Casa dos Contos Eróticos

Feed

fodido pelos negão

Categoria: Homossexual
Data: 26/09/2011 00:01:15
Nota 5.00
Ler comentários | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia
Clique aqui para vídeos gay

Meu nome é junior, moro em Santos, tenho 20 anos, o que eu vou contar me aconteceu quando tinha 18 aninhos... Vou lhes contar como foi minha primeira vez, minha primeira transa gay, foi meio traumatica, mas tenho que lhes confessar que no fundo gostei e ja bati muita punheta por causa desta noite de curra... Deixei minha namorada em casa e fui embora quando meu amigo passou de carro me convidando para uma noitada em uma boate na minha cidade, saindo de la meu amigo estava meio bebado entrou com tudo no muro de uma casa, graças a Deus eu e ele tavamos de cinto, mas começei a brigar com ele quando chegou a policia e levou nós dois, eu dizendo que sou inocente, mas vcs sabem como é nossa policia.

Meu pai só de bronca falou que ia me buscar só no outro dia para eu aprender, conclusão me separaram de meu amigo e me colocaram numa cela minuscula com mais 5, os caras muito mau encarados, dois negão, um moreno, um malandrinho e um cara bonitinho de cabelo tingido de loiro; eu me sentei no papelão encostado na parede, a bebida que tomei e as altas horas fizeram efeito, e comecei a cochilar naquele inferno... Derepente acordei com um pauzão esfregando na minha cara, eu ia gritar, quando um dos negão falou baixo se eu solta-se um pio, sairia de la com todos os ossos quebrados, gente que medo, eu só tinha 18 anos, mas tinha uma aparencia de 16, eu calei a boca e o negão enfiou o pintão no meu beiço e disse chupa... eu disse que não, ele deu uma joelhada em minha boca que saiu sangue, ele disse "vai por bem ou vai por mal", eu vi que os outros tambem ja tavam com o pau na mão me olhando e o loirinho tava sentado batendo punheta, e ele forçou e eu abri a boca, que nojo o pinto fedia a mijo mas o que eu poderia fazer, são 5 contra 1, ele metia como se fudesse minha boca, e eu ate que tava gostando da sensação, ai veio o moreno e encostou seu pau junto com o do outro e falou "lambe os dois pirulitos, menininho"..

Eu comecei a lamber, o caralho do moreno era bem fino e pequeno, mas do negão era do tamanho medio, mais grossão, e eu colocava um e colocava outro, e eles me xingando e me humilhando, tiraram os paus e me lenvantaram e me jogaram num dos coxão vagabundo que tinha la, o outro negão enfiou o pauzão que era enorme na minha boca, o moreno batia punheta, e para minha surpresa o negão que eu havia chupado primeiro quase engoliu meu pau, o malandrinho foi e colocou seu pau em minha mão, e o moreno foi disputar minha boca... Eu tava escitado, assustado, tremendo na base, eu era chupado, chupava dois paus e batia punheta para o outro, logo eu que só fodia mulheres... derepente o negão desceu a lingua no meu saco e foi ate meu cu, lambendo, puxando meus pentelhos e tentando enfiar sua lingua no meu cu virgem, e começou a levantar as minhas pernas, eu tirei os caralhos da boca e quase chorei pedindo que não me fodesse, ele falou "eu adoro fuder criança, por isto estou aqui", como tremi, ele colocou minhas pernas em seu ombro e começou a enfiar sua cabeça inchada, como doia, eu tentei empurra-lo, os outros seguraram meus braços e o pau foi entrando e senti aquela sensação estranha de dor, tesão, medo, meu pau começou a gozar... ele falou, "o viadinho ta gostando" e me rasgou enfiando até o saco, eu gritei, o moreno me deu um tapa e enfiou seu pau ate minha garganta... eu tava entalado com uma jeba na boca e outra me ragando o cu e os outros continuavam na punheta... o malandrinho que tinha a cara de mais safado enfiouse entre eu e o negão e começou a limpar minha barriga com a lingua, e enfiou minha pica na boca, enquanto isto o outro negão começava a jorrar sua porra em cima de nós... eu sufocava com o moreno fudendo minha boca, entào ele gozou me engasgando... era primeira vez que tinha porra de macho na minha boca, ele falou "se não engolir tudinho, vai levar um cabo de vassoura no cu", e o negão fudia, meu cu parecia até dormente, e o malandrinho mordia meu pau, que dor, e tinha que ficar calado, o Moreno tirou seu pau, e o negão com o pau enorme e gozado enfiou em minha boca... minha boca só tinha porra... o outro negão ewnfiava seu pau ainda mas veloz e senti algo quente no meu cu, era sua porra e ele tirou seu pau que ainda jorrava e espalhou sua porra pela minha barriga e o malandrinho lambia tudo...o moreno disse "vou aproveitar o cu gozado e fazer a festa" e enfiou, o pau dele era fino, quase não senti dor, pois o outro ja havia me arrombado, empurrou o malandrinho e começou a dividir a lambida do pau do negão comigo, o malandrinho então começou a lamber o negão que havia me arrombado... foi a noite inteira assim, no final fiquei no papelão jogado, todo melado e com o cu sangrando... então o loirinho que não havia participado, seitou-se de costa comigo e levantou a perna colocando em cima de mim, oferecendo seu cu, entào com o resto de força fodi o loirinho... meu primeiro cu, pois nenhuma menina dava o cu pra mim pois tinham medo, fodi, ate que saiu um jatinho de porra, pois meu pau ja tava quase vazio... e dormi ali mesmo pelado, na madrugada ainda dois deles que nem enxerguei pois tava quase desmaiando, me fuderam mais... ja tava amanhecendo, uns guardas entraram na cela e começaram a rir, me puxaram pelo braço e me deram banho de mangueira de pressão... como meu corpo doia e eu la pelado, com o cu esfolado e os guardas rindo de mim, deram minhas roupas e eu me vesti, meu pai veio me buscar cedo e cheguei em casa e acordei só no outro dia, meu cu ainda ardia, encontrei meu amigo e ele me falou que passou maus bocados na cadeia, pois tava muito bebado, eu achei bom que tenham lhe fodido, pelo menos eu estava mais sobrio...

OLha gente, foi dolorido, deu um baita medo... mas foi inesquecivel... nunca mais transei com homens, mas esta ficou na minha memoria e ja gozei muitas noites com uma cenoura no cu lembrando dos meus estrupadores....

Comentários

19/12/2011 20:27:36
legal
26/09/2011 15:47:47
foi verdade mesmo cara isso??

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.