Casa dos Contos Eróticos

Feed

Esposa engole porra em onibus lotado.

Autor: CAL
Categoria: Heterossexual
Data: 04/11/2011 05:18:06
Nota 9.75
Assuntos: Heterossexual
Ler comentários | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Entramos no onibus lotado e coloquei minha esposa na minha frente para evitar que algum pau duro ficasse esfregando em sua bunda,mas com o balanço do onibus e aperto entre as pessoas,eu fiquei com o pau duro encaixado entre as nadegas dela e ela empinava a bunda rebolando, ao nosso lado estava um cara de terno e percebendo o que acontecia e olhando disfarçadamente para o decote de minha esposa foi se ajeitando e ficou de lado para ela e vi que ele esfregava o pau duro na coxa de minha esposa que tambem nao se mexia curtindo aquilo.Ele se aproveitou que a mao dela estava segurando no ferro do encosto do banco e colocou o pau encostado no banco entre o encosto e a mao dela e como estava de calça social o volume esfregava em seus dedos.Ficamos assim algum tempo,eu roçando na bunda dela,ela encoxada por mim,ele roçando na coxa dela e esfregando o pau na mao dela.Falei baixo no seu ouvido mandando ela baixar a mao e segurar a bolsa,ele entao colocou o pao sobre sua mao e depois segurou a mao dela encostada em seu pau e fez ela apertar o seu pau,ela gostando ficou segurando,mas entao a senhora que estava sentada no banco do corredor deu sinal para descer e minha esposa sentou,eu tinha afastado um pouco para a senhora descer e foi o bastante para o cara de terno ficar ao lado dela e ja colar seu pau no ombro dela,eu fui para o lugar dele e fiquei olhando disfarçadamente.Ele coberto pelo paleto,estava com o pau em cima do ombro dela e puxou sua cabeça meio de lado e ficou esfregando o pau em seu rosto, de repente olhei de novo e vi que ele estava com o pau de fora,encostado no rosto dela,protegido pelo paleto,eu de onde estava via tudo com o pau estourando na calça e entao ele segurando a cabeça,virou um pouco seu rosto e agora passava seu pau no canto da boca e debruçando um pouco esfregou nos labios dela,ficando com o pau entre os labios dela e o paleto.Nesse trajeto tem um tunel que o onibus leva uns vinte minutos para atravessar sem transito e como nesse dia o transito parou e o motorista nao acendeu a luz interna,ele aproveitou o escuro,virou a cabeça dela e vi quando ele enfiou seu pau na boca dela e movimentava devagar,ele estava fudendo a boca de minha esposa meio de lado e vi o volume do pau dele na bochecha dela.O onibus começou a andar devagar e vi quando ele parou os movimentos com o pau dentro da boca dela fazendo volume em sua bochecha e ela de olhos fechados engolindo a porra dele.Vi ele discretamente guardar o pau mole,abaixou falou algo no ouvido dela e foi indo para a frente do onibus,eu encostei meu pau no ombro dela e notei que o braço direito dela por baixo do casaco em seu colo se movimentava devagar em direçao ao rapaz sentado no banco da janela ao seu lado.Ele estava com uma jaqueta jeans no colo e percebi que minha esposa estava segurando o pau dele e tocava uma punheta devagar,vi quando ele encostou a cabeça no vidro da janela e fechou os olhos,logo depois vi minha esposa voltando sua mao para baixo de seu casaco e deduzi que ele gozara.Quando ela levantou e deu sinal para descer, o rapaz tambem levantou e grudou na bunda dela,passou o braço na cintura dela e foi grudado nela ate a porta,soltou na hora de descer e segurando seu braço falou alguma coisa com ela e foram em direçao a nossa casa,eu fui seguino a distancia,vi eles entrarem no quintal e irem em direçao a varanda dos fundos,sem fazer barulho,fui pelo outro lado da casa e vi ela abaixada chupando um pau enorme.Ela lambia a cabeça,chupava e ele dizia que ia fazer ela engolir a porra dele igual ela fez no onibus,eu tocava punheta vendo e ele mandou ela pedir para levar porra na cara e ela falou:Goza na minha cara que eu adoro levar porra na cara e ficar toda melada!Ele tirou o pau da boca dela e muitos jatos de porra encheram seu rosto e boca,ele terminou,enfiou o pau na boca dela e disse:Vou deixar meu tel.,para quando voce quizer fuder neste pau e so me ligar. Ela levantou e falou para ele ir pois o marido dela ja estava chegando.Assim que ele saiu,fui na direçao dela,fiz ela ajoelhar e gozei na boca dela. Depois ela contou o que eu nao consegui ver direito e o que eles falaram e fudemos muito relembrando tudo.

Comentários

18/07/2013 14:19:07
vai gostar de ser corno assim lá em casa, que eu gozo no rabo dela, conto é invenção, mas asua imaginação vai longe, te dando tesão e na tua mulher, é o que importa, se puderem realizem as vontades de vcs, a vida é muito curta.
23/03/2012 18:56:25
Adoreiiiiiiiiiiiiiiiiii. Bjaooooooooooooo
09/11/2011 12:15:17
muito bom
05/11/2011 06:21:15
é o que o tesão não faz,
04/11/2011 23:41:39
Que conto gostoso, bati uma agora... jammes.dean@hotmail.com
04/11/2011 23:29:50
porra encrivel muito puta a ua mulher .....
04/11/2011 19:53:54
mt bom me add anaakat@hotmail.com
04/11/2011 16:53:19
maravilhoso seu conto ! me add: bocaboca20@yahoo.com
04/11/2011 13:48:21
sensacional
04/11/2011 11:33:03
vai, seu mentiroso!
04/11/2011 09:11:02
muito bom....theo_ozga_vitury@hotmail.com
04/11/2011 05:44:11
bom gostei

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.