. E arranjei um outro namorado que está comigo até hoje, mas não sabe da história que irei narrar aqui.

Era uma sexta-feira, na penúltima semana de aula. Todos estavam tensos para receber a nota de física, era o ultimo tempo daquele dia. Um a um os alunos foram sendo chamados, e iam recebendo suas notas. Estava aflita, não tinha feito uma boa prova. Então o professor me chamou e eis que fui até ele receber minha nota. Caminhei até ele e fiquei ao seu lado. Percebi que no trajeto ele me devorou com o olhar. Ele olhou para mim e falou que era para eu esperar um pouco ao final da aula, pois não havia tirado a nota que necessitava. Eu então concordei e meio abalada me sentei no meu lugar, esperando o final da aula. O sinal tocou e todos saíram da sala. E eu permaneci imóvel no meu lugar, aguardando o professor me chamar. Esperei um tempo e ele logo me chamou para perto dele para conversar sobre a prova. Novamente fui ao seu encontro e percebi que ele novamente me comeu com os olhos, mas não esperava nada ali. Papo vai, papo vem... Os olhares ficavam mais inflamados e ele falou que eu não havia passado e que precisava fazer recuperação. Eu então me desesperei. Havia planejado viajar com meus amigos e meu namorado nas férias. E lá liberando meu selinho para ele, aquilo arruinava meus planos. Ele me aclamou e disse passando a mão em minha perna que havia uma solução. Sua mão subindo, fiquei apavorada. Até que ele tocou na minha bucetinha, que estava um pouco úmida. Ele logo percebeu que eu já estava excitada pela umidade na minha xota, e meus peitos estufavam o sutiã. Ele falou que poderia me passar se eu lhe fizesse um pequeno favor. Então ele foi logo tirando o pau de dentro da calça e pediu pra eu mamar. Eu queria aquilo, e de quebra ele ainda me passaria de ano. Queria logo perder minha virgindade, queria que fosse com meu namorado, mas não deu. Queria aquela piroca dentro de mim. Então peguei aquela rola e chupei com uma vontade louca. Ele botava até minha goela e depois tirava. Sentia o gosto de seu gozo na minha boca, que já estava toda melada. Perguntei então se alguém poderia ver o que estava acontecendo, foi então que ele me levou para o quarto do zelador que não era quase usado. Chegando lá, ele já foi arrancando minha roupa e passando a mão na minha xoxota, que já estava bastante molhada. Foi ai que ele disse "vou te dar sua primeira pirocada, sua putinha", e sem pena meteu na minha buceta. Eu dei um murro de dor e tesão ao mesmo tempo. Logo em seguida percebi o sangue escorrendo de dentro de mim e melecando o pau dele todo. Após aquilo, ele pareceu ficar mais louco ainda e aumentou a intensidade. Eu já estava rendida, entregue a tesão. Foi então que aconteceu o mais inusitado... Ele tirou sua pica de dentro de mim, e como um leão, me botou de quatro no chão. Eu relutei e pedi que ele não fizesse o que estava pensando em fazer. Então ele disse que faria com carinho e que seria o homem mas feliz do mundo se eu desse meu anelzinho para ele. Eu estava louca, queria me entregar toda a ele, então permiti desde que fizesse com carinho. Foi aí que ele botou apenas a cabeça do pau dentro do meu anus, e vagarosamente foi me penetrando. Nunca sentir tal dor e prazer ao mesmo tempo. Passado um tempo ele já havia estocado tudo dentro de mim, e começou um vai e vem dentro do meu cu, que me deixou doidinha. Então ele anunciou que ia gozar dentro do meu cuzinho, daí senti aquele gozo me penetrando como um jato. Esperamos alguns segundos e então ele retirou aquela pica enorme de dentro de mim, deixando cair um pouco de porra no chão. Após isso ele meteu o dedo no meu cu e com a língua lambeu tudinho, me deixando mais louca ainda, mas aquela altura já havia gozado tudo que podia. Depois fiquei com um pouco de remorso pelo meu namorado, mas logo passou pois havia sido comida por um fodedor profissional, que me fez sentir com se eu fosse uma putinha. O tempo passou e nunca mais encontrei o tal professor, e ele, obviamente me aprovou. Tudo por meio ponto na média, rs.

Comentários

15/05/2012 23:45:31
Muito bom! Delicioso! Vale um 10! Veja mais contos no https://www.facebook.com/groups/contoseroticos ou http://www.clube-de-casais-blogspot.com.br Acesse http://www.redemotelclube.blogspot.com.br/p/sexo-seguro.html?zx=79842dfcc578d721 e veja como ter sexo seguro!!!
15/12/2011 21:33:02
msn: dino50@hotmail.com.br
13/12/2011 04:39:51
Muito bom cadelinha tesuda! não esquente pq o corno do seu namorado não sabe e se vc fuder gostoso com ele tá tudo certo! me add no msn terra_serigy@hotmail.com
12/12/2011 23:52:21
muito bom mesmo nota 10 me add no msn kzadogostoso1968@hotmail.com
12/12/2011 20:04:05
Parabens, que aluna aplicada. Bjos
12/12/2011 19:08:40
Nota 10, linda me add msndorafaelrodrigues@hotmail.com
12/12/2011 14:12:54
muito Bom Princesa parabéns
12/12/2011 13:01:11
Um conto digno de nota 10.. Adoro esses tipos de contos isso da um tesão danado.. andrenovaversao@hotmail.com
12/12/2011 12:06:52
ADOREI
12/12/2011 12:04:20
nossa carolzinha conto me deixou doido me adcc que eu quero te dah uma aula bem deliciosa!! nota dez11 meu msn e rogerbahia22@hotmail.com
12/12/2011 11:24:32
MUITO BOM, PARABÉNS...

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.