Casa dos Contos Eróticos

Feed

comi minha tia na casa dela

Autor: sobrinho
Categoria: Heterossexual
Data: 13/01/2011 02:15:43
Nota 8.33
Ler comentários | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Eu tinha 19 anos qnd isso aconteceu.Devido há alguns problemas familiares fomos eu,meu pai e minha mãe morar na casa de minha vó.Nos fundos da casa da minha vó mora minha tia com meu primo numa casa bem grande p/ duas pessoas.Tenho 1.80 cabeça raspada ,sou branco,físico mediano nem forte nem fraco e 17 cm de pica mas grossa.Como estava morando em um bairro onde não conhecia ninguém as únicas mulheres que eu comia era só de puteiro e nos fins de semana e como a grana não sobrava podia dizer que tava foda.Doido p/ arrumar uma buceta gratuita só p/ aliviar mesmo.Conforme a secura foi aumentando foi começando a me dar tesão na minha tia,uma coroa de quase 50 mas que era uma magrinha que passava bem batido e tinha uma bundinha bonitinha p/ idade.Fiquei com tanto tesão que resolvi comer minha tia.Mas como não sou trouxa ñ podia chegar junto tinha que ver qual era a dela primeiro.Como eu fazia exercicios na copa que tinha a porta dos fundos da minha casa e como ela sempre cortava caminho pela nossa casa ,ela ia passar por ali.E foi ai que eu resolvi ver qual era,comecei a malhar de short de futebol sem cueca e sempre quando ela passava eu arrumava um jeito de fazer abdominal com meu pau aparecendo.

E virou hábito, sempre que ela passava tava lá eu deitado de pau semi ereto aparecendo e ela começou primeiro a passar rápido mas olhava mas com o tempo ela só passava pela minha parte da perna e estacionava puxando assunto e olhando meu pau ,eu por minha parte ainda fingia que ne era comigo.Só deixava o pau semi ereto ,"sem querer" à mostra e deixava ela ali falando de uma porrada de coisa mas disfarçadamente não tirava o olho do meu pau.Ela falava até de futebol, comida do filho dela .... e eu fingia que nem sabia que meu pau tava aparecendo.

Dai em diante ela começou a me chamar p/ ajudar em pequenas coisa lá na casa dela:tipo pegar escada,subir coisas pro telhado etc e vinha com roupas de casa tinha blusinha soltinha sem sutia com o bico durissimo,short de pano levinho.Mas ai um belo dia foi a festa ela me chamou p/ ajudar a varrer umas folhas e eu fui de bermuda sem cueca.Eu tava ajudando e conversando qnd ela falou de um cara que tava namorando p/ casar com um mulher bem mais velha e eu ñ sei pq merda falei que achava q ñ podia dar certo ejá me arrependi prontamente ai ela me perguntou pq se era pelo sexo eu ainda puto pela merda que falei demorei a responder mas sai com essa - po é que a maioria dessas coroa tão tudo ruim e tudo gorda(p/ tentar ficar bem com ela)

ai ela me levanta a blusa um pouquinho e mostra a barriga e diz não é meu caso né .

-Mas não é de voce que eu to falando ... ai ela já me cortou novamente e disse mostrando a barriga

-Bota só a mão aqui p/ vc ve como tua tia tá bem. Eu fui igual um tarado com a mão na barriga e olhando pro bico dos peitinhos dela duro igual rocha e qnd olhei de relance ela tava meio que esboçando um sorriso

-Minhas pernas tão durinha não tão? Eu já de pau duro furando a bermuda meti o mãozão na bunda e esbarrei meu pau na perna dela e fiquei encoxando um pouco .

-Olha como vc tá posso ver .Ela disse olhando pro meu pa e como que esperando eu puxa ele p/ fora mas eu não tirei ;só levantei a minha blusa e disse .-Pega

Po ela não exitou puxou ele por debaixo da bermuda e ficou apertando e acariciando um tempão ao invés de bater uma punheta.Eu atrás dela com uma mão na buceta ,beijando o pescoço e a outra acariciava os peitos e ora apertava com certa força a bundinha dela.Ela com o short pouco abaixo da canela toda arrepiada e eu quase gozando só naquela sarração.Até que ela do nada se soltou de mim tirou o short e pelo pau me levou pra parede p/ comer ela.Porra meti muito com ela em pé mesmo e ela só respirava profundamente mas quando eu metia mais rápido ela dava umas gemidinhas bem no meu ouvido.Eu tenho meu pescoço como o ponto fraco e era só ali que ela me beijava e lambia meu pescoço.Gozei dentro dela e depois fomos p/ cama dela e metemos mais ainda.Eu me lembro de ter gozado mais duas vezes.Caralho que tesão qnd ela sentava em mim ,qnd encaixava meu pau e começava a descer a pele dela na cabeça do meu pau quase me fazia gozar e ela muito esperta tirava e encaixava toda ora só p/ me ver se contorcendo.Quem diria uma mulher q já era uma coroa nada espetacular q eu só queria pegar p/ esvaziar o leite, foi uma foda fenomenal.Fiquei comendo ela enquanto morei com minha vó, cerca de 4 anos.Mesmo qnd tinha uma namoradinha na rua sempre que dava metiamos a vera.Sempre na discrição p/ ninguém se ligar pq o falecido marido dela era irmão do meu pai.Qnd arrumava uma novinha que só sarrava e não queria meter e me deixava com o ovo doendo eu comia minha tia amarradão.Muitas vezes ia direto p/ os fundos sem falar com ninguém da minha casa.Coroa metia gostoso demais e me fez abrir os olhos p/ a beleza e o talento das mais maduras.

Comentários

16/03/2011 13:32:02
Bom o seu conto! leia o meu conto "uma semana com a tia gostosa do meu amigo"
16/01/2011 01:43:31
puta q pario sem nexo nenhum krralho!!!! gostei do tema mais temta ser menos apresado escreve mais, pra deixar o conto mais legal de se ler cara, vc precisar ter mais caltela e nao ir logo ou q interreça prepara mais o terreno pra depois falar o q interresa velho!!!
13/01/2011 10:35:08
mt bom! q sort!
13/01/2011 10:12:06
sensacional
13/01/2011 08:31:30
Contos com familiares me fascina porque nunca tive essa sorte.
13/01/2011 07:51:55
o conto ta bom foda ta essa giria

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.